História Without Fear of Death - Capítulo 14


Escrita por:

Visualizações 14
Palavras 1.066
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 14 - Ritual


Fanfic / Fanfiction Without Fear of Death - Capítulo 14 - Ritual


- As coisas não vão acabar assim - Falou Hela.
- O que pretende fazer? - Perguntou Loki.
- Trazer ele de volta...
- O quê? - Perguntou Thor.
- Não faz muito tempo que ele morreu, então...
- A alma dele está no vazio... - Loki concluiu a frase de Hela.
- E com o corpo intacto podemos salvar ele.
- Mas como tu vai fazer isso? - Perguntou Thor, curioso.
- Eu? Nós vamos. - Respondeu Hela.
- Tá. Como NÓS vamos fazer isso? - Perguntou Loki, revirando os olhos.
- Vamos realizar um ritual de ressureição, mas além de mim, vamos precisar de duas pessoa com conhecimento em magia.
- Que merda! O único com conhecimento em magia aqui sou eu... - Falou Loki, frustrado.
- Freyja! - Disse Thor, após pensar um pouco - Ela conhece um pouco sobre encantamentos.
- Acha que é o suficiente? 
- Vai ter de ser. - Falou Hela.
- Primeiro: o que você fez com a Freyja? Por que ela está assim? - Perguntou Loki.
- Eu não fiz nada. É o chá que a deixa assim.
- Então você fez...
- Eu não a obriguei a beber o chá. - Respondeu Hela, sorrindo.
- Esquece... Só faz ela voltar ao normal.
Hela foi até a mesa de centro e, de dentro de uma pequena caixa de madeira retirou uma raíz. Tirando o chá de suas gélidas mãos, Hela rapidamente enfiou a raíz na boca de Freyja, que ficou parada por um tempo e então cuspiu a raiz:
- Que merda é essa? - Perguntou Feyja, enojada.
- Raíz-de-árvore-de-cemitério.
- Meus deuses, por que eu estava com isso na boca?
- Por que eu coloquei...
- E por que você fez isso?
- Pra remover o efeito do chá.
- Espera! Que efeitos? Você me drogou?
- Você se drogou. O chá faz com que você sinta vontade de ficar aqui, como se fosse o melhor lugar do mundo.
- Mas que porra! Você é louca?
- Gente! - Gritou Thor - O mais importante agora é reviver Baldur!
- Reviver Baldur? - Perguntou Freyja, sem entender.
Quando viu o corpo de seu irmão, foi rapidamente para perto do sofá, onde se ajoelhou.
- Como isso é possível? Isso é possível? - Freyja perguntava, nervosa.
- Aparentemente sim, né! Não está vendo? - Respondeu Loki.
- Você precisa ser grosso agora? - Ofendeu-se Freyja.
- Foi mal. Tanto faz. Enfim, nós vamos revivê-lo e precisamos da sua ajuda.
- Claro! Mas o que eu preciso fazer?
- Eu ainda não sei, mas envolve o seu conhecimento em magia...
- Mas eu conheço muito pouco e...
- Não importa! Hela disse que vai ser o suficiente. Espera! Cadê ela?
- Aqui. - Respondeu Hela, entrando na sala com um enorme cão da raça Mastim. 
- Olha só esse grandão. - Falou Loki, indo em direção ao cachorro.
Loki passou a mão na cabeça do cachorro, que deitou-se no chão e começou a rolar.
- Ela é um bebezão... - Disse Hela.
- Ele vai ajudar no ritual? - Perguntou Loki, acariciando o cão.
- Sim. Nós vamos matá-lo. - Respondeu Hela.
- O quê? Por quê?
- Precisamos de sangue, Loki. E a menos que queira dar o seu, vamos continuar com o meu plano.
- Mas ele parece um filhote grandão...
- Fica tranquilo. - Falou Hela - Ele vai voltar...
- Voltar?
- É. Ele sempre volta pra porta da minha casa depois que morre. Um filhotinho sem lar.
- Ah, tudo bem... Mas mata ele rápido, por favor.
- Relaxa. Eu já fiz coisas piores com ele.
- Você é muito bizarra, sabia?
- Sim. Vamos começar.
- Calma! O que vamos ter de fazer? - Perguntou Loki.
- Na hora vocês vão saber. Agora me sigam.
Hela os guiou pelos corredores de sua casa até o banheiro. Os três entraram curiosos, até que Thor perguntou:
- Por que estamos em um banheiro?
- Eu não vou sujar o chão da minha casa! E, preciso da banheira... Tragam o Garm aqui.
- Quem? - Perguntou Loki.
- O cão. - Respondeu Hela, revirando os olhos.
- Ah, esse é o nome dele. - Falou Loki, entregando o cachorro para Hela.
Com sua faca, Hela cortou o pescoço de Garm, que ganiu por um tempo até finalmente morrer. O sangue do cachorro escorreu, deixando o fundo da banheira vermelho. Quando o sangramento estava quase cessando, Hela colocou o cachorro de lado, que desapareceu em pó.
- Tirem a roupa dele e o coloquem na banheira. - Disse Hela, enquanto enchia a banheira com água.
- Colocar ele aí dentro? Isso é muito nojento! - Falou Loki. Sua face expressava repugna.
- Eu vou colocar você, se não traze-lo agora!
- Tudo bem! Fica calma.- Falou Loki, levando Baldur, que estava em suas costas, até a banheira.
A água ensanguentada vazou pelas laterais quando o corpo foi inserido lá dentro, chegando aos pés dos deuses, enojados. Baldur parecia um jovem relaxando em um spa, com águas escarlates. Então Hela começou a tirar sua roupa.
- O que você está fazendo? - Perguntou Loki, constrangido.
- Me despindo. Não é óbvio?
- Mas por quê?
- Eu preciso entrar também.
- Nossa, que romântico... - Falou Loki, sarcasticamente.
- Vocês vão se virar ou vão continuar me olhando?
Os dois se viraram rapidamente enquanto Freyja pegava as roupas de Hela. Loki espiou por um segundo, mas logo foi percebido pelo olhar raivoso de Hela.
- Ela até que é bonitinha, né? - Cochicou Loki para Thor.
- Cala a boca, cara!
Após se despir e entrar na banheira, Hela os chamou.
- E agora?
- Agora, vocês dois precisam tocar em mim. Eu vou sugar um pouco da energia mágica de vocês, então vão se sentir um pouco cansados.
- Tá. - Falou Loki, segurando a mão de Hela.
- Ok... - Disse Freyja, relutante ao segurar o braço de Hela.
Colocando sua mão no peito de Baldur, Hela começou a recitar:
- "Com o poder de Hela, filha de Ivar, permissão a mim dou, para este corpo avivar."
As mãos de Hela começaram a brilhar com uma luz azul, enquanto um ruído ensurdessedor ecoava no banheiro. A luz foi ficando cada vez mais forte, até que ceçou rapidamente, fazendo Hela desmaiar.
- Hela! - Chamou Freyja.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...