1. Spirit Fanfics >
  2. Wonpil Queria >
  3. Wonpil Queria

História Wonpil Queria - Capítulo 1


Escrita por: Surrender_Nih

Notas do Autor


Eu tô achando o números de palavras a coisa mais aleatória possível...
Boa leitura!

Capítulo 1 - Wonpil Queria


Fanfic / Fanfiction Wonpil Queria - Capítulo 1 - Wonpil Queria

       Capítulo Único - Wonpil Queria

          Wonpil queria ser desligado…

Desconectado. Queria desaparecer e nunca mais ser encontrado, ser invisível para todas as pessoas ao seu redor. Queria ser totalmente esquecido e nunca mais lembrado.

Mas não somos todos esquecidos no final?

Wonpil queria sair correndo, gritar bem alto com toda a força que possui em seus pulmões ainda saudáveis, xingar as pessoas ao redor de diversos palavreados obscenos enquanto sente as panturrilhas arderem com o esforço excessivo de carregar seu corpo contra o vento.

Sentir o desgaste dos tênis velhos que moldam tão bem seus pés...

Queria poder flutuar para um mundo bem distante desse que é feito só de injustiça e dor, queria sentir a brisa chamuscar os cabelos e os bagunçar profundamente.

Mas nunca seria possível deixá-los mais bagunçados que sua própria mente insana.

O pequeno Kim queria deixar de ser responsável por suas decisões apenas por um único  mísero dia, e não ter que ouvir que sempre existe alguém em uma situação pior que a dele.

Por quê o nosso consolo é a dor dos outros? O que isso tem a ver conosco?

Ele queria mergulhar na água quente e ser abraçado pelo sentimento de paz e calma que é transmitido ao seu todo submerso.

Mesmo que o mais próximo disso seja estar com a cabeça debaixo do jato do chuveiro preto torto do banheiro.

Queria poder sentir as lágrimas deslizarem pelo rosto macio se isso significasse sentir o alívio que tanto procura, mas elas simplesmente não queriam descer ao seu encontro.

Wonpil não quer festas, bebidas ou drogas que o façam esquecer quem ele realmente é. Ele não precisa de companhia quando sabe que as pessoas são temporárias e só estão ali porque ele tem algo de útil a oferecer. Elas não lhe passam confiança. 

 E Talvez ele não seja tão inútil quanto sua cabeça insiste em afirmar...

Queria sentir a coragem inundar seu corpo como uma tsunami violenta, mas também queria sentir a sensação sufocante do medo tirar seu suprimento de ar e fazê-lo ofegar.

Wonpil queria enxergar a realidade com os próprios olhos castanhos. Guardar os óculos de armação preta e poder ver o mundo por si próprio mesmo que um pouco nublado e desfocado.

Queria levantar disposto a mais da grande aventura que é a vida e cada dia que a constitui, mesmo que tenha passado a noite sonhando com pessoas e coisas que não o deixavam realmente descansar e se sentir pronto para o próximo dia. 

Por quê as pessoas parecem morrer tanto em seus sonhos?

Queria ficar longe das redes sociais com os vários sorrisos falsos acompanhados de corpos falsos editados por aplicativos fúteis. Não queria se sentir deslocado e perdido em meio a felicidade artificial e o padrão perfeito que as pessoas insistem em transmitir ao resto da sociedade.

Até mesmo sua tristeza se torna um boomerang promocional na realidade atual…

Wonpil queria ouvir a voz dos cantores gritarem em seus ouvidos quando o volume estivesse no máximo. Não queria escutar nenhum ruído além da melodia que lhe envolvia.

Gostava de ver as bocas se mexerem ao formar as palavras mas não ouvir o som de suas vozes…

Ele pulava as músicas tristes que apareciam na playlist aleatória que colocou para tocar nos fones de ouvido. Ele não queria ficar triste mas também não se sentia feliz. 

Talvez apenas estar vivo fosse o suficiente no momento...

E, por um instante em meio a loucura que sua cabeça parecia ter se transformado, Wonpil se perguntou apreensivo.

  "O que realmente queria para a sua vida?"

Se sentir perdido era uma verdadeira droga e achar que nunca iria se encontrar em nada era completamente inevitável.

No fim, não fazia diferença as coisas que Wonpil sabia, ou o tanto que ainda tinha para compartilhar ao mundo. Não importava de nada a música alta, as reflexões, as opiniões ou as coisas que ele diz querer tanto.

"Pois o que Wonpil realmente queria era dar um jeito em sua vida mediocre.



Notas Finais


E é isso aí pessoal...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...