História Would Not I Be The Love Of Your Life? - Capítulo 2


Escrita por: e Xblack

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys (BTS), Imagine, Jeon Jungkook, Jimin, Jungkook, Park Jimin, Traição, Você
Visualizações 11
Palavras 1.965
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Will back depois de muito tempo

Demorei pakas pra escrever esse cap

Espero que gostem

Boa leitura 💞

Capítulo 2 - Chapter Two


Fanfic / Fanfiction Would Not I Be The Love Of Your Life? - Capítulo 2 - Chapter Two

         Um salão totalmente decorado com flores, lustres e tecidos, mesas com abundância em comida, e luxo, um vestido branco feito totalmente a mão, cheio de detalhes em pedraria, uma cerimônia de cair o queixo, uma das maiores festas da cidade com mais de 5 dias de duração... 

Como se todas essas coisas valessem a pena. Só queria o meu velho namorado, novamente. 


Nunca pensei que minha vida mudaria tanto por conta de um casamento.


Em apenas dois anos minha vida acabou.


Nossas promessas ficaravam para trás cada dia que passava, eu sentia vontade de gritar, meu peito dói em pensar como foram difíceis esses anos, principalmente nos últimos meses. 


O namorado carinhoso, gentil e manhoso deu lugar a um homem frio, altruísta, e impiedoso, como uma fenda em seus olhos a qual ele se recusava a retirar. 


Faz um bom tempo que tivemos momentos juntos, parecíamos dois estranhos na mesma cama, para Jungkook, eu apenas servia como um brinquedo sexual, sem valor. 


Será que ele perdeu o amor? Será que ele ainda me ama? Será que ele não acha atraente? Porque ele não me encherga como sua mulher?


 As vezes eu só queria chegar em casa e ver meu namorado de braços abertos para me proteger de todos os olhares que recaem sobre mim todos os dias. Esperança é a última que morre, não é? 


Pois bem, cá estou eu na frente da grande Jeon's Company, pois hoje é o dia. 

 

O dia em que o terei novamente. 

 Olhares curiosos, maldosos, e até maliciosos vinheram a mim quando pus os pés na recepção, muitas dessas pessoas me conheciam, até por que essas pessoas sabiam que eu era esposa do Presidente deste lugar, mas mesmo assim me sinto incomodada por tantos olhares. 


Ok, já chega foco _______, foco! 


Passo pela recepcionista indo de encontro aos elevadores, olhando meu visual pelo grande espelho do mesmo, um vestido colado, com uma jaqueta por cima, uma bolsa de correntes, e um salto fino, todos com a cor preta, ao contrário da maquiagem, a qual estava um tons mais discretos, perfeito para chamar a atenção do meu homem. 


 Assim que atravesso as portas do elevador, encontro Taehyung, um amigo do Jungkook que trabalha com ele. 


 — Taehyung oppa - O chamei, que estava de costas e se vira em minha direção, olhando de cabeça a baixo com uma expressão maliciosa — Jungkookie está na sala dele? - Ele me olha com expressão de pena e finalmente se pronuncia. 


 — Não, ele não está. - Dá dois passos em minha direção, e olha para o lugar da assiste pessoal do Jungkook que se encontrava vazio — ______, Será que podemos conversar? - Me fita esperançoso. 


— Claro, oppa - digo sem ânimo por não encontrar meu marido — Contrataram uma nova assistente? -pergunto passando os dedos na plaquinha escrita "Yoon Mi-cha".


— Sim - Parou na minha frente, pegou uma das minhas mãos e a levou para seus lábios, dando um selar — Sabe que eu ainda te amo, não sabe? - Um longo suspiro escapa de meus lábios. 

 

— Oppa, eu sou casada com seu amigo. - Levo uma das minhas mãos para seu rosto. Taehyung já estava no último ano, quando entrei na faculdade ele começou a tentar alguma coisa comigo, porém desistiu quando descobriu que o Jungkook me amava. 


— Mas isso não significa nada, Pequena - Ele a passa mão no meu rosto - Ele não te valoriza, pouco se importa com você- Ele sela nossos lábios, mas eu me afasto rapidamente. 


— N-Não oppa, isso é traição. Eu sei que o Jungkook ainda me ama e liga 'pra mim, sou eu que não sou suficiente - Ele riu sem humor

 

— ______, Ele não liga mais, Ele acabou de sair com outra mulher ______ - Meu corpo congela na mesma hora - Ele não te quer mais, minha pequena, mas eu quero - Ele passa as mãos em meu rosto, porém, as tiro bruscamente. 


— Isso é mentira, Ele me ama sim - Respirei fundo, tentando controlar as emoções. 


 — Pois se é mentira, vá na sua casa, Ele está lá - Ele me encara furioso - Ele leva ela todas as vezes que você vai pra faculdade. - Segura meu pulso e me empurra para o elevador, apertando o botão para o chamar para o andar— Veja com seus próprios olhos - me empurra para dentro assim que a porta se abre, aperta no botão do andar do estacionamento e sai, me deixando sozinha com os pensamentos. 


  Ele não é, capaz, eu o conheço. 


  Esse foi o meu pensamento durante toda a volta para casa, a cada metro passava sentia meu corpo mais aflito. A tensão em meu corpo era nítida, mas mesmo assim eu sabia que o meu Jungkook nunca me trairia, certo? 

 

Meu sorriso se abriu ao abrir a porta da casa


Jungkook comprou doces para mim? Ele armou tudo isso?


Se ele armou toda essa surpresa para mim, quer dizer que o Jungkook me ama, Jungkook ainda me ama. 


Logo abri meu melhor sorriso e fui a procura do meu marido, ele deveria estar no quarto, talvez arrumando a cama pra me surpreender, ele sempre foi de fazer surpresas. 


Assim que chego ao corredor do quarto meu sorriso se desmancha, meu olhar se entristece. 


Gemidos, barulho de gemidos vindo do quarto. 


 A tristeza invade meu ser, meu coração se entristece ao ver pela brecha da porta.


Jungkook realmente fez uma surpresa para mim, mas desta vez, não era uma supresa boa


Jungkook estava em nossa cama com uma mulher, na qual eu não conhecia. Ele estava beijando ela com fevor, enquanto passava as mãos nas coxas magras da moça.  


 ㅡ Amor - Proferiu a ruiva de cabelos grandes gemendo ao Jungkook abocanhar um de seus seios descobertos ㅡ E s-se sua mulher chegar? - Ela levava a palma das mãos para o membro do meu marido o masturbando. 


ㅡ Aquela idiota não vai chegar agora. Nem isso ela sabe cumprir direito. 


Cada palavra que saia da boca dele só me fazia chorar mais ainda em silêncio,horas e horas se arrumando, dias chorando desesperadamente procurando por uma alternativa para o nosso casamentos acabara de ser jogada em vão. 


ㅡ Cadela idiota nunca devia ter te comprado - Alguém da casa já sabia da minha presença que no caso, era minha cachorrinha, que latia pela brecha da porta tentando chamar a atenção para abrirem para ela ㅡ __-_____ - Jungkook sussurra com olhar assustado em minha direção, parece que a realidade havia caído em seus ombros. ㅡ A-Amor deixa...- Eu não tive coragem de encarar suas orbes escuras, minha mente só pensava em fugir, fugir daquela casa, fugir do meu "marido", fugir daquela mentira e assim eu fui correndo para fora de casa. 


Maldita hora em que decidir por saltos, pois assim que estava descendo o último degrau da escada, tropecei, teria caído se não fosse uma mão para me segurar, a mão de quem eu menos queria ver esse momento. 

 

 ㅡ Meu Amor me deixe explicar - Ele parecia desesperado, enquanto me empurrava contra seu peito, podendo escutar as batidas desesperadas do seu coração. O arrependimento havia caído em seus ombros, junto do desespero. 


 ㅡ Não precisa Jungkook - Sussurrei com tristeza e dei um sorriso triste junto de um suspiro, já sentia o gosto das lágrimas em minha boca molhando minha face, seus olhos pareciam desesperados, sua mão tremia enquanto não largava a minha de jeito nenhum, ele estava com medo. ㅡ Eu sabia que uma hora ou outra você iria desistir de mim... Só não imaginei que doece tanto... - Foi o que consegui dizer em forma de tentar acalma-lo, com meus olhos doendo, Devido às lágrimas ㅡ Você realmente me fez pensar que você seria o amor da minha vida - Acabei não conseguindo olhar em seus olhos de novo, então fitei o chão. Logo ele soltou minha mão e pôs em meu rosto podendo ver seus rosto vermelho por conta do choro. 


ㅡ Amor... - Tentou dizer algo mais foi interrompido por um soluço doloroso vindo de seus lábios, ele tentou passar os braços em meu corpo, porém eu me afastei rapidamente, ele logo tenta pegar minha mão novamente mas é impedido pelo meus passos. ㅡ M-me perdoa - apenas sorri triste me direcionando as escadas sendo seguida por ele. Cheguei ao corredor que daria a nosso antigo quarto olhando cada canto do cômodo, tive muitas lembranças felizes aqui. Avistei minha amada cachorrinha em sua caminha dormindo como um anjo perto da porta do quarto. Cheguei ao quarto e encontrei a moça que estava com ele, já devidamente vestida. 


ㅡ Acho que você merece isso mais do que eu - Tirei a aliança do meu dedo em pus em suas mãos em lágrimas sentindo um par de olhos continuarem a me fitar desesperados. ㅡ Eu espero muito que você seja feliz. E também que ele não faça com você a mesma coisa que ele fez comigo - Soltei um suspiro, com o rosto vermelho pelas lágrimas ㅡ Por favor, fique bem - Sorri triste indo ao closet, para trocar de sapatos e arrumar a mala. Quando Jungkook percebeu o que eu estava fazendo veio em minha direção desesperado, arrancou as roupas da minha mão e me abraçou. 


ㅡ N-não por favor não - Levantou a a cabeça do meu ombro e levou as mãos em meu rostoㅡ __-_____ - Ele tentou selar nossos lábios porém virei meu rosto. 


ㅡ Não faça isso na frente da sua mulher, Jungkook - Me afastei rapidamente, fechando a mala e a levantando, indo em direção a porta. 


ㅡ VOCÊ É A MINHA MULHER - Se pôs em frente a porta da casa, para não me deixar ir embora. 


 ㅡ Jungkook me deixa ir embora... Por favor... - Ele negou e me puxou para um abraço novamente, deitando seu rosto em meu ombro. 


  ㅡ Você está linda minha princesa - Ele sussurrou em meu ouvido e depois ouvi outro soluço ㅡ Mas eu ainda prefiro minha linda comigo em nossa casa. Você sabe que eu não consigo nem se quer dormir sem você pra me acalmar - Ele deitou a cabeça em meu ombro de novo ㅡ Não vá embora... por favor... - Seu tom era um tom de desespero, ele tentava de todas as formas não me deixar ultrapassar a porta.


ㅡ Jungkook... Me solta por favor... - Me apertou mais ainda enquanto me puxava para longe da porta. ㅡ Jungkook..- eu sentia as lágrimas dele em minhas roupas, e eu comecei a empurrar seu corpo enquanto ele lutava para continuar nosso contato físico. 


ㅡ Amor deixa ela ir... - Pronunciou a ruiva enquanto se aproximava de nós. Uma lágrima escapou de meus olhos assim que vi minha aliança em seu dedo ㅡ Deixa ela ir Jungkook. - Pôs a mão esquerda, que continha o anel, no ombro do Jeon que prendeu a respiração e afroxou o abraço, assim que reparou no anel. Felizmente consegui o afastar do meu corpo e tomei a decisão mais infantil da minha vida, correr para o carro que estava estacionado em frente a casa. 


ㅡ NÃO _______ POR FAVOR NÃO - Ouvi seus gritos enquanto corria para tentar me alcançar. ㅡ _______ ME PERDOA - Dei partida em meu carro indo para longe dali. 


Fui dirigindo pelas ruas de Seoul até passar pela ponte do Rio Han. Onde eu sabia que eu não tinha coragem de saire foi nesse momento que eu estacionei o carro e fui para o mesmo lugar onde ele me pediu em casamento, me permitindo chorar a vontade.

 

ㅡ Droga, me esqueci da Mili - Sentei no concreto sem ligar se estava sujo me permitindo chorar a vontade, sem forças para se quer levantar.



Notas Finais


Como eu já disse, vocês essa é uma fanfic que estou repostando, porém, estou modificando boa parte dela, por isso a demora. Peço por favor que compreendam o por que da demora dos capítulos e por favor não desistam de mim.

Ent é isso

Até o proximo cap💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...