História Writer - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hailey Rhode Baldwin, Justin Bieber
Personagens Hailey Baldwin, Justin Bieber
Visualizações 116
Palavras 2.610
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 23 - 23


Justin não estava falando comigo, da mesma forma que soube sobre a ligação ele ficou. Chegamos ao hotel, tomamos banho e ele deitou virado de costas para mim.

- Justin? – chamei.

- O que?

- Grosso! – não disse mais nada, virei de costas para ele também.

P.O.V Justin Bieber

Eu sabia que era bobagem ficar bravo com ela que nem atendeu o celular e ainda me contou a verdade, mas me incomoda saber que ele quer se aproximar. Ele vai estar em Londres como ela e se ela decidir que quer voltar com ele? Eu vou sofrer de novo e eu não posso perder ela.

- Lexi? – chamei.

Ela não falou nada, me virei na direção dela e vi que a mesma mexia no celular, olhava seu instagram, mas não me respondeu, eu mereci essa, eu sei.

Aproximei meu corpo do dela a prendendo contra mim pela cintura e escutei seu suspiro.

- Odeio quando age como um garotinho mimado, você já é um homem de 21 anos Justin e age como uma criança de 5 em determinados momentos. – beijei seu ombro.

- Você está certa. Eu sinto muito.

- Você arruinou a minha noite. – falou entrelaçando nossas mãos e levando ao meu peito.

- Eu sinto muito sweetie, não queria ter estragado uma noite tão legal como foi a nossa. – assentiu – Ei?! – ela virou o rosto o suficiente para olhar em meus olhos – Eu te amo!

- Eu também.

- Eu também não existe Alexis!

- Eu te amo ciumento insuportável! – rimos.

P.O.V Alexis Houston

Acordei com o meu despertador, hoje o dia vai ser longo. Fotos de manhã com Justin, a tarde sozinha e de noite outro photoshoot sozinha. Justin logo depois das fotos tem uma entrevista em uma rádio e depois vai embora.

- Precisamos mesmo levantar? – reclamou com a cabeça afundada no travesseiro.

- Sim amor. – beijei as costas nuas dele e me levantei.

Tomei um banho super rápido, lavei e sequei os cabelos, mas não passei maquiagem. Coloquei uma roupa qualquer, mas quente, o dia estava frio e para piorar nevando.

Não demorou para que Justin também estivesse pronto.

Tomamos só um chocolate quente e fomos em direção à locação.

O local estava cercado por grades e fãs já esperavam o Justin.

- Oi garotas! – acenou com a mão livre para elas e eu fiz o mesmo.

Hugo junto com os outros seguranças não permitiam que as garotas exagerassem, ele falou com o maior número possível, autografou muitas coisas, tirou fotos e conversou com todas.

- Você e a Lexi estão namorando já ou é só amizade colorida? – uma delas perguntou e trocamos um olhar rindo – Qual é me respondam?!

- Eu preciso ir agora, mas muito obrigada por vocês terem vindo. – acenou e pegou minha mão indo em direção as barracas.

- Bom dia casal 20. – Jean nos cumprimentou.

- Bom dia. – falamos juntos.

- Como vão ser as fotos? – perguntei quando entramos em uma barraca e eu comecei a tirar os casacos.

- Eu quero você em um vestido mais boho e com os cabelos molhados, Justin vai estar em um clima mais leve também, a neve e o parque serão o cenário de vocês. – assenti me sentando na cadeira da maquiadora.

[...]

Minha maquiagem estava super meiga e leve. Meus cabelos curtos estavam molhados e amassados. Estava com um vestido branco super fino de alças finas com os ombros de fora, depois vinha com mangas largas até a metade das mãos, na cintura era transparente, iam com botões no inicio ao fim e tinha um babado no final. Eu consegui sentir o frio que ia passar agora.

Justin estava com uma calça caqui, camisa branca deixando sua tatuagem de cruz a mostra e com as mangas um pouco levantadas. Seus cabelos platinados estavam penteados de forma alinhada, ele está lindo.

- Vamos ficar descalços? – perguntei.

- Sim. – Jean tirou a atenção do iPhone e voltou para o mesmo.

- Você está linda! – beijou minha testa e eu sorri.

- Você também está lindo. – demos um selinho.

- Guardem o romance para daqui a pouco, mas não se beijem na foto, deixem um quero mais. – assentimos.

Colocamos um roupão e chinelos de pano para esperar. Todas as luzes já estavam posicionadas, os fotógrafos, maquiadores, a neve não parava de cair e isso estava me fazendo tremer. Quando saímos às fãs gritaram enlouquecidamente nos fazendo rir.

Esperamos mais um tempo e começamos as fotos.

- Sejam espontâneos, finjam que não estamos aqui. – o fotografo pediu.

Justin me abraçou pela cintura e olhou no fundo dos meus olhos. Seus lábios chegaram bem próximos do meu e eu coloquei meu indicador virando o rosto o fazendo rir.

Fizemos muitas poses e todas incitando que eu não ficaria com Justin. O frio estava de matar, parávamos de dez em dez minutos para nos aquecer e tomar um chocolate quente.

- As fotos estão ótimas, vamos encerrar com um beijo? – Jean perguntou e nós assentimos – Encosta a Lexi na árvore Justin e beija mesmo.

- Com todo prazer. – falou me deixando vermelha e me fazendo rir.

Tiramos o roupão e o casaco e fomos para perto da árvore. Justin colocou a perna no meio das minhas e olhou no fundo dos meus olhos me fazendo sorrir. Aproximou-se lentamente esbarrando os lábios nos meus e colou nossos lábios. Apertou minha cintura como sempre fazia me fazendo sentir toda a possessão que ele tinha sobre mim. Podia ouvir o grito e aplausos das fãs que observavam tudo e esse momento foi um prato cheio para todos os paparazzis.

Encerramos o beijo com um selinho e ele beijou minha testa.

- Perfeito! – Jean gritou me assustando e eu gargalhei.

- Obrigada. – agradeci.

- Os cheques já foram depositados e eu fui bem generoso. – assentimos.

- Quando saí? – Justin perguntou.

- Mês que vem, eu mando um exemplar para cada um. – assentiu.

Nós não éramos a capa, éramos um editorial, pelo que eu vi das fotos sem edições eu já tinha amado, vai ficar perfeito.

Trocamos as roupas rapidamente e fomos almoçar em um restaurante qualquer por já ter 12h, às 14h Justin tinha a entrevista e eu outro photoshoot na neve, mas esse é agasalhada.

Pedimos sopa por conta do frio, eu estava com o rosto todo cortando por conta do frio e os pés nem se fala por andar na neve, mesmo que estivesse pouca.

- Acho que estou com hipotermia. – Justin reclamou bagunçando os cabelos e eu ri.

- Agora você sabe o que eu passei, pode estar sol, mas está frio e eu estava fazendo fotos para a primavera verão.

- Hoje Paris caprichou no frio, mas caiu como uma luva. – assenti.

- Jean teve que reajustar tudo para combinar com a neve, só não fez isso com as roupas, mas as fotos ficaram muito bonitas. – assentiu comendo.

- Prato cheio para os paparazzis essas fotos de hoje. – assenti.

- Pensei exatamente isso na hora do beijo, as garotas são muito empolgadas e corajosas de ficarem três horas em baixo desse frio.

- Ela são muito especiais e doidas. – rimos.

- Grande parte é muito carinhosa comigo, me apoiam bastante.

- Sempre vão te odiar por algum motivo, isso ainda me incomoda, queria que todos me amassem, mas eu não vim aqui para agradar todo mundo não é mesmo?!

- Eu queria que todas as suas fãs gostassem de mim, mas isso não é possível. Eu fico feliz que você goste de mim. – trocamos um sorriso.

- Eu te amo, já passou de gostar.

[...]

- Estamos aqui hoje com o nosso astro pop que estava de férias Justin Bieber, cansou de relaxar Justin? – riram.

- Sim, não vejo a hora de cair na estrada e sacudir esse mundo. – falou animado.

- Quais são os planos para 2015?

- Vou lançar um single, depois vem o vídeo clipe que eu vou gravar na segunda em Los Angeles, álbum e turnê.  – contou.

Estava tipo fã grudada no rádio enquanto faziam a minha maquiagem.

- A grande surpresa é que o single vai ser lançado aqui hoje, para todo o mundo ouvir e logo depois estará disponível no iTunes. – dessa nem eu sabia.

- Isso mesmo, estão animados? Quero ver esse twitter bombando, vocês acham que vai ser R&B ou uma música animada, vai ser um feat? – Justin falou animado me fazendo sorrir.

- Vimos umas fotos suas hoje no parque aqui de Paris com a Alexis Houston, o que estavam fazendo?

- Um editorial para uma revista parisiense, as fotos ficaram muito legais, vocês podem conferir mês que vem em todas as bancas.

- Pattie já conhece a Alexis?

- Elas ainda não se conhecem, infelizmente, Alexis está com a agenda super cheia nesse começo de ano, ficamos dois meses sem nos ver por conta disso, mas acredito que depois que ela voltar da Europa elas se conheçam.

- Ela aprova?

- Elas já se falaram pelo telefone e minha mãe foi com a cara dela sim. – sorri.

- Alexis é três anos mais jovem que você certo?!

- Uhum.

- Posso fazer uma ultima pergunta?

- Poder pode, agora se eu vou responder... – riram.

- Vocês estão namorando ou são apenas amigos ainda?

- Não estou autorizado a falar nisso. – riram mais.

- Tudo bem. Vamos ler algumas coisas que as fãs mandaram.

- Ok.

- “@BieberCrazy: Já estava na hora de você sair dessas férias. Alexis assumi logo esse homem ou eu roubo ele para mim!”. As garotas sentiram a sua falta.

- Elas não tem ideia de como eu senti falta desse contato, mesmo estando sempre as vendo. – confidenciou.

- Vamos ouvir a música? – perguntou.

- Lógico. – falou animado.

Uma batida desconhecida começou a soar pelo camarim, ele não me mostrou essa música.

Baby, I'm here, I'm here to stay

I ain't going nowhere

I know you're scared 'cause you've been hurt

Baby it's all right

Lost in your eyes every time that you look in mine

Promise to be all that you need

I won't leave you baby

No 'cause I just wanna love you

I would never ever put nobody up above you

I just wanna kiss you baby

I just wanna hug you till the end, baby till the end.


(Baby, estou aqui, estou aqui para ficar, Não vou a lugar nenhum, Sei que está com medo porque foi machucada, Baby, está tudo bem, Perdido em seus olhos toda vez que você olha para mim, Prometo ser tudo o que você precisa, Não deixarei você, baby, Não, porque só quero amar você, Nunca colocaria ninguém acima de você, Só quero beijar você, baby, Só quero abraçar você até o fim, baby, até o fim.)

Se as pessoas soubessem como eu amo quando ele canta R&B e como eu amo a voz dele me chamariam de louca, Justin Bieber é perfeito.

'Cause I'm right here, ain't nobody gotta hold you

'Cause I'm right here, ain't nobody gon' control you

'Cause I'm right, right here, yeah, yeah

I'm right here, I'm right here, I'm right here

Right here, yeah

Right here, right here, yeah

Right here, right here, yeah.

(Porque estou bem aqui, ninguém mais vai abraçar você, Porque estou bem aqui, ninguém mais vai controlar você, Porque estou bem aqui, bem aqui, yeah, yeah, Estou bem aqui, estou bem aqui, estou bem aqui, Bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah.)

Gostei da letra, da melodia, mesmo sendo R&B é dançante.

Say you'll be mine, say we'll be fine

Say we'll be together

Selfish of me to ask

Since I be the reason we don't last forever

Wish that you knew all that I do

To make this thing go right

Promise to be all that you need

I won't leave you baby

No 'cause I just wanna love you

I would never ever put nobody else above you

I just wanna kiss you baby

I just wanna hug you till the end, baby till the end.

(Diga que será minha, diga que ficaremos bem, Diga que ficaremos juntos, Egoísmo meu em perguntar, Já que sou a razão por que não duramos para sempre, Queria que você soubesse tudo o que eu faço, Para que essa coisa dê certo, Prometo ser tudo o que você precisa, Não deixarei você, baby, Não, porque só quero amar você, Nunca colocaria ninguém acima de você, Só quero beijar você, baby, Só quero abraçar você até o fim, baby, até o fim.)

Quando eu ouvi a voz do Drake eu tive um pequeno ataque cardíaco, o choque me dominou por completo, a música só pode ser para mim, com essa letra e ainda por cima o Drake um rapper que eu amo.

'Cause I'm right here, ain't nobody gotta hold you

'Cause I'm right here, ain't nobody gon' control you

'Cause I'm right, right here, yeah, yeah

I'm right here, I'm right here, I'm right here

Right here, yeah

Right here, right here, yeah

Right here, right here, yeah.

(Porque estou bem aqui, ninguém mais vai abraçar você, Porque estou bem aqui, ninguém mais vai controlar você, Porque estou bem aqui, bem aqui, yeah, yeah, Estou bem aqui, estou bem aqui, estou bem aqui, Bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah.)

And I say, good girl got her mind right

She been raised right

Being patient I know you waiting

Waiting on a good thing, when the time's right

You should let me get to know you baby


 

I just wanna put it on you

If you want to, baby, tell me what you gon' do girl

I can make you feel perfect

Girl you worth it

I just need to see you work it girl


 

And I'm right here, ain't nobody gotta hold you

'Cause I'm right here, ain't nobody gon' control you

'Cause I'm right, right here, yeah, yeah

I'm right here, I'm right here, I'm right here


 

Right here, yeah

Right here, right here, yeah

Right here, right here, yeah


 

Right here, right here, yeah, yeah, yeah

Right here, right here, yeah.

(E digo, boa menina, tem a cabeça no lugar, Ela foi criada do jeito certo, Sendo paciente, sei que você está esperando, Esperando por uma coisa boa, quando for a hora certa, Você deve me deixar conhecer você, baby, Só quero colocar isso em você, Se você quiser, baby, diga-me o que vai fazer, garota, Posso fazer você se sentir perfeita, Garota, você vale, Só preciso ver você fazendo, garota, Porque estou bem aqui, ninguém mais vai abraçar você, Porque estou bem aqui, ninguém mais vai controlar você, Porque estou bem aqui, bem aqui, yeah, yeah, Estou bem aqui, estou bem aqui, estou bem aqui, Bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah, yeah, yeah, Bem aqui, bem aqui, yeah.)

Encerrou a música intercalando entre ele e o Drake cantando e eu estava apaixonada pela música já.

P.O.V Justin Bieber

Meu celular comelou a tocar logo que a música acabou e eu vi ser Alexis.

- Hey sweetie você está ao vivo, diga: Oi.

- Oi pessoal! – falou animada.

- Gostou da música? – perguntei.

- Eu amei, você sempre arrasa baby.

- Ah muito obrigado. – todos rimos.

- Como vai Alexis? Onde você está? – Bill perguntou.

- Bem cara, obrigada. Estou me preparando para iniciar mais uma sessão de fotos. – contou – Só liguei para dar meus parabéns ao Justin. Parabéns amor, te amo.

- Obrigada musa inspiradora. – rimos.

- Vocês são tão fofos juntos, fico feliz por vocês. Qual o segredo do amor de vocês?

- A amizades! – respondemos em coro.

Continua...

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...