História Xenofolyons - Vkook,Taekook - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V)
Tags Namjin, Vkook, Yoonmin
Visualizações 533
Palavras 1.061
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Fluffy, Lemon, LGBT, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


pápum, cheguei. ´3`
O cap tá meio pequeno, mas tá bom, tá meio rápido também, mas eu juro que tá bom! <3
Boa leituraaa, desculpa qualquer erro ortográfico! <3
Agora sim eu posso usar capslock, tava só aguardando para esse momento.
5.0.0
Cês sabem o que esse número quer dizer? Isso mesmo.
É O NÚMERO DE FAVS QUE ESSA PORRINHA MAIS CONHECIDA COMO O AMOR DA MINHA VIDA ALCANÇOUUUU, AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!
EU TÔ SURTANDO VÉI, MANO, MANO, MANO, OLHA ISSSSSSSSOOOOOOOOOOO! <3
MUITO OBRIGADA A TODOSSSS, MUITO OBRIGADA MESMOOO, DE CORAÇÃO! <3
EU AMO MUITO VOCÊS, NOSSA, PARA, EU AMO VOCÊS DEMAIS, NOSSA, NOSSA, NOSSA! <3

Capítulo 40 - Stress


Os meninos olhavam Jungkook com indignação, até mesmo Hoseok estava desacreditado das palavras do elfo.

— Vamos logo lá para baixo, Jungkook não vai mudar de ideia. — Yoongi falara, suspirando desacreditado. — Jungkook...

— Se acalme Yoon! Não tem nada demais, é só um ombro, ele curará rapidamente. — Jungkook falara sorrindo, pondo a mão sobre o machucado enfaixado. — Por enquanto é bom irmos para o café da manhã, ou então perderemos o horário.

Todos assentimos rapidamente, Jungkook fora o primeiro a descer. Eu segui atrás com Jimin e Hoseok, Jin e Namjoon iam atrás da gente. Yoongi tentava alcançar o moreno em nossa frente.

Jungkook não estava com uma feição muito boa, eu imaginei que o ombro do mesmo estava doendo, visto que pudemos ouvir alguns resmungos do mesmo.

Chegamos em um bom horário para o café da manhã, eu agradeci mentalmente por termos conseguido chegar a tempo. Sentamos na mesma mesa, mas o silêncio entre o grupo era ironicamente ensurdecedor. Ninguém falava nada, nem mesmo uma palavra.

Sorri aliviado ao ouvir a voz do elfo.

— Então, Hoseok, como é viver na Terra durante tanto tempo? — O moreno perguntara simpático.

— Ah, sabe, é difícil no início. Depois de umas semanas você já consegue se acostumar, mesmo que seja um lugar muito diferente. — O mais velho sorrira. — E você? Mora aqui mesmo?

— Ah, não na verdade! Nasci em outra dimensão, vim para cá devido a um imprevisto. — O elfo rira constrangido, enquanto eu e Jimin riamos baixo.

— Um grande imprevisto né, chegaram do nada aqui. — Jin falara, entrando na brincadeira.

Sem nem mesmo perceberem, todos já estavam conversando normalmente, rindo e fazendo piadinhas sem graça. Menos uma pessoa.

Yoongi não falava nada, nem mesmo olhava para cima. Apenas encarava a mesa do lugar, seu olhar era fixo e sem expressão.

— Yoongi? — Chamo preocupado.

— Acho que eu tenho um lugar ótimo para irmos hoje! — O mais velho se animara de repente, sorrindo em minha direção. — Você pode vir conosco também Hoseok! Acho que fará bem para todos.

— Yoongi, o que está planejando? — O elfo perguntara receoso.

— Nada Jungkook, só acho que será bom acalmar um pouco a nossa saúde mental. — Yoongi falara animado.

Não falei nada, queria ver aonde isso iria parar.

[...]

I’m a boy in a box.

[...]

Paramos em frente a uma casa bem bonita. Tinha bastante janelas e portas, uma garagem grande e espaçosa.

Havia uma placa no gramado.

“ Entre e se divirta! Armas do lado de fora! “

Me assustei ao ler armas na descrição.

— Yoongi, o que iremos fazer aqui? — Pergunto assustado, apertando a mão do elfo, essa que eu estava segurando desde que saímos do hotel.

— Não se preocupe, não iremos matar ninguém não. — O mais baixo revirara os olhos. — Essa é uma casa destrutível, podemos quebrar qualquer coisa e não precisaremos pagar nada. — Sorrira em meio a frase. — É uma ótima tática para se desestressar.

— AH, EU SEMPRE QUIS IR EM UMA DESSAS! — Jin falara animado, arrastando o marido para dentro da casa.

— Taehyung e Jungkook! — Yoongi chamara. — Vocês tem um quarto reservado só para vocês.

De prontidão eu entendi o que o mais baixo queria fazer, e sorri animado com a ideia.

— QUE ÓTIMO! — Grito, assustando o elfo. — Vamos Jungkookie, vamos!

— Okay, okay. — O moreno rira fofamente.

A casa em si era enorme, diversas janelas quebradas podiam ser vistas da parte de trás da mesma. Dentro da residência, vasos, copos, pratos, sofás, televisões, monitores, mesas, cadeiras e muitos outros estavam quebrados.

Subimos a escada do local, chegando à um quarto com uma placa de metal, essa onde o nome do elfo estava gravado.

Ao abrir a porta, me surpreendi com a semelhança ao gosto do mais novo.

— Wow. — O moreno falara impressionado.

— Jungkookie, vou te mostrar como se faz! — Pego um copo de vidro e suspiro. — Eu não vou ser alguém que todos querem que eu seja! — Jogo o copo na parede com força, sorrindo aliviado logo depois. — Agora sua vez. Esse quarto foi reservado inteiramente para você! Solte tudo que te incomoda Jungkookie.

— Mas e você? — O moreno perguntara receoso.

— Não se preocupe! — Sorrio feliz.

Jungkook me olha surpreso, então sorri e beija minha testa.

— Espere só um minutinho. — Falara doce.

Logo o elfo descera as escadas do lugar, eu consegui ouvir os passos rápidos dele em meio a escada. Depois de alguns minutinhos, o moreno entra no quarto novamente....

Com um taco de beisebol.

Eita porra.

— Okay. — Suspirara fundo. — Eu nunca fiz isso na minha vida, ajuda mesmo Tae?

— Pode ter certeza! — Sorrio, me preparando.

O moreno estava tenso com a ideia, mas aos poucos pareceu se adaptar de forma mais calma.

— Okay... — Suspirara fundo, erguendo o taco. — Eu não sou um monstro! — Jungkook quebrara a televisão do quarto. — Eu tenho sentimentos, eu sei que tenho! — Jungkook começara a bater com força no criado mudo que estava por baixo do aparelho eletrônico. — Eu quero agradar a todos, mas as vezes eu não consigo! — O moreno começara a falar com mais determinação. — Eu odeio mentiras porque já as ouvi demais! — As mãos de Jungkook apertaram ainda mais o taco de beisebol. — Eu não sou perfeito, eu não sou a melhor pessoa do mundo, eu cometo erros igual a TODOS! — Sua voz aumentara o tom. — EU NÃO QUERO SER O CENTRO DAS ATENÇÕES OU SER PAPARICADO, EU QUERO APENAS SENTAR COM MEUS AMIGOS E CONVERSAR EM PAZ. — Os olhos de Jungkook estavam fechados com força, como se ele não quisesse enxergar tudo que estava falando. — EU NÃO SOU MELHOR QUE NINGUÉM POR SER UM ELFO, E NÃO! EU NUNCA PEDI PARA SOFRER BULLYING NA ESCOLA PORRA! NINGUÉM PEDE POR ISSO. — Pude sentir meus olhos encherem de lágrimas, fragmentos da vida de Jungkook eram deixados ali como se não fossem nada. — EU QUERO SER SIM UMA PESSOA BOA, E EU ESTOU NO CAMINHO CERTO NÃO É¿ — Seus lábios tremeram por um momento, denunciando a emoção do mais novo. — EU NÃO SOU MAIS AQUELE JEON JUNGKOOK!

My life is alright when I’m high.

I did my best to get by.

I told my parents I’d try.

I was loosing track of my mind.

So I went to the medicine men.

To fix my attention span.

He put a pill in my hand.

‘cause life is a breeze when you’re slammed.

I’m a boy in a box.

[...]

— EU SEI QUEM EU SOU AGORA! — Gritara com todos os pulmões.


Notas Finais


TCAHU ALIENZINHOSS! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...