1. Spirit Fanfics >
  2. Xis >
  3. O fotógrafo e o florista se conhecem em uma manhã ventosa

História Xis - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Eu acho que falo mais nas notas finais. Boa leitura!

Capítulo 1 - O fotógrafo e o florista se conhecem em uma manhã ventosa


Por mais clichê que pareça, o vento estava um pouco forte naquela manhã, e isso fazia o cabelo de Bokuto Koutaro ficar cada vez mais bagunçados, porém consideravelmente menos úmidos. A câmera que ele levava consigo parecia ter perdido a graça, não tinha nada além das plantas da praça para fotografar, e Koutaro poderia jurar que tinha tirado foto de todas as plantas daquela praça em específico. Poderia andar até achar um lugar bom para fotografar algo, talvez algum prédio espelhado refletindo a luz do sol, mas, no fundo de seu coração, ele sabia que se saísse da praça que tinha na frente de seu apartamento iria se perder naquela grande cidade, isso era um fato. 

Se levantou do banco onde estava sentado após passar a mão pelos cabelos recentemente pintados – o termo certo seria reforçado a raiz preta após platinar o cabelo, mas isso era apenas um mero detalhe; –, começando uma breve caminhada por aquele parque gelado. A câmera em sua mão começou a pesar de repente, fazendo-o resolver levar a mesma para frente dos olhos. 

Não capturou nada além de flores, mas claro, depois que abaixou a câmera, seus olhos viram a mais bela obra de arte frente as flores, brincando com elas como se fizessem parte da sua história, ou senão, de si mesmo. Os olhos azuis do rapaz brilhavam intensamente, enquanto a boca rosada chamava a atenção de Koutaro, que levava mais uma vez a câmera para frente dos olhos, tirando foto do rapaz de olhos tão belos e profundos. Koutaro sabia quem era ele, o rapaz da floricultura que vez ou outra cuidava das plantas do parque, todos sabiam quem era ele, mas era a primeira vez que ambos se encontravam daquela maneira, o fotógrafo e o florista, mas ainda sim, o choque entre os olhares, o azul no dourado, era tudo muito estranho pois parecia que já tinham passado por aquilo. Em passos leves e suaves, o moreno foi se aproximando lentamente de Koutaro, um sorriso pequeno e contido sendo tão chamativo quanto os olhos dele, na visão do platinado. Ambos se sentaram no banco logo atrás de Koutaro, perto o suficiente para conseguirem se aquecer com o calor do outro, mas longe o suficiente para mostrar que não eram conhecidos para quem passasse por ali. 

— Akaashi Keiji, muito prazer, fotógrafo do parque. — A voz do moreno soava baixa, mas Koutaro conseguia ouvir o tom divertido e calmo que vinha dela. Gostou da sensação de imediato. 

— Bokuto Koutaro. O prazer é todo meu, florista do parque. — Koutaro devolveu na mesma moeda, nem se tocando no quão grande foi o efeito de sua voz em Keiji. 

— Não tem mais sobre o que tirar fotos aqui, estou certo? — Keiji perguntou, os olhos azuis focados exclusivamente na câmera que Koutaro colocou entre as pernas, vendo o quão ansioso para fotografar algo o platinado parecia estar. 

— Talvez sim, mas alguns segundos atrás eu tirei uma bela foto, pelo período da manhã isso já me satisfaz. — Koutaro encarou os olhos de Keiji, ouvindo a risada baixa do moreno. 

— Tire outra. — Foi tudo que Keiji disse antes de dobrar uma perna e se sentar de frente para Koutaro no banco, sentindo o vento balançar seus cabelos como nunca antes. O platinado não ofereceu resistência, vendo o quão perfeito Keiji parecia enquanto o vento bagunçava seu cabelo e as flores atrás de si pareciam completar o cenário, levou a câmera para frente aos olhos e, mesmo sem perceber, sussurrou xis quando tirou a foto, que consequentemente saiu mais linda do que todas as fotos tiradas por si anteriormente, tal como Keiji era a pessoa mais linda que já havia visto. 

O encanto não durou pouco, durou até muito mais do momento em que saíram do parque para tomarem algo quente, durou muito mais do que alguns dias. O fotógrafo e o florista, ambos encantados um pelo outro, durou muito mais do que uma noite quente de sexo ou uma manhã gelada de tristeza e choro, durou meses em um relacionamento bonito e agradável. 



Notas Finais


Bom, eu queria agradecer se você chegou até o final. Eu demorei um pouco para fazer ela porque tive certo bloqueio.
Mas enfim, essa fanfic foi feita para a tag da escrita e o tema que me deram foi olhares (que encantam?), achei fofo até e decidir fazer uma BokuAka porque eles são uns amores.
A capa foi feita por ninguém mais ninguém menos que @Anym_Shimizu e eu agradeço muito por ela.
Mais tarde (daqui a pouco), vai ser postada uma fanfic Kenhina também para a tag da escrita no meu perfil, para quem tiver interesse. Acho que era só isso.
Obrigada e até mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...