1. Spirit Fanfics >
  2. Yakuza >
  3. Reviravolta

História Yakuza - Capítulo 37


Escrita por:


Notas do Autor


GENTE EU TÔ FELIZ FINALMENTE TERMINEI A PRIMEIRA FASE
cAPÍTULO 42 JÁ COMEÇA COM TIME SKIP

eu quero morrer de felicidade aaaa
vou tentar adiantar o próximo em três dias (se eu conseguir cumprir o planejamento irra, quase nunca eu consio MAS EU FINALMENTE POSSO USAR AS CENAS QUE EU JÁ ESCREVI E ISSO É UMA VITÓRIA)

provavelmente ceis vão me odiar onde eu parei, então ksdjks

ah sim eu troquei uns sobrenomes no começo (porque eu sou burra) então eu vou concertar, além de dar uma sinopse melhor para yakuza
passei a não gostar dela então irei mudar alguma hora
acho que é só isso

aaaa sim: glosário nas notas finais

Capítulo 37 - Reviravolta


Yakuza

Capítulo 37 — Twist

Naruto estava na casa de Sasuke quando finalmente conseguiu algo. Karin estava com a garota do Instagram em algum lugar que ele não fazia ideia.

A ruiva marcou ela, Hana, Sakura e outras pessoas num stories. Se conseguisse lembrar onde elas estavam, poderia ir até o local e ver com seus próprios olhos.

Claro que Sasuke não sairia ileso do seu surto.

— É ela! — Pulou enquanto balançava o celular.

O Uchiha olhou para ele e revirou os olhos.

— Então o que está fazendo aqui? Vai atrás delas. — Apontou com o queixo para a porta e voltou a ler seu livro.

— Eu não sei onde elas estão.

— Idiota.

— Emo.

— Burro.

— Me ajuda pelo o amor de deus. — O loiro suplicou e o outro apenas suspirou.

— Elas não falaram a onde iam não?

— Falaram, mas eu não prestei a atenção. Elas foram para o ensaio da homenagem, então não achei que a garota ia. — Suspirou e bagunçou os fios loiros. — E se ela for uma Senju?

— E tem outra Senju na escola além da Hana e da Sakura?

— De sobrenome, não, mas pode ser um primo. Como o Haru é para mim. — Bateu o punho na palma da mão e sorriu.

— Por que você não pergunta para a Hinata? Ela foi a única pessoa que não sofreu intimidação. — Sasuke questionou, arqueando uma sobrancelha.

Perguntar uma coisa dessas não ia revelar a verdade, porém o Uchiha queria saber os motivos reais e não só suposições. Ninguém tinha tido coragem para questionar, então ele faria isso pelo bem de sua própria curiosidade.

Naruto parou um pouco e assumiu um olhar triste. Parecia estar num conflito interno.

— Eu... — Começou e suspirou. — Tem algo ruim que eu fiz com a Hinata e me toquei depois. Não consigo conversar com ela direito por causa disso. — Murmurou entredentes e mordeu o lábio inferior, sentindo um gosto amargo.

Ok. Por essa ele não esperava.

Sasuke deixou o livro de lado e focou toda a sua atenção no amigo.

— Coisa ruim? Você?

— É complicado explicar... — O outro resmungou e virou o rosto. — Mas tenho a teoria de que ela é quem grava os vídeos. Tipo, tem que ter alguém que grava, né? — Sorriu um pouco triste e coçou a parte de trás do pescoço. — E mesmo se eu perguntasse, provavelmente ela não iria falar.

É. Eles acertaram em cheio nas suposições. Se ele perguntasse diretamente a Hinata, sem saber a real identidade, a azulada mentiria — se bem que o Uchiha tinha quase certeza que Naruto perceberia que ela estava mentindo.

— Não tenho um bom pressentimento quanto a isso. — O moreno murmurou e jogou o corpo na cama.

— Ah, bobagem. — Gesticulou a destra, com um sorriso no rosto. — Você vai ver, eu vou descobrir.

— E depois?

— Depois...? — Questionou a si mesmo e enfiou as mãos dentro da calça. — Não pensei nisso não, vamos ver no que dá. — Sorriu largamente e Sasuke revirou os olhos.

Pensar no objetivo final e não saber o que fazer depois era o estilo Naruto. Ele deixava o acaso decidir e se gostasse da opção, seguia em frente. Normalmente, as situações o favoreciam então não tinha que se preocupar com isso. O Uzumaki sempre se considerou uma pessoa de sorte. As coisas estranhamente davam certo quando ele queria.

Hinata não sabia disso, na verdade, ninguém esperava que a sorte dele agisse assim.

— Naruto, Sasuke! — Ouviram a voz de Madara vinda do andar debaixo e se entreolharam. — Estamos indo até onde seus amigos estão. Vocês vêm comigo?

[...]

“Impaciente” seria a palavra que descreveria Naruto até o salão de festas da cidade. Ele não parava de olhar o celular e ficava constantemente vigiando o perfil de suas primas, atualizando-se da situação.

Ao que parece, todo mundo ainda estava lá, o que era um alívio.

— Naruto, você está bem? — Shisui, o primo de Sasuke, perguntou quase rindo.

Uchiha Shisui, como qualquer outro Uchiha, tinha cabelo preto e olhos pretos. Ele não era muito alto, um e setenta e cinco de altura, mas chamava a atenção por ser o “ponto fora da reta” no quesito “padrão Uchiha” pelo simples fato que ele era a pessoa mais alegre e brincalhão de toda a família.

— Ah, estou sim. — O garoto assentiu e olhou para a paisagem que passava pela janela.

— Eu estou surpreso pelo fato do Sasuke vir com a gente. — Madara disse enquanto olhava para o neto pelo espelho retrovisor. — Você está bem de saúde?

Shisui riu, Sasuke revirou os olhos e Naruto ignorou, balançando nervosamente o pé.

— É por um bem maior. — Retrucou, desviando o olhar para a janela.

— E que “bem” seria esse? — Seu primo insistiu, segurando o riso.

— A cara de idiota que o Naruto vai fazer quando descobrir uma coisa. — Apontou com o queixo para o amigo e o loiro logo virou o rosto surpreso para ele.

— Você sabe?! — Perguntou enquanto apontava o dedo indicador para o outro.

— Sim. Desde o festival. — Sorriu minimamente para ele.

Naruto ficou possesso de raiva.

— Por que não me contou? — Ok, agora ele estava magoado, mas Sasuke já esperava por isso.

— A pessoa me pediu para não contar e você já está indo até ela, então não faz muita diferença eu contar justo agora. — Deu de ombros.

— Você é um traíra. — Acusou, murmurando raivosamente mais alguma coisa que o moreno não entendeu.

— Chegamos, crianças! — O jovem Uchiha disse com uma animação desnecessária, apenas para quebrar o clima que se formou naquele carro. Assim que os dois adolescentes saíram quase que correndo do carro, o homem virou o rosto para o mais velho. — O senhor sabe do que eles estavam falando?

— Não faço a mínima ideia. — Madara riu e balançou a cabeça negativamente.

Já dentro do local, o Uzumaki andou rapidamente pelos corredores, sem saber para onde ir. Ele cogitou seriamente em abrir cada porta daquele lugar, mas não sabia o que aconteceria.

Oe, baka!¹ — Sasuke disse, chamando a atenção do loiro. — Você sabe onde elas estão?

— Não... — Suspirou e bufou irritado. — Cansei, vô me matar. — Colocou as mãos na cintura e olhou para a janela. Se ele pulasse uma janela que estava no térreo e caísse de cara no chão iria sofrer traumatismo craniano?

— Ok, suicida. — O Uchiha respirou fundo, segurando o riso. — Tenta ligar para alguém.

— E você acha mesmo que alguém vai me falar onde elas estão? — Perguntou sarcasticamente, rindo incrédulo da afirmação do outro.

Ele apenas deu de ombros.

Ouviram risadas infantis, de três timbres diferentes. Olharam para o final do corredor e encontraram Hanabi e mais duas crianças.

Pabo!¹ — Era um garoto falando e ele estava logo atrás de Hanabi. Ele era preto, tinha cabelo preto cortado em undercurt e com dreads. — Ya! — Exclamou quando uma garota menor que ele segurou sua mão e o impediu de correr.

Hey! Ne cours pas après elle!² — A garota tinha cabelo preto, pele preta e o cabelo cacheado estava preso em dois coques volumosos ao lado da cabeça, com algumas mechas cacheadas caindo graciosamente ao lado do rosto.

B-a-k-a! — Hanabi silabou enquanto dava língua para o menino. Focou no caminho a sua frente e parou de correr desajeitadamente. — Hum... Oi? — Acenou para a dupla e sorriu.

Wae geuman dwoss-eo?³ — O garoto falou assim que a alcançou e olhou para o loiro, engolindo seco. — Ah... — Ele exclamou e girou os calcanhares,

Oh! L’idiot!¹¹ — A garota falou apontando para Naruto, rindo. O garoto a puxou pela mão quando passou por ela.

— HyungMin! — Naruto exclamou feliz e o garoto virou o rosto, olhando-o raivosamente. — Hum... sorry...? — Sorriu amarelo.

— O que está acontecendo? — Sasuke perguntou confuso e Hanabi suspirou.

— Não sei. — A Hyuuga disse e deu de ombros. — Eu não entendo o que eles falam, às vezes sim. — Apontou para a dupla de crianças um pouco atrás dela e riu.

— São os primos da Hana-chan. — O Uzumaki suspirou e olhou para HyungMin que lhe olhava como se fosse matá-lo. — Um deles me odeia.

— Percebi. — A morena falou, rindo. 

Idiota. — O garoto resmungou e então uma risada ecoou pelo corredor.

— Ele te chamou de idiota, Naruto. — Madara disse e bagunçou os fios loiro. — Spanish? — Perguntou enquanto se aproximou do garoto.

Português, sou brasileiro. — Ele olhou para o adulto, sorriu. — Consegue me entender?

Hablo español y francês, puedo entender um poco.¹² — Retribuiu o sorriso.

Français? Pouvez-vous comprendre ce que je dis?¹³  — A garota falou, sorrindo enormemente para o Uchiha.

Oui.

— Alguém me explica? — Shisui, que pegou a conversa no meio, questionou o grupo confuso. Agora se deparava com um grupo de crianças que não tinham medo do líder do clã.

O Uchiha teve medo dele até os catorze anos, como que crianças de dez anos não tinham?

— São os primos da Hana-chan. — Naruto repetiu a fala novamente. — Aquele ali é o HyungMin, ele é mestiço. Meio coreano, meio egípcio e nasceu no Brasil. A outra é a Zuri, é meio argeliana, meio egípcia. — Enfiou as mãos no bolso e suspirou. — Um fala português e coreano, a outra árabe e francês. Não faço a mínima ideia do que eles estavam falando.

— E como é que vocês estavam brincando? — Sasuke perguntou para Hanabi, que ria das expressões que seus amigos faziam enquanto conversavam com o homem mais velho.

— Sei lá. — Ela riu e olhou para o moreno. — A gente só brinca. Se eu quero algo, aponto ou se a gente precisa conversar com palavras pedimos para as nossas irmãs traduzirem. — Deu de ombros e atou as suas mãos atrás do corpo.

Ya, Park Mesbah HyungMin! — Ouviram uma voz feminina dessa vez e viraram o rosto para o fim do corredor. — Mainha está te chamando.²¹ — Ela disse em português e apressou o passo ao ver um conhecido. — Ih, Naruto! — Acenou para ele.

O Uzumaki correu e jogou o corpo em cima dela, rindo.

Na Ri-nee-sama! — Apertou o pescoço dela e ela riu.

— Bom te ver também, mas acho que você vai me matar sufocada. — Retribuiu o abraço e ele a soltou. — Já, já falo com você, loiro. — Deu alguns tapinhas na cabeça dele e continuou andando até as crianças. — Zuri, tante Nefertiti veut vous voir.²² — Zuri assentiu em resposta. — Carinha, mainha está te chamando, então... — Gesticulou com a destra e o seu irmão assentiu.

Ok, noona.²³ — Sorriu e a abraçou antes de sair correndo pelo corredor com Zuri em seu encalço.

— Eu acho que vou ver a nee-chan. — A Hyuuga disse, balançando o corpo de um lado para o outro.

— Ok, avise as garotas que eu já estou voltando e nada de falar que o Naruto está aqui para as pessoas da sala, sim? — Na Ri disse e a outra assentiu, confusa pela última parte da ordem, porém resolveu acatar. — Então... — Ela riu e observou Naruto a agarrar pelos ombros, trazendo-a para baixo. 

— Pessoal, essa é a Na Ri-nee. — Ele sorriu.

Nee? — Sasuke perguntou um tanto quanto confuso.

— Ele me chama assim desde que eu ensinei a ele a fazer gol de trivela e a driblar corretamente. — Ela deu de ombros. — Meu nome é Park Mesbah Na Ri, irmã do HyungMin e prima da Ankh. — Acenou com uma mão, enquanto que a outra se desfazia do aperto do garoto.

Na Ri tinha cabelo azul, mais escuro que Hinata — tanto que parecia ser preto — e olhos azuis safira, mais escuros que os de Naruto. Era alta, um e oitenta e cinco de altura, pele preta e vestia um short jeans de lavagem escura juntamente com uma blusa vermelha.

— Neta do Nikolai? — O Uchiha mais velho perguntou e a outra assentiu. — Ele veio?

— Sim, minha avó também. Estão com a senhora Mito. — Sorriu para o homem. — No momento, só a minha família e a família da tia Yuki estão aqui, estão no salão principal.

— Bom saber. — Respondeu e olhou para Shisui. — Vamos logo resolver nossos negócios aqui, temos que passar em outro lugar. — O mais novo assentiu e saiu seguindo o mais velho.

— Ei, nee-sama. — O loiro a cutucou. — Pode me levar até as outras?

— Posso sim. Veio ver quem é a menina do Instagram? — Perguntou enquanto girava o corpo.

— Você sabe? Ah, deixa pra lá. — Resmungou e correu para ficar ao lado dela. — Ah sim, esse é o Sasuke. — Apontou para o garoto atrás da dupla e ela sorriu.

— Eu sei. — Cantarolou em resposta e colocou as mechas frontais para trás. — Eu ouvi você tagarelar sobre ele durante trinta minutos da última vez que a gente se viu e as garotas me contam tudo sobre o que acontece aqui. — Virou o corpo, dando passos para trás, apenas para encará-lo. — Prazer em te conhecer. — Fez uma leve mesura com a cabeça e o garoto fez a mesma coisa.

“E lá vamos nós”. Sasuke pensou.

-X-

Havia algumas salas com auditórios vazios, para reuniões ou palestras e era em uma dessas salas que os adolescentes estavam.

Eles escolheram uma sala praticamente vazia, apenas com algumas cadeiras e uma tela de led que estava conectada a um notebook, para que as garotas jogassem random play dance. Em um canto, observando tudo estavam Hanabi, Neji, Gaara e Seth, rindo da cara das outras.

Four Minute! — Elas gritaram juntas enquanto faziam os passos de dança.

— Eu vou morrer. — Hinata choramingou enquanto mexia uma perna. Dançar cansava mais que lutar.

— Já sabe, Hina, se perder, a gente escolhe a sua prenda. — Seth gritou e viu o rosto dela se contorcer numa careta. — Confio no teu potencial.

— Eu vou te bater. — A Hyuuga apontou o indicador para ele, que riu.

Elas continuaram e Hanabi pegou o celular de Gaara para gravar a porta, o que o ruivo achou estranho, mais não questionou.

Uri jibeuro uri jibeuro!¹¹¹ — Cantaram juntas novamente.

Os garotos abriram a boca surpresos e engoliram a saliva quando olharam na direção da porta.

Passa duas músicas, rápido. — O Senju sussurrou para o Sabaku, que prontamente fez o que lhe foi pedido. As garotas estranharam, mas não reclamaram. — Naruto. — Sussurrou para a irmã, que mordeu o lábio inferior após entender.

Chegou uma música que Sakura não sabia a coreografia e então a rosada perdeu o jogo e todos pararam.

— Perdeste! — Karin zombou, apontando o dedo para ela e rindo.

— Eu não gosto de CIX!¹¹² — Retrucou rindo e se jogou no chão, cansada.

— Você está ferrada. — Tenten disse e deu leves tapinhas na barriga da rosada. Mas sua expressão mudou rapidamente quando viu quem estava na porta. — Hinata. — Cutucou o ombro da outra e apontou na direção em que o loiro estava com mais duas pessoas.

— Hum? — Ela virou rapidamente e quase desmaiou. — Aw... — Gemeu frustrada e suspirou.

A cena seguinte surpreendeu a todos.

A azulada passou reto por eles, pisando firme e agarrando Naruto pelo cós da blusa que o mesmo usava.

— Quem tá afim de espiar? — Na Ri perguntou sorrindo. Seu primo rapidamente levantou do chão e correu junto da outra para alcança-los.

Os restantes se entreolharam, num silêncio quase cômico.

— Então... — Hana disse, atraindo a atenção de todos. — Sakura, hora de pagar a aposta. Passa o celular. — Sorriu diabolicamente e a rosada engoliu seco.

— Por que eu fui apostar mesmo? — Choramingou e arrastou o corpo até onde sua bolsa estava.

— Hanabi, me diz que você gravou a reação do Naruto... — Gaara suplicou, olhando para a garota e sorrindo. Ela assentiu e lhe entregou o celular.

Era cômico. Naruto passou trinta segundos com a mesma cara de paisagem e depois abriu a boca quando se tocou de que era Hinata a garota. O ruivo gargalhou e Sasuke foi até ele, para rir também.

— Quero ver também! — A Mitsashi exclamou e se aproximou.

Enquanto todos estavam ocupados vendo a reação do loiro, Karin olhou para Neji, que se mantinha apático, e suspirou.

— Não sei o que está passando pela sua cabeça agora, mas qualquer coisa que acontecer naquela conversa, a Hinata vai superar. Ela é forte e tem gente que ama ela e que a apoia. — A ruiva sorriu e o Hyuuga apenas assentiu, um pouco preocupado.

— Acho que todo mundo sabe o que vai acontecer. — Sakura disse alto, para que todos ouvissem. — Não é como se o Naruto fosse começar a amar a Hinata do nada só porque ela se declarou. Ela vai ser rejeitada, mas como os dois vão lidar com isso vai definir muitas coisas.

— E o Seth está lá, se der errado, ele vai ser o primeiro a tentar resolver a situação. — Ankh falou enquanto dava de ombros e entregava o celular para a rosada novamente. — Parabéns você tem um encontro. — Deu leves tapinhas nos ombros dela e sorriu.

A Haruno gemeu frustrada com a informação e todos riram.


Notas Finais


¹: os dois são a mesma coisa, só que um é em coreano, o outro em japones

²: algo como "ei! não corra atrás dela"

³: algo como "porque você parou?"

¹¹: oh! o idiota!

¹²: falo espanol e francês, posso entender um pouco

¹³: "francÊs? você pode entender o que eu digo?" e a resposta foi sim

²¹: sim, ela é do interior da bahia porque eu sou e queria uma baiana retada nessa fic porque a vida é bela

²²: "zuri, tia nefertiti está te chamando"

²³: noona é irmã mais velha em coreano, porém, garotos usam para chamar suas irmãs mais velhas (ou gente que eles consideram, tipo como acontece no japão) se for menina (tipo a hanabi com a hinata) ela chama de unnie

¹¹¹: começa aqui:
https://youtu.be/jrpixugYyQg?t=62 até o minuto 1:16 eh isso hinata fazendo isso

¹¹²: grupo de kpop



EU PAREI ALI PORQUE FICOU GRANDE DEMAIS PERDOA

o 40 tá gigantesco e eu acabei de perceber que vai dar pra postar daqui a três dias porque eu não sei contar k
os batimentos cardíacos do neji tavam iguais aos do fiuk nesse último bbb eh verdade tá? coitado gentekkkkkkkkk
aliás........... naruhina stans o próximo cap............. ptometo que em três dias sai

acho que deu pra perceber que a família da hana e a da sakura sao bem próximas né sdkjskdd
e foi assim que o naruto descobriu: porque ele ficou de olho nos stories do povo para saber quando a garota se reuniria com as suas primas e iria até lá de certa forma, a Karin foi a culpada

a família da hana é toda miscigenada e eu amo isso
TEM UMA FAMÍLIA BRASILEIRA MEU POVO e isso eh incrível porque agora posso fazer piada regionalista a vontade :))
Na Ri um ícone do futebol

a amizade dos narusasu é linda demais já viram? skdjsk
eles vão de
briga -------------> união rápido demais ksjdksj morro

aliás que coisa seria essa que o naruto fez?
adolescente faz merda mesmo coisa normal da vida
criança também

MADARA FALANDO FRANCêS UH LALA MEU POVO meu sonho de consumo

eh isso até daqui a três dias


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...