1. Spirit Fanfics >
  2. Yami: The Kage Gamer. >
  3. "Missões de escolta são tão estúpidas."

História Yami: The Kage Gamer. - Capítulo 16


Escrita por:


Capítulo 16 - "Missões de escolta são tão estúpidas."



"-E quando os sintomas começarem a aparecer e você vai correr para o banheiro, no momento em que sua mão tocar a porta, o selo será ativado, teletransportando você para o meio do mercado. Então você se caga ou faz uma estrada marrom. Você me entendeu?"


"Sim, perfeitamente!" Sakura disse com lágrimas nos olhos, "Eu juro que nunca revelarei seu segredo! Nunca!"


Eu me virei para Sasuke, que tinha os olhos arregalados assustadoramente, eu nem disse nada para fazê-lo concordar. Eu então me virei para Naruto, que estava balançando a cabeça mais rápido do que a de Sakura. E então finalmente para Kakashi.


"Hm? Você disse alguma coisa?" Kakashi perguntou.


"Você diz alguma coisa, e da próxima vez que Gai procurar por você, usarei minhas habilidades sensoriais para localizá-lo e entregá-lo diretamente a você. Você pode se esconder por enquanto, mas me dedure e prometo que precisará sair da Terra do Fogo para fugir de mim, Kakashi Hatake."


O Jonin olhou para mim e suspirou, "Tá bom..."


Eu sorri, "Bem", eu virei Misu.


"Sem problemas para mim, filho", ela levantou as mãos em sinal de rendição. "Eu sei que é melhor não ficar do seu lado ruim."


Suspirei, "Graças a Deus", virei-me para Naruto, "É por isso que eu não te digo pra não falar merda Naruto, você não consegue ficar quieto quando começa a falar!"


"Me desculpe, ok! Além disso, não sei qual é o problema, não é como as pessoas podem te amar ainda mais." Disse ele com uma queixa.


"Yami, eu tenho uma pergunta", disse Sakura, "Por que Diana não usa armadura nas pernas? Não é impraticável?"


Suspirei, "Porque o traje das amazonas não exige armadura na coxa; portanto, a armadura dela não a possui."


"Mas por quê? Isso parece estúpido", Sakura piscou.


"As Amazonas eram uma raça guerreira, pois as pessoas que vieram combatê-las queriam que elas fossem escravas. Não arriscariam prejudicar seus potenciais escravos sexuais ao atingi-las perto da virilha; portanto, não faz sentido usar armaduras lá."


"Incrível." Sakura disse parecendo impressionada, "Você tem tudo planejado em um nível tão incrível."


"Batman", Sasuke perguntou, "Por que você fez um personagem como ele?"


Eu pisquei, "Oh, certo. Você pode realmente muito com essa figura, querendo vingar o assassinato de seus pais e tudo mais. Acredite ou não, eu realmente escrevi esse personagem em torno da tragédia que você enfrentou Sasuke."


"Você fez?!" Naruto perguntou, "Mas você nunca escreveu sobre mim!"


Eu sorri, "Eu escrevi, só que você nunca prestou atenção. Enfim, voltando ao meu ponto. Eu queria mostrar muitas coisas com o personagem Batman, mas o mais importante, seria saber a diferença entre vingança e justiça. Bruce no começo não sabia, mas ele aprendeu também quando ganhou o título de Batman, ele se tornou mais do que apenas um homem, ele canalizou sua dor para garantir que tal ato nunca ocorresse outra pessoa novamente." Eu olhei para Sasuke "Ou no seu caso, com outro clã."


O Uchiha parecia ter muito em que pensar, ele apenas assentiu e continuou escutando. "Mas e o laço dela?" Sakura perguntou, "Essa não é a arma de um guerreiro, então por que um chicote?"


Suspirei, "Porque pensei que soaria legal, certo? Nem tudo está planejado."


"Oh... por que a fraqueza do Super-Homem é uma pedra?"


Eu me virei para Naruto, "É por isso que eu não queria que as pessoas soubessem", eu suspirei e me virei para ela, respondendo a todas as perguntas dela, e acredite, havia muitas.


Três dias depois:


Levamos algum tempo para voltar para casa. Eu me encontrava em pé perto da porta com Misu enquanto Kakashi fazia o relatório ao Hokage.


"... então fomos abordados por mais capangas contratados de Gato, mas conseguimos combatê-los. Yami cuidou deles sozinho, ele não matou nenhum dos seiscentos, deixou-os incapacitados, com alguns membros quebrados. E após isso, Tazuna conseguiu terminar de construir a ponte e nossa missão foi concluída. Existe o problema de Gato tentar enfiar suas garras naquela terra por suas operações de comércio de drogas que Yami descobriu em seu dia de folga e que ele pode tentar dominar a Terra novamente. "


"Entendo", o Hokage estufou o cachimbo, "e na sua opinião profissional, como você acha que Gato deveria ser tratado?"


"Ele deve ser cortado pela raiz, permanentemente. Sugiro enviar a ANBU, ou uma equipe mais qualificada." Kakashi olhou para mim, "Alguém que está mais aberto à idéia de cuidar de um problema."


"Eu posso fazer isso se a missão exigir." Disse a ele debochado, "Só prefiro não cometer assassinatos em massa antes de atingir a puberdade."


["Venha me jogar farpas, que eu jogo uma árvore em você." Foi mal kkkk]


"Yami realmente tem um moral mais alto que nós, Kakashi" O Hokage riu, "mas de qualquer forma, vou seguir seu conselho e ver o que posso fazer. Parabéns equipe 7, vocês completaram oficialmente sua primeira missão de classificação B, no entanto, eu admito, ficou um pouco perigoso para eles. Yami, obrigado por cuidar deles, tenho certeza que você os salvou de muita dor de cabeça. "


Eu sorri, "Não foi problema, senhor."


Ping!


Missão concluída!


Proteja o construtor de pontes!


Recompensas:


Desbloqueie a história da Guerra Civil de Kiri!


Relíquias de Uzumaki


20.000 EXP.


Ping!


Você subiu de nível!


Yami, Pequeno Professor


Nível 44 (13.800 / 68.900)


HP- 9.000 / 9.000 ( 20)


SP- 4.475 / 4.475


CP- 5.800 / 5.800


CONTROLE 100%


FOGO- 100% VENTO- 100% RELÂMPAGO- 100% QUEIMA- 100% SWIFT- 100% POTÊNCIA- 88%


Allegiance- Konoha


STR- 150 ( 5)


VIT- 100


DEX- 100


INT- 100 ( 2)


CHA- 300


CC- 250


LUC- 100 ( 5)


Pontos - 7


Pontos de vantagem - 389


Legal! Meu controle aumentou 60%! Isso é bom! Agora só preciso subir de nível mais uma vez para obter controle total sobre o Potência!


Ping!


Alerta de busca!


Pare a guerra civil de Kiri


Recompensas:


?


?


?


?


Fracasso:


Morte


Você aceita?


S / N?


Eu pisquei, ok, qual é a dessa missão? Normalmente me dizem os detalhes e, em seguida, tenho a opção de aceitar, mas isso... hmpor que não? Não é como se eu tivesse algo melhor para fazer. Eu selecionei sim


O Hokage olhou para Misu e sorriu: "Vejo que mais uma vez Konoha pode ser anfitrião de um Uzumaki. Kakashi me informou de antemão de suas circunstâncias, Misu Uzumaki, é claro que você é mais que bem-vinda a ficar em Konoha."


Misu curvou-se, "Obrigado senhor Hokage, sou grata pela chance de ficar com meu neto", ela sorriu para Naruto, "Isso significa o mundo para mim que encontrei minha família mais uma vez, obrigado por me deixar ficar aqui."


"É claro. Agora, nós podemos providenciar um meio de vida para você, não será nada fantástico, mas deve ser adequado. Vou pedir a alguém para lhe mostrar e-"


"-Na verdade, Yami e Naruto me ofereceram sua casa para ficar", Misu sorriu para mim, "Afinal parece que esse jovem aqui pode pagar, então eu estava convencido a aceitar sua oferta."


"Ah, entendo, tudo bem também" O Hokage assentiu enquanto tirava um arquivo da mesa "Você terá que preencher esses formulários para oficializar o processo. Naruto, por que não você e seus colegas de equipe ajudam sua avó com esses papéis? E tenho certeza de que ela também adoraria conhecer Konoha."


"Você que manda, Jiji!" Naruto sorriu enquanto pegava os formulários, "Vamos lá vovó! Eu vou te mostrar tudo! Vamos Sakura! Sasuke!"


Não sei se Naruto percebeu que estava sendo dispensado, mas com certeza se moveu rápido. No momento em que os três Genin's e a velha estavam do lado de fora, o clima na sala mudou. Não era mais divertido e brincalhão, o Hokage estava de olho sério no jogo.


"Os ninjas que você nos enviou foram... peculiares para dizer o mínimo", Hiruzen suspirou enquanto colocava o cachimbo fora, "você sabe quem eles são?"


"Zabuza, o Demônio do Gás Oculto." Eu respondi, "Não tenho certeza de quem era o segundo."


"Não que você tenha dado a ele tempo suficiente para se apresentar antes de levá-lo ao coma", Kakashi murmurou em seu livro.


O Hokage sorriu. "Sim, ouvi falar disso. Devo dizer que sua velocidade já é um dos... grandes assuntos. Mas devo dizer, seiscentos inimigos em cinco minutos? Duvido que até o Quarto possa ter feito isso."


"O Quarto não tinha o lançamento de Swift", falei.


O Hokage assentiu, "Sim, você é o único com esta Kekkei Genkai. Devo dizer que já dei um pouco e tenho que dizer que sua teoria de estar em tal controle que você pode fazer com que você tenha afinidades elementares parece um pouco estranha... se eu não tivesse visto você fazer isso sozinho na luta com Orochimaru. Como tal, acredito que você será o homem de bandeira perfeito para esta nova missão" Ele tirou um pergaminho com o rótulo 'S' na frente.


Eu levantei uma sobrancelha, "Uma S? Qual é a missão?"


"Guerra de Kiri", foi sua resposta simples.


"Tudo bem... um pouco mais de informação, por favor. A última coisa que você mencionou foi sobre os prisioneiros que trouxemos".


O Hokage assentiu, "Sim. Diga-me Yami, o que você sabe sobre a situação em Kiri agora?"


"Duas facções, uma com o Mizukage e puristas de sangue e a outra liderada por apoiadores de linhagem. Não tenho muita certeza de quem está vencendo."


O Hokage assentiu, "É uma guerra fechada, e é por isso que quero que você garanta que um lado vença".


"De que lado Konoha estará apoiando?" Eu perguntei.


"Os usuários da linhagem", explicou o homem, recostando-se na cadeira, "Você consegue adivinhar o meu raciocínio?"


"Porque... se vencermos, Kiri nos deve olhar como um, tornando-os aliados valiosos que incentivam Suna a continuar sua amizade conosco e fazem Iwa e Kumo recuarem. Se perdermos, podemos oferecer um refúgio seguro em Konoha para os usuários de linhagem, ganhando assim mais Kekkai Genkai's para nós mesmos. E não haveria dúvida de sua lealdade, pois eles nos devem suas vidas."


Kakashi fechou o livro e olhou para mim: "Asuma não estava brincando, você parece um Nara"


Dei de ombros, "É algo natural."


"Como você disse, Yami, a instabilidade de Kiri é a nossa oportunidade", o Hokage parecia sério. "Eu nem consideraria isso uma opção, mas depois de ver suas habilidades em exibição, acredito que podemos ter a chance de fazer isso funcionar. "


Eu balancei a cabeça: "Estou pronto, senhor."


"Bom", o homem assentiu quando se levantou, "Venha comigo, é hora de conversarmos com nossos convidados de Kiri" Saímos da torre imediatamente, os guardas do Hokage do ANBU nos seguiram à distância, enquanto nos destacávamos ao ar livre, caminhando em direção ao leste, onde estava localizado o escritório de T&I.


Chegamos lá em breve e o Hokage entrou. No momento em que entramos, fomos recebidos por duas pessoas conhecidas, Ibiki Morino e Anko Mitarashi.


Ibiki Morino, Sádico.


Lv- 79


REP- 60


Anko Mitarashi, Sensual e Solteira.


Lv- 75


REP- 87


Woah, 87 REPO que eu fizOh espera, ela odeia Orochimaru, e eu meio que chutei na bunda dele... hmlegal.


Ibiki usava seu sobretudo preto e seu uniforme preto, enquanto Anko usava seu sobretudo marrom e uma malha de pele que abraçava suas curvas. Agora eles podem ser tão impressionantes quanto os de Samui, mas posso dizer com certeza que ela era o ninja mais encorpada que esta vila tinha no momento.


"Lorde Hokage", Ibiki curvou-se, "Nós os preparamos, por favor, desta maneira" Ele nos guiou para dentro do prédio. Eu senti meu chakra sentir chamas, a chakra de Ibiki era normal, perto do nível de jonin. Mas a de Anko, ela era como uma pintura, uma pintura bicolor. Seu chakra era uma mistura dela e de Orochimaru, imediatamente meus olhos foram atraídos para o pescoço dela, onde ele voava em ondas.


Anko olhou e sorriu, "Algo que você a se interessa?"


Eu sorri, "Se eu dissesse que é você seria muito brega?"


"Oh, eu gosto de você. Mas desculpe, você é muito jovem para mim" Ela piscou, "me ligue quando você começar a deixar o cabelo crescer, ok?"


"Isso significa que você vai me dar seu número então?" Eu perguntei.


Anko piscou, "Você está falando sério?"


Eu sorri, "Muito. Você provavelmente é a Kunoichi mais gostosa da vila", eu suspirei "O que é realmente muito deprimente, considerando que você é tem tipo o quê? 20 anos?"


"Sim!" ela sorriu.


"Veja! Argh! Isso é tão injusto! Por que eu não nasci mais cedo! Todas as gostosas tem, pelo menos, 20!"


"Dê um tempo, Yami, tenho certeza de que sua geração também tem muitas belezas", o Hokage sorriu.


"Quem? Sakura está com Naruto, Hinata ama Naruto, Ino é uma rainha de fofocas com a profundidade emocional de uma colher de chá, a China é uma fangirl", Me deu até um arrepio de medo "e Tenten prefere namorar uma espada do que um cara! E você sabe a pior parte?!"


"Todos elas têm planos?" Kakashi adivinhou.


"EXATAMENTE!" Eu gritei: "Ah, a propósito, Kakashi-sensei, você é meio pervertido".


"Ah, agora entendo por que você estava tão interessado com aquela Kunoichi de Kumo.", Hiruzen sorriu, "E aqui eu estava pensando que é por causa da personalidade dela."


"Tinha algumas personalidades legais", eu ri.


"Você seriamente o mesmo garoto que lutou com Orochimaru?" Anko perguntou com um sorriso divertido, "Você parece um adolescente excitado"


Dei de ombros: "Como posso parecer se nem adolescente eu sou?"


Anko revirou os olhos antes de se virar para o Hokage, "Ele encarou seriamente Orochimaru? Ou isso foi apenas um boato que ouvimos?"


O velho assentiu: "Garanto-lhe, Anko, não havia boatos. Yami aqui enfrentou meu antigo aluno e quase venceu"


Anko virou-se para mim com os olhos arregalados, "Como?"


Dei de ombros: "Eu posso usar o jutsu do Deus do Trovão Voador".


"Você pode?!" Os olhos de Anko se arregalaram, "Como?!"


"Sou uma espécie de mestre das selos." Disse a ela antes de meus olhos irem para o pescoço dela, "e por falar em selos, você tem um particularmente desagradável agora. E isso cheira ao chakra de Orochimaru."


Os passos de Anko pararam por um momento antes de continuar: "Como você sabe?"


"Eu sou um mestre de selos, e também posso sentir assinaturas de chakra. A dele está bem ali, dentro de você, logo acima da superfície, com vontade de romper. Você precisa fazer algo a respeito, as restrições que coloca ao seu redor não são muito bom."


"O próprio Jiraiya projetou essa restrição", explicou o Hokage.


"E, no entanto, não é forte o suficiente", eu murmurei, "eu poderia dar uma olhada, se você quiser, tentar ver se consigo consertar isso."


"Você consegue?" Anko perguntou, passando por cima da cabeça do Hokage.


Pisquei: "Eu posso tentar"


Anko virou-se para o Hokage, "Ele consegue?"


"Eu sei que Yami é um hábil fabricante de selos, ele deve considerar suas realizações com o jutsu do Deus do Trovão Voador" Murmurou o Hokage, "não doeria para ele dar uma olhada."


Anko tocou seu pescoço, "Estou livre agora."


Eu me virei para o Hokage, "Devo tentar depois de nos encontrarmos com Zabuza?"


O homem assentiu, "Sim. Pegue quanto quiser toda vez que precisar. Ah, e tente envolver a Misu também. Os olhos de um Uzumaki sempre serão um trunfo."


Eu balancei a cabeça enquanto continuamos nas masmorras. Finalmente paramos em uma porta, Ibiki a abriu e dentro havia uma mesa e uma cadeira e saltou diante da mesa Zabuza e Haku, coberto com selos e correntes de supressão de chakra.


Ambos olharam para mim e imediatamente me reconheceram. "Seu merdinha!" Zabuza gritou: "Eu vou te matar!"


Eu bufei, "Sim, sim, com certeza você vai."


"Sir. Ninja, você pode me fazer a honra de me dizer seu nome?" Haku perguntou, muito mais educadamente, mas a raiva ainda estava lá.


"Claro, é Kakashi Hatake, eu gosto de ler pornô porque vou morrer sozinho e virgem" Eu dei um polegar para ele.


"O quê?" Kakashi virou-se para mim, "Você acha que eu sou virgem?"


"Você não é?" Eu perguntei a ele.


"Não."


"Eu não acredito em você."


"Por quê?"


"Por que ler tanta pornografia diariamente quando você pode tocar alguém fisicamente?"


"Porque as mulheres são problemas."


"Ok, então por que não homens?"


"Eu não sou gay."


"Seu melhor amigo usa um spandex verde apertado e sempre tentam ficar melhores fisicamente com você. Você pode não ser gay, mas você certamente atrai muitos olhares gays."


"Como o Zabuza está olhando para você?"


"Exatamente."


"Eu não sou gay!" Zabuza gritou.


"Oh, mas alguém é muito homofóbico, né?" Eu bufei.


"Que deixa", Kakashi assentiu.


"Obviamente, ele está fazendo o possível para negar. Quer dizer, olhe para a pessoa que ele mantém. Um cara que se parece com uma garota? Obviamente, ele é gay, mas não é homem o suficiente para admitir isso."


"Quando eu sair daqui eu vou te matar, seu porra! Você me ouviu, pirralho?! Eu vou estripar você!" Zabuza rugiu quando ele enviou ondas de intenção de matar que eu facilmente ignorei graças à Mente do Jogador.


"Chega", disse o Hokage, sua voz cortando a raiva de Zabuza, "Não estamos aqui para lutar como crianças. Estamos aqui, Zabuza Momochi, para oferecer uma oferta a você e a seu aliado."


"Seja o que for, você pode enfiar no seu-"


"-Estamos nos oferecendo para ajudar você a libertar Kiri", Hiruzen interrompeu Zabuza e fazendo Haku arregalar os olhos de surpresa.


"O quê?" Zabuza perguntou.


"Estamos cientes do motivo pelo qual você foi expulso de Kiri", continuou o Hokage, "Estamos oferecendo a você a chance de corrigir as coisas e trazer a estabilidade de volta à sua terra."


"Em troca de quê?" Zabuza rosnou.


"Em troca de uma parceria", respondeu Sarutobi, "Kiri e Konoha nunca foram aliados... talvez seja hora de mudar isso, sim?"


"Como? O que você está disposto a fornecer? Que garantias você pode dar?" Zabuza disparou.


"Ainda tenho que falar com o Daimyo sobre isso, então ainda não posso garantir o apoio total da Terra do Fogo. Mas posso fazer de você um", disse Sarutobi antes de apontar para mim, "Ele irá com você. "


Zabuza parou, virou-se para mim e olhou, "Qual é o seu nome, garoto?"


"Yami, órfão", respondi.


"Ah, ouvi falar de você", Zabuza bufou, "Você lutou contra aquele bastardo de cobra sozinho. Eles o chamam de o segundo Relâmpago de Konoha."


Dei de ombros, "Honestamente, eu preferiria um nome mais legal e original, mas, ei, não é como se eu me importasse".


"Só ele?" Zabuza perguntou ao Hokage: "Precisamos de mais! O Mizukage tem forças de Jonin's e Chunin's, a resistência mal tem um punhado de lutadores de nível Jonin".


"Eu também posso poupar alguns Chunin's, mas até obter permissão do Daimyo, é tudo o que posso fazer", o Hokage suspirou.


O Demônio da Névoa rosnou: "Tudo bem! O que eu tenho que fazer."


Hiruzen então começou a estabelecer os termos da missão. Eles primeiro chegavam a Hono e obtinham permissão do Daimyo, se ele negar, eles iríamos passar por cima de sua cabeça e esgueirar-se para Kiri secretamente e ajudar a resistência. Se ele nos der permissão, enviaremos uma equipe de 50 Chunin's de ninjas e eu para lutar publicamente com o movimento de resistência. De qualquer forma, parece que estou indo para Kiri.


Após a pequena 'integração', Zabuza e Haku foram enviados de volta para suas celas e os Hokage dispensaram Kakashi e eu, ordenando que eu voltasse amanhã de manhã para uma nova missão. E no momento em que fui dispensado, Anko me agarrou e me puxou para o lado.


"Tudo bem garoto, quando fazemos isso?" ela perguntou nervosamente.


"Estou livre agora", dei de ombros, "Venha comigo para minha casa, podemos usar minha sala de trabalho. Tenho certeza de que Misu já estará lá agora, ela pode ajudar."


"Quem é Misu?" ela perguntou enquanto ele corria pelos telhados da vila.


"Uma Uzumaki amante de selo." Disse a ela quando chegamos à minha casa rapidamente "Ela é boa nisso, muito boa."


Anko assentiu enquanto caminhávamos até a porta do meu apartamento, senti Misu e Naruto lá dentro, bem. Abri a porta, "Ei, estou de volta. E trouxe uma amiga."


"Quem?" Naruto perguntou da cozinha.


"Naruto, esta é a Anko", eu disse, a apresentando para eles, "Anko, é o Naruto e sua avó, Misu Uzumaki."


"Oh, quem é essa? Sua namorada?" Misu perguntou em um tom de provocação.


"Ah, antes fosse" Eu bufei.


"Ele é novinho demais para mim" Respondeu Anko.


Revirei os olhos, "De qualquer maneira, Misu, eu estava esperando que você pudesse me ajudar. Você vê que Anko tem esse selo maldito no pescoço, acha que pode me ajudar a removê-lo?"


Misu piscou, "Bem, certamente não é minha área de especialização, mas farei o meu melhor. Mas talvez possamos fazê-lo depois do almoço, sim? Estou faminta, tenho certeza que a Sra. Anko também está."


"Oh, por favor, senhora, eu estou bem", Anko sorriu, "e sim, eu poderia comer. Onde você quer ir? Eu conheço este ótimo lugar de dango que podemos tentar!"


"Dango?! Pff, por favor! Melhor ir ao Ichiraku! Podemos comer um ramen!" Naruto exclamou.


"Ramen?! Você quer comer ramen no almoço?!" Anko ofegou, "Isso é nojento!"


"Você queria comer doces!"


"E daí? Dango é a comida dos deuses!"


"Não! Ramen é a comida dos deuses!"


"Dango!"


"Ramen!"


"Dango!"


"Ramen!"


"Calem-se!" Gritei: "Nenhuma outra palavra de vocês dois!" Eu gemi quando belisquei meu nariz, "Deus, é como se eu estivesse preso a dois Narutos!"


"Ei! Retire isso! Eu não sou como esse pirralho!" Anko reclamou olhando para Naruto em desgosto.


"Ah, é?! Você deveria estar honrado por ser comparado a mim, sua louca!" Naruto gritou.


"O que você disse, pirralho?!"


"O suficiente!" Eu gritei mais uma vez, "pelo amor de Deus, é o suficiente! Nós não vamos sair, sentem-se vocês dois, eu vou nos fazer algo. Apenas por favor, pelo amor de Deus não comece a gritar de novo!" Eu gemi quando tirei meu casaco e jaqueta, colocando-os para pendurar antes de abrir a minha armadura, afrouxando as tiras.


"Você pode cozinhar?" Anko perguntou surpreso.


"Sim! Yami é a melhor cozinheiro que eu conheço!" Naruto sorriu, "sua comida sempre me faz sentir poderoso!"


Revirei os olhos enquanto pegava um monte de ingredientes para fazer um pouco de curry e arroz "Porque é feito em casa, e não comprado em lojas." Fiz três clones e cada um partiu para me ajudar a almoçar.


"Você sabe que pode deixar que eles façam todo o trabalho," Anko sugeriu enquanto ela e Naruto se sentavam ao lado do balcão da cozinha para assistir.


"Ei!" um clone gritou: "Isso é escravidão!"


"Se ele fizesse isso, criaríamos clones para fazer nosso trabalho por nós!" outro clone respondeu.


Eu sorri, "Esse é o problema com três versões diferentes de mim. Todas elas são uns merdinhas arrogantes. Além disso, se eu não estiver disposto a fazer o trabalho, elas também não o farão"


Anko bufou, "Isso é idiotice, recebendo ordens de um clone."


"Diz a mulher vestindo nada além de malha apertada na pele." Eu sorri, "Não que eu esteja reclamando. Isso certamente está me ajudando a alcançar a puberdade mais rapidamente."


"Realmente, você não pode usar algo decente?" Misu bufou, "Você está dando um péssimo nome para Kunoichi's em todos os lugares."


Anko gemeu, "Me morda, sua velha"


"Relaxe Anko, ela está apenas com ciúmes", eu sorri, "Veja, toda mulher que já a insultou por causa de sua aparência está fazendo isso por uma razão: você é a mulher mais gostosa da vila e elas sabem disso."


"O quê?! De jeito nenhum! Sakura é muito mais bonita!" Naruto gritou.


Revirei os olhos, "Sakura tem as curvas de uma tábua de cortar, ou seja, nenhuma."


"Há mais coisas que tornam uma mulher atraente do que apenas seu corpo, Yami, pensei que alguém tão maduro quanto você saberia", Misu bufou.


"Estou cercado de grandes Kunoichi's, elas são todas inteligentes e poderosas, então a única maneira de uma ser considerada superior as outras é por causa do corpo delas. E Anko aqui tem o melhor corpo em todo o Konoha! " Eu gritei, "Né mesmo, rapazes?!"


"Isso aí!" os clones gritaram.


Anko sorriu. "Ok, agora você está colocando um pouco de exagero aí. Eu sei que estou em boa forma, mas não há como eu ser a garota mais gostosa da vila."


Meus clones e eu olhamos para ela e levantamos uma sobrancelha, "Sério?" Eu perguntei: "Nomeie-me uma kunoichi com seios maiores e um corpo mais gostoso que você"


Anko sorriu, "Isso é fácil... ah... espera um minuto... só me dê um segundo", ela gemeu: "Eu... ah, meu Deus! Eu sou a kunoichi mais quente da vila!"


Suspirei, "Sim, e você tem 20 anos. Por que as garotas da minha idade não podem ser tão quentes?! ARGH!"


"Isso é frustrante!" um clone gritou.


"Qual é o objetivo de ser super incrível se você não tem uma garota para compartilhar isso?!" outro gritou.


"É como a Academia mais uma vez; que as únicas bonitas são mais velhas e nós seriamos mortos se elas nos pegar olhando pra elas!" o clone à minha direita clamou.


"Agora, Yami, tenho certeza de que há uma garota lá fora só para você", Misu sorriu. "E também tenho certeza de que ela apreciará se você parar de olhar as mulheres como objetos sexuais"


"Não há nada errado em apreciar a beleza de alguém, seu saco de ossos" Anko bufou.


"Saco de ossos?! Como você se atreve!"


E foi assim por algum tempo até o almoço ser servido. Sentamos na mesa de jantar raramente usada enquanto os clones arrumavam a mesa. Eu servi a todos um pouco de curry com arroz, a comida ganhando um bônus de 64% com minhas habilidades culinárias.


"Parece bom", disse Misu com um sorriso.


"Obrigado pela comida!" Naruto gritou quando começou a devorar a comida.


"Honestamente, garoto do ramen, você não pode agir com alguma decência?" Anko bufou, pegando sua própria colher, "É como um animal"


"Naruto tende a ficar entusiasmado com a comida", dei de ombros enquanto comia um pouco, "Por favor, experimente um pouco."


"Certo", Anko pegou um pouco de curry e arroz e engoliu. Imediatamente seus olhos se arregalaram, "Isso é incrível!"


"Você é uma boa cozinheira Yami", Misu assentiu quando começaram a comer o curry e o arroz.


"Oh, por favor, você me lisonjeia" Sorri quando eles terminaram seus pratos rapidamente, "Vocês podem ir mais devagar lá, pessoal."


"Mais, por favor!" Anko gritou, seu prato vazio e seus olhos brilhando.


Pisquei, "Ah, tudo bem" Enchi o prato dela, e depois o de Naruto e depois o de Mitsu. Acho que eles realmente gostaram.


Vinte minutos depois e estávamos todos no sofá. Anko gemeu quando deu um tapinha na barriga, "Como é tão bom?"


"Eu te disse, Yami é um ótimo cozinheiro", Naruto gemeu.


"Bom é pouco." Misu suspirou, "Isso foi incrível. É como se eu tivesse duas vezes mais energia do que antes"


Eu sorri, "De nada. A propósito, Anko, eu também faço ótimas massagens com óleo", eu pisquei.


Ela bufou, "Ainda não está interessada em coisas curtas"


Eu sorri. "Um dia, quando eu estiver crescido e gostoso, e você junto com seus peitos começarem a envelhecer, você vai se arrepender de não sair comigo agora."


Anko acenou com a mão. "Sim, sim, tenho certeza."


"Certo... enfim, vamos começar?" Levantei-me, cara de jogo.


"Certo", Misu parecia sério, assim como ela se virou para Anko, "Onde devemos fazer isso?"


"Minha sala de trabalho", eu os conduzo para dentro. Os clones haviam trabalhado e liberado, colocando um Fuuton no chão e rolando tinta.


Peguei minhas ferramentas e tirei minha armadura, aliviando a camisa de algodão que eu usava por baixo. Arregacei as mangas e apontei para o futon, "Por favor, tire o casaco e deite de bruços"


Anko assentiu enquanto fazia exatamente isso, colocando as mãos sob o queixo para erguer os olhos. Eu me virei para Naruto, "Naruto, isso é uma coisa privada para Anko, então se você puder sair."


"Está tudo bem", disse Anko, "Não me importo. Só não faça muitas perguntas, menino ramen."


"Sim, sim, senhora dango", Naruto bufou quando ele fechou a porta atrás dele.


Ajoelhei-me ao lado de seu pescoço e puxei a malha para baixo, revelando sua marca de maldição. Foi na forma de três tomos, semelhante às vírgulas do sharingan. Eu observei;


Selo Amaldiçoado do Céu, rank S


O usuário recebe níveis aumentados de chakra e capacidades físicas quando o selo está ativo.


SELADO: Método de Selagem Maligno


Eu bufei, "Patético. O selo em si é impressionante, mas do jeito que está isolado de você. Honestamente, é como um curativo para uma ferida aberta"


"Você pode fazer algo sobre isso?" Anko perguntou.


Misu cantarolou quando se aproximou do selo e canalizou o chakra na ponta dos dedos. "Isso pode doer um pouco", ela queria.


"Só faça", Anko rangeu os dentes.


Misu pressionou os dedos no selo e os girou no sentido horário, fazendo com que o selo explodisse repentinamente em kanji que se espalhava por todo o corpo de Anko.


"Merda!" Anko sibilou: "o que você fez?"


"Isso é chamado de toque revelador", expliquei, "nos permite ver exatamente como o selo foi construído e quais partes diferentes o compõem. Você precisará remover sua malha Anko, não podemos ver algumas partes. "


"Você tem certeza de que isso não é apenas uma trama para você olhar para o meu peito?" Anko bufou.


"Acredite em mim, Anko, eu prefiro ver seus seios magníficos quando não estamos tentando remover um selo de maldição. Mas ei, se você quiser, pode me mostrar novamente depois que terminarmos", eu ri.


"Sim, continue sonhando garoto", Anko bufou enquanto ela lentamente removia sua malha. Eu fiz questão de não olhar, eu só vi uma dica de seus mamilos antes que ela voltasse. Eu olhei para trás e vi Naruto olhando para longe, seu rosto estava completamente vermelho.


Suspirei e voltei ao trabalho. Misu e eu examinamos os selos nas costas dela, eles eram intrincados e... bem... complexos. Mas acho que estou começando a entender como eles funcionam.


Eu assobiei: "Esse é o selo mais incrível e nojento que já vi na minha vida. É tão complexo e brilhante, mas ao mesmo tempo é tão nojento e perverso"


"Hm, eu não consigo decifrar essa parte Yami, consegue?" Misu perguntou.


"Hm" Olhei para o kanji, "Diz como o selo vai armazenar o chakra de Orochimaru... não... espera, não é chakra... mas que merda!"


"O que aconteceu?" Anko perguntou.


Eu precisava dar uma olhada nessa coisa, uma boa olhada nela. Eu preciso... meus olhos Sharingan, eles podiam ver redes de chakras, mas eu não posso me revelar. Merda! Estou sem escolha.


Eu olhei para cima, "Misu, Naruto, eu preciso que vocês dois desviem o olhar por um momento."


"O que? Por que?" Naruto perguntou.


"Estou prestes a tentar algo... diferente", disse a ele, "Por favor, apenas por um momento."


"Ei, não tenha idéias perversas, garoto, não tenho medo de cortar o pau de uma criança!" Anko gritou de volta.


"Ah, cala a boca!" Eu resmunguei antes de me virar para os dois Uzumaki, "Por favor, não faça perguntas."


Os dois assentiram e se viraram. Olhei para Anko e canalizei o chakra nos meus olhos e mais uma vez minha visão começou a desacelerar, ficou mais clara e mais controlada. Eu olhei com meus olhos vermelhos e vi como o chakra de Anko se movia e interagia com o selo e com o que estava dentro do selo. Um pouco do chakra de Orochimaru e sua alma.


Eu podia ver, aquela aura roxa nojenta, muito mais condensada que o chakra. Gerou seu próprio chakra, não poderia ser outra coisa senão sua alma.


Desativei meus olhos e suspirei, "Vocês podem olhar novamente."


"O que você achou?" Misu perguntou.


"É um maldito Horcrux!" Eu falei com nojo, "Você pode colocar sua malha de volta em Anko. Eu já terminei."


"O que é um horcrux?" Misu perguntou.


"É uma idéia que eu tive, apenas no papel" Eu disse rapidamente quando Anko se levantou e olhou para mim, "É basicamente... uma maneira de você se tornar imortal."


"Desculpa, o quê?" Anko piscou, "Imortal?"


Eu balancei a cabeça, "Sim. É meio que você pega um pedaço de sua própria alma e o coloca em outro recipiente. Dessa forma, se seu corpo principal morre, você tem um backup em outro corpo e, eventualmente, a alma assumirá aquele corpo, como um fungo."


A mão de Anko foi trêmula para o seu selo, "I-isso deveria me matar e me transformar em outro Orochimaru?"


"Não, se você não usá-lo, e como você não faz nada, você não tem chance de ser usada porém quanto mais o usa, mais cansado fica com o chakra dele e mais fácil será para conseguir assumir. É simplesmente... nojento."


Anko parecia pálida. Até a Misu parecia horrorizado: "Em todos os meus anos, nunca ouvi falar de alguém fazendo algo assim"


Suspirei, "Bem-vindo ao mundo moderno, Uzumaki".


"Você pode removê-lo?" Anko perguntou imediatamente: "Você sabe o que é, você consegue destruí-lo?"


"Não posso destruí-lo", suspirei, "Não sem matar o anfitrião."


Anko gemeu, "Que se foda!"


"Mas," Suspirei esfregando os olhos, eles estavam com coceira, eu realmente preciso me acostumar a usar meus olhos vermelhos " eu posso fazer algo sobre isso."


Ping!


Alerta de busca!


Cure Anko! Retire o selo!


Recompensas:


?


?


?


Fracasso:


-50 REP em Anko


Você aceita?


S / N?


"Como?" Anko perguntou.


Selecionei sim e expliquei: "O objetivo do selo é servir como um recipiente para uma alma. Somente o interior é como magma, você tenta fazer qualquer coisa e destrói o vaso, tenta removê-lo, derreterá o recipiente ao longo do caminho. Mas, se você usá-lo como ele foi projetado para ser usado... então o vaso se não for ferido."


"V-você quer me transformar no Orochimaru?!" Anko gritou.


"Não, você não" Eu disse a ela, buscando a tranquilizar. Peguei um pergaminho e o abri, "o que estou dizendo é que despejamos sua alma em outra coisa, algo que pode conter"


"Você tem algo assim?" Misu perguntou.


"Não... mas eu posso fazer." Eu gemi, "Talvez uma panela, algo para derramar o magma e selá-lo para sempre."


"V-você pode realmente fazer isso?" Anko perguntou esfregando o pescoço.


Eu balancei a cabeça: "Eu posso tentar", virei-me para Misu, "com sua ajuda".


A mulher de Uzumaki assentiu: "Ajudarei onde puder. Posso mostrar a Konoha o quão grata sou por ajudar um deles"


"Certo" Sorri e olhei para Anko, "Tenho uma missão amanhã, não sei quanto tempo vou demorar, mas vou falar com o Hokage e tentar consertar algo para você."


Anko sorriu, "Obrigada!" Ela pulou me abraçando com força, empurrando minha cabeça entre seus seios, "Você é o melhor!"


Eu sorri. Oh, Obrigada DeusEu amo isto! Eu deveria ser mais gentil com as pessoas com mais frequência!


O próximo dia:


Após o exame, Anko ficou por uma hora, discutindo com Naruto sobre o que era melhor, ramen ou dango. Obviamente, os dois idiotas gostaram de fazer uma discussão tão estúpida. Anko pode ser gostosa, mas cara, ela é meio lenta, pra não dizer algo pior- burra.


Cheguei ao escritório do Hokage na hora certa e esperei que ele terminasse sua reunião anterior. As portas se abrem e um homem que parecia cansado saiu de lá. Ele estava com o olho direito enfaixado, o braço direito escondido e andava com uma bengala. Ele tinha uma cicatriz em forma de 'X' no queixo e uma presença mortal envolta dele.


Danzo Shimura, Chefe da Raiz.


Lv- 86


REP- 56


Ele olhou para mim e eu olhei para trás. Ele se curvou, uma ação que eu copiei. Ele então não disse nada enquanto se afastava, batendo a sua bengala. Eu olhei para as costas dele e ativei meus olhos vermelhos. Eu podia ver os implantes de Sharingan no braço direito e um sob o olho direito enfaixado. Foram tão perversos.


"Yami, por favor, entre" O assistente do Hokage chamou. Desativei meus olhos e entrei, fechando a porta atrás de mim.


"Yami, desculpe por fazer você esperar", Hiruzen suspirou enquanto soprava o cachimbo. "Essa foi... uma reunião difícil."


"Aquele homem era Danzo Shimura, né?" Eu perguntei.


O Hokage assentiu, "Sim, um velho amigo".


"Ele ainda tinha cabelo preto, quantos anos ele poderia ter?"


Sarutobi sorriu: "Eu suspeito que ele tinja, mas nunca admitiria."


Eu vi uma chance de expor o homem, eu poderia afirmar que podia sentir o primeiro chakra de Hokage dentro dele, ou talvez até os olhos de Sharingan, mas... se Sarutobi ainda não fez nada sobre Danzo, é provável que ele nunca vai.


Limpei minha garganta, "Certo... a missão, senhor?"


"Primeiro apelamos para o Daimyo de Fogo", disse o Hokage ao se levantar da cadeira, fazendo com que cinco agentes da ANBU se aproximassem imediatamente do seu lado. "Vamos partir hoje às duas horas." Ele me indicou quando deixamos a porta. No escritório, a ANBU nos seguindo de perto, "Esteja pronto para uma jornada difícil, você fará algumas paradas e viajará em velocidades chunin"


Eu sorri, "Eu acho que posso lidar com isso."


O Hokage devolveu aquele sorriso, "Sim, é claro. Eu irei junto com os anciãos Mitokado e Utatane separadamente, você e a equipe da ANBU continuarão protegendo o Daimyo de Fogo e sua corte, escoltando-os para um local combinado. Águia," Ele apontou para um membro da ANBU usando uma máscara de Águia Branca ", deixe Yami pronto, ele estará servindo como um guarda"


"Sim, senhor Hokage", Águia curvou-se quando deu um passo para trás.


"Yami, você não tem permissão para revelar sua identidade sob nenhuma circunstância, a menos que seja ordenado, entendido?" o Hokage parou na porta.


"Sim. Mas e se eu for forçado a usar o jutsu do Deus Trovão Voador para proteger o cliente?" Eu perguntei.


"Exceções podem ser feitas. E não use seu lançamento abrasador de lançamento rápido, se você puder ajudá-lo. Não quero que os Daimyo pensem que você é o nosso único trunfo", ele ordenou, "Dispensados."


Ping!


Alerta de busca!


Proteja o Daimyo do Fogo e a sua corte!


Recompensas:


20.000 EXP


Fracasso:


Rebaixamento de cargo para Chunin.


Você aceita?


S / N?


Aceitei a missão e assenti. Eu então me virei para a ANBU, que me indicou que os seguisse. Eles saíram de uma janela aberta e eu os segui rapidamente.


Enquanto pulávamos pelos telhados da vila, parei para perceber o quanto eles eram mais lentos quando comparados a mim. Eu me vi tendo que desacelerar para deixá-los liderar. Talvez fosse porque eles não quisessem usar toda sua força de qualquer maneira, ou talvez porque fossem apenas lentos.


Chegamos a um prédio alto de dez andares perto da orla da vila. Era uma fortaleza, obviamente a sede da ANBU. Eles me direcionaram para uma grande abertura no telhado e me indicaram para dentro. Eu acho que isso significava que essa era a entrada real que eles usavam.


As aberturas eram um labirinto, eu tive que cortar para encaixar e segui-las, memorizando o caminho da abertura. Eles finalmente abriram um portão e eu caí no que parecia uma sala de olhar com uma parede cheia de máscaras.


"Aqui", Águia, que eu acho que era um cara, apontou para um armário, dentro do qual estava o uniforme padrão da ANBU.


Uniforme ANBU, classificação A


Uniforme usado pelo esquadrão ninja de elite de Konoha.


20% de furtividade


Durabilidade- 300/300


Porra, o bônus é legal, mas a durabilidade era uma merda. Mas a minha jaqueta de Jonin tem as mesmas estatísticas. Suspirei quando tirei rapidamente meu casaco, colete e armadura. O esquadrão da ANBU não se incomodou em desviar o olhar enquanto eu me despia até a minha cueca.


Tirei minhas adagas, bolsas de veneno, bolsas de kunai e shuriken e materiais de vedação antes de selar minha armadura em um pergaminho de armazenamento. Depois coloquei o uniforme da ANBU, que encaixava perfeitamente na minha pequena estrutura, acho que eles sabiam que eu estava vindo.


A jaqueta era cinza e estendia-se até minha virilha. Em vez de meia manga ir do meu pulso ao meu cotovelo, meu braço inteiro estava coberto. Prendi um tanto nas minhas costas, uma arma desconhecida, mas tanto faz, e coloquei minha máscara.


Depois carreguei meu uniforme novo com todos os meus pequenos brinquedos, sem mencionar o pano de vedação que eu tinha enrolado em meus braços e pernas. Quando terminei, virei-me para a Águia: "Preciso carregar a maldita lâmina? Realmente não é o meu estilo. Eu nem treinei com uma antes".


"Você nunca treinou com uma tanto antes?" uma ANBU usando uma máscara da Puma zombou: "Como você conseguiu se tornar um Tokubetsu Jonin?"


Eu olhei para o nome dela;


Garumo Holo, ANBU


Lv- 73


REP- 32


"Isso é simples, senhorita Holo, sendo esperto", Sorri quando a vi se contorcer.


"C-como você sabia meu nome?!" ela quase gritou.


Dei de ombros: "Sou especial. Da próxima vez, leia as informações da maldita missão, sua idiota. Acho que disseram algo sobre mim, né?"


"Nos disseram que você era um sensor de chakra." A Águia interveio no possível começo de uma discussão, "Não que você soubesse as identidades dos agentes da ANBU"


Dei de ombros, "Uma assinatura de chakra é como um rosto, você não esquece se os sentiu antes." virei-me para Puma debochando, "E eu tenho uma boa memória"


"Hehe, te pegou, Puma" O da máscara de Aranha falou.


"Cala a boca!" Puma gritou.


"Você não precisa usar o tanto, pode usar qualquer ferramenta com a qual se sinta confortável", Águia me respondeu, "Venha, está na hora da sua máscara."


Ele me guiou para uma parede emoldurada de veludo vermelho que tinha uma máscara  de ANBU branca pendurada em ganchos. Havia tantos pendurados nos ganchos que Eagle pegou um com as características de um panda e o jogou para mim.


Eu olhei para a máscara, parecia velha e desgastada, "Sério? Um panda?"


"É tradição", Águia deu de ombros.


"Isso significa que eu sou ANBU agora?" Eu perguntei enquanto colocava a máscara.


"Sim, apenas para esta missão", Eagle assentiu enquanto todos voltávamos para as aberturas de ventilação e também para o telhado.


Águia então começou a usar as mãos para se comunicar: 'Você consegue me entender?'


'Sim. Por favor, continue.'


Eagle assentiu. 'Objetivo: alcance Hono dentro de um dia e encontre a corte com o Daimyo. Nós os escoltaremos até o local combinado, onde o Hokage estará esperando.'


'A localização?' Eu perguntei.


'Castelo da Lua Vermelha', respondeu Spider.


'Certo, mexam-se' Eagle ordenou enquanto todos decolávamos a correr.


Nós nem tivemos que parar no portão para sair, acabamos de sair, correndo para fora dos portões a toda velocidade. Bem, velocidade máxima para eles, um passeio no parque para mim. Desde que coloquei o VIT em 100, me vi mais rápido do que qualquer outra pessoa na vila. E se esse esquadrão é conhecido por sua velocidade e eu ainda estou chutando a bunda deles, bemisso é algo.


Por volta do meio-dia, Águia pediu uma pausa. O que me confundiu: 'O Hokage nos disse pra ir em um dia, né?'


'Dando tempo para recuperar o fôlego' respondeu Águia.


'Estou bem, vamos continuar', eu insisti.


'Não seja arrogante, criança' Puma bufou 'Não queremos você meio morto quando chegarmos a Hono.'


Eu bufei, 'Eu poderia estar em Hono agora, se eu quisesse. Acredite, eu não sou considerado o segundo Relâmpago de Konoha por nada. Vamos continuar.'


Macaco, o quarto membro do nosso grupo, deu de ombros 'Se ele diz que está bem, vamos continuar.'


'Concordo', disse Cobra, o último membro do grupo.


'Tudo bem' Águia assentiu e com isso partimos.


Às sete horas daquele dia, Hono estava à nossa vista, e Puma estava exausta, eu sabia. Mas seu orgulho se recusou a deixá-la parar. Então, conseguimos chegar à cidade e começamos a longa subida por suas estradas irregulares, até o topo onde ficava o castelo dos Daimyo.


Na verdade, passamos pelo castelo de Sócio, pude ver os movimentos familiares de gaurd nas paredes do complexo. Na verdade, parei por um momento para tentar olhar para dentro para ver a Moe, mas Águia me incentivou a continuar, então me afastei e segui em frente.


Logo nos aproximamos do castelo e são gigantescas paredes compostas. O castelo em si era enorme, com pelo menos trinta metros de altura e uma gigantesca muralha de pedra. As paredes eram vermelhas com lanternas vermelhas e douradas cobrindo as paredes do castelo.


Estávamos a uma quadra de distância quando outro esquadrão da ANBU apareceu diante de nós. Esses caras usavam vermelho e dourado em vez de preto e cinza. Pareciam um guarda de elite, até suas máscaras eram diferentes. Vermelho brilhante com números em vez de animais para diferenciá-los.


"Vocês são o esquadrão S?" Perguntou o identificado com o número 1;


Ro, Líder do detalhe de proteção Daimyo


Lv- 71


REP- 50


"Sim", Águia deu um passo à frente e apresentou um pergaminho ao homem.


Um pegou e olhou, e depois olhou para mim: "Você trouxe um Panda nesta missão? Está brincando?"


"O próprio Hokage o designou para esse esquadrão, garanto-lhe, ele não é brincadeira", respondeu Águia.


"Tudo bem", um deles jogou o pergaminho de volta, "Nós siga. Continue, Panda."


"Certo" Eu decidi me exibir um pouco, usando minha velocidade máxima para pular para a frente e sair correndo por todos os postos de proteção, alcançar as paredes do composto em uma explosão de velocidade antes mesmo de descerem do telhado. Olhei para trás para os guardas reais chocados, "Vão vir ou o quê?"


Eles ignoraram minha demostração quando todos nós entramos no castelo. Seguimos a liderança de Um, pois, em vez de nos arrastarmos pela escuridão e pelo teto, andamos no chão como civis normais, o que me confundiu, mas acho que é porque eles não gostam de assustar muito esses nobres.


Entramos no coração do castelo. Um deles abriu a porta levemente, entrando em uma sala que era um grande salão. Havia cerca de cinquenta nobres, todos sentados ao redor de uma grande mesa que podia acomodar cem.


E à frente havia um velho em roupas pretas reais e o kanji como fogo em suas vestes. Na cabeça, havia um pedaço de cabeça preta que cobria seus cabelos e as costas. O homem era velho, com olhos redondos e um leque que ele costumava esconder constantemente.


Um veio à frente e curvou-se diante do homem, "Meu senhor".


"Oh, Um, qual é o problema?" o daimyo perguntou olhando para baixo.


"O esquadrão da ANBU que Hokage enviou está aqui" Um falou enquanto o resto de nós entrava, permitindo que todos olhassem bem para nós. Águia e o resto se curvaram, ajoelhando-se, obviamente também os segui.


"Oh? Este é o time que Hiruzen enviou? Que lamentável" Zombou o Daimyo, "Pelo menos eu esperava que ele enviasse alguém adequado, como Kakashi Hatake ou mesmo Ko Hyuga e seu time. Moe, querida, como eram seus nomes novamente? Aquela equipe genin que salvou sua vida e capturou aqueles terríveis Iwa ninjas? "


Minha cabeça levantou de leve quando eu segui a linha de visão do Daimyo. Eu a encontrei, Moe, ela não mudou desde que eu a vi, ainda com o mesmo cabelo azul penteado da maneira nobre. Ela usava um quimono de pele branca com reflexos vermelhos e muita maquiagem. Eu quase não a reconheci.


"Os nomes deles eram Zumo Sarutobi, China e Yami" Suavizou o tom dela ao falar o meu nome, "Um Genin bastante poderoso, mas obviamente, não no nível da ANBU"


"Hm, talvez, eu ouvi dizer que o garoto Yami se tornou um Jonin, sim?" Daimyo cantarolou.


"Tokubetsu Jonin, senhor Daimyo", falou Eagle.


"Hm? O quê?"


"Yami, o membro da equipe Ko, ele foi promovido a um Tokubetsu Jonin", Eagle falou quando Puma se virou para mim e olhou por um momento.


"Ah... há alguma diferença? Seja como for, vocês ninjas tem seus próprios rankings estranhos", zombou o Daimyo, "De qualquer maneira, desde que você chegou, suponho que poderíamos começar essa terrível jornada. Onde Hiruzen deseja se encontrar novamente?"


"Castelo da Lua Vermelha, meu senhor", respondeu Águia.


"Essa é uma jornada de quatro horas", suspirou o Daimyo, "Sabe, é tarde demais, iremos amanhã."


"M-mas o Hokage nos espera hoje à noite", Águia gaguejou.


"Hmph, como posso sair agora? É o meio da noite! Você espera que eu e minha corte viajemos nessas condições?!" o daimyo zombou.


"N-nós devemos meu senhor, para sua segurança, bem como o fato de que este encontro é para ser em segredo", disse Águia calmamente.


"Mas-"


"Oh, vamos agora, meu senhor" Disse o senhor Socio com um sorriso. "Tenho certeza de que sua carruagem é bastante confortável. Você pode dormir a viagem como se não fosse nada!"


"Mas e os cortesãos?" o Daimyo perguntou em um tom preocupado.


"Nós ficaremos bem, meu senhor!" e um homem entusiasmado gritou: "Afinal, você só vai levar cinco de nós! Tenho certeza que todos concordam que não será um problema".


"Estou disposto" Um assentiu.


"Como eu estou" Outro sorriu.


"Eu também" Respondeu uma mulher vestida com um quimono roxo apertado.


"E eu", Socio sorriu, "assim como minha filha", Moe fez uma reverência.


"E eu", um homem durão com cicatrizes de batalha rosnou.


O Daimyo fungou: "Eu não poderia pedir uma corte melhor! Vocês são todos tão altruístas, para viajar em tais condições! Verdadeiramente, todos vocês merecem uma salva de palmas!"


... isso foi uma piada? Não, não era, eles estavam realmente aplaudindo. Droga... então essa é a corte de um nobre.


Dentro de uma hora, eles estavam prontos para sair. Uma caravana de mais de mil soldados armados escoltou seis carruagens para fora de Hono. Cada carruagem era maior que a casa de um homem pobre e cada uma luxuosamente decorada. O Daimyo ergueu-se no centro, cercado pela maioria dos guardas, enquanto os outros nobres o rodeavam, cercados pelo exército.


O guarda real e minha equipe, no entanto, estavam em serviço de patrulha, enviados para as bordas da equipe de escolta para servir como vigia. E como eu era um sensor, assumi a liderança, certificando-me de abrir o caminho para todos atrás de mim.


Surpreendentemente, a missão terminou em quatro horas. Nada dera errado, nem bandidos, nem ninjas desonestos. Chegamos ao castelo da Lua Sangrenta à meia-noite. E à nossa espera já estavam o senhor e os servos do castelo. E o Hokage.


"Ah! Lorde Hokage! Como tem passado?!" o Daimyo disse enquanto lutava contra um bocejo, ainda com areia nos olhos.


"Lorde Daimyo", o Hokage fez uma reverência, "Obrigado por me ver em tais condições. Entendo se isso foi inconveniente."


"Não tenha medo! Com um tribunal como o meu, a Terra do Fogo pode enfrentar quaisquer obstáculos!" o homem riu quando o Hokage o guiou e seus cortesãos para dentro.


Eu segui a equipe de Águia quando entramos na sala de conferências à distância. Vimos dos cantos da sala os anciãos do conselho de Konoha, os Hokage, os Daimyo e sua corte, todos sentados em frente a uma mesa grande.


"Então Hiruzen, o que é isso?" o daimyo disse quando começou a se abanar.


"Trata-se de Kiri e a guerra civil atualmente em andamento lá", respondeu Sarutobi.


O Daimyo piscou, "Você deseja interferir? Isso não é uma ação esperada de você, Hiruzen."


"Eu concordo, senhor Daimyo", a anciã Utatane assentiu. "Fico feliz em ver meu antigo companheiro de equipe finalmente tomando alguma iniciativa."


"O que o convenceu a mudar de idéia, senhor Hokage?" o grande guerreiro como nobel perguntou.


"Um ninja em particular que me mostrou que é preciso lutar se quiser trazer alguma aparência de paz neste mundo" Ele sorriu quando seus olhos se voltaram para mim por um momento antes de olhar novamente para o Daimyo.


"Tudo bem... o que você precisa, Hiruzen?" o Daimyo perguntou.


E lentamente o Hokage explicou toda a questão ao senhor, indo devagar e explicando por que seria do interesse de Konoha interferir. E quando ele terminou, o daimyo suspirou: "Isso parece muito esforço, por que precisamos nos preocupar? Se eles querem se matar, devem fazê-lo, com menos inimigos para enfrentarmos"


Eu não pude evitar um rosnado baixo escapar dos meus lábios com a falta de preocupação humana do homem. Era esse o cara que eu devo obedecer?!


"Pode ser meu senhor, mas você vê que, lutando na guerra deles e apoiando a resistência, poderíamos ajudar a promover melhores relações com eles, tornando-os nossos aliados", explicou o Hokage.


"Nós já somos aliados de Suna, não somos?" Socio perguntou.


"Pode ser, mas as relações com eles têm sido difíceis, para dizer o mínimo" Respondeu Mitokado, o ancião do conselho, "Se ganharmos outro aliado em Kiri, isso concederá mais poder"


"E servirá como um aviso para Suna permanecer aliada", Utatane assentiu, "e se a resistência acabar perdendo, então Konoha pode servir como um refúgio para todos os usuários de linhagem que são perseguidos."


"Nos dando mais clãs" A senhora de púrpura sorriu, "então, de qualquer maneira, nós temos lucro. Hum, ideia interessante, eu apoio!"


"E o Daimyo da Água?" o nobel guerreiro perguntou: "O que ele diz sobre tudo isso?"


"Nada", o Hokage suspirou, "ele está abaixando a cabeça e olhando para longe, permitindo que os shinobi resolvam suas discussões entre si."


"Hum, ele não ficaria descontente com a nossa interferência? Talvez não devêssemos", disse o covarde que chamei meu Daimyo com um gemido.


Levou uma hora para Sarutobi convencer o idiota a concordar com os movimentos de Konoha em Kiri. Não foi muito, apenas a autorização de duas equipes de Genin's, 20 Chunin's e dez Jonin's, e realmente não era muito, diabos, eram só um quarto das forças que tínhamos, mas o Daimyo se recusou a deixar mais ninjas partirem, especialmenteporque agora ele acredita que Suna deveria ser vigiada.


E assim começamos a cansativa tarefa de tirar essas bundas gordas do castelo e voltar para Hono. Estávamos a dez minutos de Hono, fiquei empolgado por finalmente ter terminado essa missão de escolta, quando senti. Duas assinaturas de chakra, ambas cruzando facilmente o nível de Jonin, talvez até... o nível de um Kage.


Criei dez clones, cada um com 100 CP e os enviei para avisar a todos. Imediatamente, Águia e minha equipe estavam ao meu lado, "A que há de errado?" Ele perguntou.


"Dois ninjas de nível Kage vindo direto para nós", Eu o informei.


"O quê?! Dois ninjas de nível Kage?! Garoto, você está brincando?!" Um zombou.


"Não." Eu quase rosnei, "Eles estão a cerca de 200 metros de distância e fechando rápido."


"Merda! Precisamos tirar todo mundo daqui! Agora!" Um gritou.


"Panda", Águia virou-se para mim, "Eu concedo a permissão para usar seus punhais, você pode teleportar todos para Hono?"


"Hono está por perto... 70 km de distância, né?" Calculei na minha cabeça: "Sim, com facilidade, mas... eu não tenho um marcador lá"


"O quê?! Você não tem?!" Águia gritou: "Como você pode ser tão estúpido?!"


Eu rosnei, "Você não disse para colocar marcadores! Eu... espera! Eu acho que- Me dê um segundo!" Fechei os olhos e procurei pelos meus marcadores, todos eles estavam conectados a mim, permitindo-me descobrir que sim, havia um marcador em Hono, era no quarto de Moe, a adaga que eu dei a ela, ela manteve!


"Entendi!" Abri os olhos: "Tenho um marcador no castelo do senhor Socio! Posso teleportar todos os nobres para lá!"


"Faça isso agora!" Eagle gritou.


Criei vinte clones das sombras e os enviei para fazer exatamente isso, ofeguei: "Qual é o plano, Águia?"


"O plano é fazer com que todos saiam! O que não estamos fazendo!" Um gritou: "Do que vocês estão falando?!"


Peguei uma adaga com presas e mostrei a ele: "o jutsu do Deus do Trovão Voador, tudo ficará bem, eu prometo".


"E-espera, então isso significa," Um olhou para mim, "Entendo, o segundo Relâmpago."


Eu balancei a cabeça, "Certo. Então os nobres vão ficar bem", naquele momento houve um flash de vinte borrões de raios azuis e os traquilizei-os "Foram apenas meus clones que transportaram os nobres para longe."


Ping!


Missão concluída!


Proteja o daimyo e sua corte!


Recompensas:


20.000 EXP


Ping!


Alerta de busca!


Sobreviver!


Recompensas:


30.000 EXP!


?


Fracasso:


Morte


Você aceita?


S / N?


"Você está falando sério?" Três me perguntaram.


"Sim" Assenti, "Agora qual é o plano?"


"O plano? O plano é nós corremos!" Um zombou: "Se você estiver certo, não há como lidar com duas ameaças de nível de Kage! Vamos nos separar e nos encontrarmos nos portões de Hono, eles não ousam nos atacar lá"


"M-mas e os soldados?" Perguntei: "Ainda existem cerca de mil soldados marchando atrás de nós! Não podemos simplesmente deixá-los! Os ninjas os matarão!"


"Quem liga?" O homem levantou os ombros: "Eles sabiam no que estavam entrando; todos morrerão de bom grado por seu país"


Eu rosnei, "Só porque eles podem morrer não significa que eles devem!"


"E daí? Você quer salvar todos eles? Meu Deus, você sabe que é um ninja, certo?" Um riu.


Eu rosnei, "Esse não é o tipo de ninja que eu sou", eu parei e me virei "Todos vocês vão em frente e correm, vou me certificar de que todos saiam bem"


"Ele 'tá falando sério?" Sete perguntaram enquanto me observavam correr em direção aos soldados.


"Eu acho que ele tá", respondeu Águia.


Eu os ignorei e segui em frente, criando um plano na minha cabeça antes de criar um clone e dissipá-lo, permitindo que todos os clones ativos entendessem o plano. Depois que os nobres e sua companhia eram levados para Hono, eles colocavam outro marcador fora da cidade e traziam todos os soldados para lá, pois duvido que Moe gostaria de ter seu quarto recheado com mais de mil homens em armaduras suadas.


Eu apareci diante do covo, imediatamente o tenente à frente parou e olhou para mim: "Ninja! O que está acontecendo?! Aonde você levou o Daimyo e os nobres?!"


"Há duas ameaças de nível Kage se aproximando", disse a eles, "os nobres já foram extraídos e mantidos em segurança".


"O quê?! Onde eles estão?!" O homem perguntou em um cavalo.


"Seguro em Hono" Eu respondi, exatamente quando um clone apareceu, "Ele colocou uma adaga nos portões de Hono, que é exatamente onde eu vou levar todos vocês", eu fiz o jutsu do clone das sombras selar.


Havia uma nuvem de fumaça quando de repente 55 clones apareceram além de mim, cada um com 100 CP, o suficiente para fazer uma viagem antes de ter que esperar um minuto e depois voltar.


"O quê?! Nós não vamos a lugar nenhum ninja! Vamos ficar aqui e lutar!" o homem gritou, seus homens rugindo atrás dele.


"Você faz isso, você morre desnecessariamente", eu rosnei, "Estes são ninjas do nível Kage! Não é um exército de Jonin ou bandidos!"


"Juramos servir ao nosso senhor!" um gritou.


"Então faça isso em uma batalha que tem significado!" Gritei: "Uma que importa! Não morra aqui desnecessariamente quando você pode servir para proteger a terra dos invasores externos! Viva! Lute em outro dia!"


Os homens se entreolharam, sussurrando.


"Nós não somos covardes!" O homem da frente gritou.


"É covardia recuar para um campo de batalha mais ideal?" Eu perguntei.


"N-não, não é! São táticas de batalha comuns!"


"Então é isso que você está fazendo! Você acha que eles vão parar se descobrirem que o Daimyo não está aqui?! Eles vão para Hono e o atacam! Um único ninja de nível Kage pode nivelar toda a cidade! Se todos vocês morrem aqui, então Hono cai! Então o que você deseja fazer? Morra aqui por nada, sem ninguém testemunhando seu sacrifício? Ou me permitir ajudar seu exército a se mudar para Hono, onde você pode defender seus senhores e sofrer uma morte adequada! Não é como um cachorro, mas como um guerreiro?!"


Ping!


Você os convenceu com sucesso!


As pessoas começaram a repetir minhas palavras. Até o homem encarregado parecia convencido. "Muito bem ninja, continue evacuando nosso exército! Comece perto da parte de trás! A frente será a última, você será capaz de nos levar embora antes que os inimigos cheguem?"


Eu verifiquei, eles estavam a 200 pés e se aproximando rapidamente, "Não, eles estão a apenas duzentos pés de distância".


"Então, enquanto o resto luta em Hono, vamos comprar o tempo da cidade aqui!" o homem rugiu quando sacou a espada.


"HONO!" os homens gritaram. Imediatamente meus clones se moveram, pegando duas pessoas de cada vez na parte de trás e saindo em um raio azul.


Eu me virei e olhei para a direção de onde as duas ameaças de nível Kage pareciam vir. O exército de Hono estava desaparecendo atrás de mim. E também tive três convidados surpresos.


Águia, Puma e Sete pousaram diante de mim. Águia olhou para mim, "Você percebe que eu posso te dar um corte por desobediência"


"Você nunca disse que eu não poderia fazer isso, você apenas disse que eu deveria sair" Eu disse a ele.


Puma zombou: "Você tem bolas, criança"


"Obrigado, se você quiser, depois disso, eu posso te mostrar o quão grande elas são", eu bufei.


"Eu nunca vi um Panda se comportar assim", respondeu Sete, ao lado de mim, lado a lado. Eagle pegou seu tanto enquanto Puma e Seven desenhavam uma kunai em cada mão, "Geralmente são mais nervosos e cheios de medo"


"Eu não sou um panda" Eu ri, "Eu sou mais como um... bem... sei lá, nunca me perguntei que animal eu era."


"Um dragão", disse Águia, os dois ninjas de nível Kage estavam perto, a apenas quinze metros de distância, "Você é tão orgulhoso e cabeça-dura como um dragão."


"Além disso, sua especialidade é cuspir fogo", Puma disse, "Sim, eu li o seu arquivo."


Eu sorri, "Certo" Vi minha primeira onda de clones retornar, agora levando a segunda onda de soldados. Lentamente, os dois ninjas diminuíram a velocidade enquanto caminhavam em nossa direção em um ritmo calmo, "Eles estão aqui".


E das árvores caminhavam duas figuras em mantos pretos com nuvens vermelhas. Um tinha cerca de um metro e oitenta de altura, com pele azul, dentes afiados em um sorriso com brânquias no pescoço. Nas costas dele havia uma grande espada embrulhada em ataduras e um cabo de metal amarelo. Ele usava uma faixa Kiri na testa que estava riscada;


Kisame Hoshigaki, Besta Sem Cauda.


LV- 94


REP- -40


O outro homem era mais baixo, usava um chapéu de palha que cobria seus olhos e nariz. Ele tinha um jeito pendurado na parte de trás da capa e a linha do pescoço cobrindo a boca;


Itachi Uchiha, Herdeiro da Vontade de Fogo


Lv- 98


REP- 70


Senti o medo penetrar antes que a mente de Gamer o removesse. Kisame, monstro em forma humana, com chakra suficiente para fazer as reservas normais de Naruto parecerem pequenas em comparação. Ele odiava as minhas entranhas. E então Itachi Uchiha, o homem que traiu a Folha, o verdadeiro herói que ninguém soube.


"Oh, o que é isso? Você estava nos esperando? Hum, achei estranho que não encontrássemos um soldado avançado, você conseguiu nos perceber?" Kisame perguntou com um sorriso de tubarão.


"Eles provavelmente sentiram suas enormes reservas, Kisame" Disse Itachi com uma voz entediada, "Hm, não vejo mais ninguém aqui, exceto o exército... Diga-me, onde estão os nobres?"


"Nós nunca vamos te dizer traidor!" Puma rosnou.


"É assim mesmo?" Itachi levantou o chapéu, mostrando os olhos vermelhos.


"Aceite!" Puma endureceu antes de cair no chão.


"Merda!" Eu gritei quando senti o chakra dele entrar no corpo dela, "Genjutsu! Não olhe para os olhos dele! Nem olhe para os dedos dele! Ele pode usar isso como foco também!"


"Certo!" Águia e Sete abaixaram a cabeça, olhando para longe dos Uchina. Houve outra onda de raio azul, meus clones voltaram para a terceira onda de soldados. Um olhou por cima e notou Puma no chão, ele veio e a afastou, ah, pelo menos agora ela estaria a salvo.


"Hm, entendo, garoto esperto" Itachi tirou o chapéu e jogou-o para o lado "Você descobriu meu truque. E aquele raio azul, você deve ser Yami, o segundo Relâmpago de Konoha."


"Sim! Eu também sou amigo do seu irmãozinho! Você sabe que ele sente muito a sua falta?! Ele continua sempre falando sobre o quanto ele só quer bater as mãos no seu peito e arrancar o seu coração."


Eu sorri para o meu lado falador saindo, desejando ter mais tempo. Movi uma mão atrás de mim e gesticulei para os homens atrás de mim para se arrumar, eles poderiam atacar a qualquer momento.


"Sasuke era um sonhador", Itachi assentiu. "Fico feliz em ver que isso não mudou."


"Ei Itachi, o que fazemos?" Kisame perguntou: "Se esse garoto é o Relâmpago, ele provavelmente tem todos os Nobres escondidos em segurança. Nossa missão foi um fracasso"


"Infelizmente, parece que é isso, Kisame", Itachi suspirou.


"Ei, que tal se eu me divertir um pouco, hein? O garoto pode crescer e se tornar alguém algum dia, se o matarmos agora, isso nos poupará muitos problemas!"


"Hum... por que não, vá em frente", Itachi se virou e se afastou, "Certifique-se de matar todos eles, eu não quero nenhum sobrevivente."


"Porra!" Águia rosnou quando a quarta onda de soldados saiu, ele se virou para mim, "Quantos mais ?!"


"Apenas 200 chegaram até lá." Eu resmunguei, "Talvez mais dez minutos?"


Kisame riu, "Isso não é um prazer? Vocês todos estão aqui para salvar esses soldados?! Vocês abraçadores de árvores são realmente emocionantes!" Ele removeu sua grande espada com uma mão e a golpeou no chão. "Além disso, você não vai durar dez minutos, nem mesmo cinco."


"Permissão para ir com força total, senhor?" Eu perguntei a Águia.


"Concedido, mostre o inferno", Águia assentiu.


"Certo! Liberação de swift: acelere o tempo 10!" Eu desapareci em um borrão branco e cinza. Ativei meu punho de chakra e me aproximei de Kisame a toda velocidade.


Eu cresci meu punho pronto para quebrar seu rosto, quando de repente ele se moveu, bloqueando meu soco com sua espada, "é o mais rápido que você pode ir?" ele perguntou.


Meus olhos se arregalaram, senti meu chakra sendo drenado pela espada. Eu amaldiçoei e imediatamente voltei. Eu precisava ir mais rápido, "Liberação de Swift: acelere o tempo 100!" E desta vez, o tempo começou a desacelerar tanto, até os sons começaram a se arrastar juntos.


"Woah" Os olhos de Kisame se arregalaram lentamente quando eu vim para ele novamente. Dessa vez, dei uma volta, carregando os punhos e colidindo-os nas costas dele, várias no pescoço, na nuca, na coluna e um chute entre as pernas, duas vezes.


Ping!


Força do chakra - 15 X 150 = 2.250


Você ganhou um ataque crítico! DMG é multiplicado por 5!


2.250 X 5 = 11.250 DMG!


Força do chakra - 15 X 150 = 2.250


Você ganhou um ataque crítico! DMG é multiplicado por 5!


2.250 X 5 = 11.250 DMG!


Força do chakra - 15 X 150 = 2.250


Você ganhou um ataque crítico! DMG é multiplicado por 5!


2.250 X 5 = 11.250 DMG!


Força do chakra - 15 X 150 = 2.250


Você ganhou um ataque crítico! DMG é multiplicado por 5!


2.250 X 5 = 11.250 DMG!


Força do chakra - 15 X 150 = 2.250


Você ganhou um ataque crítico! DMG é multiplicado por 5!


2.250 X 5 = 11.250 DMG!


DMG total: 56.250


Kisame: 


HP: 1, 293.750 / 1, 350.000.


Senti minhas reservas de chakra diminuindo, e estar tão perto da espada está drenando meu chakra também. Então fui forçado a parar, voltei para meus aliados e cancelei o jutsu, deixando-me com 1.800 pontos de CP e aumento.


Kisame ofegou quando tossiu sangue, suas mãos imediatamente pegando suas bolas, "S-seu bastardo!"


Itachi parou e virou-se, os olhos arregalados de choque. "O quê? Como ele machucou você?"


"Eu sou tão bom", Eu fiz um clone das sombras com 200 de CP e estendi minha mão. Ele começou a fazer um Rasengan usando o chakra de liberação de Scorch.


"O-o que ele está fazendo?" Kisame ofegou quando ele lentamente se levantou.


"Algo perigoso" Disse Itachi, enquanto fazia contato visual comigo, seus olhos repentinamente se transformando do Sharingan de Três Tomoes em seu Mangekyo Sharingan, a roda girando furiosamente enquanto ele sussurrava "Tsukuyomi."


Os olhos começaram a girar, senti o chakra de Itachi vindo em minha direção, atacando meu corpo, tentando dominar minha mente. Mas, graças à mente de Gamer, minha mente era resistente ao Genjutsu. Mas isso não significava que eu iria mostrar uma vantagem tão rápido.


Vamos atuar!


Apertei minha cabeça com uma mão enquanto o clone continuava criando a bola Nova, "M-minha cabeça! O que você fez?!"


"Por que ele não está sendo afetado?" Kisame perguntou enquanto preparava sua lâmina, "Isso não deve demorar tanto tempo, certo? Há algo de errado com seu olho?"


"Não... algo está errado com esse garoto", disse Itachi, com os olhos sangrando lentamente enquanto voltava ao normal. "Ele está lutando contra isso, eu acho. Eu não posso... não consigo entrar na consciência dele!


Eu sorri, a Bola Nova estava pronta. Eu segurei sobre minha cabeça, agora mais de 50% do exército havia evacuado, "Tudo bem, idiotas! Estou lhe dando um aviso! Corra, ou eu vou acabar com você!"


"Por favor! Vou absorver todo esse chakra em suas mãos! Minha espada está coçando para uma refeição!" Kisame rugiu enquanto avançava.


Os olhos de Itachi vagaram antes de aterrissar nas costas de Kisame, "Kisame não!"


ZOOM!


Joguei a bola para um clone que se teletransportou para o marcador que coloquei nas roupas de Kisame quando chutei sua virilha duas vezes. O clone apareceu entre Itachi e Kisame e fechou a bola dentro de si, fazendo-a desmoronar como uma supernova antes que uma explosão de energia saísse.


KABOOM!


20 pés da floresta foram limpos, pois toda a área estava coberta por um flash de luz. Senti meus clones voltarem e levar os soldados mais uma vez, desta vez três de cada vez.


Kisame e Itachi haviam escapado, eu me virei e apontei para a árvore que eles estavam escondidos atrás, "Ali!"


"Tsk", disse Kisame quando ele e Itachi se revelaram, suas capas nem sequer chamuscadas. Eu não tinha causado um único HP de dano, "Esse garoto é um sensor."


"Impressionante", Itachi sussurrou, "Kisame, vamos embora, essa luta é inútil."


"Mas eu quero lutar contra o exército!" o homem choramingou.


Itachi suspirou, "Tudo bem, eu vou lidar com o Relâmpago", Itachi desapareceu em um borrão de velocidade, aparecendo diante de mim e me agarrando pelo ombro, "Vamos conversar."


"Não, obrigado!" Eu cortei sua mão com uma adaga antes de dar um soco nele. Itachi desviou e voltou com tudo, criei cinco clones com 500 CP cada e os enviei atrás dele. Itachi recua antes de se substituir por um clone próprio, enquanto o real tentando se esgueirar atrás de mim.


Eu me virei e bloquei uma kunai vinda para as minhas costas, voltei quando Itachi me envolveu em uma luta de Taijutsu, me forçando a me afastar dos meus aliados da ANBU.


"Ótimo! Com o pirralho agora ocupado, eu posso finalmente brincar!" Kisame disse enquanto atacava a Águia que evitou o ataque inicial e recuou, jogando uma bola de fogo em Kisame que o tubarão absorveu facilmente.


Minha atenção, no entanto, foi forçada a voltar para Itachi enquanto ele me mantinha na ponta dos pés, lutando para empurrá-lo para longe com meus punhais.


"Você sabe, não há muitas pessoas neste mundo que resistam aos meus olhos", disse ele, enquanto lentamente se transformavam em seu estado de Mangekyo, "Vamos ver se você consegue fazer isso duas vezes".


Senti o chakra dele me atacando novamente, mas sabia que não me afetaria. Então eu continuei lutando, mas lentamente, seus movimentos começaram a acelerar, seu tempo de reação várias vezes mais rápido que o meu. Eu estava pensando em usar um marcador para deixá-lo, quando ouvi Puma gritar.


"ÁGUIA!" Ela gritou. Eu me virei para ver a lâmina de Kisame afundar no lado do ANBU, rasgando seu intestino, o sangue brilhando por toda parte.


"NÃO!" Senti raiva, ele era um bom homem, um ninja que voltou para seus aliados! Ele não merecia morrer! Eu tentei soltar-me de Itachi para ir para o lado dele, mas o Uchiha não me deixou.


"É a primeira vez que você vê um companheiro morrer?" Itachi perguntou quando ele bateu em mim, faíscas voaram quando eu desviei seus punhos, "Não se preocupe... você vai se acostumar."


"Não!" Eu rosnei, "Ninguém nunca vai morrer no meu turno! Ninguém!" Eu precisava ser mais rápido! Não consegui fazer os selos manuais para o Swift, não tinha escolha!


"Isso é uma afirmação, você realmente não sabe como... esses... esses olhos, mas como?!" O próprio Itachi paralisou de surpresa.


"Beije a minha bunda" Meu sharingan brilhou vivo atrás da minha máscara, mas ele podia dizer que eles estavam lá graças ao seu próprio olho vendo o chakra trabalhar dentro dos meus olhos. Minha raiva encheu meus movimentos, permitindo que meu tempo de reação melhorasse várias vezes.


Eu entrei no ataque, vi Kisame lutar e matar vários soldados enquanto Sete tentava empurrá-lo para trás enquanto Puma levavá Águia para longe da luta. Eu precisava ir lá, agora! Eu consegui encontrar uma abertura, esses olhos me deixaram ver um vem por cima do ombro dele.


Eu cutuquei seu ombro jogando minha adaga. Itachi estremeceu por um microssegundo e isso era tudo que eu precisava para sair da batalha, correndo para o lado de Águia. Eu fiz três clones, um agarrou ele e piscou para longe enquanto o outro agarrou Puma e Sete, levando-os também.


Restavam apenas 200 soldados, a próxima onda de clones chegando para levar os próximos cinquenta. Eu estava prestes a fazer mais antes de me afastar quando senti uma bola de fogo vindo direto para mim.


Eu me virei, minhas mãos borrando através de selos quando vi a Grande Bola de Fogo a seis metros de distância. Eu terminei com um meio pássaro e um selo de tigre enquanto eu chupava um gole de ar. A bola de fogo estava a três metros de distância, eu podia sentir o calor na minha testa.


Eu engasguei um sopro de chamas azuis que rasgaram a Grande Bola de Fogo bem na minha frente, as chamas tão poderosas que o fogo laranja desapareceu em nada quando o Sopro do Dragão veio em Itachi, que habilmente se esquivou.


Nesse momento, meus cinquenta e cinco clones voltaram e evacuaram mais soldados, agora apenas cento e quarenta restavam.


"Ei! Pare de tirar minhas mortes!" Kisame gritou de cima de uma pilha de soldados. Cerca de cem estavam mortos diante de seus pés, o resto lutando para lutar com ferimentos.


"Kisame, isso não faz sentido", disse Itachi aparecendo ao seu lado.


Fui na direção deles, entrando entre eles e o soldado. O tenente do exército ainda estava vivo, com o cavalo morto e a cabeça sangrando, mas vivo. Passei pelas vedações manuais para o Swift, terminando com a última vedação manual, mas esperando para ver o que Itachi e Kisame fazem.


"Eu apenas matei cem pessoas", rosnou Kisame, "Esse pirralho, com certeza, é um perigo."


"É de se esperar.", Itachi assentiu, "Ele é obviamente um dos membros do meu clã."


"O-o quê?! Ele é um Uchiha?! Mas eu pensei que você havia matado todos eles?!"


"Ele era órfão, parece que alguém conseguiu fugir." Ouvi um rosnado de Itachi, "De qualquer maneira, se ele for um membro do meu clã, estou curioso para ver até onde ele vai crescer."


"Você está louco?! Nós devemos matá-lo agora!" Outra onda de clones veio e levou metade do exército, deixando apenas cerca de 60 soldados e eu para trás "e pare de tirar as minhas mortes!"


"Ele não vai", Itachi sorriu, "Parece que seu jeito ninja se recusa a deixar as pessoas morrerem, não é, Yami Uchiha?"


Eu sorri, "Eu não tenho certeza sobre a coisa toda de Uchiha, mas você está certo sobre não querer ninguém morto."


"Um idealista, que... interessante", Itachi murmurou, ele se virou e saiu, "Venha Kisame, tenho certeza de que podemos brincar com ele novamente em breve."


"Mas Itachi! Ele está lá!" Kisame gritou. E então a onda final de clones chegou, pegou todos e desapareceu, me deixando sozinho no campo de batalha, junto com os corpos dos soldados mortos.


"Deus, que droga!" Kisame gritou: "Tudo bem! Isso é uma perda de tempo de qualquer maneira! Vejo você mais tarde, pirralho Uchiha! E da próxima vez vou arrancar seus malditos olhos!"


Eu balancei a cabeça, "Me morda, seu porra.", eu terminei o selo da mão, ativando um jutsu de Swift, "Liberação de Swift: Acelere vezes 1.000!"


Eu precisava fazer isso rápido. Abri meu inventário e peguei uma faca de chakra de metal que eu havia feito. Eu infundi com chakra do vento, tornando-o extremamente afiado. Eu me mudei para o lado de Kisame, sua mão firmemente enrolada em sua espada, Samehada. Agora eu não conseguia tocar a lâmina com meu chakra, apenas a absorveria, mas eu poderia tocá-lo.


Passei a faca pelo pulso dele, a mão saindo de uma vez, enquanto o sangue lentamente começava a escorrer. Acho que mil vezes mais rápido não é mais rápido do que diminuir o tempo de inatividade.


Afastei a faca, peguei a mão do homem e usei-a como uma pinça para enfiar a espada no meu inventário. É isso mesmo! Eu roubei a porra daespada do Kisame!


Agora eu não podia matá-lo, devido à lógica dos jogos, mesmo que eu cortasse sua cabeça com minha faca, ele não morreria a menos que eu removesse todo o seu HP primeiro. Então eu fiz a próxima melhor coisa no momento.


Usei os punhais e o enfiei em seus olhos, fazendo sua boca abrir lentamente. Olhei para o lado e notei que os olhos de Itachi se moviam lentamente em minha direção, eles estavam se movendo na velocidade normal, ele conseguiaver o que eu estava fazendo. Boa.


Dez segundos restantes, é melhor fazer isso valer a pena. Mergulhei as adagas em sua caixa torácica repetidamente, perfurando seus pulmões. O tempo acabou, eu pulei para longe quando de repente o tempo recomeçou.


"ARGH!" Kisame gritou de dor.


"Kisame!" Itachi gritou de surpresa, acho que enquanto seus olhos podiam me seguir, seu cérebro ainda não havia processado o que estava vendo.


"Até mais, seus filhos da puta!" Eu gritei enquanto acenei, sumindo em uma explosão de raios azuis, aparecendo do lado de fora dos portões de Hono na frente de todo o exército que eu consegui me teletransportar.


"Onde está o inimigo?" o tenente perguntou enquanto avançava em um cavalo novinho em folha.


"Eu os deixei para trás, eles podem tentar nos atacar, mas eu consegui ferir um deles o suficiente para que ele pudesse precisar de cura. Eu não acho que eles vão nos seguir até aqui."


"E se eles pensarem nisso, Hono os fará se arrepender!" O homem gritou quando de repente as muralhas da cidade estavam alinhadas com soldados e ninjas, todos altamente alertas e em torno do nível 50 e acima.


Ping!


Missão concluída!


Sobreviver!


Recompensas:


30.000 EXP!


Ultra Ball.


Eu sorri, eu poderia usar outra Ultra Ball, caso encontrasse outro lendário. Eu balancei a cabeça e olhei para o homem encarregado, seu nome era Fumo, "Tudo bem então, se você tiver isso resolvido, eu preciso ver meus colegas de equipe, um deles está ferido e precisará de ajuda médica"


"Vá ninja, você se elevou acima e além do dever. Você agiu com grande honra hoje, nós, o exército de Hono, não esqueceremos esse gesto, Yami Uchiha."


Eu vi todas as pontuações no REP subirem 20. Eu suspirei: "Eu não sou um Uchiha, é apenas Yami."


"Mas aquele homem disse que você era", argumentou Fumo.


Suspirei: "Sou apenas um órfã sem clã, acredite em mim quando digo que se eu fosse um Uchiha, alguém teria me dito muito antes de Itachi Uchiha. Adeus e boa sorte", e com isso pulei sobre os muros da cidade e correu para a cidade.


Eu senti a assinatura do chakra de Águia estabilizando lentamente perto do topo, bem dentro do castelo do Daimyo. Corri para lá sem pensar um segundo, deixando sobre os guardas e ninjas que tentaram me impedir.


Corri para dentro e para a sala onde senti o chakra da Águia, abri a porta e entrei, encontrando Puma, Aranha, Macaco e Cobra todos reunidos ao redor da Águia, cujo tronco estava envolto em ataduras, sua máscara estava rachada, eles a moveram e manteve-o de lado, revelando um homem com cabelos loiros profundos e olhos castanhos.


Ele olhou em volta dos quarenta e tinha uma pequena cicatriz no nariz. E acima de sua cabeça estava o título, que agora dizia 100 REP. Acho que eu salvando a vida dele o fez gostar de mim, quem diria né?


"Panda", Águia me notou primeiro. Todo mundo olhou para mim, piscando surpresos ao me ver, "Todos estão seguros?"


Eu balancei a cabeça, "Sim, Águia. Todo mundo está seguro. Cerca de cem soldados morreram, mas eu consegui descansar. Eles agora estão formando um perímetro pela cidade"


"E Itachi e Kisame?" Águia perguntou enquanto tentava se levantar, apenas para a mulher ao seu lado, uma médica pelo título, empurrá-lo de volta, dizendo-lhe para descansar.


"Itachi não é muito lutador, ele não vai atacar uma cidade cheia de ninjas de nível chunin, ele não é tão louco. E Kisame... ele está um pouco machucado no momento", eu sorri orgulhoso.


"O que você fez?" Puma perguntou.


Em resposta, abri meu inventário atrás de mim e lentamente peguei Samehada, exibindo sobre minha cabeça "Ta-da!"


"SKREECH!" De repente a espada gritou quando seu cabo explodiu em espinhos cortando minha mão. Todo mundo pulou em choque, o esquadrão da ANBU circulando em torno de seu comandante ferido.


-200 HP!


Eu deixei ir em choque quando ele se moveu de repente, correndo para a porta. "Oh não, você não!" Eu ativei o Swift, me fazendo dez vezes mais rápido. Peguei a lâmina e a enfiei no meu inventário mais uma vez.


Eu resmunguei quando entrei. Usei o jutsu de cura da palma mística na minha mão esquerda, curando a minha direita. "Certo, tem consciência, esqueci disso".


"Onde está essa lâmina?" Um perguntou.


"Eu a selei" Suspirei enquanto as feridas na minha mão curavam, "Está tudo bem."


"Precisamos trazer isso de volta para Konoha de uma vez", disse Águia, levantando o tronco. "Panda, há alguma chance de ele escapar novamente?"


"Não." Balancei minha cabeça, "Uma vez dentro do meu selo de armazenamento, não pode fazer nada. Só será um problema se eu removê-lo mais uma vez."


"Bom, mantenha-o lá. Doutora, quando posso voltar para o campo?" Perguntou Eagle.


"Não por mais três dias", ela suspirou, "Desculpe, mas é o melhor que posso fazer."


"Está tudo bem", Eagle se virou para mim, "você pode me levar de volta para casa?"


"Você pode levar todos nós?" Cobra perguntou.


Eu balancei a cabeça, "Sim. Você quer que eu faça isso agora?"


"Não." Respondeu alguém enquanto entrava com sua equipe, "Ainda não. O Daimyo deseja ver todos vocês agora."


"A Águia não pode se mexer", argumentou Spider.


"Doutora, pegue uma cadeira de rodas para ele", ordenou um.


"C-certo" A mulher assentiu enquanto se movia rapidamente para o obedecer. Colocamos Águia na cadeira de rodas e ajustamos a sua máscara quebrada no rosto. Não era muitomas era protocolo. Eu o empurrei enquanto seguimos Um até a câmara principal, o outro está nos protegendo dos dois lados.


"O que você fez lá atrás, Panda... não é nada menos que incrível" Puma falou, "Desculpe por tratá-lo levemente, garoto."


Dei de ombros, "Sem problemas", olhei para baixo, "Desculpa por você ter se machucado, Águia"


Macaco bufou, "Ele salva o exército de Daimyo, luta contra dois ninjas desaparecidos na classe S e sente muito por machucar Águia? Agora eu já vi de tudo"


Chegamos ao corredor, Um entrou e nos apresentou. Desta vez, quando entramos, não havia mesa; em vez disso, cada nobre e sua casa sentavam-se ao lado do Daimyo, criando uma espécie de caminho com o senhor dos bombeiros no centro parecendo muito perturbado.


"Você está aí", o Daimyo apontou para mim, "foi você quem salvou todos nós, sim?"


Eu pisei atrás da cadeira de rodas de Águia e me inclinei, "Sim, senhor Daimyo."


"Como você pode usar o jutsu Deus do Trovão Voador?! Exijo que você nos mostre seu rosto, ninja", ordenou Socio, com o rosto muito curioso.


"Eu não posso, senhor", eu fiz uma reverência, "É contra a lei da ANBU"


"O que só pode ser quebrado pelo Hokage... ou pelo Daimyo", Um deles forneceu.


O Daimyo de Fogo se animou, "Oh? Está certo? Então eu ordeno que você nos mostre seu rosto, ninja!"


Eu me virei para Águia, que assentiu. Suspirei e levantei, removendo minha máscara com um movimento suave, encontrando os olhos do Daimyo.


O homem apertou os olhos: "Quem é você, garoto? Eu não reconheço seu rosto"


"Mas eu sei", disse Moe, que estava sentada ao lado do pai ", o nome dele é Yami, ele é o Genin que salvou minha vida".


"Oh?" Socio disse piscou: "É você. Entendo... acho que você estava falando sério sobre sua ambição de aprender mais sobre o selo do Quarto, sim?"


Eu sorri, "Está correto, senhor Socio", então me virei para Moe, "Desculpe por usar o marcador que lhe dei para transportar todos, sinceramente não tive escolha".


Moe sorriu, "Bem, foi estranho ver o senhor Daimyo e sua corte no meu quarto, mas acho que foi uma emergência. É... é bom vê-lo novamente, Yami."


Eu sorri, "É bom ver você também, Moe. Espero que você tenha estado bem. Algum lojista chato que eu deveria conhecer?"


Moe sorriu, "Ele manteve o nariz abaixado. Não ouvi um palavra dele desde então."


"Então você é o Genin que aprendeu o deus jutsu do Trovão Voador, interessante", o daimyo cantarolou, chamando a atenção de volta para ele. Francamente, acho que ele estava com ciúmes por eu ter focado em Moe, "Diga-me Yami, é verdade o que eles estão dizendo? Que depois de nos resgatar você voltou para salvar meus homens? Meus soldados?"


Eu balancei a cabeça, "Sim, senhor."


"Por que isso? Por que você arriscou sua vida por um monte de soldados?"


Dei de ombros, "O que eu deveria fazer? Apenas deixá-los morrer?"


O Daimyo piscou: "Mude este tom, meu jovem, eu sou seu senhor."


Suspirei: "Se você quer saber como é um homem, dê uma boa olhada em como ele trata os inferiores" Olhei para os nobres ao meu redor, "Não para os iguais"


Os olhos do Daimyo do Fogo se arregalaram: "Essa é uma filosofia que você tem ninja. Diga-me, você gosta de ser um filósofo?"


Dei de ombros: "Sou apenas uma arma contratada. Quem eu quero ser não importa."


"Realmente?" o Daimyo bufou, "Você tem uma boca aberta, seu garoto. Eu teria cuidado se fosse você."


Eu me curvei, "Mil desculpas, meu senhor, não quis ofender. Você apenas perguntou por que eu queria salvar seus soldados, eu lhe disse por quê. Eu não os considero um nobre ou um soldado, uma vida é uma vida, independentemente de quem seja. Eu completei minha missão, deixando todos sãos e salvos. Depois disso, fui autorizado a fazer o que eu queria, e desejei salvar a vida dos bravos homens que juraram suas lâminas por você."


A corte murmurou, o daimyo pareceu feliz com minhas desculpas e, mais ainda, quando eu continuava mencionando que era seu povo que eu salvei. O homem sorriu: "Bem, garoto ninja, suponho que você mereça uma recompensa por suas ações, sim? Bem, o que vocês acham que devemos dar a ele?"


"Um título, talvez?" Socio sugeriu: "Algo condizente com seu status?"


"Um título? Esse rapaz salvou nossas vidas e os amores de mais de novecentos soldados e tudo que você quer dar a ele é um título?!" o nobel marcado zombou, "Ele merece mais!"


"Talvez devêssemos perguntar a ele?" A mulher nobre de púrpura disse enquanto se virava para mim, "Bem? O que você deseja, shinobi?"


Pisquei, "ah ... acho que a paz seria legal", dei de ombros.


O nobre riu: "Oh, isso é rico!"


"Venha agora, ninja, seja sério", zombou Socio.


"Ele é um pai sério", Moe falou, "ele sonha com a paz mundial".


O daimyo piscou, "é realmente o pequeno Moe?"


Moe assentiu, "sim, é. Mas ... não podemos admitir isso, infelizmente. Escolheu outra coisa, Yami."


Eu pisquei, "Ah... eu não sei... eu realmente não quero nada."


"Venha agora, não há algo que você deseja?" o Daimyo perguntou, parece entediado, acho que ele estava cansado, eram por volta das 5 da manhã agora.


"Ah ... acho que se você pudesse poupar mais soldados para a missão Kiri, isso ajudaria a resolver toda a questão muito mais rapidamente. Isso é se você não se importar."


O Daimyo suspirou: "Infelizmente não posso fazer isso. Essa é a única coisa que não posso mudar. Que tal outra coisa? Dinheiro? Terra?"


Dei de ombros, "Inútil e duplamente inútil".


"Um ninja não pode ganhar muito" Zombou um nobre.


Dei de ombros, "Ainda assim, não tenho valor sobre o dinheiro. Nasci órfão, ficaria feliz... espera, é isso! Gostaria de pedir que você construa mais três orfanatos em Konoha e forneça dinheiro ao existente de seus cofres pessoais. Faça com que nenhuma criança tenha que viver na rua novamente. É tudo o que peço."


Vi o REP subir 5 para todos na sala. Moe estava com 89 anos agora, mais alta do que qualquer outro nobre.


"Muito bem, se é tudo o que você precisa, deve ser feito", falou o Daimyo, "Socio, cuidem para que isso aconteça".


Sócio curvou-se, "É claro, meu senhor."


"Bom, então é hora de eu ir para a cama", o homem bocejou mais uma vez.


"Um momento, meu senhor", falou o soldado nobel, "Ainda há a questão de seu novo título."


O Daimyo suspirou. "Tudo bem. Eu te nomeio Yami de Konoha, o Protetor de Hono, aproveite" Ele resmungou e saiu, os nobres saindo com ele.


Ping!


Você ganhou um novo título!


Protetor de Hono- 40 REP com todos os residentes da Terra do Fogo.


Suspirei e anexei o novo título ao meu status. Este era o único decente que eu tinha, os outros estavam estranhos... para dizer o mínimo. Voltei para a minha equipe, colocando minha máscara de volta, "Ah, aquele cara era um resmungão"


"Você que está me dizendo", Alguém zombou, "De qualquer maneira, leve seu time de volta para Konoha, sou necessário nas paredes. Boa sorte, protetor de Hono."


Ele desapareceu em um borrão, deixando-nos para trás. Olhei por cima do ombro e notei Moe esperando no meio da sala, virei para minha equipe e fiz cinco clones, cada um com 500 CP"Eles vão te levar de volta para casa. Vá em frente, tenho alguns assuntos inacabados aqui."


Puma assobiou: "Vá, Panda, que sabia que você tinha um gosto tão bom".


Águia bufou, "O garoto já está partindo corações", eu resmunguei, mas felizmente eles não puderam dizer mais nada enquanto meus clones os levavam.


Eu me virei e me aproximei de Moe, tirei minha máscara e sorri, "Eai."


"Eai." Ela sorriu de volta, "Eu pensei que você não tinha permissão para mostrar seu rosto, a menos que o Daimyo ou o Hokage também o ordenassem."


Dei de ombros: "Eu não estou tecnicamente na ANBU. Eu só estou... bem, acho que você pode dizer que eu sou temporário. Enfim, desculpe, eu não contei antes."


"Não, está tudo bem, eu entendo: Ninjas. Os segredos vêm com o trabalho", ela sorriu me olhando, "Você ficou mais alto?"


Eu ri: "Sim, eu acho. Você também cresceu."


"Obrigada", ela sorriu, "Não faz muito tempo, eu sei, mas ainda sinto sua falta Yami, você era a melhor amigo que uma garota como eu poderia ter. Como tem passado? É verdade que você enfrentou Orochimaru?" 


Eu balancei a cabeça sombriamente, "Sim, o cara era... um monstro."


"Você sobreviveu a uma briga com Itachi Uchiha e um Espadachim da Névoa. Duvido que você estivesse tão preocupado" Ela segurou minha mão parecendo preocupada. "Eu estava preocupada, sabia? Depois que você me salvou, eu sabia que tinha que ser você que fez isso. Você é a única pessoa que eu conheço que é familiar o suficiente para decifrar esse selo... Eu estava preocupada em não poder vê-lo novamente. "


Eu sorri, "Eu prometo a você, Moe, não vou morrer se eu puder evitar. Relaxa... eu vou ficar bem."


Moe sorriu, "Certo... acho que você tem que ir agora, sim?"


Eu sorri, olhei para fora, o sol estava subindo lentamente do horizonte, "Na verdade, acho que tenho alguns minutos. Quer assistir o sol nascer?"


Mos sorriu, "Sim. Eu adoraria isso."


Ofereci-lhe a minha mão, ela pegou e eu a levantei, saltando no ar e pulando para o topo do castelo. Pousei no telhado e nos sentamos lado a lado, vendo o sol nascer lentamente no horizonte.


Nós não dissemos nada, não tínhamos também. Ela colocou a cabeça no meu ombro e eu passei um braço em volta do seu lado. Só pra ter certeza de que ela não recuaria. Sem nenhuma outra razão. Não! Não! Eu não estava interessado em Lolis! De modo algum, ouviu FBI?!


["190, alô?"]


Dez minutos depois:


Eu pisquei de volta para Konoha, encontrando-me de volta em minha casa. Eu rapidamentecorri em direção à torre Hokage. Eu podia sentir o chakra de Águia vindo do hospital, estava aumentando lentamente, bom, ele precisadescansar.


Cheguei ao escritório do Hokage e entrei pela janela. Zabuza e Haku já estavam aqui, ambos vestindo coletes à prova de Konoha, exceto que eram cinza em vez de verde. E, em vez da folha de Konoha, eles usavam suas tiras de névoa.


"Ah, Yami, você finalmente chegou", o Hokage assentiu. "Eu pensei que algo tivesse dado errado."


Suspirei: "Só precisava respirar. Desculpe." Tirei a máscara e a coloquei na mesa do Hokage. "E também peço desculpas, não consegui manter minha identidade em segredo, senhor Hokage. Fui forçado a usar a Potência, Swift e o justo do Deus Do Trovão Voador."


"Alguém te forçou a fazer algo, garoto? Quem?" Zabuza bufou.


"Kisame da Névoa e Itachi Uchiha", o Hokage forneceu.


"O-o quê?! Você lutou com Kisame?!" Zabuza perguntou horrorizado: "Como você ainda está vivo?!"


Dei de ombros, "Sorte e planejamento".


"E pelo que seus colegas da equipe da ANBU me dizem, também habilidade", Hiruzen estufou o cachimbo, "diga-me, é verdade o que eles disseram sobre a lâmina dele?"


Eu balancei a cabeça, "Sim. Consegui capturar Samehada, mas no momento em que o tiro, começa a atacar tudo e tenta fugir."


"Você tem Samehada com você?! Como?! Kisame prefere morrer a deixar alguém tirar a lâmina dele!"


"Cortei o braço dele e tirei-o do toco", disse a Zabuza, estreitando os olhos para ele, "Ah, e também o cegei. Embora duvide que isso faça muito para reduzir sua força monstruosa".


"Você cortou o braço dele?" o Hokage piscou, "posso ver?"


Eu balancei a cabeça quando abri meu inventário, felizmente ele registrou a mão de Kisame e Samehada como duas entidades separadas. Peguei a espada e coloquei na mesa do Hokage. Sangue jorrando lentamente, encharcando sua mesa com o líquido carmesim.


"O braço parece novo", o Hokage notou pegando-o e examinando-o, "você tem algum selo de armazenamento poderoso aí, Yami."


"Obrigado", concordei, "porém, sinceramente, não percebi que isso poderia ser feito".


"E a lâmina?" Zabuza perguntou rapidamente: "pertence à minha aldeia. É um tesouro de Kiri".


"Pertence a Konoha", dei de ombros, "afinal, nós roubamos primeiro."


"Ora, seu pirralho!" Zabuza rosnou quando ele alcançou a lâmina do açougueiro, ainda presa às costas.


"Isso é o suficiente", o Hokage disparou sua intenção de matar, silenciando Zabuza "Por enquanto, Yami mantém a lâmina trancada e segura, onde ninguém pode tocá-la. quer um compromisso adequado Zabuza?"


O homem resmungou: "Sim, tudo bem. O garoto pode segurá-lo por enquanto."


"Bom. Agora, sobre outros assuntos. Obtivemos a permissão do Daimyo para lançar um esforço de libertação oficial em Kiri. Vou enviar com você Yami, dez Jonin e 20 Chunin. Também estarei designando duas equipes da ANBU, que estará fora dos registros e o seguirá um mês depois que a missão começar a ficar de olho em você. Alguma objeção ou preocupação? "


Zabuza balançou a cabeça, "Não. Quando começamos?"


"Dentro de uma semana", o Hokage virou-se para mim, "prepare-se para uma longa viagem Yami, isso pode levar um ano, ou talvez mais."


Dei de ombros, "Pergunta, se eu matar o Mizukage, acabaria mais cedo?"


Zabuza bufou: "Primeiro, duvido que você possa matar alguém. Ouvi dizer que você não gosta de matar. E segundo, antes que você possa se aproximar do Mizukage, precisará passar pelo exército de guardas".


"Não tem problema", eu levantei uma adaga, "eu posso usar a Liberação de Swift passar por seus guardas e, em seguida, apenas teleportar ele e eu para outro lugar, talvez até uma armadilha onde o chamemos de equipe".


Os olhos de Zabuza se arregalaram: "Você pode fazer isso? O que estou dizendo, é claro que você pode. Tudo bem, se você puder fazer isso, discutiremos isso mais tarde. Depois de estabelecermos contato com o movimento de resistência", Ele deu um pequeno suspiro ao Hokage. Curvou-se antes de sair, Haku seguindo logo atrás dele.


O Hokage suspirou: "Este trabalho não fica mais fácil".


Suspirei, "Sim... mas talvez seja assim que você sabe que está fazendo a coisa certa?"


"Possivelmente... bom trabalho lá, Yami. Ouvi da Puma como você segurou Itachi e salvou a vida de Águia. Também ouvi como você salvou a vida de mais de novecentos homens dos Daimyo. Isso vai brilhar bem em nós, e especialmente para você. Seu desejo de ser uma lenda que possa suportar a força de Konoha na próxima geração está se realizando um passo de cada vez."


Suspirei, "Bem... só há um problema com isso"


O Hokage levantou uma sobrancelha, "O que você quer dizer?"


Eu decidi contar a ele. O tenente e mais de cinquenta de seus homens sabiam, e se eles soubessem o que isso significava em breve, todo Hono saberá, o que significa que em breve as notícias chegarão a Konoha. O que significa que; é melhor eu ficar limpo agora.


Suspirei e olhei para ele esfregando os olhos, "Quando eu lutei com Itachi... eu mal o acompanhava. Os olhos dele... eles eram outra coisa. Eles o fizeram mais rápido do que eu, eu mal conseguia lutar contra ele, acrescentando. ao fato de que ele continuava tentando me plantar sob um genjutsu e isso tornava uma batalha fútil. Mas então... eu vi Águia se machucar e... algo mudou."


"O que aconteceu, Yami?" Hiruzen perguntou.


"Eu me tornei mais rápido, me tornei mais controlado... meus olhos... eles mudaram." Canalizei o chakra nos meus olhos, revelando sua tonalidade vermelha.


Sarutobi engasgou em choque quando me viu nos olhos. O cachimbo caiu de sua boca quando ele ficou boquiaberto, "S-Sharingan. Mas como? V-você... você é um Uchiha?"


Fechei os olhos e permiti que eles voltassem ao normal, "Itachi acha que sim. Ele me declarou um Uchiha na frente do tenente do Daimyo e de seus homens. Eu... acho que ele pode estar dizendo a verdade."


"Muito bem, ele estava", disse o Hokage, levantando-se enquanto olhava, realmente focando os olhos. "Sim... sim, suponho... que seus olhos dão a explicação. Você tem o cabelo de um Uchiha e os olhos e o rosto de um. Mas seu coração... é tudo Senju. Você não tem a arrogância e a atitude fria deles. A sede de sangue e o sentimento de orgulho. Mas... você tem a força deles... parece para mim, como a combinação perfeita do Primeiro Hokage e seu rival, Madara Uchiha. "


Eu pisquei, "Eu não te lembro de Madara, não é?"


Sarutobi assentiu: "Sim, você me lembra, tem o rosto dele", ele pegou uma caixinha cheia do que definitivamente não era folhas de tabaco e enfiou no cachimbo, acho que precisava de algo para acalmar os nervos. "Eu não tinha visto isso antes... É tão óbvio... um dos seus pais deve ter sido um Uchiha... eu não sei como você acabou nesse orfanato, mas... se você não era, então Itachi teria..."


O homem suspirou quando acendeu o cachimbo e deu uma tragada profunda, deixando a fumaça acalmar sua mente. Ele suspirou: "Yami, por enquanto, mantenha seus olhos... em segredo. Não conte a ninguém, absolutamente ninguém. Se os guardas começarem a rumores, levará algum tempo para chegar a Konoha e até lá eu já vou ter descoberto o suficiente sobre seu passado para lhe contar como isso aconteceu. Por enquanto, seu status como Uchiha será um segredo de classificação S, você entendeu? "


"Sim senhor... mas, e Sasuke?" Eu perguntei, me sentindo um pouco triste, como seria de se esperar em tal situação "O garoto acha que ele é o último Uchiha... isso seria cruel."


"Naruto e sua equipe chegaram ontem de manhã e conseguiram uma nova missão na Terra da Neve", o Hokage me informou, "eles não voltarão por mais duas semanas, quando você estiver em Kiri. Talvez depois que você voltar. Eu sei como você se sente Yami... sei que você não está sozinho quando foi criado toda a sua vida para pensar de maneira diferente, mas pode ser um desafio, mas se as pessoas descobrirem que você é um Uchiha e um mestre em selos e possui vários Kekkei Genkai? Bem... nem mesmo eu posso impedi-los de passar por cima da minha cabeça e apelar para o Daimyo."


Eu gemi, "Que se foda. Eu gostaria de nunca ter esses olhos malditos."


O Hokage sorriu, "Confie em mim Yami, você vai adorar eles... diga-me, sabendo o que você é agora... isso faz você odiar Itachi Uchiha?"


Pisquei, "Bem... na verdade não. Sinto-me mal pelo cara"


"Por que isso?"


"Ele enlouqueceu e matou sua família. Por que não sentiria pena de um psicopata como ele?" Dei de ombros antes de esfregar os olhos, eles ainda estavam com coceira. "Eu... acho que preciso ir. Meus olhos estão com coceira e acho que preciso dormir."


"É claro, dispensado Yami. Tome cuidado", o Hokage assentiu, "Oh, antes de sair, devolva o uniforme da ANBU e a máscara para a sede da ANBU. Eles ainda precisam."


Eu balancei a cabeça e saí pela janela, colocando a máscara do Panda novamente enquanto fazia meu caminho para o QG da ANBU para devolver tudo.


Eu quero dormir, estou exausto. Meu PCHP e SP podem estar cheios, mas meu cérebro estava esgotadoEntão, eu dormi como uma pedra, nem mesmo me preocupando em remover minha jaqueta quando desabei na minha cama.








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...