História Yellow - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 1
Palavras 1.290
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Musical (Songfic), Poesias, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - 'deux'


Fanfic / Fanfiction Yellow - Capítulo 3 - 'deux'

A escola, por incrível que pareça, é o lugar que eu mais fico, alegre?, acho que essa é a palavra certa.

Irei explica-los o porquê, na minha casa, não existe a palavra calmaria, não estou dizendo que a escola é calma, no entanto, eu fico longe da minha irmã mimada e perto dos meus amigos, sem eles, eu seria apenas, alguém sem estórias? Eu não faço o papel de personagem muito bem, creio que essa é a verdade, sem eles, eu só seria mais alguém sem graça.

Não há sentido no que não é sentido, vocês entenderam? Espero que sim, no capítulo de hoje, vou mostrar, a história de amor de Jung Hoseok, o final dela, é bem, triste, em partes, já que, se não fosse pelo término, não haveria.... Eu não posso contar, estragaria a surpresa, não é mesmo?

Tudo começou no dia 30 de Março de 2000, Kim Yugyeom tromba com Jung Hoseok no corredor da escola, se foi de propósito? Olha, em partes.

Hoseok se encantou, de primeira, tadinho, sempre acreditou em "amor à primeira vista", eu só não o julgo, por que já me apaixonei à primeira mensagem, ser trouxa está no sangue.

A pior parte desta história, foi a que eu descobri, Jung era a minha maior paixão, só estava abaixo do the Beatles, melhor grupo forever, porém, eu ainda tinha um crush muito forte por Seok, foi aquele sorriso, aquele maldito sorriso.

Como toda garota idiota, eu só aceitei e me foquei nas novas músicas do The Rolling Stones , rock é top, dois beijos.

As cenas tristes vinheram após a chegada de Bambam, hippiezinho da Tailândia, que capturou o coração de Yugyeom, não o culpo, antes um amor correspondido que um fingido.

Bambam, não sabia do namoro do Kim, e numa festa, acabou, mesmo sem querer, pondo um par de chifres em Jung Hoseok, que viu seu namorado beijar o garoto com nome difícil.

Jung ficou devastado, chorou tanto que poderia se afogar nas próprias lágrimas, e isso não foi hipérbole, e mesmo querendo ficar triste pelo meu amigo, eu quase fiz festa, quer dizer, não é como se ele fosse ficar o resto da vida dele ao meu lado, porém, qual é, ao menos um pingo de esperança me resta.

No outro dia, quando Seok foi por um ponto final em tudo, descobriu que bêbado, Yugyeom expôs a todos os segredos mais obscuros que o mesmo o contou.

Acho que essa foi a maior decepção da vida dele, afinal, ele confiou tudo que guardou pra Yugyeom , e ele despertou os seus antigos demônios.

Cruel, mas preciso, tudo é uma dádiva, as vezes não é "boa", mas sempre nós trás alguma lição, acho que isso não fez muito sentido, mas, tudo bem.

Voltando ao futuro, encontramos Park Jimin, usando um vestido e uma maquiagem leve se olhando no espelho, enquanto Kim Taehyung e Kim Seokjin, conversam sobre os garotos do café que Seokjin trabalha, Jung Hoseok se encontra chorando enquanto escuta Indie relembrando momentos com Yugyeom, Kim Namjoon está atendendo os últimos clientes da Magic Shop, um café no qual trabalha junto a Yoongi, que está dormindo na despensa, não o culpo, ele é o que mais se esforça depois do Nam, fora que, a faculdade que Yoongi faz, é muito cansativa, e por último Jeon Jungkook, que está perdendo no vídeo game pro seu irmão mais velho, Jeon JungHyun, algo que não acontece muito, deve ser pelo loiro que está dominando seus pensamentos à um bom tempo.

Iremos falar sobre a vida de Park Jimin, desde muito pequeno, não que o mesmo tenha crescido, risos, mentira, do meu lado, ele é um poste, mas ok, vida que segue, tinha traços afeminados, por conta disso, seu pai, largou sua mãe, ele só estava com ela por conta do filho, mas quando viu que seu primogênito era homossexual, o cara pegou sua malas e foi embora, deixando Soo, Jimin e Jihyun para trás, então de mãos atadas, Soo  fez bruxaria como toda mãe solteira, e com todo seu orgulho, comprou saias pro seu filho mais velho.

Talvez seja por isso que Soo é a melhor amiga de Lee Chaerin, mãe de Min Yoongi, aos 7 anos de idade, seu único filho, se recusava a vestir -se de roupas "normais" para o seu gênero, afirmo com todas as minhas palavras que roupas não tem gênero, mas não era só assim que Yoongi pensava, ele se referia a si mesmo como uma garota, foi estranho no começo, aquilo com certeza não era prescrito normal, ainda estávamos tentando nos acostumar com as diversas sexualidades do novo século, não é como se tivesse se iniciado de agora, mas veio se tornar uma questão, no caso, algo mais "aberto", a ditadura nos dominava, mas a maconha nos libertava, nessa época, e apesar da popularidade, não era aceito, vinheram nós dizer, um dia, que AIDS era algo que apenas homossexuais, Prostitutas e dependentes químicos tinham, eu ri tanto quando meu pai veio me dizer pra parar de andar com Jin pelo seu relacionamento com Namjoon, ele afirmou que não queria que eu me tornasse uma "vagabunda", mal ele sabe que o Jin é rico pra caramba e tem um trabalho melhor que o dele sendo assumido, mas continuando o assunto Min Yoongi, quem o visse, poderia gritar de pé junto que era uma menina, linda, cabelos negros, franja, maquiagem nem um pouco exagerada, uma princesa.

Mas o órgão genital de Yoongi não era o de uma menina, seu corpo não era feminino por completo, não era só ter bunda e cintura fina, ele queria seios e, você sabe, uma vagina, aí meu Deus, eu tô rindo muito com isso, parei, eu sou normal.

Continuando, a diferença entre Park e Min era que, Jimin não queria ser uma garota, ele adorava seu corpo, e adorava se vestir de menina de vez enquanto, ninguém sabia quem era aquela garota, a única que andava com Yoongi, os únicos próximos de Min eram Park e uma "garota" misteriosa, mas o que ninguém sabia, era que Park Jimin, era essa garota.

E se alguém descobrisse aquilo, estávamos acabados, nunca seria aceitado, aposto que nos próximos anos, vai ser algo normal, a homofobia ainda te atinge querido leitor? Acho que não, mentes abertas serão formadas até lá, espero estar viva para provar, por que no nosso ano, no ano das lendas, 1960, ainda há muita proibição, espero que acabem logo com essa ingratidão, Deus vós mandou amar o próximo, então pra que tanto ódio? Estar fugindo do assunto é algo que me ocorre muito, peço lhe perdão, culpe a minha déficit de atenção.

As vezes me pergunto como seria se o mundo fosse formado de pessoas como Soo, seria tão magnífico, a aceitação seria um presente as almas, aquelas sofridas, queria que meus pais fossem tão mente aberta assim, talvez me entenderiam mais.

A homossexualidade vem da infância, vem da mente, sinto lhe dizer mas gays nascem gays, e lésbicas nascem lésbicas, aceite como a pessoa se reconhece mentalmente, se ela tem o órgão genital feminino e se reconhece como um menino, ele é um menino.

Mudando drasticamente de assunto, vamos falar sobre Jeon Jungkook e seu vício pela Rita lee e maconha, seu pai nunca existiu, e se existiu, fugiu antes dele nascer, sua mãe era uma prostituta, eram o que diziam, afinal ela tinha aids, o que pra muitos isso é prova de que ela vendia seu corpo, o que é uma droga, já que ela não conseguia mais nenhum emprego pela "fama", levando seu filho mais velho a sustentar a mesma, Jungkook era exceção, ele que se crie.

Afinal, você é eternamente responsável por aquilo que cativas, e ela nunca o cativou.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...