História Yin and Yang - Singularity (Imagine Taehyung) - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V)
Visualizações 86
Palavras 1.099
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


⚠ AVISO ⚠

Esse capítulo contém leitura erótica +16 caso não goste espere sair o próximo capítulo.

Boa leitura ❣

Capítulo 17 - Escuro


Fanfic / Fanfiction Yin and Yang - Singularity (Imagine Taehyung) - Capítulo 17 - Escuro

Ele rolou pra de baixo da minha cama e ela abriu a porta, ficou olhando.

- Eu tô aqui, tem Alzheimer??? Tô assistindo série.

Heloíse- Ahh

- Vai logo pra casa da sua amiga me deixa em paz!!

Heloíse- Aish, Tchal.

- Vaza!!

Escutamos ela descer as escadas e ele sai de debaixo da cama.

-Olha só o transtorno que você me causa!!

Ele sentou na minha cama sorrindo.

Taehyung- Admite... você amou me ver aqui.

- Me causando problema?? Ata amei mesmo.

Ele tira os sapatos e se joga na minha cama.

Taehyung- Poxa...vou ter que dormir com você hoje.

- Vai nada, assim que meus pais dormirem eu vou te tirar daqui!!

Taehyung- Na chuva?? - ele faz biquinho.

- Chama Uber.

Taehyung- Aff para de graça. Ele me deita na cama e fica por cima de mim, e fica beijando meu pescoço. - Hum?? Deixa?? Hein?? Por favor?? Minha linda...

- Tá tá tá tá!! Desgruda. - disse afastando ele. - Vai dormir na cama da minha irmã.

Taehyung- Vou nada. - ele prende minhas mãos na cabeceira e me beija ficou um bom tempo e ele para - Quero dormir junto com você - ele disse sorrindo sentando em mim.

- Aiii você é pesado!!!

Taehyung- Então troca - ele me levantou e se deitou me fazendo sentar em cima dele. - Assim.

- Nã... - ele me beija, e isso vai se intensificando, ele tira minha blusa, eu tiro a dele e ele começa a apertar meus seios, estava tudo bem até que...Dá queda de energia.

-Eu não tô enxergando nada... cadê meu celular???

Taehyung- Aqui!! Achei o meu - Ele liga a lanterna e eu coloco a blusa.

- Fica aqui, se ouvir barulho da escada, você se esconde.

Peguei meu celular liguei a lanterna e desci pra sala.

-Pai???

Vi ele na cozinha procurando luz de emergência.

Pai- Droga esqueci de comprar. - ele olha pra mim. - Vou buscar sua mãe e vou no mercado com ela comprar vela, alguma coisa pra iluminar aqui em casa, fique aqui.

-Ta bom.

Pai- Tranque a porta.

Ele saiu e eu tranquei a porta, subi correndo pro quarto. Entrei e ele não estava, fui ver dentro do guarda roupa...

- Tae?? - ele chega por trás de mim de assustando. - QUE SUSTO MENINO!!!

Taehyung- Então...seus pais saíram??- ele disse me levando pra cama.

- É, daqui a pouco eles estão aí. - Ele me empurra na cama tirando a camisa.

Taehyung- Que ótimo - ele me beija apertando minha intimidade, depois ficou beijando meu pescoço.

- Tae...n-não!! - Ele continuou.

Taehyung- Não o que? - Ele colocou sua mão por debaixo da minha calça e colocou seus dedos na minha intimidade.

- Taae!!!- Ele ficou fazendo movimentos vai e vem com brutalidade me fazendo ficar excitada, tirou minha calça e voltou a ficar em cima de mim, me beijando. Parei e tirei a roupa dele. Ficamos só de roupa íntima, então eu subi em cima dele e o beijei rebolando em seu membro, ele segurou meu cabelo e começou a dar chupões em meu pescoço.

- P-para, vai ficar a marca, depois não vou conseguir esconder. - ele sorriu de canto e voltou no meu pescoço e dessa vez me mordeu forte deixando com marca. - Aaiii!!! Seu doente!!!! - ele riu com maldade.

Taehyung- Agora vão saber que você tem dono. - Acariciei seu rosto e desci a mão arranhando forte seu pescoço, ele fez uma cara de dor mas não disse nada.

- Agora vão saber que você tem dona.

Ele sorriu, diferente, aquele sorriso com maldade e voltou a me beijar e me acariciando e tentando soltar meu sutiã, ele respira com raiva e rasga o mesmo.

- Humm!!!!! Meu su...- Ele sobe em cima de mim ainda me beijando, mas dessa vez ele iria passar do limite, eu não conseguia falar, pois ele estava me beijando, então mordi forte seu lábio. 

Taehyung- Aahh- Gemeu de dor e pressionou seus dedos aonde eu tinha mordido.

- Vai com calma!!! Eu não quero agora!!- ele saiu de cima de mim colocando sua blusa, ainda pressionando sua boca, estava sangrando.

Taehyung- Foi mal, não consegui controlar. - sentei na cama e cruzei os braços cobrindo meus peitos, ele estava de costas pra mim.

- Aish, eu gostava desse sutiã...tá sangrando muito?

Taehyung- Não - ele se vira e sorri se aproximando, ele me beija e morde minha boca forte, mas muito forte.

- AI CARALHO!!! - Coloquei minha mão na boca estava sangrando muito, havia cortado bonito minha boca.

Taehyung- Oh, revidei muito forte - ele passou seu dedo na minha boca. - olha como está sangrando...deixe eu limpar - ele começou a dar lambidas na minha boca me fazendo arrepiar.

Ouvimos barulho na porta e colocamos a roupa rápido.

- Anda logo!! Entra aí de novo!! Já venho.

Omma- (S/N)??!!!

- Oii!! Estou indo!!

Abri a porta...

Eita!! A marca no pescoço!!!

Logo peguei um cachecol para cobrir e desci pra sala.

Omma- Não achamos mais luzes pra emergência, toma - ela me deu três velas e um isqueiro. - Acenda no seu quarto...aqui dentro está frio mas precisava de cachecol??

- Tô com muito frio, boa noite, já vou deitar.

Omma- Também vamos, boa noite.

Subi correndo pro quarto e o Tae já estava arrumando a cama.

- Uau, gostei de ver.

Coloquei as velas na escrivaninha e fiquei tentando acender elas, Tae encostou na parede e ficou olhando rindo.

- Fique quieto!! Eu consigo.

Taehyung- Me dê isso aqui - ele pegou e acendeu as três na hora.

- Aish...- olhei e vi que ele ainda estava com a roupa do uniforme. - vou no quarto dos meus pais, já venho. - entrei no quarto peguei uma camisa e uma calça moletom que meu pai não usa mais e vou correndo pro quarto.

- Tome- entreguei as roupas

Taehyung- De quem é isso?

- do único homem da casa.

Ele tirou a roupa e as vestiu, estavam um pouco grande demais.

- Ah espere.- abri meu guarda-roupa e entreguei minha blusa moletom que fica grande em mim. - Vista.

Ele olhou e vestiu, ficou certinho nele.

- Vamos deitar, estou com frio.

Taehyung- Eu te aqueço.

Deitamos na cama de frente um para o outro e nos cobrimos.

- Boa noite Tae.

Taehyung- Boa noite (S/N).

Ele ficou me fazendo cafuné assim que fecho os olhos já agarro no sono.

P.O.V TAEHYUNG

Fiquei vendo ela agarrar no sono, ela parece um anjo enquanto dorme...eu estou gostando muito dela, não posso negar. Pego um pouco no sono e acordo com meu celular tocando, atendo rápido pra não fazer mais barulho, e olho para ver se a (S/N) tinha acordado.

LIGAÇÃO ON

- O que foi?!

S- Senhor?? Ele fugiu.

- Como assim ele fugiu??? Vocês não prestam pra nada mesmo!! Achem ele se não quiserem morrer primeiro, já estou indo aí.

LIGAÇÃO OFF

Coloquei minha roupa e deixei um recado para a (S/N) antes de sair. Desci em silêncio e saí pela porta dos fundos...


Notas Finais


Desculpe qualquer erro ortográfico.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...