História Yin e Yang – Dois lados da mesma moeda - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Jay Park
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jay Park, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin
Tags Crime, Drama
Visualizações 27
Palavras 2.295
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vou gastar minha saliva toda lá embaixo
Leiam as notas finais

Capítulo 1 - Capítulo Um


~ Samantha ~

Acordei em um quarto escuro deitada em uma cama grande e espaçosa, minhas roupas estavam molhadas e eu não me lembrava muito da noite anterior

Minha cabeça doía e as coisas vinham aos poucos nela, eu briguei com a Agatha, fiquei zangada, saí pra beber, um cara maluco falou pra mim que eu não deveria beber e agora estou aqui

S : O que aconteceu? Quem é você?

? : Você bebeu, meu patrão disse que te avisou pra não beber mais, mas você não ouviu ele e bebeu todas – ele pensa um pouco e depois ri – Ah! Tinha esquecido uma... Meu nome é- 

A porta se abre e entra um outro cara, ele também era bonito, tinha um rosto de anjo, ele olhou pro tal garoto, olhou pra mim e sorriu 

?? : Finalmente acordou! Interromopo?

S : Seu amigo ia me dizer o nome dele quando você entrou 

?? : Ahh... Prossiga, então 

? : O meu nome é Jeon Jungkook, mas fala só Jungkook que tá bom, estou aqui pra ficar te vigiando 

S : Me vigiando por quê?

JK : O Namjoon hyung, me disse que queria falar com você, pediu pra eu ficar te vigiando até ele chegar

S : Claro. E você? 

?? : Meu nome é Kim Seokjin, mas pode me chamar só de Jin que está ótimo – ele sorri

S : Você é médico, advogado ou algo do tipo?

J : Médico – a risada dele é tão engraçada – O que me entregou? O meu jeito de falar ou a maleta de primeiros socorros?

S : O seu jeito de falar

J : Consegue se sentar? – assinto – Sinal de que você está bem

Ele começa a me examinar

J : Está sentindo tontura, dor, enjôo ou algo do tipo? 

S : Só um pouco de dor de cabeça

J : Jungkook, você não deu o remédio pra ela?!

JK : Hyung! Você entrou com menos de um minuto que ela acordou

J : Mesmo assim! Dessa vez eu deixo passar, mas já sabe...

JK : Eu sei... "Vacilou não tem toddynho"... Não precisa repetir hyung...

S : Quando eu vou poder sair daqui?

JK : Namjoon hyung chega daqui à pouco, ele tem uns... Serviços...

J : É o tempo de você tomar um banho e vestir outra roupa, pelo menos outra camisa 

S : Claro. Onde fica o banheiro e que roupas eu vou usar? 

J : O banheiro fica alí – aponta pra uma porta – E de roupa só tem as do Namjoon, e eu acho que elas são grandes então deve dar – ele sorri e sai do quarto 

O silêncio toma conta do cômodo, mas ao olhar pra camisa do Jungkook me dá vontade de rir 

JK : Qual a graça?

S : Sua camisa 

JK : O que tem ela? 

S : 665, o que significa?

JK : "Um passo pra um demônio" 

S :  Não vai sair do quarto?

JK : Não posso, tenho que te vigiar

S : Mas como eu vou tomar banho?

JK : Leva a roupa pro banheiro, toma banho e se veste lá... Não se preocupe, eu não tenho interesse em você

S : Sei...

JK : É sério, eu prefiro outro tipo de pessoa, como explicar? Garotas que não são nesse estilo, brigar, beber, desmaiar

Tenho uma crise de risos e resolvo ir logo tomar banho antes que esse tal Namjoon chegue

Pego uma camiseta preta escrita "Bad" e vou no banheiro. Tomo um banho rápido, coloco o mesmo short e a camiseta do tal Namjoon. Saio do banheiro e vejo Jungkook sentado na ponta da cama digitando no celular e sorrindo bobo

S : Apaixonado é?

JK : Ela não sabe quem eu sou, nem eu sei quem ela é

S : Como assim? – vou pra perto dele e me sento do seu lado

JK : Ela é se mudou pra cá faz um tempo. Ela é brasileira e veio pra estudar. Eu quero arrumar um tempo pra conhecer ela, mas tá difícil

S : Vocês não sabem nome, endereço nem nada um do outro?

JK : Não, mas eu sinto que logo eu vou conhecê-la – ele sorri 

Logo a porta se abre e o cara estranho da noite anterior entra 

??? : Você está bem? Se sente melhor?

S : Sim, obrigado 

??? : Pode nos deixar sozinhos, Kookie?

JK : Claro – ele sorri pra mim e sai

??? : Meu nome é Kim Namjoon. Eu te trouxe aqui porquê ontem eu percebi o quanto você é... Como posso dizer?

S : Bicho solto? Vida louca? Algo desse tipo?

NJ : Isso mesmo. Eu sou o dono de uma grande... Empresa. E queria saber se você teria algum problema em se juntar a criminosos 

S : Seria bem legal, mas que tipo de criminosos?

NJ : Conhece a gangue de Kim Siwon?

S : Aquele traficante de drogas, armas, etc, e tal? – ele assente – Conheço. Mas ele não morreu em um confronto com a polícia?

NJ : Sim, eu sinto muito a falta dele... Continuando... Eu sou filho dele e herdeiro de todo aquele império. E quero saber se você quer entrar nele 

S : Wow! Claro! Caralho! Eu entrei pra um dos lados! Mas o que eu tenho que fazer?

NJ : Simples. Você vai encontrar garotas que tenham, assim como você, um belo rosto e um certo ar de inocência – eu rio – Qual a graça?

S : Eu inocente?

NJ : Não parece,mas quando você não está bêbada, louca, aprontando, você parece ser uma pessoa doce e talvez até inocente – ele sorri – Assim que você conseguir algumas garotas você volta aqui e me avisa. Eu vou te dar bastante dinheiro e um celular, somente pra assuntos de trabalho, você estuda?

S : Sim, faço faculdade 

NJ : Você vai andando, de carro, ônibus?

S : Andando 

NJ : A partir de hoje o Jungkook vai te deixar e te buscar de carro 

S : Obrigada 

NJ : Você mora com seus pais, sozinha, com o namorado?

S : Com os meus pais 

NJ : Você tem que ir morar sozinha, pode manter contaro com eles, mas morar com eles não, não podemos correr riscos, estamos entendidos Samantha?

S : Sam 

NJ : O quê?

S : Só Sam 

NJ : Claro 

No mesmo dia, às 23 : 00...

~ Laysa ~

Estou em uma boate, no bar pra ser mais exata, Meu nome é Laysa Gabrielly, eu sou uma estudante de artes em uma faculdade em Seul, mas na horas vagas eu trabalho como mercenária em qualquer região da Coréia

Nesse momento eu estou em serviço, vou ser paga para tirar uma boa quantia de dinheiro de um cara chamado Min Yoongi. Já sei quase tudo sobre ele, pelas informações que eu peguei ele é do tipo que fica com uma garota por noite, transa com ela e depois vai embora deixando apenas o dinheiro do táxi... Galanteador barato, pff... Mas hoje ele aprende

O vejo de longe, ele é bem mais bonito ao vivo – sorrio

O mesmo me olha com um olhar malicioso e morde o lábio. Me viro e tomo um último gole do meu whisky

YG : Oi princesa – ele sorri e eu rio. Princesa?! Sério isso cara? – Amigo? Me dê uma dose de vodka e traga outra dose do... – ele me olha confuso

L : Whisky

YG : Do whisky da senhorita por minha conta

O garçom responde um "claro" e logo depois coloca as bebidas no balcão

YG : Já que a senhorita não vai se pronunciar, eu vou. Min Yoongi, ao seu dispor, porquê prazer é só na cama – ele estende a mão e eu estendo a minha, ele pega a mesma e da um selar nela

L : Eu conheço sua fama senhor Yoongi

YG : Já que eu percebi que não vai me falar seu nome, do que eu devo te chamar?

L : Me chame de Baby... Daddy – dou ênfase ao "Daddy" e o coloco uma mão sobre sua coxa e vejo o mesmo se arrepiar

YG : Wow! Você é rápida, hein? – ele ri

L : Mais do que imagina – vou deslizando minha mão até seu membro coberto pela calça e vejo o mesmo dar um gemido baixo

YG : Vamos logo com isso, uh? – ele se vira no banco e, em um movimento rápido, ele me segura pela nuca, coloca um braço em volta da minha cintura e inicia um beijo intenso e cheio de desejo, e eu retribuo

Logo ele tira a mão da minha cintura e coloca no bolso, tira algumas notas do mesmo e coloca elas sobre o balcão

Quando o ar já não se faz mais presente ele separa nossos lábios com uma mordida em meu lábio inferior

YG : Vamos lá pra cima? Eu preciso de ajuda com uma coisa aqui embaixo – ele sorri malicioso

L : Vamos daddy – tomo meu whisky de uma só vez e ele pega o copo de vodka

YG : Leva pro daddy? Vai na frente, daqui a pouco estou chegando – ele sela nossos lábios, coloca o copo na minha mão e se levanta logo saindo

Vou até a escada, e subo, chego em um corredor com alguns quartos entro em um que estava com a porta aberta

Entro coloco o copo em uma mesinha, pego meu pequeno frasco com um liquido transparente e derramo algumas gotas na bebida dele

L : Perfeito – falo pra mim mesma

Solto meus cachos do coque que os prendia e tiro as minhas botas

Volto até a mesinha e guardo o frasco em minha bolsa

Sinto alguém me abraçar por trás e beijar meu pescoço

YG : Vamos logo com isso?

L : Termina logo sua bebida

YG : Por quê? – seus beijos agora se tornam chupões

L : Bebida é uma dádiva divina, se você não tomar eu vou ficar ofendida

YG : Nossa... tá bom – ele bebe tudo de uma vez só

Do jeito que ele tomou logo ele fica tonto e cai duro... Idiota...

Ele vem até mim e me beija intensamente, mas o beijo vai ficando calmo e ele separa nossos lábios

YG : Eu não estou me sentindo bem... – ele ía cair, mas eu o seguro

L : Desculpe por isso... Não é nada pessoal... Você até que é bonito – rio e deito ele na cama – Mas é o meu trabalho... Não pense que eu vou deixar o dinheiro do táxi... Eu não sou baixa como você

YG : Você é esperta – ele ri grogue – Mas eu vou te encontrar... – ele apaga de vez

Calço minhas botas, começo a vasculhar os bolsos da sua calça e encontro exatamente a quantia que a mulher que me contratou falou. Procuro outros pertences e vejo um anel de ouro com um pentagrama desenhado. Deve valer alguma coisa. Pego tudo e coloco na minha bolsa. Pego uma flor que havia na minha bolsa e coloco ela no criado mudo, pego um papel em branco que havia na minha bolsa e escrevo um bilhete

" Não esqueça de mim,

sou boa demais

pra ser esquecida "

Dou um beijo no canto do bilhete pra ficar a marca e coloco junto da flor

Pego tudo o que eu achei que daria um bom dinheiro e saio

Ainda estava cedo então resolvo curtir uma pouco, coloco o anel dourado em meu dedo e vou descendo as escadas

Vou no bar e peço uma caipirinha, passo um tempo bebendo e olhando as pessoas, quando termino de beber vou no banheiro, afinal, ser reconhecida não seria bom

Chego no banheiro e entro em uma cabine, abro a minha bolsa e falo pra mim mesma

L : Que comece a transformação

Faço um coque no cabelo e prendo com uma liga, pego um aplique de cachos verdes e coloco em volta/sobre o coque. Tiro as botas pretas e calço um salto alto azul escuro. Coloco um sobretudo preto e saio da cabine

Assim que saio vejo que no banheiro só estávamos eu e uma garota branquinha de olhos claros e cabelo castanho. Ela abriu uma bolsa e tirou de dentro algumas maquiagens

Vou até a pia ao lado dela e coloco minha bolsa de maquiagens sobre ela e tiro os meus lenços pra remover maquiagem, vou passando e sinto que ela me observava, pra ser mais exata, olhava a minha mão com o anel

L : O que foi?

S : Seu anel

L : Bonito, não? – digo e pego um batom bem vermelho e passo em meus lábios

S : Sim.. Ele é seu mesmo? – ela sorri sarcástica

L : Pra quê você quer saber? – pergunto fria e ela ri

S : É que um conhecido meu, Min Yoongi, tem um igualzinho – eu fico pasma

S : Não se preocupe eu não vou contar, até porque... – ela guarda as maquiagens na bolsa – Ele mereceu

L : Fui contratada pra isso – estendo a minha mão – Laysa Gabrielly, à seus serviços – sorrio

S : Samantha Madson Wang, mas me chama só de Sam – ela pega na minha mão e sorri – Quer trabalhar pra mim?

L : O quê?

S : Se juntar a gangue do filho do falecido Kim Siwon?

L : O que eu ganho com isso?

S : Fora você entrar pra um dos lados... Você ainda vai ganhar proteção e muito, muito dinheiro

L : Até que não é tão ruim... Eu diria até que é tentador...

S : Sim ou não?

L : É... Pode ser... – ela sorri

~ Samantha ~

S : Pode me esperar lá fora? Tenho uma ligação particular pra fazer

L : Claro – ela sorri, pega a bolsa e sai

Resolvo ligar para o Namjoon

NJ : Alô?

S : Sou eu Sam

NJ : Ah! Oi Samantha... O que quer?

S : Já disse que é Sam! Vim pra uma boate no centro de Seul, o nome é "Sweet Devil", pede pro Jungkook vir aqui buscar eu, o Yoongi e uma garota que eu conheci

NJ : Garota? Que garota?

S : O nome dela é Laysa, ela é uma golpista de aluguel, aceitou entrar pra gangue

NJ : Ótimo... Mas por que o Yoongi não trás vocês?

S : É que ele foi alvo de um dos golpes da Laysa, e agora, provavelmente, deve estar apagado

NJ : Como assim?

S : Quando chegar aí eu te conto, só manda alguém vir aqui logo

NJ : Tá...

Ele ri e desliga. Encaro o meu reflexo no espelho

S : Que começe o recrutamento...


Notas Finais


EAE
Gostaram desse novo formato de cap? Tá maior

Eu queria dizer que assim que eu terminar de repostar eu posto a segunda e última temporada
Duas já tá ótimo ok? Ok

Eu senti tanta falta de vocês :')

Gostam de RPG? Me Viciei em uns RPGs aí e não canso do meu BB Jiny kkk :')

Eu tô com tanta vontade de falar hoje

Vocês tem wpp? É que agora eu tenho celular então quem quiser falar comigo fala aí nos comentários que eu passo meu número

Yah! Que saudades!

Eu fiquei pasma com os meus erros de português :')

Percebi que a Kah sofre pra krl

Queria ter uma forma de repostar com os comentários :')

Eu ia postar dois caps hoje, mas a culpa é da omma *correndo*

AMUH VUXEIS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...