História Yin e Yang (Shadamy) - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Sonic Boom, Sonic The Hedgehog, Sonic X
Personagens Amy Rose, Dr. Ivo "Eggman" Robotnik, Knuckles the Echidna, Miles "Tails" Prower, Rouge the Bat, Shadow the Hedgehog, Vanilla the Rabbit, Vector the Crocodile
Tags Knuclouge, Shadamy, Silvaze, Sonamy, Tais X Cream
Visualizações 32
Palavras 1.726
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eai genteee!Espero que gostem!

Capítulo 8 - Obrigada


Fanfic / Fanfiction Yin e Yang (Shadamy) - Capítulo 8 - Obrigada

                 Tails on

     O que será que ouve com o Sonic?Ontem ele estava meio estranho quando voltamos da nossa missão na terra e ele enfrentou o Shadow.Para falar a verdade estou meio desconfiado dessa história, afinal o Shadow é um dos demônios mais fortes tanto que pode bater de frente com o Sonic que é um dos anjos mais fortes também e o Shadow tem a personalidade orgulhosa demais para fugir.Não precisa conhecer ele ou ser um gênio para ver o quanto ele é orgulhoso.Me pareçe que o Sonic está me escondendo alguma coisa.. Depois irei falar com o ele.

        Bem nesse momento estou no meu laboratório tentando terminar uma invenção minha, e eu estou sem minhas assas também pois elas podem bater em alguma coisa aqui sem querer e quebrar.

       -Finalmente terminei!-Falei levantando olhando a minha mais nova invenção .

         Eu tinha inventado um robô para ser meu ajudante já que trabalhar aqui na maioria das vezes sozinho é bem cansativo, não que meus amigos como o Sonic,Amy,Silver,Manic ou até mesmo a Sonia ou o Knuckles que são muito ocupados não venham me ajudar é que na maioria das vezes eles estão ocupados fazendo suas próprias coisa e deveres.

          Esse robô que eu construí é só uns 15 centímetros mais baixo que eu, a maior parte do corpo dele é amarela só com algumas poucas partes são num tom de laranja e seus olhos são azuis(Eu baseei essas cores em uma pessoa muito especial para mim, menos os olhos), ele não possui boca mais mas ele tem a capacidade de falar pois instalei umas ferramentas para que ele poça falar mesmo sem boca. E eu o batizei de Emerl.

           Então apertei um botão que ficava em um canto mais escondido nas suas costas para liga-lo.

           Então eu apertei só que o resultado não foi como o esperado, a luz dos olhos dele acendiam e apagavam até que teve um momento que ele começou a fazer muitos barulhos então começei a me afastar andando de costas para longe dele até que começou a sair muita fumaça cinza dele me sujando e sujando um pouco do laboratório então ele simplesmente parou de fazer tudo isso e desligou.

         -Parece que foi uma tentativa fracassada que pena.-Falei para mim mesmo olhando o Emerl parado no mesmo lugar desligado.

             E agora estou todo sujo por causa da fumaça cinza que ele soltou a segundos atrás.

        -Preciso descansar...depois eu tento liga-lo de novo.-Falei me virando e saindo do meu laboratório que ficava em uma parte mais protegida da minha casa.Então fui diretamente para o banheiro e tomei um banho demorado com aguá morna para poder me limpar.Então eu me sequei e deitei no sofá por um tempo já que não tinha mais nada para fazer e com certeza o Sonic deve estar ocupado fazendo os deveres dele ou estando com aquela namorada falsa dele a Sally(Ana-Vadia vc quer dizer né? Tails-Calma autora-chan sei que não gostamos dela mas calma. Ana-Ok ok.)

    O Sonic está namorando ele a mais ou menos 2 anos, eu,Sonia,Manic,Knuckles,Cream não gostamos dela muito menos a Amy que já gostava do Sonic.Não entendo como o Sonic nunca percebeu que a Amy gostava dele e se percebeu não acredito que ele trocou ela pela Sally(falsa).E outra coisa que realmente não entendo é como a Sally pode ser um anjo, pelo amor de Deus, ela é totalmente do mal.

   Mas pelo menos a Amy não está mais sofrendo com ele, pois pelo que eu percebi ela já o esqueceu. 

   Então como eu não tenho mais nada para fazer acho que vou passear um pouco pela Terra.

  Então saí de casa e abri minhas assas e fui direto para um gigantesco portal que levava os anjos até a Terra que é bem proxima da barreira que impede que os demônios entrem no céu.

 Então comecei a voar sem rumo pela Terra.

               Cream on

    Onde será que a Amy está?Perguntei a mim mesma um pouco na frente da casa da Amy.Eu bati na porta e a chamei varias vezes mas ninguém me atendeu..Então cheguei a conclusão que ela devia ter saído.

    Então andei um pouco e sentei na grama curta de uma pequena floresta aqui no céu e comecei a apreciar o Sol e fiquei assim por alguns minutos pensando aonde a Amy deve estar.

     -Já sei onde ela pode ter ido!Ela deve ter do para a sua casa na Terra!-Falei para mim mesma animada.Como eu não pensei nisso antes?Ela adora ir para lá no tempo livre ou aproveitar a floresta que fica perto da casa dela!

      Bem vcs devem estar se perguntando, como eu sei da casa dela na Terra?Bem porque ela me mostrou já que disse que confia muito e mim e que a gente podia ir lá para conversar de vez em quando.Alem de mim só o Silver,Tails e o Manic sabem da existencia dessa casa.A Amy me disse que só ainda não contou para a Sonia pois ela está muito ocupada ultimamente, afinal ela é quem treina os anjos e os guardas reais para caso de algum ataque ou guerra.

     Então eu abri minhas assas e fui para o grande portal que ligava a Terra com o céu, e passei por ele e fui voando até a floresta que fica a casa da Amy, então quando cheguei na floresta eu quardei minhas assas pois eu tenho que ir andando já que se eu for por cima é possivel que eu não veja a casa dela por causa das grandes árvores.Bem eu tenho um looooongo caminho pela frente pois tenho que andar muito até lá pois a Amy quis construir a casa dela o mais longe possível dos humanos por precaução.

    Até que comecei a ouvir um chorinho de dor baixinho mais para o lado onde tinha um campo mais aberto.

   Então fui me aproximando até que vi uma criaturinha pequena, ele tinha era da cor azul bebê e tinha só umas poucas partes de amarelo.Ele também tinha assas pequenas e parecia que uma das suas pernas estava machucada pois ele chorava bastante enquanto falava "chao chao chao".E quando ele me viu eu vi que ele tinha olhinhos azuis, e parece que ele ficou com medo de mim pois se encolheu e começou a chorar mais.E o esquisito é que eu nunca vi esse animal e pouquíssimos animais podem ver anjos ou demônios.

    -Calma, calma eu não vou te machucar-Falei bem baixinho e com a voz bem calma olhando para ele.E parece que entendeu pois ele parou de chorar um pouco e parece que estava com menos medo de mim.

    Então calmamente o peguei no colo.

   Oque eu faço?A casa da Amy ainda está muito longe!

  -Cream é vc?-Perguntou uma voz familiar que parecia que estava vindo de cima.

   Então me virei rapidamente na direção de onde veio a voz ainda com o animalzinho no colo.

  -TAILS?!Por que está aqui?-Falei 

   -Bem eu não tinha nada o que fazer então vim olhar um pouco a Terra.-Falou me olhando-Oque é isso que vc está segurando?

   -Tails ainda bem que vc apareceu eu achei esse animalzinho ferido!-Falei preocupada com o animalzinho.

  -Deixa eu ver ele.-Ele falou me olhando de um jeito mais sério agora.

Então ele desceu bem na minha frente e começou a examinar o animalzinho.

  -É melhor leva-lo para a minha casa.Se continuar saindo sangue dessa ferida na perna dele ele pode ficar doente de perda de sangue ou entrar alguma infecção.-Falou meio sério.

 -Sim vamos!-Então fiz minhas assas aparecerem de novo e eu com o animalzinho no colo e o Tails levantamos vôo até o portal.

Ainda bem que o lugar onde encontrei ele era mais aberto se não o Tails não teria nos encontrado.

Então chegamos no portal logo passando por ele indo direto para a casa do Tails.Eu estou muito preocupada com o animalzinho..  

Quando chegamos lá Tails me levou para a cozinha.

-Coloca ele encima da mesa.-Falou ele indo para outro cômodo.

-Tá-Falei colocando ele na mesa.

  Então depois de alguns segundos Tails voltou com uma caixa de primeiros socorros na mão.Então ele parou ao lado a do animal até então desconhecido e começou a limpar o ferimento e depois colocando um remédio que deve ser contra infecção logo depois o cobrindo com uma faixa.Nesse meio tempo o animal acabou dormindo.

   -Acabei-Falou ele com um sorriso.

   -Obrigada Tails sem vc eu não sei o que faria-Falei dando um sorriso meio timido para ele.

   -Rs não prescisa agradecer!-Falou ele meio timido também me olhando com um sorriso.

   -Mas Tails...vc sabe que animal é ele?Eu nunca vi um iqual a ele, e sem falar que poucos animais conseguem ver anjos...

  -Bem eu vou pesquisar-Falou ele pegando uma maquina que provavelmente ele fez.

  -Que maquina é essa Tails?-Falei olhando para a maquina curiosa de algum jeito ela me é familiar.

  -Bem é um tablet é uma invenção dos humanos que eu acabei vendo um usar quando fui para a Terra á algum tempo atrás e como achei bem enteressante fiz um para mim.

  -Ahhh por isso que essa maquina me era familiar!Eu já vi um humano usando um desses!E vc conseguiu fazer um iqual!Que incrivel Tails!-Falei animada.Meus olhos devem estar brilhando agora.

  -Rs obrigada-Falou ele meio sem graça com as bochechas um pouco coradas. -ACHEI!Aqui diz que ele é uma espécie rara que está praticamente considerada extinta o nome desse animal se chamo "Chao".-Falou ele olhando para o tablet.

  -Nossa então quer dizer que ele pode entrar em extinção?-Falei meio chorosa pois sempre fui muito sentimental.

  -Infelismente sim, e ele pode ser o ultimo da espécie.-Falou ele com um olhar sério.

 -Então Tails os humanos podem ser perigosos para ele!Eu posso ficar com ele eu vou cuidar dele muito bem aqui no céu!-Falei

 -Tem certeza?Pode ser uma grande responsabilidade.-Falou me encarando meio sério.

-SIM!-falei firme

-Então vc pode ficar com ele mas tenha cuidado com ele ok?

-Sim!-Falei alegre.

-Então quanto ele não acorda que tal assistirmos um filme?-Ele falou com uma mão atrás da nuca.

-Tabom!-Falei feliz com um sorriso.

 Então pegamos o chao e colocamos do nosso lado no sofá.Então pegamos uma coberta e nos cobrimos juntos e começamos a assistir o filme no sofá em frente a TV.

Mas antes de começar eu dei um beijo na bochecha dele o que parece que o deixou surpreso e falei:

-Obrigada Tails

-O-Ok

Então começamos a assistir o filme.        

        


Notas Finais


Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...