1. Spirit Fanfics >
  2. You >
  3. Você...

História You - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


É uma história original baseada em personagens que já existem (alguns) de uma série da netflix porém a história é nova e não tem ligação com a série. Apenas algumas fantasias da minha mente escrita aqui pra vocês passarem um pouco de tempo :)
espero que gostem e se gostarem por favor, comentem!
gosto da interação e me mantém animada pra continuar. ;)
xoxo

Capítulo 1 - Você...


Fanfic / Fanfiction You - Capítulo 1 - Você...

Para muitos somente o recomeço de um ano letivo, para ela, um novo começo em uma escola nova. Após um relacionamento conturbado com seu melhor amigo, Lara Jean se vê perdida e solitária em seu último ano de escola. Agora solteira e sem amigos ela pensa que aquele seria o pior ano de sua vida, até conhecer seu novo professor, que apesar da diferença de idade, consegue cumprir ambos os papéis na vida de Lara Jean.

 

*pov lara*

Levanto-me cansada, ao entrar no banheiro encaro a figura pálida no espelho, que me encara de volta com o mesmo desanimo. Pois é, mais um ano inteiro pela frente, e você não pode fugir disso. Agora em uma nova escola, sem amigos, sem o Max e sem expectativas, decido levar a vida no jeito mais robótico possível, talvez isso me traga uma sensação de que está passando mais rápido. Termino de me arrumar, e ao sair faço carinho em Bocco, meu cachorro. Pego o trem e fito a paisagem que passa lentamente ao fundo. Checo meu celular e percebo que estou chegando cedo demais, ótimo.

-Dizem que uns dias são melhores que os outros. _uma senhora ao meu lado me diz, do nada, e da um sorriso meigo.

-Pareço estar em um dia ruim? _indago e a fito surpresa.

-Na verdade, parece estar rumando para um ótimo dia, mocinha. _ela diz, e com um som alto de uma voz anunciando minha chegada as portas do trem se abrem, foi um sonho?

Entro na escola lendo um folheto que recebi pelo correio, indicando minha sala, a escola é imensa e já tem algumas pessoas pelos corredores, funcionários em sua maioria, sem chamar atenção adentro a sala que vai acontecer meu primeiro período e escolho um lugar no fundo. Chegar depois para chamar mais atenção do que já chamo por ser a garota nova? Sem chance. Coloco minha playlist no spotify e pego meu livro “desesperados” da Paula fox. Já estou preparada para minha rotina entediante que está pra começar, quando ouço o ranger da porta, ergo meus olhos e me deparo com a figura de um homem com a mão na maçaneta me olhando com um ar de interrogação.

-Ah, que susto. _ele diz e sorri.

O encaro sem dizer nada, ponderando sair dali já que parece que irei atrapalhar.

-Aluna, ou invasora? _ele indaga entrando na sala com ambas as mãos nos bolsos da calça.

-Ambos... _digo, e ele esboça um meio sorriso.

-E você? _indago.

-Sou Joe Goldberg. Professor de literatura inglesa.

-É minha primeira aula de hoje... _ele vai ser meu professor...

-Então vai ser minha aluna. _ele conclui.

-Vai ver que é como se eu nem existisse. _digo folheando meu livro.

-Esse livro é ótimo. _ele observa.

-é o que pretendo descobrir... _digo, e fico em pé.

-Não precisa sair. _ele me acompanha com o olhar.

-Mas veio usar a sala, certo?

-Eu costumo adiantar algumas coisas no quadro, para evitar perder tempo durante a aula depois. Mas pode ficar aqui, se quiser. Não me atrapalha. _ele sorri, ele tem uma maçã do rosto perfeita, lábios carnudos e os cabelos em um tom de castanho escuro, quase preto.

-Parece estar pedindo pra eu ficar. _digo e o analiso. Ele parece surpreso.

-Talvez eu esteja. _ele pisca, e da um leve sorriso.

-Costuma flertar com todas as suas alunas professor Goldberg?

-Só com as que parecem inteligentes. _ele retruca.

Acabo sorrindo, ele é legal, parece alguém divertido, acho que suas aulas vão ser interessantes.

-Olha, a aluna misteriosa sabe sorrir._ele diz.

-Não costumo sorrir muito. _dou de ombros e desvio o olhar para o livro.

-como se chama? _ele diz, em um tom curiosos.

-Lara Jean, sem muito orgulho. _digo e mordo o lábio.

-É um nome lindo. _ele diz, e eu o encaro por um momento.

Ele se afasta e volta para perto do quadro, e começa a escrever alguns nomes de livros e observações, ele tinha uma das mãos no bolso da calça enquanto escrevia com a outra, percebo que ele é canhoto, e tem uma pose confiante. Ele não parece ter mais de 30 anos e também é muito educado, alguém de fato, admito, interessante. Acho que esse ano vai ser um pouco mais interessante do que imaginei. Mas sem muitas esperanças, lembro de Max. E minha distração logo some e eu volto aos meus pensamentos tristes. Pego meu celular e olho as notificações, nenhuma dele. Ele realmente decidiu seguir em frente. Suspiro audivelmente e ouço resposta.

-Parece preocupada Lara Jean. _o professor indaga, sem se virar para mim, ainda escrevendo.

-Escola nova, pessoas novas. Nada muito animador no meu ponto de vista, professor. _digo e começo a guardar minhas coisas e a pegar o meu material, está quase na hora da aula.

-Chegar antes de todos é uma boa estratégia para não chamar atenção. _ele diz, curioso.

-Ainda assim chamei a sua. _digo, um pouco tímida pelo nível de intimidade da conversa.

Ele para a caneta no ar por um instante, e se vira para me olhar.

-De fato. E se tudo der errado, podemos ser amigos. _ele sorri sem mostrar os dentes.

-Voce sempre se força a ser tão simpático assim? Deve ser exaustivo. São 8 da manhã.

Ele ri, alto.

-Tenho que tratar bem meus alunos, dependo do salário de professor para viver. Minha livraria não rende mais o suficiente depois dos PDF’s online.

-eu prefiro os livros físicos, sinceramente. Onde fica sua livraria?

-Av. ***** ****  323. _ele responde.

-uma hora dou uma passada lá, preciso de livros novos.

-Bela troca. _ele diz

-troca? _indago

-te ofereci amizade, e você ofereceu seu dinheiro.

-Eu realmente preciso de livros novos, e sou nova aqui na cidade não conheço praticamente nada.

-Vou escolher alguns exemplares que valem a pena e deixar guardado para você, então. _ele diz e pisca para mim. Dou um leve sorriso, logo os alunos começam a invadir a sala e eu me sento abraçando minha mochila. E lá vamos nós...


Notas Finais


sugestões, criticas, ideias, opiniões, tudo é bem vindo ;)
seu comentario me inspira a continuar
xoxo jubs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...