1. Spirit Fanfics >
  2. You >
  3. Melhor dia.

História You - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem!
Boa leitura 😊❤

Capítulo 5 - Melhor dia.


Os dias se passaram e Finalmente consegui uma entrevista de emprego, para amanhã. Não aguento mais viver às custas da Mikasa. Desde que perdi o emprego no final do ano passado, está difícil conseguir um novo. A entrevista que consegui é para atendente de caixa de um supermercado, acho que é suficiente para conseguir viver tranquila por enquanto. Espero conseguir uma bolsa de estudos para a faculdade, não sei se teria como pagar as mensalidades, ou então vou ir para uma faculdade pública. Pretendo tentar ir para a Universidade de artes Musashino, se conseguir bolsa poderei continuar nesse emprego. 


Acordo com o despertador bem cedo, não queria levantar, mas é melhor não ceder para a preguiça, posso acabar dormindo novamente, e me atrasar como sempre. Lavo meu rosto, e escovo meus dentes, assim eu já acordo de vez. Coloco a roupa que separei na noite anterior, prendo o cabelo em um coque e faço uma maquiagem leve. Não consigo tomar café da manhã assim que acordo, então vou comer depois da entrevista. 

Fui para lá, não era um mercado muito grande. E por algum motivo o chefe me viu e disse que meu currículo tava ótimo, e que só precisava urgente de alguém no caixa, e me colocou lá no caixa. Legal consegui o emprego, mas me preparei para nada. As horas foram passando, e enquanto eu trabalhava, comecei a me sentir meio tonta. Eu não comia nada desde a noite anterior, óbvio que iria me sentir fraca. Na hora do almoço, eu não havia levado dinheiro algum, já que achei que iria voltar para casa cedo, então fui para o depósito para descansar um pouco, na escola eu posso comer, logo vou sair daqui e ir para a escola, só preciso tomar forças.

– O que você está fazendo aqui? – Uma voz masculina me pergunta, tomo um susto e dou um pulinho

– E-eu só estava descansando um pouco... – Olho para ele, e tomo outro susto. Era o Levi. – O que você está fazendo aqui? 

– Eu trabalho aqui. 

– Eu sou nova aqui, comecei hoje. 

– Você está me perseguindo? Primeiro no dormitório, agora aqui. 

– Você que me persegue! – Nesse momento, me sinto mais fraca a ponto de quase desmaiar, não consigo dizer mais nada

– Está tudo bem? Você está pálida.

Tento dizer algo, mas me falta forças, sinto que posso apenas desmaiar a qualquer momento. Apenas olho para ele como se pedisse ajuda.

– Você comeu alguma coisa? 

Faço que não com a cabeça.

– Você está aqui esse tempo todo, sem comer nada? – ele me ajuda a levantar, e me leva até a sala dos funcionários.

– Obrigada. 

– Toma. – ele me dá um pacote de salgadinho. – Sei que não é a melhor refeição, mas é melhor que nada. 

– Para de me ajudar, assim vou sempre me sentir te devendo algo – Sorrio – Muito obrigada.

– Para de ser tão descuidada então. 

Ele é um cara muito gentil. Mas o jeito dele falar, parece curto e grosso. E por algum motivo, naquele momento eu senti como se pudéssemos ser amigos. 

Apenas comi, e ficou tudo bem. Fui para a escola depois do trabalho, tive que tirar a maquiagem no banheiro do mercado mesmo, e apenas fui. Quase me atrasei com isso, mas também, quando eu não me atraso?  

Apenas fui para a sala o mais rápido que pude, e sentei atrás do Armin. 

– Oi.

– Oi, como foi a entrevista? 

– Passei, e já até comecei lá

– Que legal, vamos contar para a Mikasa depois, ela vai ficar muito feliz.

– Uhum.

O professor entra na sala, e logo a aula começa. Depois de três longas aulas, temos o intervalo. 

Fui correndo para poder comer logo. Peguei minha comida e sentei na mesa de sempre, logo começo a atacar a comida, como se não comesse a três dias, parecia desesperada. Mas sou interrompida pelo Andrew sentando de frente para mim na mesa

– Oi.

– Oi. – falo com a boca cheia, logo em seguida mastigando tudo o mais rápido possível 

– Posso falar com você?

– Já está falando

– Eu digo em algum lugar menos público

Ainda bem que já mastiguei tudo, porque tenho certeza que eu engasgaria nesse momento se estivesse comendo

– Pode ser daqui a pouco? Preciso mesmo comer agora, não comi nada hoje. 

– Tudo bem, eu espero.

Ele ficou ali, sentado esperando. Comi o mais rápido que pude para poder saber o que ele queria. A Mikasa e o Armin, devem ter visto ele aqui e preferiram não atrapalhar, porque eu não vi os dois por aqui. 

O Andrew logo se levanta e me puxa pelo pulso para um canto da escola. 

– Que foi? 

– Eu...

– É sobre a garota que você gosta? Quer alguma ajuda? – claro que a primeira coisa que pensei foi isso, não vou me iludir pensando que seria algo diferente, e se for pode ser algo com a família, ou sei lá. 

– Sim...

Sabia. 

– O que ela fez? 

– Nada... eu só acho que ela gosta de outro...

Ele parece bem chateado com isso. Hum, agora ele sente o que senti. 

– Por que você acha isso? 

– Hmmm

– Espera. Você me chamou aqui pra quê? 

– Eu não sei exatamente, só acho melhor conversar a sós esse tipo de coisa. 

– Hmm, e agora você quer que eu te ajude? 

– Seria bom ter a sua opinião do que fazer. 

– Acho que se ela está solteira você ainda tem chance. 

Ele ri 

– Que foi? eu falei sério – Rio junto – Mas sério, acho que devia se declarar para ela. 

– Mas como? 

– Só fala com ela, não precisa de muita coisa. Só não demora muito para falar, isso irrita, fala de uma vez.

– Ok. 

Ele segura no meu queixo e me beija, fiquei totalmente surpresa

– Bel, eu gosto de você. 

Eu esperei tanto por essas palavras, que nem parecia real. 

– O que? Está falando sério?

– Eu não brincaria com isso.

– Mas por que acha que gosto de outro? 

– Outro dia vi você em um bar levando um cara para dançar. E logo depois você estava levando doces, muito feliz, para alguém.

– Ah não, ele é só colega, fiquei bêbada e incomodei ele, por isso os doces, foram um pedido de desculpas. 

– Ah sim...

– Ei. – seguro seu rosto com as duas mãos e olho em seus olhos. – Eu gosto de você, e só de você. 

Ele sorri, com aquele sorriso inexplicávelmente lindo, e me abraça. Me sinto protegida em seus braços, e me sinto confortável. 

Não tinha como aquele dia ficar melhor. 



Continua...


Notas Finais


Obrigada por lerem
Até o próximo capítulo
Beijinhos 😊❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...