História You Are My Song. - Imagine Sana - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias DAY6, TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Dowoon, Jae, Jihyo, Jungyeon, Junhyeok, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Sana, Sungjin, Tzuyu, Wonpil, Young K
Tags Black Pink, Day6, Imagine Sana, Twice
Visualizações 79
Palavras 1.243
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - AHHHHHH


Mark - Quê? Pera, é por causa do show? Já conversamos sobre isso.

Sana - Não é por causa do show, e falando em show, S/n, toma meu ingresso, você comprou, você deveria ir.

Eu realmente não podia dizer que:"- Não! Eu tenho meu ingresso em casa". Mas assim o Mark iria me bater ou melhor, me espancar por ter mentido para ele e no final ele iria para minha casa e não acharia nada.

- Vamos para casa Jennie? - Digo tentando fugir do assunto. - Estou com sono.

Sana - Eu vou com vocês. - Ela diz se soltando de Mark. - Tchau Mark, até mais tarde. - Ela coloca seu braço embaixo do meu. EMBAIXO DO MEU!

Chupa Mark!

Fomos ao carro, aonde Sana e Jennie se sentaram na frente. E eu não deixei de pensar, "e se eu me apaixonar por Jennie?"

- Sana, pode ficar com a entrada, meu amigo tem outra. - Sorrio fraco e entrego a entrada a ela.

Sana - Ah, obrigada S/n, obrigada mesmo!

Logo que saimos do carro ela me deu um abraço apertado.

Genti do céu, melhor abraço ever, eu não me importava com a cara de Jennie e nem com o Mark, caso descubra isso.

Eu já sabia que iria ficar assim, ficar totalmente vermelho por causa dela então saio correndo para o meu quarto, que me assusto por causa que Bambam estava lá dentro.

- Como entrou aqui satanas. - Digo me deitando na cama.

Bambam - seu pai que atendeu, e ai, ancioso para ficar com a Sana? Eu juro que vou tentar afastar as meninas de vocês dois.

- Bambam... Eu preciso dizer uma coisa super hiper mega secreto e você não pode contar para ninguém! Se você contar eu corto seu saco e jogo suas bolas na cara do Mark.

Bambam - eu juro! - Ele diz com a mão no peito. - o que é? Você comeu minha irmã?

- Você não tem irmã... Eu e a Jennie estamos namorando.

Bambam - O QUEEEEE??? PUTA MERDA CARA. - Ele estava pirando, era exatamente o que eu estava pensando que ele iria fazer. - O que você vai fazer?

- Não é que eu quero, mas ela me ameaçou! Ela falou que iria contar ao meu pai que eu apanho na escola, meu pai iria me levar para Filipinas e estudar lá, então eu iria ficar longe da minha banda, meu amigo e a Sana! Caralho, eu tô delirando com isso, eu simplesmente não sei o que fazer cara!

Bambam - PUTA QUE O PARIU. Sua irmã gostava de você esse tempo todo? Pera, vocês vão transar? Porque é isso que namorados fazem, transam para caralho.

- Eu não vou ficar com a minha irmã tá? Eu só tô com medo de... Me apaixonar por ela. - Digo abaixando minha cabeça. 

Bambam - Tá, isso tá acontecendo mesmo, ok. Eu tô realmente muito confuso. 

Jennie - S/N, DESCE AQUI!

Bambam - Sua namorada tá te chamando, vamo descer e fazer uma mágica para que ela não goste de você! - Ele se levanta mais eu seguro seu braço. 

- Bambam... Eu tô gostando, eu tô gostando desse lance de namorar com ela e assim eu vou ficar perto da Sana e eu realmente não quero magoar a Jennie.

Bambam - Puta merda, puta merda, vamos descer então, como civilizados e fingir que nada aconteceu.

Descemos e deparamos com o melhor quarteto da história: Jennie, Rosé, Sana e Mina.

Jennie - S/n, vamos nos arrumando. - Ela diz me empurrando para cima.

Olho para Bambam e ele já estava e chavecando com Mina.

Jennie entra no meu quarto e me abraça, me lembrava do abraço com Sana, mas mais vivo.

- Tudo bem Jennie? - Falo me deparando do abraço e me deparo com Jennie sorrindo, era o sorriso mais fofo que eu já tinha visto.

Jennie - Eu te amo S/n. - Ela inicia um beijo e eu logo correspondo com uma passagem da lingua, que ela logo cedi.

[...]

Logo que terminamos de nos arrumar descemos as escadas e vimos eles sentados na mesa jogando um jogo de cartas.

Sana - Sabe Jennie, eu tô pensando em dar um tempo. - Ela diz olhando para nós.

Jennie - Não namoramos. - Ela diz rindo. - Zuera, eu entendi, Mark Tuan, eu não vou com a cara dele.

Rosé - Eu também, acho melhor o Jungkook? Fofo, engraçado e bonito, e ah, inteligente!

- Então é isso que interessa no homem? Se ele é legal bonito e inteligente?

Bambam - Porque se é assim eu sou o garoto perfeito.

Mina - Chega dessa conversa, vamos ao show. - ela diz se levantando.

Dou um toque no Bambam e ele balança a cabeça positivamente, acho que ele entendeu o recado.

Jennie me puxa para o mesmo carro que ela, que avia apenas eu e ela.

Jennie - Então, você vai para o jogo depois de amanhã me ver dançar?

- Pode-se dizer que vou sim, eu tô começando a levar a sério esse lance de namorados, então eu não quero que ninguém olhe para você.

Jennie - Que bom que está levando a sério, porque têm que ser levado a sério, eu te amo. - Ela logo me dá um selinho.

Jennie dá a partida no carro e fomos para o show, no caminho em um sinaleiro Jennie parou e eu ataquei os lábios dela, sem sair do beijo coloco seu cabelo atrás de seu cabelo, colocando minha mão em seu pescoço.

Jennie - As meninas vão dormir lá hoje.

- Ué, elas dormiram ontem e agora hoje?

Jennie - É, mas o show vai acabar muito tarde então é melhor ir para casa.

- O Bambam pode dormir lá em casa também... Mas uma pergunta, a Mina namora?

Jennie - Ela tá de rolo com alguma pessoa, ela mostrou uma foto e talz mais eu não lembro. Por que?

- Ah, é que um amigo perguntou.

[...]

Todos já aviam chegado.

- Pessoal, eu vou ir no banheiro rapidão, encontro vocês lá dentro. - Digo correndo para a fila do banheiro químico, um verdadeiro nojo na verdade, depois de alguns minutinhos eu saio correndo até a área de serviço. - Meu nome é S/n, tá aí na lista. - Digo ao ver o cara me encarando.

Ele logo me libera e eu entro no camarim dos meninos, não tinha ninguém lá.

Young K - Eai, conseguiu trazer o pessoal?

- Sim, mas o Jyp veio mesmo?

Jae - Estranho mais ele veio, veio roubar nossa cena, zuera, ele tá te esperando lá na sala dele, vai lá Rapidão e volta para sua crush. - ele diz empurrando para fora.

Saio correndo até o camarim do Jyp.

- Oi Jyp. - Digo entrando.

Jyp - Vim especialmente por você! Me surpreenda, quero ver essa garota que você está apaixonado.

- eu vou ficar ao lado dela. - digo e ele concorda, saio correndo em direção a parte onde as meninas estavam. - Cheguei, charan!

Me coloco ao lado de Sana e tento puxar um assunto.

- É...

Sana - Me desculpa. - Ela olha para mim. - Sabe eu sinto muito que você se machucou por causa do Mark, me desculpa tá? 

- T-t-tudo bem! - Digo suando. - Eu não ligo para essas coisas, fica tranquila, sempre acontece comigo.

Sana - Mas não deveria, você é um cara incrível, eu te acho muito legal e engraçado.

Tá? Agora só falta o bonito e a gente vai para o meu quarto se beijar loucamente.

- S-serio?

Sana - Sim. - ela diz rindo. - Você é muito legal S/n, eu tô apaixonada por uma pessoa.

- Quem?

Eu sou puxado por alguém, no momento eu queria puxar Sana também só para saber quem era essa pessoa.

{AHHHHHH}



Notas Finais


Voltei! Voltei com essa fanfic, espero que tenham gostado! Até semana que vêm! Ou outro dia sei lá.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...