História You are the only exception - 3 Temporada de TOE - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Camila Mendes, Cole Sprouse, Demi Lovato, Riverdale, Selena Gomez, Sterling Knight, Sunny entre Estrelas, Wilmer Valderrama
Personagens Demi Lovato, Michael Clifford, Personagens Originais, Selena Gomez, Sterling Knight
Tags Dilmer, Stemi
Visualizações 49
Palavras 1.497
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Hentai, LGBT, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oi gente, desculpa a demora porém tudo que aconteceu com a Demi me travou na historia.
Enfim consegui escrever boa leitura e continuem orando por ela.

Capítulo 40 - Meu namorado


As horas se passaram a espera era angustiante, Ster não tinha conseguido descobrir nada. A imprensa já está em peso no hospital, a sala de espera lotada e querendo ou não todos os olhares são voltados para Selena, que nessa altura do dia não tinha mais forças para nada. O Dr. Matheus voltou a chamá-los, assim que se sentaram…

Sel: Notícias boas Doutor?

Dr: Por um lado sim, James saiu da uti e foi pra Semi uti e até o fim do dia se o corpo continuar reagindo da mesma maneira irá para o quarto.

Ster: Graças a Deus - apertou a mão dela - Viu ele forte.

Sel: - respirou fundo - Meu Deus obrigado - abriu um meio sorriso - Obrigada Doutor.

Dr: Não precisa agradecer, estamos fazendo o nosso trabalho.

Ster: Doutor teve acesso aos pacientes que entraram hoje?

Dr: Sim

Sel: É  o Duam.

Dr: - respirou fundo - É  sim senhora Selena.

Sel: Como ele está?

Ster: Não parecia nada bem Doutor.

Sel: - com lágrimas nos olhos - Me diz que ele vai ficar bem.

Dr: Faremos o possível pra isso.

Ster: Como assim o possível?

Dr: O senhor Duam foi encontrado com uma criança de seus aproximados oito anos, os policiais acham que ele tirou a criança do carro antes da explosão e pulou da rodoviária para o barranco que o ônibus caiu e caiu de costa absorvendo todo o impacto da queda.

Sel: - o choro já está descontrolado e Ster a abraçava segurando o choro - Doutor me diz que ele vai ficar bem.

Dr: Ele perdeu muito sangue pois fora as escoriações do corpo a cabeça bateu com muito impacto causando um traumatismo craniano - Sel chorava mais ainda - Os paramédicos tiveram que fazer massagem cardíaca três vezes para ele chegar com vida e agora ele está na uti para fortalecer o corpo para poder passar por cirurgia e precisamos da sua autorização para realizá-la e também para fazer transfusão de sangue.

Sel: Façam tudo para ele ficar bem.

Dr: A cirurgia corre risco de óbito.

Sel: - respirou fundo - É se não fazer a cirurgia?

Dr: Não podemos garantir que vai acordar ou sobreviver por muito tempo.

Sel: Autorizo a cirurgia, porém quero o melhor cirurgião do Brasil para realizá-la.

Dr: Senhora Selena temos médicos capazes.

Sel: Quero o melhor.

Ster: - olhou em seus olhos -  Selena, vamos confiar nos médicos, ok?

Sel: Ok, posso vê-lo?

Dr: Ainda não senhora Selena.

Sel: E meu filho?

Dr: Senhora Selena, estamos fazendo de tudo para poder vê-lo, só depende da reação do corpo dele, sendo otimista poderá vê-lo hoje a noite então sugiro que vá para a casa descanse um pouco.

 

Conversaram mais um pouco com o Dr e assim que voltaram para a sala de espera, Selena andou rápido e abraçou a cunhada.

- Meu irmão e sobrinho vão sair dessa Sely? - ambas choravam.

- Eles são fortes vão sim e o Duam tudo indica que foi um herói. - Dallas abraçou as duas.

- Aquele pirralho não é louco de não voltar pra nós.

- Demi abraçou Ster - Quando tudo isso acabar vamos todos para Fernando de Noronha e ficar todos, pois não é - começou a chorar - só as coisas ruins que nos fará ficar todos juntos.

- Não mesmo Demi - apertou o abraço.

 

Ficaram conversando por mais um tempo e com muita dificuldade convenceram Sterling e Selena irem descansar um pouco, porém Selena não quis ir de jeito nenhum para a casa do Sterling pois fica a uma hora do hospital, então Demi achou um hotel que fica a cinco minutos e foram com os dois pra lá, já que tinha trago roupas para os dois pois imaginária que não ia querer voltar pra casa, chegando ao hotel pegaram somente a suíte, chegando lá Sely foi direto tomar banho, Sterling tirava as coisas do seu bolso de frente a penteadeira de frente pro espelho, Demi veio por trás e o abraçou por trás acariciando seu torax e deu beijinhos em suas costas…

- Amor o Duam vai sair dessa.

- Vai amor, as crianças ficaram com quem?

- Com o Joe, Megan e Mike. E o Kj venho com a Dallas então Step tá em boas mãos.

- Como ela tá?

- Fingindo estar forte.

- Como sempre e Cole e Camila?

- A Lili veio também, estão aflitos e o Cole nunca o vi do jeito que está e só pensa no pai, já Camila sempre está no colo de alguém e postou um vídeo pedindo orações ao seu pai e irmão.

- E você amor?

- Lindo estou forte como me pediu e você?

- Forte - virou-se para ela - porém precisando muito de você perto de mim - puxou-a pela cintura, sussurrou com seus lábios contra o dela - amo você.

A beijou-a com vontade que correspondeu da mesma maneira quando ficaram sem ar se abraçaram forte e logo se beijaram novamente, ambos estão renovando suas forças o que esperavam aconteceu…

- Sabia que iam voltar - se separaram bruscamente.

- Só uma recaída em um momento de tensão amiga.

- Sei sei - deitou-se.

- Vou tomar banho - Sterling foi para o banheiro, Demi trocou de roupa e deitou ao lado de Sely abraçando a amiga.

- Amiga vai dar tudo certo.

- Ai Demi, só rezo para eles ficarem bem - respirou fundo - a situação do Duam é muito grave.

- Vamos pensar positivo.

- Dani ou Dallas ligou?

- Não amiga se elas ligarem com alguma novidade vou te informar, agora descanse.

- Ta bom amiga, mas sei que voltaram.

- Sely.

- Amiga eu sei que voltaram desde que ele foi para a casa da vó dele.

- Sabe de nada.

- Você voltou a dar aquele lindo sorriso com os olhos brilhantes que só faz isso quando está com ele.

- Ai amiga, sou tão boba assim?

- Só é ótimo estar com pessoa que amamos - lágrimas escorreram dos seus olhos.

- Amiga você logo está com o Dú.

- Assim espero amiga.

 

Demi ficou fazendo cafuné, até que Sely adormeceu. Sterling saiu do banho e já pro sofá…

- Ster deita aqui.

- Vai apertar.

- Vai nada - fez bico - vem?

- Ta bom. - deitou do seu lado.

 

Começaram conversar sussurrando...

 

- Sely sabe da gente desde a sua vó.

- Como?

- Falou que ficou radiante quando estou com você - ambos sorriram.

- E eu com você - selinho - obrigado por vir renovou minhas forças.

- E você as minhas - beijou-a carinhosamente - Amor o que acha de tudo?

- James ficará bem e Duam não sei amor, ele foi um herói salvando a criança, porém pode ter acabado com a própria vida.

- Vamos pensar positivo.

- Vamos - foi a vez dela beijá-lo carinhosamente e lentamente, em seguida virou-se para Sely e a abraçou.

- Me abraça amor e descanse.

- Tá bom.

 

Assim todos adormeceram, não sabemos por quanto tempo.

 

Chris saiu do banho e voltou para a sala onde todos estavam, porém não gostou da cena que via, Camila abraçada com o Kj, respirou fundo e foi em direção a irmã, que logo abraçou-o e sussurrou…

- Notícias?

- Nada de novo e o por que o Kj saiu daqui?

- Por que a Camila chamou.

- respirou fundo - Foda. -olhou para os doidos com raiva no olhar.

- Não é o momento para uma crise de ciúmes.

- Relaxa, como você tá?

- Bem.

- Então vou ver se durmo um pouco.

- Tá bom. - Chris levantou-se e foi até Camila.

- Vou descansar um pouco, quer ir comigo?

- To bem aqui gatinho.

- Ta bom então. - Chris saiu bem sério da sala.

 

- Melhor você ir com ele Cah - disse Lili.

- Por que?

- Porque precisa descansar ou se distrair - piscou pra ela.

- Vou lá mesmo.

 

Chegou ao quarto Chris já estava deitado só de samba canção, pegou o edredom e cobriu os dois, o abraçando com força…

- Mudou de ideia por que?

- Porque preciso parar de pensar em tudo que está acontecendo.

- E o Kj não te ajudou nisso?

- Nem começa com ciúmes.

- Eu me ausento para tomar banho e já o chama.

- Ai Chris por favor, só não queria ficar sozinha.

- Seu irmão está lá, o seu tio Joe está lá.

- O kj está lá e é meu amigo.

- tá bom.

- Gatinho vira pra mim - virou a olhando sério - só quero você - mordeu o lábio inferior - meu namorado.

- deu um meio sorriso - Só seu.

- E eu sou só sua.

Beijou-o carinhosamente, porém logo esquentou o beijo e fizeram amor. Esse era o jeito de Camila lidar com tudo, não conseguia mais pensar em tudo.

 


Notas Finais


Alguém ainda acompanhando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...