História You Aren't Inferior - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Tags Autoestima, Chanyeol, Drama, Exo, Junmyeon, Romance, Suho
Visualizações 14
Palavras 820
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura! 😆😆😆

Capítulo 5 - Chany oppa


Fanfic / Fanfiction You Aren't Inferior - Capítulo 5 - Chany oppa

No outro dia aconteceu as mesmas coisas de sempre, mas não esbarrei em Suho nem ninguém, só segui meu caminho normal sem vê-lo. Mas quando eu já estava na sala só esperando o sinal bater, ele entrou e passou direto por mim sem nem me olhar, e se sentou no seu lugar.

Não entendo o porquê de ainda me importar, de achar que com ele seria diferente, que alguém poderia ser meu amigo. Ele é bonito e popular, pode fazer amizade com gente bem melhor que eu. Por exemplo a menina que entrou e está indo até ele exatamente agora, e ainda por cima sentou no colo dele! E ele não ta nem ai, está conversando com ela normalmente!

Aish, é um galinha mesmo, eu sabia. Homens são todos iguais.

Prestei um pouco mais de atenção na menina e percebi que era a mesma que me ameaçou ontem na saída. Aproveitadora ridícula. Se ele ao menos soubesse que ela não é tão boa quanto faz parecer.

-Não é a mesma menina de ontem?- praticamente pulei da cadeira quando ouvi alguém falar no meu ouvido, Hyuna me olhou sorrindo divertida.

-Quando você chegou aqui?- perguntei com a mão no coração. Ela deu de ombros.

-Quase junto com ela, tempo o suficiente para ver a putaria que esses dois estão fazendo.

-Ele pode fazer oque quiser.- abaixei a cabeça suspirando.

-Infelizmente pode.- concordou balançando a cabeça.- Mas não quer dizer que é certo, oque ele ta fazendo com você é idiotice.

-Da minha parte, né?

-Não. Dele, por não ver a menina incrível que você é.

Queria tanto que isso fosse verdade...

(~)

Na hora do lanche, eu fui para o mesmo lugar de sempre. Suho não se importaria nem sentiria a minha falta, tem outra menina, que descobri se chamar Irene, ao lado dele. Ele não precisa de mim, ninguém precisa.

Antes de colocar os fones, ouvi alguns passos vindo em minha direção, admito que parte minha queria que fosse ele. Mas quem realmente era foi oque me surpreendeu.

-Oh, você está aqui.- Chanyeol disse e veio sorrindo até mim.- O pequeno Kyung não estava brincando quando disse que você ficava aqui.

-Ahn... eu... não querendo ser ignorante, mas... o que faz aqui? E os seus amigos?- e Suho? Queria perguntar.

-Queria ficar com você hoje, eles não vão fugir de lá.- deu risada e se sentou do meu lado enquanto comia seu lanche.- Não vai comer?- perguntou de boca cheia, apontando para meu lanche que permanecia intocado ao meu lado.

-Não.

-Por que? Comida é tão bom.

-Não estou com fome.- falei abaixando a cabeça.

-Ah nananananão. Você vai comer nem que seja um pouco.

-Eu não quero, Chanyeol.- reclamei virando o rosto para o lado quando ele tentou colocar a comida na minha boca.

-Você quer passar mal?

-Não vou passar mal.

-Eu vou ficar triste se você não comer.- olhei para ele que estava fazendo uma cara triste fofa.

-Aish, eu não posso negar pra essa coisa fofa.- apertei suas bochechas e passei a comer devagar, com seu olhar atento sobre mim e um sorriso orgulhoso.

Por que ele cuidou de mim desse jeito? Ninguém nunca fez isso, nunca se importaram se eu me alimentava direito. Mas ele... será que estou me iludindo e pensando que alguém se importa comigo denovo?

(~)

Já havia se passado uma semana. Não falei com Suho de nenhum jeito depois daquele dia, enquanto ele só ficou mais próximo da tal Itens. E com "mais próximo" quero dizer que eles se pegam em lugares muito inapropriados e chegam a cabular aula para isso. Kyung me disse que essa menina não faz bem para ele, Suho sempre foi muito certinho.

Quanto a mim e Chanyeol... bom, acho que ele gosta de mim, no sentido de amizade, claro. Ele diferente de certas pessoas não se esqueceu de mim de um dia para o outro, e ele é bem legal, me faz rir muito. Gosto dele também, só espero que não esteja se aproximando de mim só por pena.

-Chan...- o chamei, ele estava dormindo no meio da aula de artes- Chanyeol!- sussurrei seu nome enquanto o balançava, a professora ia pegar ele e o botar pra fora da sala.

-Ahn?- levantou a cabeça da mesa e tive que prender o riso ao ver seu rosto todo sujo de tinta.- O que? O que foi?

-Nada.- o sinal bateu e eu comecei a rir muito alto, ele confuso se olhou no reflexo do celular e passou a rir comigo.

-Eu pareço um palhaço.

-Você já é um palhaço.- ele parou de rir e me olhou sério.

-Eu o que?- peguei minha mochila rápido e sai correndo da sala, ouvi ele vir atrás de mim.- Volta aqui s/n! Você vai ver o palhaço!

-Você que se chamou de palhaço!

-Eu posso. Você não.- chegamos no pátio e ele me derrubou no chão, acabando por ficar em cima de mim e me fez cócegas.

-Nãoooo.- estava ficando sem ar de tanto rir.- Para-a Chany oppaaa.

-Oppa, s/n?- nos assustamos com a voz de Suho, ele estava parado à alguns metros nos observando seriamente.

Isso não vai acabar bem...


Notas Finais


Ai Mds... E agora?
Suho idiota ta com ciúmes? Chanyeol um possível crush? Só sei que eu to shippando eles 😀
E vocês?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...