História You Belong With Me ! - Capítulo 36


Escrita por: e KellyMonbebe

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), CNCO, EXO, F(x), Huang Zitao "Z.Tao", Kris Wu, LOCO, Lu Han, Mamamoo, Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Chenle, Christopher Vélez, Do Kyung-soo (D.O), Doyoung, Erick Brian Colón, Haechan, Hansol, Hendery, Huang Zitao "Z.Tao", Huang Zitao (Tao), Hwasa, Jaehyun, Jaemin, Jeno, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisung, Joel Pimentel, Johnny, Jung Hoseok (J-Hope), Jungwoo, Kim Jong-dae (Chen), Kim Jong-in (Kai), Kim Jun-myeon (Suho), Kim Min-seok (Xiumin), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Krystal Jung, Kun, LOCO, Lu Han (Luhan), Lucas, Mark, Min Yoongi (Suga), Moonbyul, Oh Se-hun (Sehun), Park Chan-yeol (Chanyeol), Park Jimin (Jimin), RenJun, Richard Camacho, Solar, Taeil, Taeyong, Ten, Wheein, Winwin, Wu Yifan (Kris Wu), XiaoJun, YangYang, Yuta, Zabdiel De Jesús, Zhang Yixing (Lay)
Tags Chanbaek, Chenmin, Hunhan, Jikook, Kaisoo, Kristao, Menção Nanjin, Menção Vhope, Sulay
Visualizações 36
Palavras 1.062
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Lemon, LGBT, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura Honey's❤

Capítulo 36 - A entrevista


Fanfic / Fanfiction You Belong With Me ! - Capítulo 36 - A entrevista

Duas semanas depois 

-Tao é que o Choi MinJae se matou nessa madrugada no presídio central (de Seul ) .

Chen dá à noticia à Tao que não teve nem um tipo de reação. 

- Não estou triste! Não que eu seja um frio e sem coração mas ele vivo ou não, não vai fazer mais diferença na minha vida.

- Aah estou aliviado...achando que você ia ficar ...a sei lá. - Chen rir .- E o Min onde ele está? Achei que viria com você!

- Ele tá la no carro arrumando os equipamentos dele. Agorinha ele vem aqui pra te entrevistar. - Tao fala. 

_ Então Tao, ele deixou uma carta onde citou você , porém só vai poder ler depois que 48 horas ja que é um tipo de prova.- Chen fala e Tao entende perfeitamente. 

- Não entendo o motivo da carta mas neh... vamos ver onde isso tudo vai dá. É, Chen eu vou indo se não aquele chinês falsificado vai encher meu saco. - Tao fala se despedindo e indo embora.

- Vamos Chen!! Teremos todo o tempo do mundo para mim te entrevistar. - Xiumin fala sorrindo. 

-  Então vamos para minha sala Min.- Chen fala dando espaço para Xiumin passar.

Chegando a sala ambos entram e Chen avança em Xiumin o beijando. 

- Wouu o que foi isso?

- Ahh Min, não me diga que não gostou?

- Ah gostei , gostei e muito só que foi inesperado. 

- Então se eu te beijar de novo não vai ser inesperado ...

Chen avança em Xiumin atacando seus lábios num beijo calmo e ao mesmo tempo afoito .Tanto ele quanto Minseok estavam apreciando aquilo .Suas linguas brigavam por espaço na boca um  do outro .Minutos  depois ambos se separam pela falta de ar .Ambos tentam controlar à respiração .

Chen tranca à porta e Minseok o encara .

-Daedae , por que ...-O menor é interrompido por Jongdae que avança em seus lábios e ao mesmo tempo o coloca contra à parede o beijando novamente. 

-Min...Daedae não ,  não fala assim , me deixa duro...-Chen fala passando o polegar nos lábios de Minseok que de novo , tentava recuperar o ar que nunca existiu quanto se estava com Kim JongDae.

-Deixa é , Daedae ? 

- Não me provoque Min...não me deixe sair do controle...você ainda tem que andar muito. 

Chen fala agarrando Xiumin ferozmente. 

-Ca-calma Dae ...awun .  -Minseok geme involuntariamente só de sentir à boca do outro contra à pele se seu pescoço. 

-Já ? Eu tô louco pra fazer você gritar amor ....-Chen fala levantando o outro que entrelaça às pernas na cintura do outro que o levou pra mesa (É À MODA SER FUDIDO NA MESA NÉ HONEY'S ..) afastando o que tinha ali encima .

-Amor ? Gostei ...muito Daedae . -Minseok fala sorrindo .

-Eu vou cuidar de você direitinho depois disso hum ....muito bem ...-Chen fala desabotuando sua camisa e à tirando deixando sua abs à mostra o qie faz Minseok arranha-la .-O que é isso Min ? Está muito atrevido ...-Chen fala mordendo levemente à pele do pescoço do outro que estremeceu todo .

-Eu sou atrevido sim ...ainda mais nessas situações...-Minseok fala dando à entender que já não era mais virgem  .

-É , então se ninguém te ensinou à ser um menino bom ,eu vou lhe ensinar , eu vou te fuder como nenhum outro Minseok.-Chen fala autoritário tirando à roupa do outro o deixando completamente exposto à si .

Minseok não protestou contra à ação do outro .E claro , quem negaria aquilo não é  ? Mas se alguem não negasse morreria pelas mãos de Kim Miseok pois o mundo inteiro deve saber que Jongdae é completamente dele assim como ele é de Jongdae .

Minutos depois Chen estava entre as penas do menor , melhor , estava estocando o menor com força e que estava deitado sobre à mesa e gemia abafado pois com uma mão tapava sua boca pois estava gemendo alto demais , gemia como nunca antes , Chen o levava à loucura somente com um beijo , somente com um simples beijo e isso era e é diferente , nunca havia sentido o que estava sentindo naquele momento e não era só prazer , era algo que só Chen conseguia faze-lo sentir , algo que era realmente novo pra Minseok .Esses eram seus pensamentos .

-Awun ...Dae...porra ...-Xiumin gemia abafado .

-A culpa não é minha Min ...oh ...

-Awunnn de-devegar ....Ah Daedae ...awun ...-Minseok gemia feito louco pois Chen era grande , muito grande mas Xiumim não estava reclamando,  apesar de estar quase , eu disse quase paralítico ele pensava em chupar , só isso que vinha em sua mente , depois de ser fudido de novo por Jongdae , chupar aquele homem até não conseguir mais , e ele faria isso , numa outra de várias e proximas fodas com seu amor , o unico que o faz gemer feito uma vadia , Kim Jongdae .

Enquanto isso fora da sala

- Estão ouvindo isso?

- Isso o quê? Não estou ouvindo nada.

- Ahh você deve estar ouvindo coisas!

- Que tipos de coisas?

- Ah eu não sei!! Talvez gemidos?

- Nossa que pevertido! Já tá viajando...isso que dá ficar na seca demais! 


Uns minutos depois da conversa entre os policiais os " tais barulhos " pararam revelando Chen saindo da sala e atrás dele Xiumin ,que tentava melhorar a postura fazendo Os policiais o encararem de um jeito estranho até que Chen quebra o silêncio. 

- O que estão olhando? - Chen pergunta 

- Ah é que seu amigo, - um dos policiais fala apontando pra Xiumin.- parece que não tá bem. 

- Ahh eu estou sim. Eu cai e machuquei a perna. - Xiumin fala meio nervoso. 

- Por isso o motivo dos gritos ou sei la o que! - o outro policial fala.

- É sim...exatamente isso que aconteceu.  Tanto que vou levá-lo no hospital. - Chen fala ajudando o menor a andar.

- Seu...seu... agora minha entrevista vai ter que ficar pra outra hora!. - Xiumin fala bravo.

- Eu gostei dessa entrevista Min. - Chen fala malicioso. 

- Eu também mas vamos logo Daedae. - Min faz biquinho e Chen o beija.

Sairam da Delegacia e foram direto pra casa de Chen já que nenhum dos dois pisaria no hospital. 


Continua...




Notas Finais


Perdoem os erros e desculpe-me se o cap não ficou mt bom 😔 .
Assim que essa tortura baixar vamos melhorar .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...