História You can not cry - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Chaz Somers, Christian Beadles, Irina Shayk, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Chaz Somers, Christian Beadles, Irina Shayk, Justin Bieber, Personagens Originais, Ryan Butler
Tags Máfia
Visualizações 30
Palavras 721
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii Seja bem vida a minha primeira fanfic, espero te conquistar com esse capítulo,ESPERO muito que goste.
Boa leitura♡

Capítulo 1 - Back to the city


Fanfic / Fanfiction You can not cry - Capítulo 1 - Back to the city

- não acredito - digo rindo quando encontrei chaz trasando com a nova bartender da boate do Bieber

- SOME DAQUI MAZIKEEN, ANTES QUE EU TIRE ESSE SEU SORRISO COM UM TIRO NA SUA TESTA - disse ele aos berros, com seu rosto vermelho, agora me pergunto se é por causa do sexo ou se é por que ele tá com raiva

- tá bom chazinho - disse ainda com meu sorriso simpático/debochado

- sai da minha frente mazikeen - e o nojento nem pra para de estocar nela, que mulher se presta a isso

- tenha um bom orgasmo queridos - disse saindo do escritório,se fosse o Bieber que tivesse pegado essa cena não seria muito bom pra cabeça daquela moça mas como não é da minha conta não irei me intrometer

A Oi sou mazikeen mais todo me chamam de maze, só o "gay" do chaz sisma em me chama de mazikeen, não que eu não goste do meu nome ele da um ar de poder, "todo mundo" que eu digo minha família e meus "amigos" Ryan,Christian,Charles,alex e o Justin o chefe o Mada chuva, não que ele mande em mim, não, eu não trabalho pra ele, eu faço algumas coisas pra ele como achar e matar pessoas e algumas coisas a mais, e não, não trasamos , somos primos, ele é um ser insuportável quando não sabe lidar com ele mais comigo ele é bem de boa, bem como eu estava dizendo meu trabalho é caçar recompensas, não que eu seja o orgulho do meu pai, ele diz que eu tô "sujando" o nome da família com isso, mais quando ele quer acha alguém ele chama a "ovelha negra" aqui, já minha irmã Amber ela sim e o orgulho ela é a mais velha e a inteligente, não que ela seja mais inteligente que eu, eu só tudo um pouco, sou ótima com facas ótima na verdade,não que eu não saiba trabalhar com outro tipo de arma, só Boa com qualquer tipo de arma e mano a mano também, sei bastante de tecnologia e sou ótima em qualquer roubo que estou.

- OUUU VOCÊ FEZ OQUE EU MANDEI - o idiota grita no meu ouvido

- Vai gritar com suas puta seu idiota,

- meio que você é uma das minhas putas só não comi - ele diz com deboche com um sorriso no rosto adorável se eu não tivesse uma vontade maravilhosa de arrancar no murro

- nossa como voce e engraçado, e é claro que eu fiz,fui te procurar na sua sala mas a única coisa que achei lá foi chaz trasando com a nova contratada - e aquela história de não ser da minha conta era mentira é maravilhoso atrapalhar a vida do somers quando se pode

- não ferra - disse ele com fogo nos olhos subindo as escadas

e lá estava a gritaria que me faz lembrar por que ter voltado pra essa cidade maravilhosa

não fiquei por causa das festa droga vida "fácil" amo o que eu faço Ahhh eu moro em Toronto,meu pai e minha mãe também é desse "mundo" submundo na verdade eles comanda a Europae a França meu pai e mais rigoroso não me queria no Canadá, " você é muito mais que aquilo" isso deu uma grande e maravilhosa briga entre ele e minha mãe, mais como eu disse pra ele, ele manda só nos paus mandados dele

- EU VOU TE MATAR - e lá estava um Charles puto da vida vindo pra cima da minha pessoa

- que foi chazinho - disse o mais debochado que eu pude

- nao se faça de burra é a segunda vez que você faz isso

- se parasse de comer qualquer uma na sala do Bieber você gozaria sempre - disse saindo da frete dele, preciso resolver algumas coisas e lá estava o tiro, a pobre coitada sem sua linda vida por causa de uma foda mau tida, Bieber tão cruel não deixo a pobre moça ter seu último orgasmo

- eu ainda te Mato sua vadia

- claro que mata, fala pro Bieber me ligar quando você for limpar o sangue da moça do chão da sala, não perderia por nada essa cena

digo saindo de vez da boate, era tão bom tá de volta a minha casa.


Notas Finais


Oiii de novo, sei que tá pequeno MAIS e só o primeiro, eu sempre quis escrever uma fanfic sabe tipo bem psicopata mesmo, aí outro dia eu tive essa idéia então comecei a escrever esse capítulo mostrei pra uma amiga ela disse que fico legal, mostrei tambem pra uma escritora de uma fanfic que eu amo e ela falo que a ideia é boa e pra mim escrever pra mim mesma, se eu estive gostando da certo, entao ta aí um capítulo pra vocês. Até o próximo, Beijos♡♡

Link do trailer
https://youtu.be/PAJzU28A7f0


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...