História You do not love anyone(Imagine Taehyung) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink
Personagens Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé
Visualizações 5
Palavras 1.520
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Lírica, Mistério, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Festa?


Fanfic / Fanfiction You do not love anyone(Imagine Taehyung) - Capítulo 2 - Festa?

Fui para casa, entrei no meu quarto e fui para o banheiro e tomei banho, vesti um conjunto de moletom, estava cansada. E acabei dormindo.

S.m-s/n, acorda*me sacudiu*

-acordei

S.m- já são 06:30 da tarde*levantei*

-tá já vou me arrumar.

Fui para o banheiro e minha mãe saiu, fiz minhas higienes, e chegou a pior parte: o vestido. Ele é bonito, mas eu não curto muito vestido, enrolei bastante, mas finalmente vesti*capa*

Coloquei um salto preto e fiz uma make basica, fiz um coque nos meus cabelos ruivos e desci. Meus pais já estavam prontos.

S.p- está linda minha filha

S.m- uma verdadeira princesa*deu um beijo na minha testa*, os Kims já estão chegando

Pera aí...os Kims? , como assim?, não é possível, só pode ser  engano.

Nos sentamos no sofá e ficamos conversando, até a campainha tocar.

S.p- vai atender minha filha*fui até a porta*

Abri me dando de cara com uma mulher muito bem vestida, e um senhor de terno, e lá no final, Kim Taehyung.

- Boa noite!, podem entrar, fiquem a vontade*dei espaço para entrarem*

Na vez do Taehyung entrar ele parou, que merda que esse menino vai falar.

Tae- oi pirralha, ta até bonitinha*saiu rindo*

Entrei e me sentei ao lado do meu pai.

-então  pai, por que eles vieram aqui?*sussurrei no ouvido do mesmo*

S.p- sua mãe que convidou *sussurrou de volta*

Me ajeitei no sofá, ficamos ali conversando, de vez em quando olhava pro Taehyung e ele parecia me comer com os olhos. Ficamos nisso até a empregada avisar que o jantar já estava pronto.

Nos sentamos a mesa, e eu me sentei à frente de Taehyung, me servi e comi rápido, não estava aguentando eles falando de números e mais números. Quando todos terminaram fomos para a sala, me sentei ao lado da minha mãe.

S.m- filha porque não leva o Taehyung para seu quarto?, pela cara de vocês, não estão gostando nem um  pouco.

Pera aí, meu pai não vai querer matar a minha mãe por me mandar ir pro quarto com um menino que eu nunca tive uma conversa sivilizada?, e ainda por cima com Kim Taehyung.

-vem- subimos pro quarto.

- não mexe em nada por favor- fechei a porta- então...não tem o que conversar...- nos sentamos na cama

Tae- não prescisamos conversar - me deitou ma cama e ficou por cima de mim- para o que vamos fazer- beijou o canto da minha boca.

- sai!- empurrei ele e me sentei na cama- meus pais estão em casa.

Tae- então você queria?- me olhou malicioso- olha até que vc não é tão feinha, deveria usar roupas mais abertas- me assustei- seu corpo é muito bonito, esse vestido realçou seus peitos- se sentou do meu lado. que!?.

- que merda que tu ta falando!?

Tae- tô só te elogiando, normalmente nessa parte as garotas já estão se jogando em cima de mim, mas vc é bem incistente....você faria se seus pais não estivessem lá em baixo?

- sei lá..talvez.

Tae- meu deus, você tem um rostinho de santa- colocou a mão no meu rosto. Rimos.

Ele foi aproximando, até chegar tão perto que eu podia sentir sua respiração. E finalmente nossos lábios se encontrarem começando um beijo, que aos poucos foi esquentando, Kim levou uma de suas mãos até a minha cintura, e eu levei as minha até a sua nuca aprofundando o beijo, puxando de leve sua cabelos, ficamos nos beijando até a falta de ar se fazer presente.

Tae- você beija muito bem- beijou o canto da minha boca, já que ainda estavamos bem próximos. E eu apenas dei uma pequena risada.

- tem batom na sua boca, bem aqui- limpei a boca dele.

Tae- então...- nos afastamos.

- vamos descer, quer ir 'pra área da piscina?

Tae- queria fazer outras coisas- me olhou malicioso- mas tu não quer, então vamos 'pra piscina.

Nós descemos, e nossos paus continuavam conversando, então fomos para  a área externa e nos sentamos em uma mesa.

- tem nada pra fazer...

Tae- quantos anos tu tem?

-17, eu sou adiantada.

Tae- ata, então, amanhã tem a festa, você quer ir comigo?

- nossa o menino que me ameaçou, me convidando para uma festa, estranho, mas eu topo.

Tae- tá, amanhã estaja pronta às 09:50, voi vir te buscar, e avisa seus pais que não temos hora pra voltar- falou pervertido.

- não vai rolar cara, esquece.

Tae- eu não vou esquecer.


☆▪《Quebra de tempo 》▪☆

Já estava pronta para a festa, com um short Jeans  preto e um cropped rosa neon, uma meia cano longo, e um Balenciaga no pé, e meu cabelo solto.

Contei pra meninas o que aconteceu ontem e elas surtaram, e falaram que iriam na festa. Agora são 09:45, me sento no sofá e minha mãe senta do meu lado.

S.m- olha minha filha tome cuidado, pois o mundo é perigoso, e essa é a primeira vez que vc vai em uma festa aqui, eu te amo muito.

- eu sei mãe.

S.m- que horas vcs voltam? 

- a gente não tem horário marcado pra voltar, mas qualquer coisa eu durmo na casa do Taehyung, ou venho pra casa.

S.m- como assim dormir na casa do Taehyung?

- vc me mandou ir pra um quarto, só eu e ele, vai se preocupar por que eu vou dormir na casa dele?

S.m- sim, eu sou sua mãe, tenho o direito de me preocupar.

- não confia na sua filha?

S.m- ta, tá, pode dormir pra lá, mas olha, juízo.

- tá mãe*buzina*, olha, ele chegou. Já vou *dei um selar na testa da minha mãe* fala pro papai que já fui, e mand um beijo pra ele, thau*sai*

Entrei no carro do Taehyung.

Tae- boa noite madame- nos cumprimentamos com beijos na bochecha- não acha que essa roupa ta mostrando demais?

- deixa eu ver*me olhei* não, tá ótima, agora vamos logo.

Ele dei partida no carro e ligou o som, e nós fomos iguais uns retardados, cantando e dançando. E aí finalmente chegamos.

Tae- agora sim, vamos- descemos e entramos na casa.

Jm- aei Taetae- se cumprimentaram enquanto eu ficava ali moscando- qual seu nome?- se referiu à mim

- s/n.

Jm- estrangeira? 

- como sabe!?

Jm- pelo corpo- me olhou de cima a baixo mordendo os lábios

Tae- não olha muito não Jimin, fica longe.

PERA AÍ!!!, Kim Taehyung está com ciúmes?, NÃO É POSSÍVEL SENHOR.

Jm- desculpa aí então, olha podem ficar a vontade- saiu.

Tae- quer beber?

- achei que não ia perguntar - nessa hora o cara com as bebidas passou- eu quero uma.

Xxx- está aqui seu copo.

- não quero copi não, me da essa garrafa- peguei a garrafa e puxei o Taehyung para a pista de dança.

Tae- olha a nerd ta querendo ficar bêbada*rio* vai devagar aí.

- acalma, eu fazia isso no Brasil, já sou profissional-dei um grande gole na bebida.

Estavamos dançando, as meninas chegaram e Taehyung saiu. Tava de boas, até que começou a tocar funk, eu já tava meio bêbada, comecei a dançar, e as meninas também. Logo, logo, eu já era o centro das atenções, as meninas deixaram só eu dançando, fizeram uma roda, alguns gravavam, outros só gritavam.

Taehyung me olhava com...raiva?, continuei dançando, quando a musica acabou fui até Taehyung.

- dancei bem?

Tae- ótima, mas não faz mais isso..

- por que?

Tae- agora todo mundo sabe que você é.

- atah, então que horas são? 

Tae- 03:50, já quer ir?

- quero, mas eu vou ter que dormir na sua casa,  meus pais já devem estar dormindo, vamos.

Tae- não vai se despedir das meninas? 

- vou lá, vai se despedir dos meninos.

Fui até as meninas.

- migas já vou, Taehyung já quer ir.

Js- quem diria, Taehyung e s/n amigos?, sempre esperei por isso

Ls- somos duas.

Jn- três *rimos*, então até segunda.

- thau meninas- fui atrás do Taehyung- bora Tae- os sete meninosme olharam.

Tae- ata, thau pessoal- passou um dos braços pela a minha cintura- até segunda- saímos.

Entramos no carro e seguimos até a casa do Kim, dançando e cantando. Quando chegamos descemos do carro e entramos na casa. Subimos as escadas e entramos no quarto do Taehyung.

Tae- pode olhar no meu guarda roupa, pega uma blusa, tem cueca nova na gaveta- peguei as roupas e fui tomar banho.

Quandp terminei, me vesti e a brusa ficou aparecendo um pouco a minha bunda, mas porque não provocar o Tae?, saí do banheiro me deitei ao seu lado.

- pode ir tomar banho.

Taehyung entrou no banheiro, depois de um tempo ele saiu e se deitou do meu lado.

Tae- então...quer fazer o que?

- dormir-e aconcheguei no seu peito, passei uma das minhas pernas na cintura do mais velho e abracei ele.

- boa noite.

Tae- b-boa noite- me deu um beijo no pescoço..pera aí, ele gaguejou.

Me remexi um pouco, até que senti uma coisa dura entre minhas pernas.

- Tae, tu ta exitado?

Tae- tô.

- meu deus, vai te aliviar.- ele saiu da cama, entrou no banheiro, e eu pude ouvir uns gemidos. Depois de um tempo tentando dormir, consegui.

 







Continua?...













Notas Finais


Desculpa o cap sair atrasado, é que eu tive que pensar muito, mas foi isso, bjs até o próximo.

😆❤😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...