1. Spirit Fanfics >
  2. You Make Loving Fun SeulRene >
  3. O encontro

História You Make Loving Fun SeulRene - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Mais um capítulo

Capítulo 6 - O encontro


Seulgi POV

Irene demorou quase uma hora pra me responder, ela provavelmente estava ocupada se arrumando e por isso não teve tempo de responder um pouco mais cedo mas antes dela responder, eu já estava surtando, pensando que ela não queria mais sair comigo e que tinha desistido de tudo, andava de um lado para o outro na espera da mensagem dela e quando ela respondeu, não demorei pra dizer que já estava a caminho.

Mandei outra mensagem para ela quando já estava em seu prédio, dizendo que iria a esperar na recepção. Me sentei no sofá e fiquei jogando no celular até que uma mulher muito elegante apareceu em minha frente e subi meu olhar para seu rosto para ver quem era, me surpreendi quando vi que era Irene.

- É... é v-você Irene, oh meu Deus. Você está linda! - Eu disse gaguejando e me levantando para poder poder sair com ela daquele lugar logo após de dar um beijo em sua bochecha. Abri a porta do carro pra ela que sorriu antes de entrar no mesmo, dei a volta e entrei no carro, coloquei o cinto de segurança e arranquei daquele lugar.

Ao chegar no Jungsik Seoul, desci do carro com Irene e entreguei a chave para um manobrista que havia se aproximado. Entrei no restaurante com a mulher elegante que estava ao meu lado e fomos para a mesa que eu havia reservado, puxei a cadeira para Irene e fui me sentar em sua frente. O som ambiente era bem suave de se ouvir, um jazz sereno que fazia a minha alma ficar tranquila.

-- Aqui é tão chique, tudo tão sofisticado olha só o menu. -- Irene disse, me tirando dos meus pensamentos calmos e voltando prestar atenção nela --  Eu vou querer japchae e soju, e você? -- Ela perguntou com um sorriso no rosto.

Olhei o menu e demorei alguns segundo para escolher o que eu iria comer.

- Já sei, vou escolher bossam e também vou querer uma garrafa de soju. - Fiz o pedido e aproveitei o momento para conversar com Irene. - Eu pensei que você não iria sair comigo hoje, quando você demorou pra me responder, juro que quase entrei em desespero.

Ela me olhou com uma carinha triste e fez um biquinho tão bonitinho que eu não aguentei e dei um sorriso.

-- Me desculpe, Seulgi. É que eu cheguei atrasada do trabalho e não tive tempo de passar na lavanderia, então eu demorei muito pra achar uma roupa pra poder vir, acontece de eu ser um pouco atrasada as vezes mas não é sempre. -- Ela sorriu e colocou a mão sobre a minha. -- Eu prometo que da próxima vez eu irei ser pontual.

Então iria mesmo ter uma próxima vez, eu deveria dar o meu melhor para ela poder sair mais vezes comigo.

Conversamos bastante e saboreamos a boa comida e bebida do restaurante, depois do jantar fomos andar numa praça próxima ao restaurante, andava ao lado de Irene e me atrevi segurar em sua mão e entrelaçar os nossos dedos enquanto caminhávamos juntas. Ela me olhou e parou de andar, se sentou num banco e me puxou para que eu pudesse sentar ao lado dela.

-- Seulgi, eu sei que esse é o nosso primeiro encontro oficial e também sei que já te disse que faz muito tempo que não saio com alguém. Isso aqui que estamos tendo hoje, é diferente pra mim, de tudo o que eu já tive antes. Você é uma pessoa super engraçada e muito muito fofa, toda vez que você me manda um áudio de boa noite eu me derreto completamente. Eu não sei se você já gosta de mim da mesma intensidade que eu gosto de você mas se você não gosta... Eu vou te obrigar a gostar. -- Ela ficou séria me encarando por alguns segundos e depois começou a rir. -- Eu estou brincando, sei que essas coisas não acontecem da maneira que esperamos mas eu só quero dizer que eu amei sair com você e que eu gosto muito dessa garota maravilhosa que você é.

Eu não disse nada, apenas me aproximei dela, coloquei minha mão esquerda em sua nuca e selei nossos lábios, num beijo suave e autêntico que ambas cobiçávamos.

- Eu quero você do mesmo jeito que você me quer. Irene, você não tem ideia do que acontece comigo quando estou ao seu lado. - Arrastei minha boca para perto de seu ouvido para sussurrar. - Toda vez que nos beijamos assim, eu fico em chamas e meu corpo estremece, você faz com que eu esqueça de tudo e de todos.

Ela sorriu sem jeito e mordeu o lábio, as bochechas dela estavam um pouco coradas. Irene olhou no relógio pelo celular e emitiu um som baixo, como estivesse ficado chateada com algo e logo me disse o que era.

-- Está tudo perfeito mas eu vou ser chata em ter que acabar com esse momento fofo, é que está ficando tarde e amanhã eu tenho que trabalhar cedo. Hoje eu me atrasei e não quero que o meu chefe fique zangado comigo por causa de atrasos. Você pode me levar pra casa?

- Sim, é claro. E não fique chateada, vamos ter vários encontros como esse, não se preocupe. - Me levantei com ela e fomos abraçadas até o estacionamento onde o meu carro estava. Entramos no carro e a levei para casa, parei em frente ao prédio dela e ela me perguntou se eu queria subir, achei melhor dizer não por conta do horário, ela tinha que descansar. Antes dela descer do carro, a puxei para mais um beijo prolongado e depois acariciei seu belo rosto. - Tenha uma ótima noite, Baechu. Espero que sonhe comigo! 

Ela me deu boa noite, saiu do carro e subiu para o apartamento dela. Sai de lá e fui pra casa já que também iria trabalhar no dia seguinte. 

O nosso primeiro encontro oficial me fez ver o quanto apaixonada por ela eu estava.


Notas Finais


Até a próxima, beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...