1. Spirit Fanfics >
  2. You Stole My Heart- Hyunjeong Version. >
  3. 05. Valentine?

História You Stole My Heart- Hyunjeong Version. - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - 05. Valentine?


Fanfic / Fanfiction You Stole My Heart- Hyunjeong Version. - Capítulo 6 - 05. Valentine?

Quarta feira. 17:40.

O dia na faculdade hoje foi insuportável, uma garota aleatória estava se jogando para cima de Hyunjin e ainda teve a cara de pau de chegar em mim e dizer "se você não for o namorado do Hyunjin, eu vou ser". 


Quem ela pensa que é? Eu não sou o namorado do Hyunjin mas ela também não vai ser, pelo menos eu acho que não. 


Graças a Deus as aulas tiveram que ser canceladas por um tempo indeterminado por conta de um problema que ninguém sabe o que é mais pelo visto vai demorar muito tempo para ser resolvido. Hyunjin provavelmente está me procurando mais eu não quero falar com ele, não enquanto tenho a voz daquela lambisgóia em mente. 


Como se o universo estivesse rindo da minha cara meu celular apita com uma nova mensagem dele, a leio pela barra de notificações e olho para a janela vendo a chuva cair fraca e silenciosa. 


"Está tudo bem com você?" 


Reviro os olhos e deixo o celular de lado me deitando na cama, eu não quero falar com ele agora, não quero demonstrar que estou com ciúmes porque uma garota estúpida disse que seria a namorada dele. 


-Jeongin? Eu posso entrar?-a voz dele está receosa do outro lado da porta e eu me sento imediatamente na cama. 


Mais que diabos! 


-Quem é?-faço o sonso e ele suspira abrindo um pouco a porta mostrando metade do seu corpo.- Ah, oi. -falo fazendo pouco caso e ele entra fechando a porta. 


-O que aconteceu?- ele pergunta se sentando na cadeira e eu olho para ele dando de ombros. 


-Nada, o que poderia ter acontecido?-pergunto e ele cerra os olhos antes de arrumar os cabelos atrás da orelha. 


-Você sabe o que aconteceu e eu quero que você me conte. -ele fala e eu respiro fundo olhando para ele. 


-Você está falando sobre aquela menina que estava conversando com você?-pergunto tentando esconder o ciúmes em minha voz e ele sorri- Porque você está sorrindo?-pergunto e ele se levanta caminhando até mim. 


-Você ficou com ciúmes?-ele pergunta parado na ponta da cama e eu levanto as sobrancelhas. 


-Ciúmes? Eu? Ah Hyunjin, faça me o favor. -falo revirando os olhos mas ele continua com o mesmo sorrisinho irritante nós lábios. 


-O que ela disse para você?-ele pergunta engatinhando em cima da cama até chegar perto de mim e eu olho para ele. 


-Ela perguntou se eu era seu namorado. 


-Só isso?-ele questiona ainda mais perto e eu tento não parar de respirar. 


-Ela disse que se eu não fosse seu namorado ela seria -ele fica calado e eu o olho no fundo dos olhos antes de perguntar com a voz baixa- Você está saindo com ela?- ele chega mais perto e beija meu pescoço me fazendo arrepiar. 


-Você acha mesmo que eu iria sair com outra pessoa quando eu tenho você?- ele pergunta baixo no meu ouvido e eu engulo em seco. 


Porra! 


Ele faz uma trilha de beijos pelo meus pescoço até chegar em minha boca onde ele deixa um beijinho rápido e delicado, seus olhos me encaram esperando alguma reação e eu puxo seu pescoço até seus lábios estarem nos meus de novo. 


Sua língua encontra a minha e como da primeira vez meu estômago gela e meu coração se acelera, prestes a ter uma parada cardíaca. Sua mão toca minha cintura por debaixo da blusa e em um movimento rápido eu o deito na cama e continuo o beijando um pouco mais intenso. 


Ele sobre uma mão pela minha barriga e com a outra puxa de leve meu cabelo fazendo uma sensação gostosa diretamente na minha virilha, interrompo o beijo e deixo dois selinhos em seus lábios vermelhos antes de encarar seus olhos brilhantes. 


-Você não vale um real. -digo tentando recuperar um pouco do ar e ele sorri, seus olhos fixos nos meus. 


-Eu não tenho culpa se você é um gostoso, é viciante beijar você. -ele diz passando a língua no canto dos lábios e eu fico em silêncio - Seu gloss tem um gosto bom. -ele fala e sinto meu rosto ficar quente. 


-Cala a boca. -falo e quando vou sair de cima dele suas mãos seguram minha cintura- O que foi?- pergunto e quando ele vai responder alguém bate na porta. 


-Merda. -ele murmura e eu vou até a porta ver quem é. 


-Oi, mãe. -falo deixando ela entrar no quarto e seus olhos vão diretamente para Hyunjin. 


-Oi, Sra. Yang. -ele diz sorrindo e ela sorri de volta. 


-Eu vou direto ao ponto -minha mãe diz alternando seu olhar entre nós dois e eu engulo em seco- Vocês estão namorando, não é?- ela pergunta com uma expressão indecifrável e eu olho para Hyunjin. 


-Porque... Porque a senhora acha isso?- pergunto e ela se senta na cadeira com as pernas cruzadas. 


-Vocês deixam muito na cara, se não estão namorando estão "ficando" como dizem hoje em dia. Então, qual dos dois?- ela pergunta olhando para mim e depois para Hyunjin. 


-Somos quase namorados, só falta o pedido oficial. -Hyunjin diz e eu o olho com os olhos arregalados. 


-Eu sabia, desde quando vocês estão se pegando?- ela pergunta agora diretamente para Hyunjin e eu abaixo a cabeça com os braços cruzados. 


-Já faz um bom tempo. -ele diz sem parecer nem um pouco envergonhado e eu sinto que vou morrer se não sair daqui agora. 


-Entendi, bem eu vou deixar vocês a sós. Até depois. -ela diz deixando um beijinho na testa dele e depois um beijo na minha bochecha e sai fechando a porta. 


-Namorados?- pergunto o fuzilando com os olhos e ele sorri dando de ombros. 


-Sim, qual o problema? 


-Nenhum só que... Ah! Meu deus a gente nem se decidiu se vamos realmente ficar juntos e você disse pra ela que somos quase namorados!- falo e ele se levanta com a expressão séria. 


-Você não se decidiu ainda, se dependesse de mim nós já estaríamos namorando a muito tempo. -ele diz passando a mão pelo cabelo e eu levanto as sobrancelhas- Se isso te deixou desconfortável eu posso falar com ela que foi só uma brincadeira e que não tem nada entre a gente. -ele fala claramente chateado e eu o olho. 


-O que? Não, não precisa isso não me deixou desconfortável é só que... Eu não sei, você me pegou de surpresa! Eu não sabia que você também sentia isso de uma forma tão intensa. -falo e os cantos de sua boca se curvam em um pequeno sorriso. 


-Então você não está bravo comigo?- nego com a cabeça e ele caminha devagar até mim e coloca meu cabelo para trás- Você é complicado, sabia? 


-Hmm- murmuro sentindo ele mexer no meu cabelo e seus olhos encontram os meus. 


-Como as aulas foram suspensas e a gente não vai mais voltar porque essa era a última semana, eu posso dormir aqui antes de sábado chegar?- ele pergunta com uma carinha esperançosa e eu nego. 


-Infelizmente não, eu tenho coisas a fazer até sexta a noite. Se você quiser pode vir na sexta. -falo encarando seus olhos e ele sorri me dando um beijo na testa. 


-Ok, então eu vou para casa e amanhã a gente se vê. -ele diz dando mais um beijo em minha bochecha, e outro e outro e mais um até beijar minha boca. 


-Ok. -falo não querendo que ele vá embora. 


-A lua está linda hoje. -ele diz antes de fechar a porta e quando ela está quase batendo eu o chamo. 


-Hyunjin!-ele volta para trás e me olha. 


-As estrelas também. -ele sorri e finalmente vai embora, me deixando sozinho em meu quarto com um sorriso apaixonado no rosto.


To be continued...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...