História You want her, you need her (EMISON) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Caleb Rivers, Emily Fields, Ezra Fitzgerald, Hanna Marin, Paige McCullers, Spencer Hastings, Wren Kingston
Tags Drama, Emison, Romance
Visualizações 250
Palavras 1.235
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Policial, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - Surprise!


Fanfic / Fanfiction You want her, you need her (EMISON) - Capítulo 6 - Surprise!

 

 

Lucas e Emily seguem para a delegacia afinal não tinha chamado nenhum e já era hora de encerrar o expediente e trocar de plantão. Ele falou o caminho inteiro sobre como pretende descobrir os passos de Alison, através da sua amiga Hanna, a qual lhe interessou bastante por sinal.

Ao pararem o carro Emi disse:

Emi: Por favor, eu preciso que seja o mais discreto possível sobre o que ocorreu, sobre tudo que te  falei.
Lucas: Não se preocupe Fields, tem a minha palavra! 

 

Pensamento Lucas
Mas tinha algo que era impossível ser discreta. Ems ficou balançada, mas também com uma loira daquelas quem não ficaria? Eu não a culpo. E outra, ela parece ser muito mais interessante que a tal Paige, só vi por fotos mas acho que não é tão.. tão intensa quanto a loira de olhos azuis.  Eu vou ajudá-la sim, só que não só por ela, quem sabe eu consiga algo com a assessora do prefeito, isso vai ser ótimo pra minha reputação.

 

Pensamento Emily

Olha, quero muito saber quem é o engraçadinho que resolveu brincar com a minha vida. Me fazer encontrar ela, depois de tudo, depois de tanto tempo, eu não estive preparada antes, e acho que ainda não estou. A mas se ela pensa que pode vir aqui e mexer com a minha vida, me olhar daquele jeito, me provocar. Ela esta muito enganada. Meu noivado vai muito bem, minha vida vai bem, eu tenho a Paige. Isso! Eu tenho a Paige! Não vou deixar que nenhum pensamento idiota me afaste dela. Na verdade, acho que vou tomar alguma coisa. Eu não sou muito de beber assim, mas estou precisando relaxar depois de ter visto Alison DiLaurentis é mínimo que posso fazer.


Depois de pegar suas coisas, se despediu dos colegas e saiu pela porta da frente, já sem a farda,de calça jeans e moletom lilás de capuz e cabelo solto. Ela vai até o outro lado da rua, entra no estacionamento, no caminho tenta ligar para Ezra, mas sem sucesso, pois o celular dele estava desligado, então ela decide ir até um bar próximo ao centro da cidade.


Emi: Um sex on the beach por favor.
Garçom:  Com uma dose ?
Emi: Na verdade, pode colocar a vodka pura. Estou precisando pensar.
Garçom: Como quiser.


Emily sentou na bancada, tinha uma ou duas mesas ocupadas, mas ali ela conseguiria ser mais discreta. Só queria pensar um pouco. Quando foi servida bebeu em um único gole, pediu mais uma. E tomou novamente. Pediu que ele colocasse duas de uma vez e bebeu rapidamente. E assim ficou por um tempo, a olhar para as garrafas de bebida na prateleira como quem quer uma resposta do universo para a pergunta: “por que ela tinha que aparecer?”.

Quando ela decide ir ao banheiro, entra numa das cabines encontra uma bolsa no gancho, ela abre a porta e fala

Emi: Alguém esqueceu uma bolsa aqui na cabine! E viu uma loira se aproximar, por alguns segundos ela pensou ser Alison quando a mulher respondeu - Sim, é minha obrigada! - Emi balançou a cabeça e entregou a bolsa. Em seguida, ela parou na pia, lavou o rosto e decidiu ir embora antes que as coisas piorassem.

“Eu vou embora, não porque vim parar aqui de carro ainda mais, deve ser porque é único lugar que conheço.Vou para casa, nem devia ter vindo”

Dirigiu com cautela até seu apartamento. Na esperança de encontrar Ezra. Abriu a porta num solavanco e encontrou ninguém menos que sua noiva, Paige.

Paige: Surprise baby!
Emi: Você aqui, hoje?!
Paige: O que foi amor? Devia ter avisado, eu sei, mas é que eu...
Emi: Era tudo que eu precisava! – foi ao encontro do corpo de Paige.


Um  beijo com força, com vontade. Dispensou as taças, pegou a garrafa de vinho, abriu e tomou no gargalo mesmo. Paige sentiu algo estranho naquele comportamento, mas no fundo estava gostando, então preferiu não questionar nada.
As duas foram até o quarto aos beijos urgentes. Paige despiu-se com pressa, enquanto Emily ligava o som, uma música lenta tocava, ela trocou para algo mais animado, naquele momento não tinha romance algum, era algo de corpo, de atração, de raiva. Emily tirou os sapatos e a calça e deitou-se na cama por cima de Paige, enquanto beijava o pescoço e a tocava com os dedos e logo a fez gozar. Deitou-se ao lado dela, enquanto a mesma se recuperada do furacão que a havia atropelado, pegou o lençol e a cobriu. Foi inevitável não lembrar das vezes que fez amor com Alison em N.Y, no carro, numa festa, foram muitas loucuras. Paige a abraçou e seu coração gelou de culpa

Pensamento Emily
Acabei de tê-la em minhas mãos e estou com a Alison na cabeça, isso não pode estar acontecendo. Eu preciso tomar uma atitude. Nem que pra isso, eu tenha que jogar de vez em Paige. No casamento. Em tudo. É isso... o casamento”

Emi: Paige, querida, quero antecipar o casamento. – Falou enquando beijava as mãos dela.
Paige: Amor! Você tem certeza ? Nossa, estou tão feliz! Vou preparar tudo, mas pra quando?
Emi: Eu também sei fazer surpresa as vezes - sorriu - Não temos mais o que esperar. O ano que vem esta longe e quero começar uma vida com você logo.
Paige: Você me faz a mulher mais feliz do mundo! – A beijou no rosto e abraçou de lado. Emi respirou fundo e pensou “é o que preciso fazer para esquecê-la de uma vez por todas”.

[...]


Ezra e Alison conversaram muito ao chegar na casa de Hanna, que por sua vez os deixou a vontade e foi servir o almoço, que já não era tão almoço assim pelo adiantado da hora.

Ezra: Você tem certeza que essa daqui? - Fala apontando para uma foto no celular dele.
Ali: Absoluta Ez! Totalmente!  Eu não sei como a Emi pode estar com uma pessoa assim. Eu não sei - falou balançando a cabeça negativamente.
Ezra: Eu nunca gostei dela, mas até a imaginar isso? TUDO ISSO? Era demais. É demais. Meu Deus. Como nós vamos dizer isso a ela?! Ela é louca?! Simples assim?
Ali: Eu não sei mas assim a família dela tem muito dinheiro Ez, quem conhece lá em Los Angeles quer distância. Eu não sabia de nada disso e ao fotografar um teatro  a conheci, ela era gentil, doce, e parecia alguém do bem. Nos envolvemos. Mas quando meu amigo Caleb me alertou, ela já estava obcecada. Foi um inferno pra ter minha vida de volta. O quão a Emily ficou cega nesses anos Ez, me fala?
Ez: Ela quis te esquecer Ali, a todo custo. Você sabe que ela é assim. Foge de você como o Diabo da cruz.E outra com a Paige viajando sempre com as peças, elas nunca moraram juntas. Ai eu estou muito confuso com tudo isso. Não sei direito o que pensar primeiro. - o celular dele toca e ao olhar no visor vê o nome Aria  e desliga o aparelho - Amor me desculpe mas agora eu preciso organizar as minhas ideias. 

Alison fica pensativa com o comentário de Ezra "foge de você" e fala: 
- Mas ela ainda sente alguma coisa Ez. Eu vi nos olhos dela como ficou perturbada. Eu vi. 
Ez: Então mais um motivo pra ter cautela. Vamos por partes... Termina de me contar tudo, eu quero detalhes!

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...