História Your Hope - Capítulo 1


Escrita por:

Visualizações 85
Palavras 406
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu estou com sono, mas ok. Bom, isso está muito fofo.
Sem capa, pois meu editor está quebrado....Espero que gostem.

Boa leitura.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Viu o garotinho de mirantes roxos sumir no meio daquele imensa multidão, o seguiu com calma, vendo-o atravessar com facilidade aqueles brutamontes. Riu baixinho, empurrando de leve o ombro das pessoas em seu caminho.

— Com licença, por favor... — Quando, finalmente, alcançou Arthur, teve a fofa visão do garoto assistindo a luta do torneio com um brilho no olhar. Parou ao seu lado, bagunçando ainda mais seus cabelos.

— Merlin-san! — Agarrou a barra de sua roupa, a puxando de leve. — Acha que eu vou lutar como eles quando eu crescer? — Finalizou, curiosíssimo com a resposta da lady.

A morena, se abaixou, para ficar do tamanho dele. Acariciou sua rosada bochecha, abrindo um doce sorriso para a sua esperança: — Acho que vai lutar melhor do que eles, Arthur. —

[. . .]

Com aquela mesma expressão gentil, Merlin se perdia em suas lembranças com a criança prometida. Jogou sua atenção para o jovem à sua frente, que a fitava de um maneira confusa.

— Ei, você está bem, Merlin-san?

A bela mulher acordou de seus devaneios, balançando a cabeça.

— Estou ótima. — Retrucou de forma curta, ainda com aquele mesmo sorriso do rosto. Arthur arqueou a sobrancelha, fazendo um biquinho birrento em seguida.

— Você ainda acha que eu sou uma criança? —Questionou, se sentindo ofendido. A maga murmurou surpresa, não compreendendo a indagação do acastanhado. — Você só sorria assim quando eu era criança! — Acusou, por fim.

O pecado da gula gargalhou do absurdo que seu discípulo tinha dito, esse ato fez o garoto inflar suas bochechas, sem desmanchar seu bico. Merlin parou de rir, e observou por alguns segundos, o homem que Arthur havia se tornado. Ele era lindo.

— Que bobeira... — Aproximou seu rosto do dele, sentindo a respiração do jovem disparar, enquanto seu rosto ruborizava. — Sei que já é um homem. —

De surpresa, selou seus lábios nos dele, dando-o um rápido selinho. Se afastou devagar, vendo Arthur paralisado e com um sorriso bobo no rosto. A pecadora riu, bagunçando os cabelos dele, como sempre fazia.

— Vamos, o pessoal está nos esperando... — Caminhou até a saída do local, sendo seguida por um Pendragon abobalhado e sorridente. Elizabeth se aproximou do garoto, com preocupação:

— Você está bem, Arthur-sama? — Indagou, o rei assentiu zonzo, soltando um risinho apaixonado. Escanor olhou para a maga de um jeito duvidoso, com um olhar perdido, a mulher não disse nada, apenas deu de ombros.

Abriu outro sorriso doce para sua esperança. Arthur, com certeza, era seu garoto preferido.


Notas Finais


É isso.
Ainda chateada com a morte do rei Arthur, meu anjinho.

Beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...