História Your place is whith me (Sterek) - Capítulo 15


Escrita por:


Notas do Autor


Não se preocupe com o segundo ato enquanto o primeiro não tiver terminado.”

Joyland- Stephen King

Capítulo 15 - He is a cat


Fanfic / Fanfiction Your place is whith me (Sterek) - Capítulo 15 - He is a cat


Pov. STILES:


- Devagar Derek! - gritei.

- Estou tentando Stiles, mas você é muito gostoso. - Derek dizia enquanto colocava seu Cacete no meu orifício.

Eu estava de costas na cama. Ele me segurava por trás com as duas mãos na cintura.

- Eu vou dizer isso também quando eu enfiar meu pau todo em você! - Eu disse.

- Calma Stiles, estou indo devagar. 

Aos poucos fui sentindo o Pau de Derek me invadindo...

- Oooooohhhhh.... Aaaahhh... - Eu gemia enquanto apertava com força um travesseiro.

Até que ele colocara tudo, e começou a beijar meu pescoço por trás.

- Posso me mexer?! - ele disse.

Nesse momento eu me sentia entorpecido por alguma coisa que me enchia de prazer.

- Pode...

Derek começou a fazer um movimento giratório com com a cintura e seu Pau foi alargando meu orifício.

- Aaahhh Derek! 

No mesmo instante senti ele sair e entrar novamente com um trem.

- Oohh!! - gritei ao sentir a cabeça do Cacete dele esmagar minha próstata. 

As mãos dele estavam a me segurar com força e Derek movimentou-se dentro de mim, saindo e entrando, só que de um jeito mais macio e gostoso.

- Mais... mais rápido! - supliquei de olhos fechados.

Rapidamente ele me obedeceu, aumentando a velocidade até me fazer suplicar pra parar!

Ele saiu de mim, me virou e deitou-se. 

Foi a minha vez de ficar por cima, enquanto Derek permanecia deitado eu me sentei devagar naquele pau.

Eu ainda não sei como aguento esse Cacete dele, desci com cuidado até sentir metade por dentro. Rebolei pra acostumar uma parte dentro de mim. Depois me inclinei e o beijei.

Segurei com uma das mãos em seu peito e a outra segurei o Pau de Derek tentado colocar o resto. 

Quando tudo coube, rebolei novamente pra acostumar.

- Agora cavalga meu branquelo, cavalga no seu cavalo! - Derek disse cheio de tesão.

Cavalguei!

Oh! Como foi bom!

Nós dois gememos muito e de um instante a outro senti a Porra de Derek escorrer de dentro de mim.

Ainda cavalgando, Derek segurou meu pau e o masturbou até eu sentir o orgasmo. 

Me deitei ao seu lado.

- Você não me dá uma folga né Derek? - Falei enquanto tentava respirar.

- Quer outra rodada? Eu aguento! - ele disse.

- Não, por favor. - sorri.

- Você disse que tem um irmão?! - enfim ele se tocou.

- Pensei que nem escutara o que eu disse! - Falei. - veio logo tirando minha roupa e mostrando esse pepino enorme!

- Eu sei que você adora esse pepino! - Ele disse recuperando o fôlego.

- Sim, adoro... mas, foco Derek! Meu pai disse que não vai me colocar no testamento e que só vai colocar meu irmão nele. O que ele não sabe é que meu irmão também é gay.

- Como?!! - Derek me olhava confuso. - Calma! Você não vai entrar no testamento?

- Não, e não me importo... - Eu disse. - Tenho você, e é suficiente pra mim.

Ele passou a mão no meu cabelo.

- Eu te amo Stiles! E não importa o que aconteça, vamos dar um jeito. Juntos...

- Obrigado por me apoiar Derek... 

- Fala aí... E seu irmão? É gato igual você?!

Dei um murro de leve no ombro dele.

- Que foi?! - ele perguntou sorrindo.



Três dias se passaram, eu havia contado tudo pra Lydia.

Ela como sempre ficara estarrecida.

- Ele é gato?!! - perguntou ela.

- É só isso que importa se ele é gato?? Nada sobre o caráter ou a dignidade dele, só se ele é gato?! - indaguei.

- O Derek ficou com ciúmes dele? - Ela perguntou. 

- Porque ficaria? Ele é meu irmão sua louca! - Eu disse.

- Meio irmão!! - ela levantou a voz. - E você nunca o vira antes, é a primeira vez e ele é um gato! Eu pegava, nem que seja uns beijinhos.

- Só você mesmo... - comentei. 

Meu celular tocou um sinal de notificação.

- Huummm... - Lydia olhou pro meu celular. - É o Bastardo?

- É... - Falei. - Quer almoçar comigo depois da escola.

- Vai lá, você mesmo disse que ele é só seu irmão! - Lydia atiçou. 



                           ***


- Você está ótimo nessa roupa. - Nolan disse enquanto eu sentava. 

- É o uniforme da escola! - Falei sorrindo.

- Você fica bonito mesmo assim... - ele riu, deixando transparecer uma covinha de cada lado da bochecha.

*Meu coração acelerou.

Como ele podia ser tão diferente de mim? Nem parecia meu irmão.

- Como está indo a escola? - ele perguntou.

- Bem... - Falei. - termino o segundo grau esse ano e já parto pra Faculdade ano que vem.

- Isso é bom! Tenha foco maninho! - disse Nolan.

*Maninho?!! Francamente!

- E você?! - perguntei. - como está sendo a convivência com meu pai?

- Ótima! De vez em quando levo uns caras no meio da noite pra gente transar!

- Que?! Nosso pai nunca desconfiou? - perguntei confuso.

- Não, sou bem esperto Stiles. Sei esconder bem, ele nunca me pegou na cama com ninguém. Acho até que ele pensa que sou virgem...

Dei uma risada.

- Você?! Um homem bonito desses e ainda por cima convencido... virgem?!! Me poupe Nolan!

- Você me acha bonito Stiles...?

*Eu e minha boca grande.

- Sim... - Falei sem jeito.

- Eu também! - ele disse.

- Também me acha bonito?! - perguntei.

- Não, também me acho bonito! - Nolan disse dando um sorriso maroto. - Mas você também é bonito.

- Sei... - Falei meio desapontado.

- Quer que eu te leve na sua casa?! - ele perguntou.

- Não, vou a pé mesmo. - Falei me levantando.

- Que isso Stiles?! Não fique assim, eu estava brincando! Vamos, você querendo ou não, vou te levar!

Decidi aceitar.

Entramos no carro dele.

Sim, meu pai comprara um carro pra ele.

Nolan me levou até em casa, parou na calçada.

- Tchau Stiles! Vê se não some.

- Tudo bem. - peguei a mochila que ficara no banco de trás, enquanto apoiava uma das mãos no banco do motorista. 

Nesse momento senti a mão de Nolan pegar a minha e me fazendo segurar em seu pau duro por cima da calça!

Me assustei que quase me desequilibrei ao pegar a mochila.

Fiquei sem ação, olhei pra ele.

Ele me olhava nos olhos.

Minha mão ainda estava lá, podia sentir o pau de Nolan pulsando e por incrível que pareça eu estava gostando.

Ele aproximou a boca do meu ouvido.



- Eu sei que você também quer! - sussurrou.


Notas Finais


Oi pessoas!! Gostaram?!! 🤤😁🔥❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...