1. Spirit Fanfics >
  2. You’re not my enemy (Draco Malfoy) >
  3. Potter?

História You’re not my enemy (Draco Malfoy) - Capítulo 47


Escrita por:


Notas do Autor


Me desculpem a demora para postar capítulo
Amo vcs
🐍🖤

Capítulo 47 - Potter?


Fanfic / Fanfiction You’re not my enemy (Draco Malfoy) - Capítulo 47 - Potter?

No capítulo anterior....

 

— Se eu explicar pra ele....e....ficar perto dele Voldemort vai o mata-lo e eu não posso deixar que a pessoa que eu ame morra nas mãos do meu pai, eu prefiro amar ele e ver ele com outra sendo feliz e vivo....do que eu falar o que realmente aconteceu e ele morrer nas mãos do meu pai Ginny....eu não posso fazer isso- Falo olhando pra ele- Eu não....aguentaria ver o amor da minha vida morto na minha frente por minha culpa- Termino de falar logo caindo no choro sentindo Ginny me abraçar, ela estava certa, eu estava completamente quebrada por dentro, foi tão bom descobrir o amor mas....ele doí tanto que eu não sei como explicar, é como se tivessem mil facas apunhalando meu coração a cada segundo da minha vida, eu precisava esquecer o Malfoy....mas...

 

O primeiro amor a gente nunca esquece...né?

 

[...]

 

Nesse capítulo....

 

Pov’s Draco Malfoy

 

 

— Vamos logo com isso Emma, antes que eu mude de ideia- Falo olhando para a mesma que tinha acabado de chegar da sala de poções com a poção do amor

 

— Isso vai funcionar, é a poção do amor mais poderosa do mundo- Emma fala e eu pego o frasco da mão dela com brutalidade e me levanto olhando de um lado para o outro olhando para o frasco

 

— Se não der certo, vamos para a segunda opção- Falo olhando para a mesma, e logo me paro de andar abrindo o frasco tomando todo ele, na mesma hora eu me senti estranho, assim que eu abro meus olhos novamente eu olho para a Emma e ela era a mulher mais linda do mundo

 

— Como se sente?- Emma fala me olhando e eu sorrio bobo olhando para ela- É, funcionou- Emma fala

 

Pov’s S/n Lestrange Riddle 

 

 

Na manhã seguinte eu fui a primeira na casa dos Weasley e logo desço para a cozinha para fazer meu café...

 

— Mooooorning (bom diaaaaa)- George fala aparecendo na cozinha e na mesma hora eu me assusto olhando para ele

 

— Que susto Weasley- Falo olhando para o maior que ri me olhando logo vindo para o meu lado se encostando na pia enquanto eu continuava fazendo o café

 

— Dormiu bem pequena Riddle?- Weasley pergunta me olhando e eu assinto, pego o bule de água quente para colocar no café, mas ao em vez de colocar na xícara eu derramei água fervendo na minha mão 

 

— Ai merda merda merda- Coloco minha mão embaixo da água gelada e George logo vai até a geladeira pegando gelo

 

— Ei vem cá- Ele pega minha mão passando o gelo por todo o local vermelho e eu fico olhando para o maior- Não sabia que era tão desastrada Riddle...- George fala rindo fraco e eu reviro os olhos

 

— Obrigada....-Olho para ele e ele me olha diretamente em meus olhos sorrindo com o canto da boca

 

— De nada....-Ele fala e ficamos nos olhando por um tempo 

 

— O que estão fazendo?- Ron aparece fazendo eu e George pararmos de nos olhar e nos afastarmos um pouco 

 

— Riddle queimou a mão tentando fazer café- George fala rindo

 

— Claramente eu não devo mexer com coisas quentes...-Falo olhando para minha mão que estava vermelha 

 

— Quando vai voltar para Hogwarts?- Ron pergunta me olhando e eu me apoio na pia cruzando os braços 

 

— Talvez....hoje de noite eu volte pra conversar com a professora Mcgonagall pra ver se ela pode me ajudar- Falo olhando para eles

 

— Se Dumbledore tivesse vivo com certeza ele te ajudaria- Arthur Weasley fala aparecendo na cozinha- Mas Draco o matou....-Arthur fala e eu suspiro 

 

— Não foi o Draco quem matou o professor Dumbledore...e-eu não sei quem foi mas sei que não foi ele- Claramente eu não iria falar que eu matei o Dumbledore, o senhor Weasley já achava que eu iria colocar a família dele em perigo....não podia saber que eu matei o bruxo mais poderoso de Hogwarts 

 

— Ouviram isso?- Fred fala aparecendo na cozinha e todos nós ficamos curiosos olhando para ele

 

— Isso o que?- Arthur fala e logo escutamos um barulho de algo pegando fogo

 

— Gente alguém ta colocando fogo em casa- Ginny fala me olhando e logo todos saem de casa e damos de cara com a Bellatrix

 

— Ah finalmente vieram ver o show- Bellatrix fala tacando mais fogo na casa dos Weasley e eu pego minha varinha 

 

— EXPELLIARMUS- Lanço o feitiço nela desarmando a maior

 

— Riddle saia...-Arthur fala para eu sair de perto dela mas ela era minha mãe, eu a conhecia e sabia como parar ela

 

— CRUCIO- Lanço outro feitiço nela a fazendo cair no chão por conta das fortes dores físicas e psicológicas, todos ficaram completamente surpresos ao ver que eu tinha lançado esse feitiço nela....já que era magia das trevas

 

— C-Como.....ousa...?- Bellatrix fala se contorcendo de dor no chão e eu me abaixo ao lado dela

 

— Não mexa com meus amigos, isso é entre eu e o Voldemort, tem sorte de eu não ter te lançado um Avada Kedrava- Falo olhando para ela, e quando ela cria forças ela sai voando e eu olho para a casa dos Weasley que estava completamente em chamas .....e de novo por culpa minha

 

[...]

 

Horas mais tarde o fogo já tinha se apagado mas iria demorar para conseguir trazer a casa de volta, então ficamos em uma barraca, era pequena por fora mas enorme por dentro

 

— Eu sinto muito pelo....o que aconteceu com a casa de vocês- Falo olhando para eles

 

— Não se preocupe, não foi culpa sua querida- Molly fala e eu estava me sentindo completamente desconfortável olhando para ela

 

— Sim foi, se eu não tivesse vindo par- Molly me interrompe

 

— Não diga mais nada S/n- Molly fala e eu assinto olhando para a mesma

 

— Eu preciso voltar para Hogwarts...ou se não vai ficar muito tarde- Falo me levantando e todos os filhos Weasley me olharam- Vocês não precisam ir comigo....-Falo

 

— Não vamos deixar ir sozinha para Hogwarts, Voldemort está atrás de você- Fred fala e eu assinto

 

— tenham cuidado- Molly fala e logo em alguns minutos saimos da barraca dos Weasley e fomos voando em direção a Hogwarts, eu precisava da ajuda da Minerva, ela iria saber como me ajudar

 

Pov’s Draco Malfoy

 

 

Todos em Hogwarts sabiam que eu e Emma estavam juntos, passamos o dia inteiro juntos, a maioria achou completamente estranho, mas eu estava estranhamente apaixonado por ela....ela era o amor da minha vida

 

Quando era de noite todos estavam indo para o salão principal para ir jantar, era por volta de umas 20h30

 

— Vem vamos nos sentar aqui- Falo puxando Emma para sentar comigo 

 

Depois de um tempo escutamos alguns murmurinhos e todos estavam olhando para a porta...assim que olho em direção a onde o povo estava olhando, eu vejo Riddle entrando com os Weasley, e eu me senti completamente estranho e confuso....todo o amor que eu sentia pela Emma passou para a Riddle, eu fiquei completamente louco por ela...

 

Pov’s S/n Lestrange Riddle 

 

Assim que chegamos em Hogwarts e fomos em direção ao salão principal para o Jantar, assim que eu entro no salão todos os alunos me olham e ficam olhando para mim e comentando

 

“A Riddle ela voltou “

 

“Ela tava com o Weasley?”

 

“Porque ela voltou?”

 

 

Olho em direção ao Malfoy e vejo ele de mãos dadas com a Emma e logo sinto um aperto no meu coração pois ve-lo com outra me machucava, ainda mais a Emma

 

—Como teve coragem de voltar?- Emma fala me olhando e eu suspiro olhando para a mesma

 

— Eu estudo aqui Emma, essa escola não é sua- Falo olhando para ela e logo Malfoy se levanta me olhando- Estão juntos?- Falo olhando para eles

 

— Estamos....não é maravilhoso?- Emma fala abraçando o Malfoy e eu assinto

 

— Meu conceito de maravilhoso vai ser quando meu pai te encontrar e te lançar um Avada, isso sim vai ser maravilhoso- Sorrio olhando para ela

 

— Não seja tão escrota Riddle, todos sabem que você é não precisa mostrar- Malfoy fala e eu reviro meus olhos olhando para ele

 

— Além de louro oxigenado é burro Malfoy?- Falo olhando pra ele

 

— Eu sou louro natural ok?- Malfoy fala e eu começo a rir- Porque não aceita que a Emma é melhor que você?- Malfoy fala e eu quando ia responder, alguém pega em minha cintura me virando para o mesmo me dando um beijo, todos murmuravam coisas como

 

“Não acredito”

 

“Ele?”

 

“Bem feito Malfoy”

 

 

Assim que nos separamos do beijo eu vejo quem era e arregalo meus olhos olhando para ele

 

—Potter?- Falo olhando para ele completamente surpresa

 

 

[...]

 

Continua...

 


Notas Finais


Potter beijou a Riddle? Qq deu nesse testa rachada meu deus?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...