História Yui e os 6 irmãos Sakamaki - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Tags Ayato, Ayayui, Diaboliklovers, Diaboliklovershentai, Ecchi, Kanato, Sakamaki, Shu, Subaru, Yuito
Visualizações 39
Palavras 473
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Harem, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


É minha primeira fanfic, erros de gramática apareceram aos montes, me perdoem kkkk

Capítulo 1 - Nem sempre é bom mudar


      Acordo com o raio de sol que sai da janela mau fechada da noite passada, ao meu lado as malas já feitas e o recado de meu pai na cama.
- "Boa Sorte, não se preocupe quando tudo voltar ao normal você voltará, mande meus agradecimentos aos irmãos Sakamaki."
      Eu ainda não entendi o porque dessa minha viagem repentina mas nunca fui de perguntar demais ou questionar meu pai então, vamos lá. Tomo meu banho gelado para perceber que realmente não estou sonhando. Saio do banheiro, me arrumo rapidamente e desso a escada para tomar café da manhá mais uma vez sozinha, na geladeira havia apenas um queijo gorgonzola, devorei e fui buscar minhas malas para a viagem. Saí de casa com um aperto no coração.
- Ainda bem que ele (Pai) não está aqui. - Odeio despedidas.
      Chamo um Uber e peço para ele me levar ao aeroporto, será uma viagem curta de avião, apenas 1 hora e meia. Olho o telefone pela décima vez, Yuko e Temari, meu amigos fiéis não param de mandar mensagens fofas, sinto vontade chorar mas engulo as lágrima que estão prestes a sair do meu olho. Em menos de 10 minutos chego ao aeroporto e pago o Uber apressadamente, meu vôo está para sair, anunciam o meu vôo e me direciono para a entrada do avião, me sento próxima a janela, coloco meu fones e durmo imediatamente.
- Senhorita? O avião já pousou.
      Acordo com estas palavras. Agradeço e saio, pego minhas bagagens, em seguida chamo outro Uber para me direcionar a mansão Sakamaki, foi menos de 20 minutos até a mansão, pago o Uber e agradeço. Ao me virar para trás vejo que não é uma mansão é uma mansãozona era anormal.
- Muito bem, vamos lá. - digo se nenhuma animação.
      Digo a mim mesma que tomara que os Sakamaki não sejam velhos rabugentos e intrometidos, odeio gente assim, mesmo estando agradecida por me acolherem. Bato a porta e ela se abre, parece até aquelas cenas de filmes de terror, dou uma risada e entro timidamente. Olhando ao meu redor não vejo nenhuma recepcão calorosa.
- Graças a Deus - Naquele momento era o que eu menos queria - Olá?...Eu sou Yui Komori - Minha voz ecôa pelo saguão principal.
      Adentro pelo saguão, apenas vejo um corredor a minha direita, outro a minha esquerda e uma escadaria a minha frente. Observo melhor e vejo alguém deitado no sofá na sala de recepção, me movo cuidadosamente, parecer mal-educada não é legal.
- Tudo bem?...Meu nome é Yui Komori meu pai me mandou para morar aqui - Sem resposta.
      Chego cada vez mais perto e vejo a fisionomía do estranho. Ele era alto, branco-pálido, cabelos lisos e vermelhos, o caimento com certa perfeição, ele era realmente lindo. De repente aquele estranho abre os olhos e diz...

 


Notas Finais


O que será que ele irá dizer? Quem será esse estranho tão sedutor?
Obs.: Apenas o começo é parecido com o anime apartir desse episódio muita coisa vai mudar!

Gostaram? O apoio de vocês fará essa história continuar!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...