1. Spirit Fanfics >
  2. Jornais >
  3. Curiosidades.

O jornal está sendo descontinuado, salve seus jornais até 31/12/2021.

Jornal Curiosidades.


Por:


Curiosidades.


✨ E vamos às perguntas sobre mim! ✨



— Quando você começou a escrever?
Como eu considero todo tipo de escrita válida posso dizer que eu comecei com 7 anos. Fazia histórias infantis sem pé nem cabeça no meu caderninho amarelo de girassol, até chegar aqui. Até chegar na faculdade, até transformar a escrita em uma válvula de escape pra tudo na minha vida.

— Seu shipp favorito de algum fandom.
The Vampire Diares -> Delena
The Originals -> Klaroline
PJO -> Percabeth e Solangelo
Hunger Games -> Everthorne
Harry Potter -> Hinny e Romione
Divergent -> Fourtris
Shadowhunters -> Clace
Game of Thrones -> Daenerys Supremacy.

— Assunto preferido de escrever.
Eu gosto de escrever sobre qualquer coisa na verdade, tudo me agrada. Evito o que me dá gatilho como falar sobre depressão, suicídio ou tortura e doenças. Porém eu escrevo pra me desafiar, inclusive uma das minhas fics (sobre Jogos Vorazes) eu exploro bastante o assunto e foi super difícil pra mim. Fora isso sou bem generalista. Historias modernas, medievais, tristes e felizes. Amo todas.

— Gênero preferido de escrever.
Romance, ficção e aventura. E literatura erótica.

— Sobre qual/quais personagem/ens gosta mais de escrever?
A maioria dos meus personagens são originais. Eu crio e moldo eles de acordo com minhas ideias malucas.

— Fandom que quer escrever, mas ainda não fez:
Quero muito ter tempo pra escrever sobre o universo e o fandom de Harry Potter. Um dia sai!

— O que você escuta quando está escrevendo?
Qualquer playlist das divas do pop proporcionada pelo spotify.

— Autores (de livros) que te inspiram?
Ih, essa é boa. Mas os principais com certeza são George R. R. Martin, Agatha Christie, Ken Follett, Rick Riodan e Erico Veríssimo. Suzanne Collins pra fechar com chave de ouro.

— Qual das suas histórias te define e por quê?
Todas, com certeza. Mas tenho um apego especial por Dangerous Mad porque como eu já disse anteriormente precisei me aprofundar em mim mesma para escrevê-la. Precisei me estudar, estudar meus gatilhos e minhas dores pra criar a personagem mais completa e imperfeita possível. E acredito que eu tenha conseguido.

— Que programa você usa pra escrever?
Word. E as vezes, quando estou afim de exercitar a mão, eu escrevo no meu antigo caderninho amarelo de girassol.

— Elogie sua própria escrita:
Ai se eu começar a falar sobre isso aqui só vou parar amanhã, então um resumo seria bom:
Eu acredito que a minha forma de escrever seja extremamente rica, não só gramaticalmente como também em detalhes. Gosto de fazer o leitor mergulhar dentro da história e, para isso, costumo descrever o ambiente do chão ao teto. É uma das minhas características que são mais elogiadas pelos meus leitores e eu fico feliz demais com isso.
Também perco horas cuidando minuciosamente erros de pontuação e acentuação, concordância verbal, bem como conjugação dos verbos e concordância. Tudo para deixar a leitura mais coerente e perfeita, para que todos possam aproveitar e se divertir ao máximo.

— Uma palavra que te define como escritor:
Apaixonada, com certeza.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...