Lista de Leitura: Jikook♡

Lista criada por: ~
6 histórias
Fanfic / Fanfiction Sweet Obscurity (Long Fic)
Terminada
Capítulos 28
Palavras 23.007
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay)
Jimin estava muito perto da morte, o sangue escorria pelo seu pescoço, ele suplicava por ajuda. Mas Jungkook apenas assistia, Jungkook poderia ter deixado ele morrer, mas não deixou. Ele não sabe como Jimin conseguiu sua ajuda, talvez fosse os olhos densos e negros suplicando por ajuda, seu corpo se debatendo tentando empurrar o menor de cima dele. Jungkook não sabe, nunca livrou uma vítima, deixava ela morrer, assistia, mas com Jimin foi diferente. Foi tudo diferente, desde o começo.

(Trailer da fic nas notas finais do prólogo)
  • 514
  • 167

Fullgás escrita por ~FANFUNK

Fanfic / Fanfiction Fullgás
Em andamento
Capítulos 26
Palavras 133.662
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Jungkook era a perfeita definição da expressão "cara de porta". Ele tinha uma personalidade um tanto peculiar, era estranho, totalmente inexpressivo e não conseguia entender nenhum sentimento ou emoção alheia, quem dirá as suas. Tudo para si era algo como "química dos corpos" e "hormônios", coisa que livros sempre ensinam, nada demais. Mas, claro, tudo culpa de sua mente confusa e ingênua.
E então tinha Park Jimin, um garoto ruivo extremamente sorridente, que se igualava a um vulcão em erupção, derretendo a alma, o corpo e o coração de Jeon.
E então vinha Jungkook, declarando-se de forma totalmente estranha, confusa e sem tato algum.
  • 4.972
  • 1.418

BodyGuard escrita por ~park-chan

Fanfic / Fanfiction BodyGuard
Em andamento
Capítulos 35
Palavras 135.780
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ação, Lemon, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Para todo ser humano, um dia a palavra responsabilidade pesa. As vezes mais cedo do que o esperado, como foi no caso de Park Jimin. Um jovem nos seus 21 anos, que tem um defeito mais que comum; o orgulho. O mesmo viu seu pai abandonar ele e suas duas irmãs a anos atrás, então foi obrigado a tomar as rédias da família. Ser sério e bastante responsável entrou para a rotina. Largou os estudos na adolescência para arrumar um emprego e, além de sustentar a casa, ele juntava dinheiro para o tratamento de sua mãe.

Talvez ter aceitado o emprego de guarda costa de um garoto rico e mimado, que não sabe a existência da palavra responsabilidade, não tenha sido tão mal assim. Jeon Jungkook apronta por prazer a fim de infernizar a vida dos outros, principalmente o seu pai, entretanto ter Jimin ao seu lado irá lhe ensinar lições de vida que ele jamais pensou em ter. Sua vida mudará drasticamente por causa do seu novo guarda-costas.
  • 5.304
  • 2.660
Fanfic / Fanfiction Como Se Livrar De Um Demônio Apaixonado
Terminada
Capítulos 23
Palavras 46.603
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Lemon, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Jeon Jungkook não era o tipo de pessoa que acreditava em seres sobrenaturais.
Até a noite que é desafiado por seus amigos a invocar um demônio e acaba trazendo para terra um ser que irá virar sua vida de cabeça para baixo. Arrogante, carente; essas não deveriam ser características de um demônio, porém Park Jimin nunca gostou de ser igual a ninguém mesmo.
  • 5.665
  • 1.294

Pela Primeira Vez escrita por ~Sarah-A

Fanfic / Fanfiction Pela Primeira Vez
Terminada
Capítulos 20
Palavras 88.882
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
JIKOOK • Universo Alternativo • Romance & Drama

"Eu teria o coração de outra pessoa dentro de mim, estaria no meu corpo, bateria pra mim e me ajudaria a viver, mas não era de fato meu. Aquele coração que nasceu e bateu no peito de outro cara como eu, que o ajudou por tantos anos e agora seria dado a mim. Minha cabeça fervilhava, eu ficava realmente confuso sobre como tudo seria. Era do tipo de pessoa que perdia o sono por isso com facilidade, todos os sonhos que tive sobre esse dia, todas as esperanças que me foram dadas estavam sendo depositadas num órgão vindo do corpo de outra pessoa que, agora, estava morta. Bizarro."
  • 4.028
  • 901