Lista de Leitura: Min_Sana Lista de leitura

Lista criada por: ~
6 histórias

------ escrita por ~juhabg

Fanfic / Fanfiction ------
Em andamento
Capítulos 75
Palavras 70.688
Atualizada
Idioma Español
Categorias 365 Band
Gêneros
O que está acontecendo?
Dormi por quanto tempo?
Quem sou eu?
  • 269
  • 280
Fanfic / Fanfiction Going To Hell (BTS • Imagine - Kim Taehyung) ❦
Em andamento
Capítulos 34
Palavras 40.468
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Crossover, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
O mundo dar voltas e voltas, coisas acontecem aqui e acolá, mas algo que não passava na cabeça da S/N era que isso poderia acontecer.


Kim Taehyung: Um homem que em uma hora é um garoto fofo, gentil e romântico, já na outra... Mostra seu lado rude e sadomasoquista.
(S/N): Uma garota que tenta sorrir mesmo sabendo do seu passado, na qual foi doloroso...


"Um coração amaldiçoado, magia maligna, mas do que adianta isso se não posso fazer nada com esse homem na minha vida?"

Uma garota de 19 anos com um coração amaldiçoado que mesmo mudando seus atos iria direto para o inferno.

Kim Taehyung... Pra que mudar se logo irá perder seu bem mais precioso?




18+/Sobrenatural


@KehZzz





PLÁGIO É CRIME!
  • 307
  • 259
Fanfic / Fanfiction 7 versões do meu amor
Em andamento
Capítulos 6
Palavras 4.131
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Aventura, Crossover, Ecchi, Ficção Adolescente, Lemon
" ..Oi meu nome e S/n eu me mudei com meu pai e foi ai que a minha vida mudou completamente,não foi uma mudança normal,uma mudança que........"
  • 10
  • 2
Fanfic / Fanfiction Morando com BTS!
Em andamento
Capítulos 14
Palavras 5.704
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Survival, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Esta história se trata de uma menina que, por obrigação dos pais, é mandada para Coreia. Lá ela conhece pessoas legais, interessantes, (talvez pessoas/coisas q ela nunca sonhou em encontrar) e quem sabe um amor verdadeiro? Sera que "essa pessoa" vai fazer com que S/N goste da Coreia? quem sabe... fique preza a ela?

Isso vc só descobriram se acompanha e ler essa historia feita pela @taebaby248 com muito carinho! <3
  • 64
  • 43
Fanfic / Fanfiction Bunny Killer.
Em andamento
Capítulos 5
Palavras 3.087
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Ação, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Coagida; totalmente perdida.
Forçando seu corpo a trabalhos manuais agressivos, dia após dia você insiste.
Persistindo naquilo que já se quebrou.
Rebaixada, totalmente debilitada.
Assim você continua respirando, até que se sufoque em lágrimas geladas.
Mortificada, simplesmente cansada.
Ergue seu rosto ao sol e percebe que anseia por chuva.
O calor medíocre que não causa efeito.
Toques frios que causam náuseas permanentes.
Melancólica, isolada e de alma devastada.
Percebe- se vazia, pois não sente mais nada.
Chegou ao fim da linha, queda livre com destino em espinhos.
Pétalas desbotadas, respiração pesada.
Daltonismo em todos os cantos, tons neutros, cinzentos, tristonhos.
Apetite nulo, sonolência brutal que te domina os músculos.
Dormência predominante reina em teu miocárdio, falho, tênue, pateticamente ferido.
Cai repetidamente, enquanto tenta se levantar.
Mesmo avistando o final decadente, mente e consente.
Grita, chuta e range os dentes.
Repara em toda a ironia contida em um só ponto de dor.
Acende e lentamente perde os sentidos.
Deprimente, chegando ao cúmulo.
Derramando- se em teu túmulo.
Andou cavando tua própria cova.
Exausta de fantasias rasas e pessoas medrosas.
Nunca encontrou se quer uma aura bendita, todas se perdem na multidão maldita.
Transborda enquanto caminha, usando trapos sujos de guia.
Agora, muito pouco se fala, poupa até a última palavra.
Mantendo em tua pele cicatrizes mundanas, fundas e desumanas.
Talvez mutilando- se desperte a agonia.
O sentimento que a fará abrir os olhos; tão tola, engana- se.
Indaga- se cada vez mais.
Se questiona sobre o amor do qual todos comentam.

Ele; não tem mais o que perder.
Ela; já perdeu tudo.
Duas pessoas sem nada, duas pessoas terrivelmente vazias, dois seres... poderiam se tornar apenas um?
  • 15
  • 11