Lista de Leitura: Originais

Lista criada por: ~
8 histórias
Fanfic / Fanfiction O Amante do Tritão (AMOSTRA)
Em andamento
Capítulos 32
Palavras 68.438
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Bishounen, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
AVISO: 75% DA HISTÓRIA DISPONÍVEL COMO AMOSTRA. HISTÓRIA COMPLETA DISPONÍVEL NA AMAZON.
Gabe odeia a nova cidade. Todos são surfistas, ou donos de loja de surf, e antes de Gabe se mudar ele nunca havia visto o mar. Mas ele precisava tentar fazer amigos, não queria preocupar seu irmão ainda mais após ter sido expulso de casa.
No grupinho de pseudo-amigos, o único que lhe interessa é Dylan, um misterioso rapaz de 18 anos como ele. Musculoso, de cabelos pretos e fascinantes olhos verdes, Dylan faz o coração de Gabe pulsar. Quem sabe ele é o primeiro romance pelo qual esperou tantos anos?
Só há um problema e... Gabe não sabe exatamente qual é. Tem algo estranho sobre Dylan. Talvez seja o fato dele andar pelado por aí, ou morar em uma ilha no meio do oceano, ou se alimentar apenas de peixes.
Uma coisa é certa: Dylan é o homem mais lindo que Gabe já conheceu, então talvez tudo bem lhe entregar a virgindade. O que Gabe não poderia imaginar seriam as consequências de seu primeiro ato sexual...
  • 534
  • 355
Fanfic / Fanfiction Ondas em Rebentação - OAdT livro 2
Em andamento
Capítulos 35
Palavras 86.141
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Bishounen, Fantasia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
Hian vive com um único objetivo: Tornar-se um grande tritão, e honrar a linhagem de seu amado pai Dylan.

Sério e bem decidido, o meio-tritão traça os planos de uma vida inteira ainda na infância. Mas atender seu destino será mesmo tão simples? O lado humano de Hian parece existir apenas para causar-lhe tormento, e quando seu verdadeiro futuro surge diante de si, Hian se vê diante de uma escolha cruel. Mas tritões não fazem escolhas, não é mesmo?

Amor, desejo e predestinação colidem de frente. Será um tritão capaz de lutar contra o próprio destino?

Ondas em Rebentação é o segundo livro da série O Amante do Tritão. É obrigatório a leitura de O Amante do Tritão para a compreensão desta história, e recomendada a leitura da prequência, O Preço da Adoração.
  • 180
  • 201
Fanfic / Fanfiction The greatest pain is inside.
Em andamento
Capítulos 69
Palavras 126.330
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay)
[Conteúdo ADULTO! (+18)]
" –Pai, por favor me desculpe... –Fui interrompido por um tapa no rosto, tão forte que me fez cambalear um pouco. Senti na minha boca, o gosto metálico que eu tanto conhecia.
–Você vai aprender a nunca mais se meter em confusão.–falou pausadamente. Ele pegou no meu braço já machucado, e começou a me arrastar escada a baixo.
–Não... por favor! No porão não! Eu não tive culpa! Eu tentei evitar! Por favor! –tentava ao máximo escapar, mas ele tinha quase o dobro da minha força.
–Cale a boca! –ele levantou o braço livre e bateu novamente em meu rosto, fazendo-me cuspir sangue. –A culpa é toda sua e você sabe disso!
E assim, ele, mais uma vez, me jogou naquele porão abafado e sem luz alguma, fazendo todos os meus medos e pesadelos voltarem.
Ele sabia o quanto eu ficava apavorado quando ficava no escuro, mas era como se ele gostasse de me ouvir gritar, implorar.
E ele sabia que ele mesmo fazia parte de meus pesadelos."
  • 4.270
  • 3.699
Fanfic / Fanfiction The Boy And The Wolf
Em andamento
Capítulos 18
Palavras 23.781
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
♥Uma linda história sobre um garoto e um lobisomem♥

↓ AVISOS ↓

contém sexo explícito.

Contém conteúdo homo afetivo (gay).

Contém pedofilia.

Contém abuso.

Se não gosta do gênero não leia.

Vote e comente. Ser leitor fantasma não é legal.

A história é bonita e encantadora. Toda tirada da minha imaginação.

Especial para fujoshis.

Yaoi.

Obrigada.

Ela também está sendo postada no Wattpad.
  • 254
  • 229
Fanfic / Fanfiction Café Night Passenger
Em andamento
Capítulos 15
Palavras 38.444
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
Os dias de Gabe irvine eram sempre os mesmos. Todas as manhãs, ele levantava cedo, fazia café da manhã para o seu amado irmãozinho, Gustav, e o levava para a escola. Gabe passava a manhã e a tarde trabalhando num café de Covent Garden, o Café Night Passenger, onde se sentia bem feliz e satisfeito por trabalhar lá.
Depois da morte súbita de seus pais, Gabe teve de deixar de lado os sonhos de criança para começar a trabalhar e sustentar ele e Gustav num apartamento pequeno, onde era o seu novo lar. Ele passava os dias e as noites cuidando de seu irmãozinho e acabou guardando a sua própria vida para depois. Todos os seus sonhos e fantasias agora se desbotam num passado empoeirado. Mesmo trabalhando sem parar e cuidando de seu irmãozinho, Gabe ainda tinha o sonho infantil e romântico de conhecer o seu verdadeiro amor. Por mais bobo que fosse, ele sonhava com um príncipe encantado que fizesse o seu coração sorrir como não sorria há anos.
Então, esse príncipe encantado acabou aparecendo do nada e seu nome era Duncan.
Duncan era simplesmente a rebeldia contra os clássicos contos de fadas: cabelos verdes, piercings, tatuagens, botas, roupas pretas e uma personalidade tão apaixonante e ao mesmo tempo tão instável.
Gabe não só sentira o seu coração batendo mais forte como também sentiu a sua mente delirar na loucura irresistível de Duncan. Sentia-se cada vez mais tentado, sentia a louca vontade de se entregar à ele toda vez que o via sorrir de um jeitinho infantil e presunçoso sem nem ao menos pensar nos mistérios que rondavam o próprio ser dele.
Sobre Duncan, Gabe mal sabia que ainda haviam mais palavras que acompanham o ditado.
  • 34
  • 33
Fanfic / Fanfiction Terra dos Sonhos
Em andamento
Capítulos 21
Palavras 49.297
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Fluffy, Lemon, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Yaoi (Gay)
Os sonhos são vistos como somente a combinação de realidade e fantasia, uma representação simbólica e surreal da vida humana vista por um outro lado do espelho, segundo a psicologia. Sabe-se que o maior mistério dos sonhos é que ninguém jamais se lembra como é o início de um sonho.
É neste tempo delicado em que uma experiência extraordinária acontece fora do corpo físico, onde a consciência é levada em uma jornada misteriosa para fora do Universo.
Kyle Lancaster não costumava sonhar muito há alguns anos - ele andava sofrendo de insônia crônica por decorrência de um stress pós-traumático do passado. Na noite mais inesperada, Kyle adormeceu e, antes de adormecer, ele jamais imaginaria que iria embarcar em uma aventura louca, psicodélica e surreal para fora do próprio Universo. Ele se depararia com uma tripulação maluca de um navio fantástico e seria guiado pelo seu capitão por um mundo desconhecido além do Espaço e além do Tempo que ele acreditava só existir nos sonhos.
Kyle iria descobrir que os sonhos não eram meras atividades cerebrais durante o sono, mas sim lembranças de uma viagem à um outro mundo.
  • 23
  • 45
Fanfic / Fanfiction Idéias Na Mente de Um Louco
Em andamento
Capítulos 19
Palavras 50.708
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Fluffy, Lemon, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Yaoi (Gay)
"A arte não deve ser vendida; deve ser contemplada."
O avião era só uma idéia na mente de um louco, assim como o Novo Mundo e os mistérios metafísicos do Universo também eram só idéias na mente de um louco.
Mas todos os ignorantes que chamaram de loucos os artistas destas idéias perderam ao verem tudo ser tão real que agora faz parte de suas vidas como algo comum, mas genial. Este era o caso de um garotinho de 8 anos chamado Leon Hawkins que, um dia, teve a idéia do que seria a sua obra-prima conhecida como Pássaro-Trovão.
Desde o dia em que nasceu, Leon nunca foi visto como uma pessoa normal. As pessoas na cidadezinha de Avalon no extremo da Cornualha na Inglaterra só queriam distância dele. Todos o chamavam de louco e até de bruxo. Eram inventadas infinitas histórias rocambolescas à seu respeito e nenhuma delas deixara Leon em paz, tampouco quase todos os seus amigos de infância se afastaram dele por medo e pelo preconceito de seus pais.
Mas havia um motivo para todo esse pânico. As pessoas temiam Leon porque ele possuía um dom, um poder que foi concedido à ele por razões que lhe permanecem um mistério.
E foi por causa desse misterioso poder místico que Leon fora diagnosticado erroneamente com esquizofrenia e ainda sendo acusado de bruxaria. Ele passou metade de sua vida tomando medicamentos controlados, se consultando com psiquiatras e até sendo internado por supostos surtos psicóticos.
Nessas alturas, Leon já começava a acreditar que era realmente um louco para viver o que estava vivendo.
No entanto, Albert Einstein e Van Gogh tambéem foram chamados de loucos e, ainda assim, eram grandes gênios e artistas à frente de seu tempo.
Todos os ignorantes chamaram Leon de louco - mas agora ele iria provar que não era louco.
Leon Hawkins era um artista genial.
  • 29
  • 41
Fanfic / Fanfiction Tsubaki no Niwa
Em andamento
Capítulos 21
Palavras 40.932
Atualizada
Idioma Português
Categorias Originais
Gêneros Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Fluffy, Lemon, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Suspense, Yaoi (Gay)
Aos olhos de Fujiwara Hiro, Tokyo não era nada mais que cinzas para ele. Osaka era muito melhor: ele tinha amigos, uma escola divertida, um lar e um sorriso sempre feliz. Mas após uma tragédia de traição e ódio, Hiro teve de se mudar para Tokyo com um homem que ele não conseguia mais chamar de pai.
A partir daí, seus dias não tinham mais a luz do Sol e suas boas emoções se desbotavam como o outono. No entanto, um sonho misterioso passou a habitar em seu sono quase que todas as noites e o que lhe aparecia era sempre um lindo jardim de camélias tão vivo e colorido que existiria somente nas lendas mais antigas - só que Hiro não imaginava que este jardim seria o seu destino de algo belo e maravilhoso na cidade de Tokyo.
  • 25
  • 35