1. Spirit Fanfics >
  2. Listas de Leitura >
  3. Sakura Haruno

Lista de Leitura: Sakura Haruno

Lista criada por: Lobinha_Hatake
2 histórias
escrita por Sakuradiva
Fanfic / Fanfiction Sakura my híbrida!
Concluído
Capítulos 30
Palavras 86.441
Atualizada
Idioma Português
Categorias Naruto
Gêneros Drama / Tragédia, Ficção, Gay / Yaoi, Literatura Erótica, Magia, Mistério, Romântico / Shoujo, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Saltou de um telhado andando em meio as ruas, suas ancas mexem sensualmente devagar, impossível alguém não notar o quanto é atraente.. um gato preto de olhos amarelos intenso, passou por ela, a mesma sorriu.
Sakura ouviu vozes a quilômetros de distância dali pois seu o olfato, paladar, visão , são bastante aguçados. A voz do rapaz diferente lhe chamou atenção e percebendo as intenções dos dois homens ali ela saltou, ficando no telhado. O garoto usa óculos de grau com a armação preta assim como seus cabelos e seus olhos, usa uma camisa de lã, livros nas mãos e uma aparência intelectual, talvez um nerd deduziu. E como se não conseguisse controlar seu corpo saltou em cima dos homens, dois meros golpes foram capazes de acabar com eles e o rapaz provavelmente vendo apenas vulto a sua frente, tentou coçar os olhos para enxergar melhor, mesmo sabendo que é uma tentativa falha, mesmo assim percebeu uma figura rosa aproximar, enquanto com uma das mãos tenta achar o óculos no chão.
Ela abaixou chegando bem perto, o cheiro dele é bom e convidativo e pode sentir o coração disparado, as veias bombearem sangue por cada parte do corpo dele..a rosada sorriu ele é um garoto interessante se não fosse as décadas de diferença, ele provavelmente séria da mesma idade da dela
Entregou-lhe o óculos e quando ele pegou foi um ato inesperado e curioso, ela tocou o dedo dele, foi como uma corrente elétrica algo diferente que ela não sentia a tantos e tantos anos.
Ele por sua vez sentiu seu coração bater mais forte, sua cabeça girar, seu corpo mais quente, os pelos eriçarem...
Saindo de seu transe colocou o óculos de volta ao rosto, tudo pareceu surreal, não tinha nenhuma figura rosa ali, apenas os dois homens desacordados no chão.
  • 627
  • 216