1. Spirit Fanfics >
  2. Listas de leitura >
  3. TFoTA

Lista de leitura TFoTA

Lista criada por: Cerridwen_MoonNyx
6 histórias
escrita por Lilly-Cipher
Fanfic / Fanfiction Venha Ao Meu Quarto, Senescal.
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 2.911
Atualizada
Idioma Português
Categorias O Povo do Ar
Gêneros Fantasia, Lésbica / Yuri, LGBTQIA+, Literatura Erótica, Literatura Feminina
A Princesa Submarina não crê na palavra de Jude Duarte acerca de como adquiriu a posição de Senescal do Grande Rei, onde a mortal lhe disse "Eu o beijei na boca e ameacei beijar mais caso ele não fizesse exatamente o que eu queria."

Fúria tragou o ser da herdeira dos oceanos com o atrevimento da resposta da mortal, e dado o atual status dela, ela não poderia se dar ao luxo de uma punição, não poderia sequer arriscar tentar uma.

A muito contragosto, desistiu da ideia. Mas, se era este o jogo que a humana estava disposta a fazer, então a sereia ficaria plenamente feliz de encená-lo. Ela faz uma espécie de proposta.

Uma proposta da qual Jude não poderá escapar.

[JUDE X NICASIA]; [JUCASIA]; [O REI PERVERSO]; [JUDE'S POV].
  • 32
  • 12
escrita por Lilly-Cipher
Fanfic / Fanfiction A Emoção Que Floresce Em Seu Peito.
Concluído
Capítulos 1
Palavras 716
Atualizada
Idioma Português
Categorias O Povo do Ar
Gêneros Drabs, Drabble, Droubble, Famí­lia, Fantasia, Romântico / Shoujo
Taryn Duarte finalmente dá à luz seu filho, nomeado Justin Duarte em honra de seu pai biológico. É um momento mágico para a jovem mãe. Os holofotes são dela! Todavia, o Grande Rei de Elfhame só tem olhos para sua Rainha, para sua esposa risonha com a criança recém-nascida nos braços caminhando em sua direção – era tão diferente de como Jude se portava no cotidiano, ela parecia tão suave e serena. Ela parecia feliz de um jeito que ele raramente viu antes.

"Que Jude tinha na cabeça para entregá-lo assim para ele? Confiava nele a esse ponto?

— Pronto. O que acha? — ela indaga.

Aparentemente, confiava o bastante.

— Ele emana calor — respondeu fitando um sonolento Justin, imitando o jeito como a mulher havia balançado-o anteriormente – bem de leve. A emoção que o trespassava graças ao contato com o bebê e graças às atitudes inusitadas de sua mulher, sendo um tanto poderosa demais.

Jude revira os olhos. — Claro. Ele está vivo, 𝒞𝑎𝑟𝑑𝑎𝑛.

— Eu não me referia a esse tipo de calor, 𝒥𝑢𝑑𝑒.

A jovem franziu a testa ante o dito, observando de modo atencioso e circunspecto a forma dele com o pequeno no colo por um minuto, analisando-o. Sua expressão se tranquilizou no processo, tornando-se tanto branda quanto alegre.

— Acho que entendo."
  • 54
  • 4
escrita por Lilly-Cipher
Fanfic / Fanfiction Rainha de Elfhame - (Cena Deletada do Livro)
Concluído
Capítulos 1
Palavras 671
Atualizada
Idioma Português
Categorias O Povo do Ar
Gêneros Fantasia, Magia / Misticismo
Final alternativo (cena deletada) de A Rainha do Nada, com leves alterações de minha parte, onde Jude se vê saindo de sua Coroação ao lado de Cardan rumo à floresta próxima ao Palácio Real, apenas para descobrir seus poderes como Rainha das Fadas.
  • 34
  • 4
escrita por Lilly-Cipher
Fanfic / Fanfiction Cardan Bancando a Babá
Concluído
Capítulos 1
Palavras 2.351
Atualizada
Idioma Português
Categorias O Povo do Ar
Gêneros Comédia, Famí­lia, Tragicomédia
Passaram-se sete anos desde os eventos de A Rainha do Nada. Estão todos no Mundo Mortal, no apartamento de Vivi. Eis que Taryn necessita voltar a Elfhame para cuidar de alguns imprevistos, e Jude sai com o casal Vivi e Heather para o Shopping Center, restando a Cardan olhar sua bebê e seu sobrinho mais novo enquanto Oak produz seu trabalho de história – ou pelo menos tenta.

OBS.: Autore da pequena arte: Kyaato
  • 47
  • 8
escrita por Lilly-Cipher
Fanfic / Fanfiction Uma Imagem À Sua Altura, Minha Doce Nêmesis.
Em andamento
Capítulos 7
Palavras 14.630
Atualizada
Idioma Português
Categorias O Povo do Ar
Gêneros Fantasia, Literatura Erótica, Literatura Feminina, Magia / Misticismo, Mistério, Romântico / Shoujo
ᴇsᴛᴀᴠᴀᴍ ᴀᴍʙᴏs ғʀᴇɴᴛᴇ ᴀ̀s ғᴀᴅᴀs ᴄᴏʀᴛᴇsᴀ̃s, ᴀ̀s sᴇʀᴠᴇɴᴛᴇs ᴇ ᴀ̀s ᴄᴀᴠᴀʟᴇɪʀᴀs ɴᴏ sᴀʟᴀ̃ᴏ ᴀʙᴀʀʀᴏᴛᴀᴅᴏ ᴘᴇʟᴀs ᴍᴇsᴍᴀs. ᴀᴍʙᴏs sᴇɴᴛᴀᴅᴏs ᴇᴍ sᴇᴜ ᴛʀᴏɴᴏ ᴄᴏɴᴊᴜɴᴛᴏ ǫᴜᴀɴᴅᴏ ᴏ ɢʀᴀɴᴅᴇ ʀᴇɪ ʀᴇsᴏʟᴠᴇᴜ ʟᴇᴠᴀʀ ᴀ ᴄᴏɴᴠᴇʀsᴀ ᴀᴏs ᴏᴜᴠɪᴅᴏs ᴅᴏs ᴅᴇᴍᴀɪs ᴘʀᴇsᴇɴᴛᴇs ᴇᴍ ᴜᴍᴀ ᴠᴏᴢ ᴄᴀʀʀᴇɢᴀᴅᴀ ᴅᴇ ᴍᴀʟɪ́ᴄɪᴀ ᴀsᴛᴜᴛᴀ.

"ǫᴜᴇʀᴏ ǫᴜᴇ ᴍᴇ ᴘᴇʀᴍɪᴛᴀ ᴀ ʜᴏɴʀᴀ ᴅᴇ sᴇʀ sᴜᴀ ᴀɪᴀ ᴘᴏʀ ᴜᴍᴀ ɴᴏɪᴛᴇ. ǫᴜᴇʀᴏ ғᴀᴢᴇ̂-ʟᴏs sᴇɴᴛɪʀ sᴇᴜ ᴘᴏᴅᴇʀ ᴀᴛʀᴀᴠᴇ́s ᴅᴀ ɪᴍᴀɢᴇᴍ. ǫᴜᴇʀᴏ ᴇxᴛᴇʀɪᴏʀɪᴢᴀʀ ᴇᴍ ᴠᴏᴄᴇ̂ ᴀ ғᴏʀᴍᴀ ᴄᴏᴍᴏ ᴀ ᴠᴇᴊᴏ ᴘᴀʀᴀ ᴛᴏᴅᴏs. ǫᴜᴇʀᴏ ᴘᴇɴᴛᴇᴀ́-ʟᴀ, ᴍᴀǫᴜɪᴀ́-ʟᴀ ᴇ ᴛʀᴀᴊᴀ́-ʟᴀ ᴄᴏᴍᴏ ᴛᴀʟ."

ᴜᴍ sᴜsᴘɪʀᴏ ᴄᴏʟᴇᴛɪᴠᴏ ᴇ ᴇxᴘᴇᴄᴛᴀɴᴛᴇ ғᴇᴢ-sᴇ ᴀᴜᴅɪ́ᴠᴇʟ. ᴄᴀʀᴅᴀɴ ᴘᴏssᴜɪ́ᴀ ᴏ ᴅᴏᴍ ᴅᴇ ᴇɴᴛʀᴇᴛᴇʀ ᴜᴍᴀ ᴘʟᴀᴛᴇɪᴀ, ᴇ ғᴏɪ ᴄᴏᴍ ᴇssᴇ ᴛᴀʟᴇɴᴛᴏ ǫᴜᴇ ғɪᴢᴇʀᴀ ᴏs sᴜ́ᴅɪᴛᴏs ᴠᴏʟᴛᴀʀᴇᴍ-sᴇ ɪᴍᴇᴅɪᴀᴛᴀᴍᴇɴᴛᴇ ᴘᴀʀᴀ ᴏs ᴅᴏɪs, ᴘᴀʀᴀ ᴀ ᴘᴇʀsᴘᴇᴄᴛɪᴠᴀ ᴅᴀ ᴛᴇᴍᴀ́ᴛɪᴄᴀ ᴇᴍ ǫᴜᴇsᴛᴀ̃ᴏ. ᴍᴀs ᴀᴘᴇsᴀʀ ᴅᴏs ᴏʟʜᴏs ᴘᴇᴅɪɴᴛᴇs ᴘᴏʀ ᴜᴍᴀ ʀᴇsᴘᴏsᴛᴀ ᴅᴇ sᴜᴀ ᴘᴀʀᴛᴇ, ғᴏɪ ᴀ ᴄᴜʀɪᴏsɪᴅᴀᴅᴇ ᴅᴇ ᴊᴜᴅᴇ ǫᴜᴇ ᴀ ғᴇᴢ ᴘᴇʀɢᴜɴᴛᴀʀ:

"ᴇ ᴄᴏᴍᴏ ᴍᴇ ᴠᴇ̂?"

"ᴄᴏᴍᴏ ᴜᴍᴀ ᴅᴇᴜsᴀ ɪᴍᴘʟᴀᴄᴀ́ᴠᴇʟ ᴇᴍ sᴜᴀ ᴀᴍʙɪᴄ̧ᴀ̃ᴏ, ᴘᴇʀᴠᴇʀsᴀ ᴘᴀʀᴀ ᴄᴏᴍ ᴏs sᴇᴜs ɪɴɪᴍɪɢᴏs ᴇ ᴀʙsᴏʟᴜᴛᴀᴍᴇɴᴛᴇ ʙᴇʟᴀ – ɪɴᴛʀɪ́ɴsᴇᴄᴀ ᴇ ᴇxᴛʀɪɴsᴇᴄᴀᴍᴇɴᴛᴇ – ᴘᴀʀᴀ ᴄᴏᴍ sᴇᴜs ᴀᴍᴀᴅᴏs. ᴏ ᴄʟᴀʀᴀ̃ᴏ ᴇғᴇ̂ᴍᴇʀᴏ ǫᴜᴇ ᴀɴᴛᴇᴄᴇᴅᴇ ᴀ ᴛᴏʀᴍᴇɴᴛᴀ ɪɴɪɢᴜᴀʟᴀ́ᴠᴇʟ. ᴇɴᴛʀᴇᴛᴀɴᴛᴏ, ᴠᴏᴄᴇ̂ ᴇ́ ᴏ ʀᴇʟᴀ̂ᴍᴘᴀɢᴏ, ᴀ ᴛᴇᴍᴘᴇsᴛᴀᴅᴇ ᴇ ᴏ ᴄᴀᴏs sᴇɢᴜɪɴᴛᴇ, ᴅᴇᴠᴏ ʟʜᴇ ᴀssᴇɢᴜʀᴀʀ, ᴄᴀʀᴀ ᴇɴᴛɪᴅᴀᴅᴇ sᴜᴘʀᴇᴍᴀ. ᴇ ᴇᴜ ɴᴀ̃ᴏ ᴘᴏᴅᴇʀɪᴀ ᴍᴇ ᴇsǫᴜᴇᴄᴇʀ: ᴠᴏᴄᴇ̂ ᴇ́ ᴛᴀᴍʙᴇ́ᴍ ᴀ ʙʀɪsᴀ ᴀᴍᴇɴᴀ ǫᴜᴇ ᴄᴏɴsᴏʟᴀ ᴏs ᴅᴇsᴇsᴘᴇʀᴀᴅᴏs ɴᴀ ᴍᴀɴʜᴀ̃ ᴘᴏsᴛᴇʀɪᴏʀ, ᴍɪɴʜᴀ ᴅᴏᴄᴇ ɴᴇ̂ᴍᴇsɪs."
  • 71
  • 26
escrita por Lilly-Cipher
Fanfic / Fanfiction Perfeito e Dela - Jurdan
Concluído
Capítulos 1
Palavras 900
Atualizada
Idioma Português
Categorias O Povo do Ar
Gêneros Literatura Feminina, Luta, Romântico / Shoujo
Ele era lindo, sim. Belíssimo de uma maneira que nem mesmo um outro feérico poderia intentar ser. Ela sequer esperaria conseguir descrevê-lo realmente algum dia, ou encontrar um adjetivo que fizesse jus honesto à sua aparência, uma vez que muitos estavam mais para eufemismos avarentos ou desdéns mesquinhos.

Mas os malares protuberantes no rosto quadrangular delgado e de tez branca pálida, somados à curvatura da boca rechonchuda, rósea e entreaberta em busca de ar devido ao beijo sôfrego e ao exercício custoso, eram demais para se contemplar.

Quando os cachos negros fechavam-no para o exterior como uma cortina de veludo na cor de ébano então, para ela e somente para ela no mar escuro das íris de ônix que eram os brilhantes olhos dele...

Jude não conseguia se controlar.

E existia a prova de seu cansaço, do trabalho árduo que vinha realizando somente para cair nas graças dela: a fina película de suor que abrilhantava sua pele e fazia uns diversos fios azeviche grudarem na testa em comunhão com um rubor intenso nas bochechas.

Ele era perfeito. Perfeito e dela em todos os cenários passíveis de existência.
  • 55
  • 7