1. Spirit Fanfics >
  2. Membros >
  3. umaescritoravt >
  4. Favoritos >
  5. Histórias

umaescritoravt - Histórias Favoritas

51 favoritos

Evidências

escrita por Docedeleite2016
Fanfic / Fanfiction Evidências
Em andamento
Capítulos 8
Palavras 15.891
Atualizada
Idioma Português
Categorias Bruno Gagliasso, Fernando e Sorocaba, Luan Santana, Lucas Lucco, Mariana Sampaio, Natalia "Nah" Cardoso
Gêneros Drama / Tragédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Lírica / Poesia, Musical (Songfic), Romântico / Shoujo
Sophia Turner aos 19 anos começa a estudar moda, diferente das amigas sophia nunca foi de ficar com todo mundo, apesar de não parecer, sophia é sim indefesa, e tem medo de relacionamentos por experiência da mãe, ela viu sua mãe sofrer com seu padastro, e o último relacionamento de sophia não foi muito bem, então sophia resolveu seguir sua carreira, sem acreditar no amor, uma hora ele chega mas eespero que não seja cedo, porque não quero me machucar, essa era a frase de sophia, ela só não esperava ser tão cedo, após se mudar pra são paulo sua vida muda completamente, tristezas, choros mas muito amor também.

"Sou completamente o oposto de uma menina que todo garoto sonha em ter ao lado. Sou cheia de palhaçadas, sorrisos, barulho, sou desastrada, melancólica e carente. Sou o inverso das meninas de exemplo que vejo pelo mundo a fora, acho que ninguém nunca vai me olhar com admiração, ninguém nunca vai querer ter a minha personalidade. Sou estressada, e tenho uma maneira não muito dócil de tratar as pessoas, por mais que eu seja muito carinhosa, às vezes, eu sou extremamente ao contrário. Sou uma contradição, dentro de um círculo imperfeito, sou aquilo que não desejo que ninguém seja, mais eu também sou aquilo que eu sempre quis ser, ou quase. " -- Sophia
  • 22
  • 10

Diário de uma fã (versão Luan Santana)

escrita por ThataBernachi
Fanfic / Fanfiction Diário de uma fã (versão Luan Santana)
Concluído
Capítulos 86
Palavras 189.575
Atualizada
Idioma Português
Categorias Luan Santana
Gêneros Ficção, Ficção Adolescente, Lírica / Poesia
Ela era uma garota comum, ele um ídolo nacional. Ela o amava mais que qualquer coisa, ele não sabia da sua existência. O universo conspirou a favor dos dois, eles se conheceram.
Ela realizou seu sonho, ele descobriu o amor. Ela se tornou o seu porto seguro, ele o seu anjo da guarda.
Justos te levam para um lindo conto de fadas, mostrando que o amor é capaz de vencer as diferenças, e que seu sonho pode estar a um passo de se realizar.
  • 189
  • 70

Heart's Desire

escrita por kimnateley
Fanfic / Fanfiction Heart's Desire
Em andamento
Capítulos 29
Palavras 76.181
Atualizada
Idioma Português
Categorias Alexandra Daddario, Austin Mahone
Gêneros Comédia, Drama / Tragédia, Famí­lia, Policial, Romântico / Shoujo
A vida de Alice está uma bagunça.
Seu noivo a deixou no altar para fugir com sua melhor amiga, seu carro vive quebrando e seu chefe nem sabe seu nome.
E quando Alice pensa que não pode piorar, sua prima a chama para ser madrinha de casamento e seu par será o seu tão odiado chefe.

O que será que vai acontecer antes do casamento?

Alice irá ter que descobrir o outro lado de seu chefe, um lado que qualquer menina se apaixonaria. Mas ela não aceitará fácil.

Confusão, ódio, desejo... amor

Esses são alguns dos sentimentos que tomará conta de Alice depois que Austin entrar em sua vida.
  • 100
  • 194

Conto de Fadas.

escrita por LoOhx_panda
Fanfic / Fanfiction Conto de Fadas.
Concluído
Capítulos 21
Palavras 28.054
Atualizada
Idioma Português
Categorias Luan Santana
Gêneros Comédia, Drama / Tragédia, Famí­lia, Literatura Erótica
Você me jurou que era diferente, falava sempre que era feio homem que mente, falou que se sentia bem em minha casa com meus parentes, não quero mais ouvir você falar.

Tipo como o sapo que só faz promessas. Quem ia imaginar que eu fosse cair numa dessas?

O que os olhos não veem, o coração não sente.

É eu cai no conto de fadas!
  • 56
  • 37

Bullying Online

escrita por Rebells
Fanfic / Fanfiction Bullying Online
Concluído
Capítulos 21
Palavras 29.663
Atualizada
Idioma Português
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber
Gêneros Aventura, Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Mistério, Policial, Suspense
Se você já sofreu bullying, ,você vai saber de tudo que eu vou contar. Pra quem não sofreu ...Não é nada fácil.


A minha terrivel , ou quero dizer , emociante historia começou quando criei uma conta na rede social mais utilizada pelos alunos do "School Becker " onde atualmente eu estudo cursando o terceiro ano do ensino médio.
Sabe eu ,só queria me formalizar. Talvez ter até... amizades ,deixar de ser a garota de 17 anos mais quieta e sem graça da turma. Mais não foi nada disso que aconteceu.

Um perfil falso inventou várias coisas sobre a minha pessoa que não existia , coisas estúpidas, coisas repugnantes ..que logo vocês saberam.
Antes todos me tratavam como um nada ,menos a Catherine Müller, até então minha melhor amiga conhecida mais como "a popular". O que não beneficia a minha pessoa. Mais eu não dou a mínima.
O que doeu mesmo foi ela ter se juntado aquelas pessoas e se afastar de mim , com medo talvez? Não ,acho que não! A reputação dela deve ser mais importante do que um ser qualquer.

Então me vi sozinha no mundo tendo que enfrentar todas aquelas humilhações , sem ninguém pra conversar e poder desabafar tudo o que estava entalado na minha garganta, poder dizer o quanto tava me machucando e chorar como se não houvesse o amanhã . Mais não tinha ninguém.

Até ...o famosinho do colégio cujo nome seja "Justin Bieber " se aproximar de mim estranhamente e me amostrar outro lado da vida , um lado sem dor , sem mágoa, um lado de aventuras, o lado do amor... Um lado totalmente diferente de Mandie Werneck "a sem graça" .

Descobrimos juntos muitas coisas inclusive quem era o dono do perfil falso , que fez tamanha crueldade comigo.
  • 409
  • 395

Amor de alma

escrita por luourreason
Fanfic / Fanfiction Amor de alma
Em andamento
Capítulos 2
Palavras 911
Atualizada
Idioma Português
Categorias Luan Santana
Gêneros Ficção
O que fazer quando a alma reconhece amores antigos? Não tem pra onde correr, senão pros braços de quem –
nem imagina –, mas te ama. De uma outra vida. Ou, de muitas outras. Não sabemos ao certo em que momento começou, só sabemos que não teve um fim, mesmo depois de inúmeras mortes e nascimentos.
  • 1
  • 3

Anything but ordinary

escrita por lanahblack
Fanfic / Fanfiction Anything but ordinary
Em andamento
Capítulos 6
Palavras 52.617
Atualizada
Idioma Português
Categorias Luan Santana
Gêneros Aventura, Comédia, Drama / Tragédia, Ficção Adolescente

Eles são apenas garotos comuns:

― Que gostosa, heim!
― E ai Diego, ta afim de pegar?
― É, ela é de boa, o Castiel pegou ela semana passada.
― Eu tava bêbado. – Tentou-se defender Castiel.

Se apaixonando... ou não:

― E pro seu governo Luan, a Lilian não é minha amada.
― Claro, e eu sou uma pomba gira e vou sair voando morro abaixo.

Partindo corações:

“Você não é nem metade do homem que você acredita ser.”
― Belly!
Isabelly estava pálida, imóvel e tinha os olhos fixos em algum ponto. Do outro lado da rua, no barzinho da esquina estava sentado Luan Santana com uma morena sentada em seu colo e a cena entre eles a fez sentir um nojo profundo.
Inesperadamente sentiu alguma coisa dentro dela latejando fortemente

Theo James:

— Não posso deixar o Luan sozinho lá. - James disse com a voz tremula e Lilian sentiu o medo na voz do garoto.
— Mas pode ser perigoso! – disse ela desesperadamente preocupada.
— Eu não me importo. É meu amigo que está lá.

Luan Santana:

─ Ele pediu pra eu agarrar ele por trás, não gostei muito não, mas fazer o que se sou irresistível.

Castiel Vega:

― Eu achei que você não era do tipo que saia muito pra bares e baladas.
― E eu achei que você era o que não aprontava e ficava puxando a orelha dos dois.
Ela indicou James e Luan com a cabeça, e Castiel riu.
― E você acha que adiantaria eu puxar a orelha deles?
Os dois se entreolharam e riram.

Lilian Muniz:

― Você é incrível Lilly! Não estou acostumado com garotas como você.
Lilian sorriu, e fez pose de Theo James fingindo passar a mão pelos cabelos.
― Isso porque sou a única da espécie.

Isabelly Maia Muller:

― Luan... – Belly murmurou, segurando a cabeça dele com uma mão, e passando a mão no rosto dele com a outra.
Ela beijou o garoto, aos prantos, desesperada, o que faria se Luan morresse em seus braços naquele instante?

Emelly Vance:

― Emme, você não entende. Eu não posso ficar com ninguém...
Ela tocou os lábios dele.
― Você que não entende, Castiel Vega, não há nada nesse mundo que me afastaria de você.
― Mas por quê?
― Por que, Cas? E você ainda pergunta?

Eles são qualquer coisa menos... COMUNS!

~*~
Três garotos comuns... Ou não tão comuns assim: ricos, filhinhos de papai, lindos e galinhas.
Elas, apenas três meninas normais... Ou não tão normais assim: inteligentes, espertas, fortes e de opinião própria.
O tipo de garotas que não se deixam impressionar tão facilmente...
Até que esses garotos aparecem na vida delas e viram tudo de cabeça para o ar.
Esses garotos nada comuns e essas meninas, não tão normais
vão viver muita aventura juntos e aprender o que o amor é capaz de fazer, assim como uma grande amizade.

~*~
~ Fanfic adaptada de outra fanfic minha HP: Os marotos geração Coca Cola
~ Com os mesmos personagens da minha fanfic "A droga do amor", mas numa outra história e contexto.


  • 17
  • 6

Casamento Forçado

escrita por NanyDuarte
Fanfic / Fanfiction Casamento Forçado
Em andamento
Capítulos 17
Palavras 22.687
Atualizada
Idioma Português
Categorias Luan Santana
Gêneros Ficção
Me unir a alguém com apenas 22 anos não foi uma opção minha, ser obrigada a fazer isso por uma pessoa que convivia comigo todos os dias e não se importou com a minha opinião me machuca, mesmo depois de sua morte que achei que isso iria mudar, mas não ainda continuo presa a esse casamento imundo. Ainda sou tratada como uma prisioneira, tenho que fingir uma ótima relação diante de toda a mídia que nos rodeia, e dos familiares. A minha vida calma, feliz, a minha juventude, todos os meus planos, meus sonhos foram sugados e levados para o tumulo junto do animal que me obrigou a viver nessa vida. Ah se minha mãe soubesse de toda a verdade...
  • 84
  • 101