1. Spirit Fanfics >
  2. Membros >
  3. WanvTay

WanvTay

Nome: ᴛᴀʏɴᴀʀᴀ | ᴡᴀɴᴠᴛᴀʏ | ᴄʟã ᴛᴀʏ(ɴᴀʀᴀ)
Sexo: Feminino
Localização: ⊱𝒩𝑜𝑟𝑡𝑎 𝑜𝑢 𝒱𝑒𝑙𝑎𝑟𝑒𝑠⊰
Cadastro:
ㅤㅤ㒡 㒪 㔅 㔂 㔃 㔉 㔐 㔥 㔬 㔢 㕔 㕒
ㅤㅤ⌨ 𝐸𝑠𝑐𝑟𝑖𝑡𝑜𝑟𝑎 𝑎𝑚𝑎𝑑𝑜𝑟𝑎 𝑑𝑒 𝐹𝑎𝑛𝑓𝑖𝑐'𝑠

ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ⊱✿⊰

ㅤ❝ᵖᵃʳᵃ ᵐⁱᵐ, ᵉˢᶜʳᵉᵛᵉʳ ᵉ ᵘᵐᵃ ᶜᵒⁿᵛᵉʳˢᵃᵒ ᵈᵉ
ㅤᵐⁱⁿʰᵃˢ ᶠᵒʳᶜᵃˢ ᵉᵐ ᶠʳᵃˢᵉˢ.❞ — ʲᵒˢᵉᵖʰ ᶜᵒⁿʳᵃᵈ


ㅤᵃᵐᵃⁿᵗᵉ ᵈᵃˢ ᵃʳᵗᵉˢ | ˡᵉⁱᵗᵒʳᵃ ᵛᵒʳᵃᶻ | ᵈᵉˢᵉⁿʰⁱˢᵗᵃ
ㅤᵃᵘᵗᵒᵈⁱᵈᵃᵗᵃ | ᵉˢᶜʳⁱᵗᵒʳᵃ ᵃᵐᵃᵈᵒʳᵃ | ᵐᵃᵉ ᵈᵉ ᵘᵐᵃ
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤᶠᵉˡⁱˢ ᶜᵃᵗᵘˢ

ㅤᵛᵉᵍᵉ | ᵈᵉⁱˢᵗᵃ | ᵖᵃⁿ | ˢᵉᵖᵗᵉᵐᵇᵉʳ | ᵛⁱʳᵍᵒ | ⁱⁿᵗʲ
ㅤᵐᵒʳᵒ ᵃˡᵉᵐ ᵈᵒ ˡᵃᵍᵒ, ᵒⁿᵈᵉ ᵒ ˢᵒˡ ᵉ ᵈⁱˡᵃᶜᵉʳᵃᵈᵒʳ...
ㅤ───────────────•

Making-Of - A última Exploração - Levi Ackerman

Postado

Making-Of - A última Exploração - Levi Ackerman

BEM-VINDOS AO MAKING-OF DA FANFIC - A ÚLTIMA EXPLORAÇÃO!

ESPERO QUE GOSTEM DESSE MOMENTO MAIS DESCONTRAIDO!


Mostrar Spoiler: (─✧ Introdução ¡⚘ ˎ´-)



Sejam todos bem-vindos ao especial making-of da fanfic A última Exploração - Levi Akcerman!


Nesse jornal preparado especialmente para vocês, vou contar algumas coisas que rolaram durante a preparação dos capítulos, a construção das famílias, como idealizei a personagem e muitas outras coisinhas legais! Fiquem ligadinhos, pois esse momento foi feito com muito amor para divertir vocês após uma longa fanfic cheia de emoção e adrenalina!


Vamos nessa! Clique nos Spoilers para revelar cada tópico!






Mostrar Spoiler: (─✧ O enredo ¡⚘ ˎ´-)



↳ Como eu pensei no enredo?


Após ler um bom livro de thriller psicológico (Meu gênero favorito) e enfrentar uma longa prova de matemática (A matéria que detesto), criou-se em mim uma vontade de retornar a escrever fanfics aqui na plataforma. Sim! Eu escrevia antes! Mas parei após perceber que não estava indo muito bem MAS ISSO NÃO É O PONTO PRINCIPAL DA HISTÓRIA, rsrs.
Após refletir que eu já havia melhorado bastante minha escrita e perceber que tinha uma capacidade enorme de me iludir por animes, eu resolvi pegar o enredo de alguma das animações japonesas que eu estava acompanhando na atualidade e me meter a escrever uma FANFIC! Porém, a tarefa de escrever um enredo do zero é algo muito trabalhoso, principalmente quando você que fazer um enredo levando em conta alguns pontos fieis a obra original.

— E como você montou todas as ideias para se encaixarem da forma que ficou na fanfic?

Elementar meu caro leitor. A coisa é deixar "fluir". Como assim? Eu te explico!

Eu estudei muuuuito o enredo de Shingeki no Kyojin antes de começar a digitar como se não houvesse amanhã, e após ter um vasto conhecimento histórico, geográfico, filosófico e boiolotico (Dos 2d à parte) da obra, eu organizei minhas metas e objetivos principais que eu queria colocar em cada capítulo ao decorrer da trama. Quando você tem todo um plano pré-definido, não tem há medo em escrever, alterar e reinventar algo do zero, pois você já sabe o começo o meio e o fim, então... Tá tudo beleza, né?

— Pode nos mostrar como você fez essa divisão?

Claro! E com exemplos!

↳ Prólogo - Ponto principal: Mostrar o conflito principal e que vai desencadear o resto da trama, mas sem deixar muitas já explicadas a principio. (Ou seja, quando o Erwin encontrou a Victoria, o motivo do assassinato dos pais dela ficarem em aberto, quem foi o responsável por tudo e o resto da história) Criar um clímax inicial faz um diferencial muuuito importante para a imagem de uma boa fanfic, não acha?

— Foi difícil escrever o enredo que se encaixasse com a história original do Isayama?

Um pouco, afinal, eu tive que pensar igual a ele. (Se bem que eu e ele temos o mesmo MBTI - INTJ, acho que isso influenciou um pouco... bem pouco). Minha maior dificuldade oi fazer os ligamentos e os plot twists dentro do enredo já modificado, a ligação dos personagens e a revelação de cada um deles e suas importâncias na história. Foi um trabalho complexo,, porém acho que consegui passar o que eu queria desde o inicio. E espero que você e todos que estão lendo esse jornal possam ter aproveitado do inicio ao fim essa aventura que eu criei com muito amor!









Mostrar Spoiler: (─✧ Momento Protago ¡⚘ ˎ´-)



O momento protago eu deixei para falar um pouco mais da Victoria McAllister e como eu comecei a idealizar a personagem dentro do universo de Shingeki no Kyojin.

Primeiramente, a minha maior dificuldade para criar uma personagem que se encaixasse dentro do contexto histórico do anime, que conseguisse interagir com os conflitos já existentes e, acho que o mais difícil, que naturalmente começasse a se ligar ao Levi durante todo o decorrer da trama, foi criar uma personagem oposto/igual.

— Como assim oposto/igual?

Vou explicar. Esse termo eu mesma criei para designar um personagem que eu crio, para entrar em contato com um personagem já existente com uma personalidade um tanto... difícil? Rsrs, sim, eu primeiramente dissequei literalmente todos os lados do Levi para poder refleti-los na minha protagonista, porém, eu não queria que ela fosse um mimetismo humano do Ackerman. Tanto que, no inicio, antes do conflito se intensificar e a personalidade dela realmente ficar mais sombria, a McAllister demonstrou ser alguém que tem tiradas cômicas suaves, um posicionamento forte, e diferente de Levi, consegue se socializar um pouco mais "fácil" em ambientes desconhecidos. Tanto que, ela foi a primeira "amiga" do trio que saiu do subterrâneo. Assim fazendo ela ter um lado igualitário em relação ao Levi, mas ao mesmo tempo sendo diferente a ele.

— Agora conta para a gente, se o Levi não tivesse aceitado a proposta do Lovof e ficado no subterrâneo com Farlan e Isabel, o Flagon teria tido chances com a Victoria?

Hummmm, vocês adoram querer saber de tudo nos mínimos detalhes, não é mesmo? Hihi
A minha resposta para essa pergunta é... Talvez.

— Como assim talvez?

É bem relativo a questão do gostar da Victoria em relação ao Levi e ao Flagon. Primeiro que, apesar do Flagon conseguir se aproximar da protagonista, ela sentia uma certa insegurança que levaria um bom tempo para ser "enfrentada", assim criando um abismo entre os dois, afinal o Flagon não é o tipo de homem que espera sem esboçar sua "frustração". Já com o Levi confesso que, por mais que pareça ser amor a primeira vista ou algo do tipo, a maldição de ambos contribuíram para que eles confiassem um no outro sem ao menos questionarem se estavam lidando com um inimigo ou um aliado. Assim, o Levi ficou alguns pontinhos a frente do Flagon nesse quesito. Mas para resumir, dependeria muito do que viriam a acontecer, mas eu não descarto a hipótese de Flagon insistir em ter Victoria como sua companheira da vida, e quem sabe ela aceitar.

— Teve alguma inspiração que você seguiu para construir a personagem Victoria McAllister?

Teve sim, e essa vai ser uma revelação bombástica aqui... Aiai. Vai parecer estranho, mas quando eu me questionei "O que seria uma protagonista forte e memorável?" eu realmente perguntei como eu agiria dentro de Shingeki no Kyojin. Usei varias referências de personagens fortes dos livros como: Elizabeth Bennet, Mare Barrow, Katniss Everdeen, America Singer, Feyre Archeron, e dentre outras personagens. Admito que dentro da minha obra existi pequenos fragmentos de cada uma delas, mas a que predomina são meus próprios fragmentos. E acho que a minha própria essencia foi colocada dentro da protagonista, por isso (algumas vezes me falaram isso) que parecia que eu estava vivendo a protagonista a cada capítulo escrito e sentimento passado.
Foi por que eu mesma olhei para minha imagem e disse, eu posso ser uma boa protagonista. E acho que todos nós somos protagonistas das nossas próprias historias, sendo elas reais ou fictícias. Mas Victoria é uma coisa e eu sou outra, acho que ainda divergirmos em muitos pontos.

Enfim, posso dizer que minha protagonista é única. rsrs









Mostrar Spoiler: (─✧ Momento família ¡⚘ ˎ´-)




No "Momento família" eu resolvi tirar algumas duvidas sobre as famílias citadas na fanfic e fazer algumas ressalvas adicionais que somente aparecerão aqui, mas que existe nesse universo que eu mesma criei.

1- Como surgiu a ideia dos McAllister e dos Lancaster?

Tudo começou quando eu comecei a ler algumas coisas sobre a maldição dos Ackerman e umas curiosidades do Levi para a fanfic. No inicio, os McAllister não teriam tal maldição, porém, após repensar melhor, eu achei interessante que eles tivessem sua própria maldição e fossem o oposto dos Ackerman. Mas também eu não queria simplesmente jogar um "Ah! McAllister e Ackerman podem se casar e ter filhos superpoderosos, pronto o casal Levitoria está formado". Não! Eu queria colocar um obstáculos dentro desse romance, que seria as próprias maldições que iria entrar em conflito entre si.
Por esse motivo eu criei os Lancaster, uma família secundaria, que poderia interagir diretamente com ambas as famílias, assim criando uma certa conexão ente eles sem um contato maior. (Por isso no Spin-Off do Kenny eu dou ênfase ao encontro do Ackerman com o Carlee McAllister e a Evelot Lancaster).

2- Os Lancaster tem uma maldição como os Ackerman e os McAllister?

A resposta é sim. Porém, não é uma maldição tão prejudicial como as das outras duas famílias. Digamos que eles tem a maldição de "criar laços". Como se fossem uma espécie de conectivo entre qualquer família amaldiçoada descendente do mesmo ancestral modificado geneticamente pelo titã fundador.

3- Por que os McAllister e os Ackerman não podem ter relacionamentos?

Não é como se eles não pudessem. As famílias apenas não sabem as consequências que isso pode acarretar. Por exemplo, se uma maldição já é ruim, imagina na possibilidade de uma criança carregar duas maldições poderosas como a do Ódio e da Proteção. Ela poderia, quem sabe, entrar em conflito com ela mesma... Tipo: Devo proteger ou atacar?
Por isso eles acharam melhor não arriscarem e criarem um problema maior dentro das muralhas, assim proibindo o relacionamento entre ambos.

4- Tem alguma curiosidade sobre as famílias que você gostaria de nos contar?

Algumas. Por exemplo: A dependência de um casal McAllister e Ackerman é maior com o passar do tempo de convivo. A maldição não se encerra com a morte de um, e sim de ambos. O prazer é muito maior em uma relação sexual entre ambos. E a possibilidade de ocorrer uma gravides de gêmeos é bem maior pela ressonância das maldições.

5- Se você fosse reescrever a história, o que você acrecentria no enredo em relação as famílias?

A questão da explicativa do nome McAllister, mas acho que posso deixar aqui. Não é algo inusitado.
McAllister significa literalmente filhos de Allister, ou seja, o projenitor daquela família a ser modificado geneticamente pelo titã fundador se chamava Allister. Ele teve uma importancia na construção de Paradis e afins, mas é algo para outra hora. rsrs






Mostrar Spoiler: (─✧ Quase ocorre! ¡⚘ ˎ´-)




O Quase ocorre eu vou contar coisas que foram deletadas, mas que quase ocorreram no enredo! Preparados para surtarem?!

1- Eu quase pensei em matar Farlan e Isabel e deixar apenas Levi seguir na história, porém, pensei melhor e achei que eles mereciam uma morte mais honrosa que a do OVA/MANGÁ.

2- Quase que o Mike era o crush da Victoria, porém, achei melhor deixar ela sem uma atração amorosa até que seu verdadeiro parceiro no amor e na matança aparecesse. (Mas não achei uma má opção).

3- Eu quase pensei em criar um conflito entre Farlan e Levi por Victoria, tanto que teve uma cena que Victoria e Farlan estavam lutando (Queria que rolasse um climinha) e foi naquele momento que eu deixei de lado essa hipótese. Farlan tá mais para aquele amigo que provoca para ver o circo pegar fogo.

4- Eu quase fiz com que Farlan, Isabel e Levi entregassem Victoria ao Lovof, e se arrependessem depois, mas achei melhor eles trabalhando como uma equipe.

5- Eu quase fiz o Erwin o vilão. Sim, podem me julgar. Mas interessante seria, afinal ele é inteligente e sagaz.

6- Eu quase pensei em fazer a história voltada para o Eren, porém achei o roteiro muito genérico ao se passar na época que a turma 104° ingressa na tropa. Achei mais interessante abordar o passado do Levi e os personagens veteranos.

7- Eu quase pensei em fazer o Flagon matar Lovof para provar que amava verdadeiramente Victoria e para "liberta-la", mas pensei melhor e achei... sem noção?

8- Eu quase fiz a cena da primeira vez de Levi e Victoria dentro do quarto da casa do Lovof, mas pensei bem e fiquei constrangida na possibilidade de algum militar entrar bem na hora do rush. E também eles mereciam um lugar calmo para se concentrarem, não acham?

Foi isso, espero que me julguem muito! kkkk







Mostrar Spoiler: (─✧ Curiosidades ¡⚘ ˎ´-)



Sim! Vamos de curiosidades sobre os personagens da minha Fanfic! Essas são as que não apareceram no enredo, mas que ocorreram eventualmente no passado.

1- Erwin por muito tempo tratou Victoria como sua filha, chegou até mesmo pensar que fosse. E se um dia ele tivesse um filho ou uma filha, ele gostaria que fosse igual a McAllister.

2- Não foi mostrado no Spin-Off dele, mas Flagon, na tentativa de chamar a tenção de Victoria, encheu o quarto dela de clores do campo, mas a mesma teve uma reação alérgica e ficou um tempo sem ir em missões coma Tropa.

3- Foi Hange quem cuidou das feridas de Victoria quando ainda era uma cadete caloura na tropa, pois ela já tinha habilidades cientificas e um pouco de cura.

4- Keith não fala, mas admite que Victoria foi uma das melhores soldadas da tropa.

5- Apesar de achar Erwin um pouco "louco", Victoria admira a forma como ele trabalha. Ela acha ele um "líder nato".

6- Em uma conversa em um bar, os integrantes da Tropa começaram a classificar os seios das garotas membros da Tropa: Hange ficou em penúltimo lugar, e Victoria ficou em primeiro, sendo conhecida entre eles como "Musa Oppai" mesmo eles não sendo grandiosos.

7- Durante a sua adolescência, uma vez durante uma noite de verão, Victoria teve seu primeiro sonho erótico com Erwin após Hange falar das coisas "proibidas" que ela jamais deveria fazer naquela idade com nenhum membro da Tropa.

8- O tipo ideal de Victoria são os que ela classifica de "únicos". São pessoas que para ela se destacam em meio a todas as outras. Assim como: Erwin e Levi.

9- Levi não admitiria, mas da primeira vez que ele visualizou Victoria com mais calma após sua derrota no subterrâneo, ele achou-a um tanto "bonita".

10- Isabel, por somente ter convivido com os dois rapazes e nunca tido uma referencia feminina em sua vida, começou a achar que Victoria fosse um "Anjo" que veio ensina-la a viver.

11- Levi apenas aceitou ficar de olho em Victoria para faze-la limpar o quarto que ficava na intenção de romper com a promessa, mas após passar uma noite inteira com a mesma, ele não achou que seria um fardo cuidar dela enquanto Erwin estivesse fora.

12- Victoria acha ser mais alta que Levi um tanto atraente. Da mesma forma que acha Sexy quando Levi se apronta para limpar, com seu lenço na cabeça e as mangas dobradas.

13- Após ficar alguns dias na antiga casa dos pais de Victoria cuidando da mesma, por conta de sua insônia, Levi passava a noite observando Victoria dormir para passar o tempo. Ele acha que Victoria parece um "gatinho sonolento" enquanto dorme.

14- Victoria não percebia, mas deixava Flagon enciumado enquanto passava horas falando o quanto o trio, em especifico Levi, eram habilidosos com o DMT.

15- Levi não percebeu de imediato, mas algumas vezes que odiava a presença de Erwin, era por que ele sempre estava com Victoria.

foi isso, rsrs.






Mostrar Spoiler: (─✧ Conclusãozaça ¡⚘ ˎ´-)




] Espero que tenham gostado desse momento mais descontraído da fanfic! Quero agradecer a todos que acompanharam minha obra do inicio ao fim! Obrigada por todo o apoio e carinho que recebi durante esse meses escrevendo. Vocês estarão sempre em meu coração e guardarei cada comentário na minha alma! Até a próxima fanfic e obrigada novamente por tudo!



Permalink Comentários (1)

Atualizações do Usuário

Usuário: WanvTay
- ̗̀⁽ ORGANIZAÇÃO ;୭

[◇] Para você que está chegando agora no meu perfil, e não quer perder tempo procurando o tema do imagine e da fanfic escrita manualmente, eu as organizei em categorias nas minhas listas de leitura. Tudo para facilitar a leitura de vocês!

~ Bjs!