eilonwys

eilonwys
.vee.
Nome: 𝓣𝓱𝓮𝓻𝓮𝓼𝓪
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Florianopolis, Santa Catarina, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Cadastro:

eilonwys - .vee.

ㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ𝖨𝗇 𝗍𝗁𝖾 𝐝𝐚𝐫𝐤𝐧𝐞𝐬𝐬 𝖨 𝗐𝗂𝗅𝗅 𝗆𝖾𝖾𝗍 𝗆𝗒 𝖼𝗋𝖾𝖺𝗍𝗈𝗋𝗌.
ㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ𝖺𝗇𝖽 𝗍𝗁𝖾𝗒 𝗐𝗂𝗅𝗅 𝖺𝗅𝗅 𝖺𝗀𝗋𝖾𝖾 𝗍𝗁𝖺𝗍 𝗂'𝗆 𝖺 𝐬𝐮𝐟𝐟𝐨𝐜𝐚𝐭𝐨𝐫.

.flower made of iron, emma clarissa.

Postado

.flower made of iron, emma clarissa.

Mostrar Spoiler: 𝓔𝓶𝓶𝓪 𝓒𝓵𝓪𝓻𝓲𝓼𝓼𝓪

Informações Gerais ☾


Nome Completo:

— Emma Clarissa Halstead

Sexo:

— Feminino. Cis.

Nascimento:

— 25 de Dezembro de 2001, em Nova Iorque.

Aparência:

— Emma possui cabelos loiros e compridos, olhos castanhos escuros e uma boca carnuda. Seu nariz é pequeno e seus olhos não são tão grandes. Seu sorriso é sempre largo e seus dentes possuem um tamanho "comum", diferenciando apenas os dois dentes de cima que são um pouco maiores e grandes. Sua silhueta é magra com um foco no bumbum que é arrebitado e um pouco grande, mas nada tão intenso. Seus seios são redondos e possui um pouco de silicone, então são durinhos. Em sua cintura, existem várias cicatrizes de cortes de seus momentos mais desesperadores. Possui algumas tatuagens no braço. Uma concha no ante-braço esquerdo e uma onda no direito.

Photoplayer:

— Lily James.


☽♡☾


Aptidões ☾


Poder:

Fator de Cura ⁂ habilidade de curar os ferimentos e restaurar a saúde das pessoas em alta velocidade, porém não consegue usa-la em seu próprio corpo. Dependendo da situação, ela consegue até "curar" objetos, no caso, conserta-los. Quando usado em algo mais interno como doenças fisiológicas ou mentais, a deixa fraca; caso tente usar seu poder e estiver tensa, nervosa, desesperada, é praticamente uma tentativa falha já que ela deve concentrar-se para usa-lo. Com o tempo, aprendeu a ter essa tal calma diante situações extremas.

Habilidades Extras:

— Emma é uma boa estrategista e prefere ficar por trás na hora de batalhas. É ótima desenhista e coloca os detalhes mais profundos em seus desenhos. Consegue pensar bem quando está sob pressão, diferente de algumas pessoas. É fluente em inglês e francês e também sabe um pouco de karatê.

☽♡☾


Vida Pessoal ☾


Apelidos:

Starfish ⁂ apelido dado e unicamente usado por seu pai.
Em ⁂ todas as pessoas com quem ela possui certa intimidade a chamam assim.
Clary ⁂ um apelido carinhoso criado por sua mãe, mas ninguém a chama assim em respeito.

Orientação Sexual:

— Bissexual ⁂ se assumiu para seu pai aos dezessete anos e o mesmo a aceitou, a aceita, mesmo com todos os medos pelo sofrimento que a filha pode passar.

Personalidade:

— O cérebro de Emma funciona de uma forma diferente, uma forma mais estratégica e defensiva. Ela nunca pensa no presente, está sempre ligada ao futuro, com planejamentos para não acabar sozinha e sem suprimentos. Ela é amorosa e delicada, gosta de lidar com pessoas e sabe como se comunicar com elas. Por mais que seja uma pessoa sozinha, gosta de observar as pessoas e de desenha-las para tentar conhecer a essência delas. Seu temperamento é explosivo e impulsivo, às vezes, uma única palavra serve de gatilho para deixa-la completamente raivosa e cínica. Sarcasmo, ironia e cinismo a rodeiam quando está em seus piores momentos. Ela também guarda as coisas para si, não deixando tão exposta a sua dor. A opinião de Emma em relação às religiões é ímpar e singular, ela não possui nenhum problema. É católica assim como toda sua família, mas gosta de conhecer outras crenças, outros modos de “enxergar o divino” e todas as entidades do bem. Não usa drogas e não suporta quem fuma perto dela ou bebe exageradamente. Não critica, porém é nítido o quão incomodada fica com isso. Parte dela sente pena dos dependentes químicos e outra parte se sente culpada por não conseguir usar seus poderes para ajuda-los. Por ser bissexual, a questão de sexualidade não é problema para ela. Ela não possui preferências e muito menos tabus. Procura sempre situar as pessoas ao seu redor de que isso não é a pior coisa do mundo e que não é nada grave. Ela sente orgulho de quem é, orgulho de suas origens e orgulho de seus poderes. Por ser explosiva, mas ao mesmo tempo amorosa, sua reação ao saber que ia para o internato não foi das melhores. Ela brigou com seu pai por ele obriga-la a ir para o internato. Achou algo desnecessário e teve uma de suas explosões, seu coração acelerou e só conseguia gritar. E foi em uma dessas explosões de ansiedade e raiva, que ela desenhou e “conheceu” Luc. Além disso, ela é inteligente, corajosa, gentil, nervosa e ansiosa. Também é desbocada e “sincera”, possui pavio curto, fala o que dá vontade e o que está pensando, muitas vezes não percebendo que está machucando outras pessoas ou até ela mesma.

História:

— Em 25 de Dezembro de 2001, foi o natal mais bonito da vida de Nicolas e Clarissa Halstead, pois foi o dia em que Emma Clarissa nasceu. A filha deles, a primogênita, a herdeira. Ela nasceu exatamente meia noite e meia, meia hora depois de todos desejarem Feliz Natal um para o outro, depois das crianças irem para a cama e esperarem ansiosa pelo Papai Noel e seus presentes. No dia posterior ao nascimento da menina, infelizmente Clarissa faleceu devido a complicações que a deixaram fraca e a pedido da mesma, era preferível que salvassem a vida da pequena Emma caso acontecesse alguma coisa e via esse pedido, algumas coisas para ajudá-la foram impedidas. Nicolas ficou devastado e com muita dor. Ele não sabia o que fazer, o que pensar, como olhar para aquele bebê tão frágil e não começar a chorar. Ele não a odiava. Pelo contrário... Aquilo o fez ama-la mais ainda, um amor que cresceu a cada segundo e se tornava cada vez mais forte. Ele vive por ela, pra ela. Aprendeu a fazer “coisas de mãe” que jamais se viu fazendo e colocava autoridade nela e em todas as coisas em que ela fazia. Emma foi crescendo cada vez mais bela e formosa, sendo protegida por seu pai e por seus amigos. Nova Iorque é uma cidade grande e Emma por morar no Brooklyn com Nicolas, conseguiu amigos incríveis que jamais abandonaria. E ela sabia que eles jamais a abandonariam.

— Em uma noite fria de Novembro de 2013, Emma estava em uma trilha com seus colegas de escola e um deles foi drasticamente picado por uma cobra. Todos ficaram aflitos, sem saber o que fazer e por estarem em cinco pessoas, sem adultos ou sem algum tipo de supervisão, já que a trilha era aberta ao público e não trazia tantos perigos, eles fizeram o caminho de volta até a cidade para leva-lo ao médico, porém estava ficando tarde demais para o rapaz e a ferida estava tornando-se cada vez mais grave. Eles pararam de andar e o colocaram em uma “cama” de folhas grandes que encontraram e resolveram se dividir. Coincidentemente, Emma foi a que ficou encarregada de ficar com ele para não deixa-lo sozinho e foi quando tudo aconteceu. Ela fazia carinho nele por serem muito próximos e ele estar praticamente implorando para que ela fizesse isso. Ele estava com medo de morrer e ela se mantinha forte por estar com medo de perdê-lo. Em uma das vezes que ela aproximou a mão da perna do rapaz para ver como andava o machucado, uma forte pressão invadiu o corpo de Emma e ela foi praticamente obrigada por ela mesma, a levar a mão até o local exato da picada da cobra. Em questão de alguns instantes, toda a tremedeira, o suor, a forte dor e o calor que o rapaz sentia, evaporaram como se nunca tivesse acontecido. Assim como a marca da picada, como se nada estivesse ali. Ele que estava deitado, sentou-se na grama e ficou encarando-a assustado. Emma encarava as próprias mãos e simplesmente levantou o olhar para ele, que levantou de onde estava e começou a se olhar. Ninguém sabia o que estava acontecendo ali, mas ela achou melhor ir embora. Ela ficou tão assustada com aquilo, com aquele poder todo que sentiu, que preferiu ir embora e sair, já que nitidamente o amigo estava bem melhor do que minutos atrás.

— Daquele dia em diante, ela passou a procurar saber o que aconteceu. Contou para seu pai que não acreditou e achou que foi algum tipo de coincidência, mas ao provar para ele, ele ficou impressionado e incrédulo. Sentiu total orgulho do poder da filha, algo tão doce, generoso, e singular, que era unicamente e exclusivamente dela. O amor dele só crescia. Emma até os dias atuais em seus dezessete anos, não sabe como controlar seus poderes em algumas situações e sabe que em outras, eles não funcionam 100%, mas sabe que pretende ajudar o máximo de pessoas possível com esse poder tão ímpar que ela ama.

Família:

𝓝𝓲𝓬𝓸𝓵𝓪𝓼 𝓗𝓪𝓵𝓼𝓽𝓮𝓪𝓭 | 38 anos | Professor Universitário | Pai.


A relação dos dois é algo singular e ímpar. Ele a ama e é a única pessoa que tem no mundo, assim como ela o ama e é a única pessoa que tem no mundo também. Ela não o trocaria por nada. Ambos têm brigas diárias, as vezes duas brigas diferentes no mesmo dia. Ele não entende algumas coisas dela e ela não o deixa entender devido ao seu gênio forte. Ambos se completam e ele a aceita de todas as formas, com todo o seu coração. Ele é super protetor, cuidadoso, possui medo de perdê-la e tudo que faz, é por amor. Nicolas é um ótimo pai, mas as vezes ele não sabe disso. Por várias vezes, pensou em deixa-la com a família materna, mesmo sabendo que eles a culpam pela morte da mãe, mas sempre achou que seria algo melhor, que ela teria condições melhores, porém sempre que ele olha nos olhos dela, percebe que não é bem assim. Que ele é o melhor pai do mundo aos olhos dela.



𝓒𝓵𝓪𝓻𝓲𝓼𝓼𝓪 𝓑𝓪𝓼𝓯𝓸𝓻𝓭 | 36 anos | Pintora | Mãe | Morta.




Medos, Traumas e/ou Fobias:

Nictofobia ⁂ medo do escuro; desde pequena e sem entender o porquê, ela sente medo e insegurança quando está no escuro e o evita ao máximo, andando sempre com uma pequena lanterna de emergência e tendo várias luzes emergenciais em casa, incluindo velas.

Tanatofobia ⁂ medo doentio da morte; essa fobia surgiu ao perder a sua mãe e se ver quase sozinha no mundo. Ela viu a mãe morrer de um jeito trágico e entrou em total pânico e desespero, principalmente por não conseguir salva-la devido a tensão e nervosismo em que estava.

☽♡☾


Relações ☾


Relação com Lüc: — Emma e Luc nunca se encontraram. Nunca se esbarraram e nunca nem passaram um pelo outro na rua. Em uma certa noite em que a menina havia brigado com o pai, ela foi para o quarto com a cabeça cheia. Ela precisava tirar toda aquela dor de alguma forma, mas não sabia como, então começou a desenhar um de seus desenhos mais sombrios. Quando olhou o resultado, lá existia um rapaz em pé. Ele era lindo e seus olhos eram negros como a escuridão e o mesmo estava rodeado de luzes vermelhas, a única cor que ela sempre arriscava fazer em seus desenhos preto e brancos. Ela ficou tão assustada com tal desenho que desenhara sem pensar, que ao dormir, até sonhou com o dono daqueles olhos negros, mas eles haviam outra cor em seus sonhos. Ao chegar na nova escola, depois de se mudar para Nova Orleães, a primeira pessoa com quem ela esbarra, é Luc e de longe ela notou que o conhecia de algum lugar. Quando revirou seus desenhos, lá estava ele. O rapaz que ela havia desenhado há noites anterior e sonhado também. Ela não sentiu nada além de medo, por não saber qual seria a dele, se ele era algum tipo de ser sobrenatural malígno que conseguia entrar na cabeça das pessoas ou se simplesmente ela estava adquirindo novos poderes. Depois desse dia, ela o observa e o desenha de longe, sempre pensando em como iniciar algum tipo de assunto para conhecê-lo e saber quem de fato ele é, além do primeiro nome.

Relação com amigos: — Emma possui muitos amigos de Nova Iorque, mas quando se muda para Nova Orleães, eles viram apenas "amigos virtuais", mesmo que estejam sempre ali para ela via celular e e-mails, não é a mesma coisa, o que acarreta no isolamento da menina, que sempre tenta enquadrar-se em algum grupo do internato, mas as tentativas são falhas.

Outras relações: — Sempre possui respeito por aqueles que a respeitam e principalmente pelos que não, sendo uma garota sempre muito bem elogiada pelos professores, diretores pela administração do internato.

☽♡☾


Termos ☾


Sabe que seu personagem pode não ser aceito?

— Sim e estou ciente dessa informação.

Aceita que seu personagem passa a ser meu a partir do momento que for aceito?

— Aceito.

Sabe que seu personagem pode morrer ao longo da história?

— Com dor no coração, eu sei.

Observações:

— Caso Emma seja aceita, espero que você cuide bem dela, pois essa menina ficava gritando no meu ouvido para eu terminar a ficha dela logo pois queria ganhar vida, hahaha. COLOCA UM PARZIN PRA ELA, PORFA! ><

☽♡☾





Permalink Comentários (0)

[16/07/2018] .moana maximoff.

[02/06/2018] .couple of monsters.

[01/06/2018] .faith rogers.

[17/04/2018] .violet.


Atualizações do Usuário

Usuário: eilonwys
Favoritei a história
História: Civil War (Stony)
História: Civil War (Stony)
Onde Tony e Steve são casados a anos e estão em pé de guerra para assinar os papéis do divórcio e da guarda de Peter. Civil War: Você nunca viu uma separação igual a essa! ♦Ba..
Usuário: eilonwys
Adicionei um novo capítulo
História: POWER AND CONTROL interativa;
História: POWER AND CONTROL interativa;
As coisas já não são mais as mesmas que todos conheciam, ainda mais quando o seu mundo está nas mãos de causadores de caos como os integrantes da Cabala, que contratam pessoas pa..
Usuário: eilonwys
Adicionei um novo capítulo
História: POWER AND CONTROL interativa;
História: POWER AND CONTROL interativa;
As coisas já não são mais as mesmas que todos conheciam, ainda mais quando o seu mundo está nas mãos de causadores de caos como os integrantes da Cabala, que contratam pessoas pa..
Usuário: eilonwys
Adicionei um novo jornal
Jornal: .flower made of iron, emma clarissa.
Jornal: .flower made of iron, emma clarissa.
Mostrar Spoiler: 𝓔𝓶𝓶𝓪 𝓒𝓵𝓪𝓻𝓲𝓼𝓼𝓪 ♡ Informações Gerais ☾ Nome Completo: — Emma Clarissa Halstead Sexo: — Feminino. Cis. Nascimento: — 25 de Dezem..
Usuário: eilonwys
Favoritei a história
História: Anything &#220; Want
História: Anything Ü Want
Quando o próximo estágio da evolução humana está sendo descoberto, um instituto, em Nova Orleans, tem a função de internar pessoas com habilidades paranormais, para estudar suas ..