1. Spirit Fanfics >
  2. Membros >
  3. GabehLoxar

GabehLoxar

Nome: Gabriela
Sexo: Feminino
Localização: Toledo - PR
Aniversário: 9 de Outubro
Cadastro:
Bem vindo ao meu humilde perfil. Você pode encontrar ótimas (nem tanto) Fics de Fairy Tail e One Piece

Tenho um fraco por romances sobrenaturais (coloco magia e poderzinho mesmo, não ligo)

Sou Adm do @AllBlue_Project e também faço parte do @FairyTail_Verse, como caloteira. mas também sou escritora, leitora critica, plotmaker e beta também

Fronteiras do Universo é a melhor saga literária (depois de Pjo)

Tag - Entrevistando a Escritora GabehLoxar

Postado

Tag - Entrevistando a Escritora GabehLoxar






E mesmo sem atualizar nada em meses, advinha quem vai responder uma TAG pra falar de uma história parada no tempo? Sim, eu mesma, Gabeh.
Se não me bastassem a cobrança (salve @valentinablack) eu ainda tenho a cara de pau de vir aqui falar especificamente sobre essa história.

Desculpe se você está esperando o final da história, eu prometo que um dia sai (espero que esse ano ainda)

Vamos ver como isso funciona

✨✨ Regras ✨✨


I. Todos podem participar.
II. Monte o jornal respondendo livremente às seguintes questões sobre a sua fic que foi indicada:


⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀a) O que levou você a escrever essa fic? Desafio? Compartilhar alguma ideia? Uma história para conscientizar alguém?
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀b) Como tirou inspiração para escrever essa fic? (Séries, músicas, memes, experiência pessoal...)
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀c) Quais dificuldades você teve para escrever essa história?
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀d) Qual a parte favorita da história?
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀e) Alguma curiosidade que queira contar sobre a fic?


III. Em seguida, você pode citar as histórias que você mais gostou de escrever.
IV. Para finalizar, indique os escritores e suas respectivas fics que você gostaria de saber mais.
V. Ao postar o jornal, não retire as regrinhas sobre o funcionamento da brincadeira.
VI. O título do jornal deve ser “TAG - Entrevistando o escritor (seu user no Spirit)”, assim fica mais fácil de localizar outras pessoas que estão participando e ler o jornalzinho do outro para conhecer novos escritores e suas histórias.


~Tag por: Srta__Wu


✨✨ História ✨✨

A minha querida e amada @caprihorn, indicou a seguinte história:




Sinopse de Inferno:
A humanidade pecou em muitas coisas. Talvez o maior deles tenha sido em não observar os sinais. Alguns chamariam aquilo de Julgamento Divino, outros de Apocalipse, até mesmo havia aqueles que acreditam em teorias alienígenas. Levy gostava de acreditar que aquilo não passava de um experimento que deu errado. O que havia em comum em todas as histórias, era o fato de que agora a Terra já não poderia mais ser considerada um Paraíso.
Ela era o verdadeiro Inferno.


✨✨ Perguntas ✨✨


a) O que levou você a escrever essa fic? Desafio? Compartilhar alguma ideia? Uma história para conscientizar alguém?

Era meu primeiro mês participando do projeto @FTU. O tema mensal foi Pós-Apocaliptico e Yaoi, como indicado nesse jornal aqui. Então, em meu primeiro mês de estreia, sendo um tema do qual eu amo, resolvi escrever alguma coisa sobre. Como o prorpio tema indicava, não era para escrever algo durante um apocalipse (no inicio), e sim, no que aconteceu depois. Então, tive a ideia de fazer a história de um reencontro, depois de muitos anos da desgraça que a assolou o mundo. Além disso, como eu sempre escrevi muitas histórias Gruvia, resolvi que dessa vez faria algo diferente e faria sobre um casal que embora eu gostasse muito, pouco havia escrito: Gale.

b) Como tirou inspiração para escrever essa fic? (Séries, músicas, memes, experiência pessoal...)


Bem, pra inicio, eu sabia que não queria abordar sobre Zumbis, catastrofes nucleares ou invasões alienigenas. Mas eu queria manter a ideia de que a humanidade precisa enfrentar uma criatura, porém, não tinha ideia de qual ainda. Foi por isso que passei horas - e não estou brincando quando digo que passei horas - vasculhando o Pinterest para dar uma olhada em criaturas que eu poderia usar como ameaça para esse novo mundo. Além de criar uma pasta com os monstrinhos que mais me chamaram a atenção (vide o seguinte link ), eu conversei muito com meu namorado @LuisComut (sim, ele tem um perfil aqui, mas não usa), e ele me deu a ideia de que ao invés de ser apenas uma criatura, que fossem varias, e de diferentes formas. A lampada em cima da minha cabeça ascendeu e eu dei inicio ao planejamento das criaturas que eu posteriormente iria chamar de Demônio.

Eu, sendo atéia - assim como Levy na história - resolvi chamar eles assim pela mistica que cerca a denominação da palavra. De uma maneira religiosa, Demônios são entidades sobrenaturais de natureza maléfica presentes na tradição judeo-cristã; como o diabo, lúcifer. (defiição retirada do pai Google).

A partir dai, eu comecei a planejar detalhes menores: quanto tempo depois do apocalise, o que teria mudado, quem seriam os protagonistas, a historia de cada um. Como sempre tive em mente que seria uma história de reencontro em duas pessoas, os elementos que foram surgindo posteriormente foram sendo encaixados nessa ideia inicial.

A respeito dos poderes demoniacos… bem, eu adoro fantasia e magia, e como esperado, eu juntei isso a pegada de sobrevivencia da história.

Minha carga de histórias de inspiração são muitas: The Walking dead, Black Summer, Guerra Mundial Z - isso pra falar apenas as que envolvem zumbis. Mas busquei trazer bastante da propria essencia de Fairy Tail, mantendo algumas caracteristicas dos personagens. Pode ser que eu tenha trazido algo de Avatar e até misturado com muitas ideias antigas que eu tinha. Só sei que, no final, eu amei cada detalhe que planejei.

c) Quais dificuldades você teve para escrever essa história?


Minha maior dificuldade é com o tanto de coisa que quero falar. Quando planejei inicialmente, eu não sabia que os capitulos ficariam tão longos. Não quis me extender na história, então foquei em fazer apenas três capitulos, definindo exatamente o que aconteceria em cada um deles.

Como cada um dos personagens principais possui um background, eu quase me vejo obrigada a pelo menos cometar algo sobre.

Atualmente, minha dificuldade é outra: tempo e um pouco de inspiração, já que o capítulo final é recheado de lutas, confrontos e esclarecimentos. Mas eu tenho ajuda da maravilhoda @nmotivos, que já fez a leitura das quase 10 mil palavras que compoeem o último capítulo - que ainda não esta terminado, pode apostar que vai ser maior que os outros.


d) Qual a parte favorita da história?


Ahhhhhhhhhhhhhhh, eu não posso falar, já que aida não postei o último capítulo. Porém, posso dizer que são duas revelações muito importantes para unir os dois casais da história (Gajeel e Levy primeiro, Gray e Juvia no pós crédito kkkk)

e) Alguma curiosidade que queira contar sobre a fic?


Na verdade, sim. Eu tenho uma ideia de continuação para essa história, se passando alguns meses depois de todo o problema que levou o grupo a ficar junto. Porém, eu sei que nunca vou chegar a escrever essa continuação, que teria o nome - super criativo, olha só - de Paraiso. Seria a jornado do grupo ao encontrar um local seguro e com pessoas do passado deles, e que leveria eles a uma nova jornada de reencontro. Eu iria monstrar o que aconteceu com Lucy (amiga de Levy) e com Natsu (conhecido de Gajeel), além de dar mais detalhes sobre a vida no exercito, já que um dos focos também seria Laxus. Eu também iria abordar Sting e Rogue, que teria uma relação direita com a história de Gajeel, Levy, Gray e Juvia, já que estavam envolvidos no incidente da Dente de Sabre. Mas bem, quem sabe um dia, não é mesmo?



Bem, é isso. Inferno é meu bebe master, e eu amo cada detalhe que planejei para ela. Tem tanta coisa que eu poderia falar sobre essa história, contar sobre cada um dos personagens e como eles são importantes a sua prorpria maneira, que fica dificil me conter. Se me deixarem, eu falo facilmente sobre, horas e horas que você cansaria de me ver falar.



✨✨ Outras histórias que gostei de escrever ✨✨

propaganda que chama, né?


Vou começar com:

✨✨ Querida Chuva, ✨✨


Sinopse de Querida Chuva, :
Este diário pertence a Juvia Lockser. Se achado, favor devolver na Rua das Tulipas, na casa de número 103.


Por que gostei dessa história?


Primeiro, que ela é um desafio pra mim mesma. Eu nunca tinha escrito um diario, e essa foi a primeira vez que fiz algo do tipo. Escrever de modo pessoal, em primeira pessoa, narrando acontecimentos do dia a dia, abordando os principais dias, de maneira linear e conseguindo fazer isso apenas expressando o ponto de vista de uma unica pessoa, sem recorrer a falar e outros meios. Escrever como se fosse realmente alguem lembrado o que fez durante o dia, como se fossem memorias.
Ter Juvia como protagonista ao menos torna mais facil, já que a personagem é minha favorita de longe. Quando comecei a escrever, eu tinha uma cena em mente. Pode se dizer que a história inteira é pra chegar até essa cena e fazer ela se tornar real. E eu consegui fazer isso. Minha cena favorita ocorre no capitulo 9, quando Juvia foge do cativeiro e passa horas na rua, até que um rapaz a salva de cometer um ato contra a propria vida. Eu, nao importa quantas vezes eu leia, choro por uma historia que eu mesma escrevi. Talvez eu tenha o coração mole.


✨✨ A Canção do Mar ✨✨


Sinopse de A Canção do Mar:
A caminho da ilha Laftel, a tripulação do Thousand Sunny procura finalmente relaxar depois de tantas adversidades. Ainda assim, noites de insônia, ansiedade e incerteza assombram os membros do navio, e entre eles, Nico Robin enxerga uma escuridão em seu caminho.
Laftel traria as respostas para o seu tão desejado sonho de descobrir a história sobre o século perdido, ou seria mais um caminho sem saída? Que outras descobertas a ilha final da Grand Line poderia trazer para ela?


Por que gostei dessa história?


Uma das minhas primeiras histórias no universo de One Piece. Comecei a escrever ela depois de voltar de uma viagem. Ela me traz uma calmaria diferente. Enquanto Querida chuva é um drama, aqui, é apenas romance e comedia. Como gosto de coisas com desenvolvimento lento, ela se torna a minha favorita nesse quesito.


✨✨Cartas de Magia ✨✨


Sinopse de Cartas de Magia:
Cana Alberona leva uma vida dupla: durante o dia é uma florista talentosa, mas durante a noite, uma caçadora. Desde pequena, ela pode sentir o outro lado e as criaturas místicas do mundo e desenvolveu grande afinidade para pressentir a morte. Acompanhada de um baralho mágico, Cana tenta lidar com essas criaturas e salvar a vida daqueles que não sabem o que lhes perseguem.


Por que gostei dessa história?


Eu escrevi ela como um presente para o Amigo Oculto que rolou ano passado no FTU. E pra minha surpresa, eu adorei escrever ela. O tema sobrenatural me envolve muito. Eu adoro o tema de misterio e magia, o suspense por trás de algo sobrenatural e de magia. Foi por isso que escrever ela foi tão facil. O diferencial, certamente, é o casal incomum que compoem a história: Natsu e Cana.



✨✨O Festival da Lua Azul ✨✨


Sinopse de O Festival da Lua Azul:
Todo ano, na cidade de Hargeon é realizado o Festival da Lua Azul, quando as duas luas se unem em um eclipse majestoso, deixando toda a terra com seu brilho azulado. O festival dura três dias e é repleto de festa, comida e diversão, que atrai pessoas de todo o continente. Sempre foi o desejo do Príncipe Rogue conhecer o festival, mas seus pais jamais permitiriam que ele se misturasse com o povo. Esse ano entretanto, enquanto observava o festival pela grande janela de seu quarto, uma curiosa e minúscula criatura apareceu a sua frente, intitulando-se Fada Madrinha e disposta a realizar seu desejo.


Por que gostei dessa história?


Escrever essa história foi como escrever um conto de fadas. Novamente, uma história para o FTU, e com um casal que eu nunca imaginei escrever sobre: Rogue e Minerva. Me surpreendi com a facilidade que escrevi sobre os dois, e a maneira pela qual a história me envolveu. Me senti verdadeiramente apaixonada ao fazer essa historia, como meu proprio conto de fada improvavel.



✨✨ Indicações ✨✨


Pra finalizar esse jornal maravilhoso, vou deixar aqui as histórias indicadas:
- Meu saudoso amigo, @Braunjakga, com sua história: Uma noite a três
- A excelentissima, @Expectadora, com A Raposa e a Chuva
- Não posso deixar de fora a pessoa que mais me da trabalho no mundo. @Eileenqueen, com The Lost Fairy Tail
- E se a @AicitelSevla achou que não iria ser marcada, se engaou, pois quero saber de Laços do Destino - Magos
- pra finalizar, vou indicar também a talentosa @Marol27, com A vingança do Pirata

é isso colegas, espero que eu tenha atendico as suas expectativas.

Até a proxima atualiação, beijos!

Escutando: o novo album da Pentakill
Permalink Comentários (2)

[12/02/2021] Welcome To my profile 2.0

[25/12/2020] Welcome To my profile

[16/09/2020] Advinha quem é!?

[18/05/2020] Um Olhar Sobre a Tag da Escrita


Atualizações do Usuário

Usuário: GabehLoxar
Favoritei a história
História: Bittersweet Night
História: Bittersweet Night
Um vinho medíocre servia para muitas coisas; Seja para comemorar uma noite especial de dois amantes, ou até mesmo para se lamentar por causa de uma despedida repentina. ..
Usuário: GabehLoxar
@onmyoji tem que cobrar mesmo
Usuário: GabehLoxar
@onmyoji o que tem eu? Kaiky ta devendo fic? 🤔🤔
Usuário: GabehLoxar
Favoritei a história
História: Toque
História: Toque
Após uma aposta feita com Sanji, Zoro encontra a desculpa perfeita para se aproximar mais de sua companheira arqueóloga.
Usuário: GabehLoxar
Favoritei a história
História: Voa voa brabuleta
História: Voa voa brabuleta
Entre uma página e outra ela olhava os rapazes se divertindo e brigando sobre isso assim ou assado, Robin por de baixo de seus óculos olhava o espadachim um pouco mais demorado d..