1. Spirit Fanfics >
  2. Membros >
  3. Hitogaya-Hime

Hitogaya-Hime

Hitogaya-Hime
Nome: Pantetive
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Pink Panther Squad
Aniversário: Indisponivel
Cadastro:

Hitogaya-Hime


Andrômeda Sallow

Postado

Escreveu JURO❞ SOLENEMENTE ₊· ͟͟͞͞➳ NÃO° FAZER, ི⋮ ྀ‧˚ NADA*⋆ DE BOM ❣˚̩̥̩̥

⁞ 㔢‘✎ Two hearts, •.˚⚘ ⋆.* one valve ི⋮ ྀ Pumpin' the blood, ♡'ೃ we were the flood •.°✿ We were ੈ♡‧₊ the body and Two ✄» lives,♡‧ one life ⊱✿ Stickin' it out, lettin' ❝❣ you down Makin' ♫✧❞ it right Seasons, ੈ♡‧ they will change ➢❀ Life will make ♡೫*: you grow Dreams ₊· ͟͟͞͞➳ will make you cry ⌇༴ཱི༷, cry, cry Everything is ᭨ི ྀྀ temporary Everything ⊱✿↷ will slide Love will ❁ೃ never die, die, die ރ፧°⚘ I know that ⸙͎۪۫ ⊰ ooh, birds fly •♡࿐࿔ in diferent ➹♡⃕ directions Ooh, ❝≡♡‧₊ I hope to see ➳˚₊ you again. ::*★。


፧最✩‧✎₊❞ Andrômeda Sallow. Significando aquela que reina sobre os homens, o nome Andrômeda foi escolhido pela avó paterna da garota, algo bastante curioso de acontecer, já que a mesma não se dava ao luxo de batizar nem seus próprios filhos. Entretanto, quando a notícia da primeira neta lhe atingiu, trouxe consigo uma onde de satisfação que há muito não se via na senhora e essa decidiu nomear a filha de seu primogênito de tal forma, ansiando por um futuro grande para a mesma. Todavia, se você chegasse em Hogwarts hoje e procurasse por Andrômeda, dificilmente encontraria a garota, ao contrário de Andy que é conhecida por todos. Andy, seu principal apelido, é a forma como praticamente todos a chamam, sendo que Andrômeda é um sinônimo de repreensão ou raiva. Dito e feito, só há duas situações em que é chamada pelo nome original, quando não a conhecem ou quando estão emburrados consigo. Ademais também é conhecida por Sallow e não apenas pelos professores. Utilizado especialmente pelos marotos, no início tratava-se de uma brincadeira, uma forma de debochar do quão sério a ruiva considerava seu sobrenome, mas com o tempo acabou tornando-se por fim num apelidinho exclusivo daquele grupo. E por último temos Drome. Se você conseguir chama-la dessa maneira e conseguir atenção, meus parabéns, saiba que você é muito especial para ela. Totalmente restrito aos íntimos, apenas seus amigos muito próximos podem dirigir-se a ela dessa maneira sem que a mesma ignore ou finja que não conheça. Mais que um apelido, Drome representa o quão firme é o laço existente entre ela e quem a chama assim, e durante todos esses anos em Hogwarts apenas duas pessoas atingiram esse nível, Lucius e Stiles, e futuramente seu par.



፧最✩‧✎₊❞ 15 anos. Nascida no dia 21 de novembro de 1960, Andy veio ao mundo na cidade de Londres, Inglaterra, quando o relógio marcava exatamente meio dia e o sol atingia seu ápice no céu, com todos desfrutando do período de maior agitação em seu cotidiano; há quem diga que essa seria uma pista para a futura personalidade da garota. É do signo de escorpião, um signo de água, consequentemente um poço de emoções. Conhecidos por ocuparem a oitava casa do Zodíaco e serem regidos pelo planeta Marte, escorpianos possuem um instinto de manipulação e investigação; nada consegue ficar escondido sob seus olhos, porque eles possuem uma predisposição natural para a resolução dos mistérios. São excelentes leitores de pessoas e de atitudes, por isso vale a pena considerar a opinião que um escorpiano tem sobre alguma pessoa, pois provavelmente ele tem razão. Extremamente apaixonados pela vida, as pessoas deste signo são profundamente sedutoras e o perigo é que elas sabem disso! E para finalizar sua database não poderíamos deixar de citar sua atração por indivíduos do sexo oposto, o que a caracteriza como heterossexual.



፧最✩‧✎₊❞ Puro Sangue. Membros importantes dos Sagrados Vinte e Oito, os Sallow prezam extremamente pela pureza de sangue, ainda mais uma vez que são descendentes do próprio Salazar. Olhando na história, a família de Andrômeda é a mais próxima da linhagem Sonserina existente, já que há anos Edward Sallow casou-se com Lauren Gaunt, membra de outra família que, assim como ele, também descendia do próprio fundador. Nesse sentindo, falar que sua linhagem possui o legado de passar pela Sonserina torna-se bastante previsível. E bem, assim como seus antepassados a ruiva também foi classificada para a casa das cobras, de uma maneira bem rápida, diga-se de passagem, pois o chapéu seletor mal precisou encostar em sua cabeça para anunciar-lhe o seu destino. Porém engana-se quem pensa que a seleção da garota possa ter sido influenciada de alguma maneira pelo seu histórico. Desde que se entende por gente Andy ansiava entrar na casa verde e prateada, nutrindo um imenso respeito e admiração por ela. Se existe algo que Drome preza com todo o seu ser é a reputação de sua casa e não importa os boatos ou difamações que circulem por aí, em seu coração a Sonserina sempre será a melhor e ponto final.



፧最✩‧✎₊❞ Iniciando por suas matérias favoritas, é impossível não notar o imenso apreço e talento que a ruiva possui para o preparo de poções, talvez pelo legado de sua mãe, o que não torna nenhuma surpresa o favoritismo que ganha do professor Slughorn, que sempre a aborda com perguntas sobre sua família e convites para as famosas festinhas do clube do Slugh. Uma vez que se é boa em poções, consequentemente deve-se conhecer também seus ingredientes e é por isso que Andy também tem um rendimento excelente na disciplina de Herbologia, sempre analisando as plantas e ervas com um empenho muito além que o necessário. E por último, algo que poucos percebem é sua inclinação para as artes das trevas. Não, você não entendeu errado. Durante as aulas de Defesa Contra as Artes das Trevas você quase não vai nota-la demonstrando o que aprendeu, e isso porque ela sempre estará ocupada demais devorando todos os detalhes sobre o conteúdo de defesa e guardando em sua mente diversas observações sobre ataque para buscar na sessão reservada mais tarde. Então sim, não é apenas pela arte de se defender que ela é fascinada, mas pela própria magia escura também. Como extracurriculares ela optou por Trato das Criaturas Mágicas, uma área que também aprecia, e Adivinhação. Digam o que quiser, mas Andy ama a ridicularidade de poder prever o futuro e não perde essa matéria por nada!



፧最✩‧✎₊❞ Se houvesse uma palavra que pudesse descrever Andrômeda, essa certamente seria marcante! Intensa em tudo o que faz, a garota é facilmente lembrada por ser extremamente dedicada e detalhista em todos seus afazeres, desde um pequeno passeio por Hogsmead à experiência de viver um amor. Para Andy não existe um meio termo, se ela gosta, gosta muito e se detesta, também é pra valer. Profundamente emocional, seus sentimentos sempre vêm à frente de qualquer razão e assim como com suas alegrias, suas mágoas também são vividas até a última gota. Em qualquer intriga, é conhecida por falar tudo que lhe vem à mente, não importa as consequências, muito marcada pela frase “agir primeiro e pensar depois”. Andrômeda é impaciente, não suporta limites e não costuma se dar bem com ordens e autoridades em geral. É direta e objetiva, pouco se importando com quantos inimigos pode fazer através de seu caminho. Aliás, fazer inimigos pode tornar a vida bem mais interessante para ela. Ação é sua palavra preferida e impossibilidade é uma palavra que não consta em seu dicionário.

Bastante persuasiva, não se deixa convencer facilmente e luta até o fim pelas coisas em que acredita. É determinada, sabe o que quer e faz de tudo para alcançar seus objetivos, e acredite, você não vai querer ser pessoa a querer puxar o tapete dela. Também conhecida como cabeça dura, é extremamente leal, principalmente aos seus princípios e para falar a verdade quando uma opinião sincera é necessária, o tipo de pessoa que uma vez que algo entra em sua cabeça, dificilmente alguém a fará mudar de ideia. Possui uma dificuldade natural para confiar nas pessoas, mas quando confia, entrega-se de corpo e alma e espera ser retribuída no mesmo patamar, o que faz com que uma traição em qualquer nível acarrete em um ódio perigoso no seu coração. Mesmo que inconsciente, Andrômeda tem afeição a ter o domínio das situações, por isso sempre está com uma pulga atrás da orelha e muito antenada a todos e quaisquer detalhes. Uma observadora nata, prefere surpreender a ser surpreendida, e embora seu jeitinho explosivo a faça parecer um tanto incontrolável, suas anteninhas sempre estão ligadas a todo o vapor, o que a torna uma pessoa insuportavelmente impossível de ser enganada.

Apesar de tudo, Andy ainda é uma figura bem interessante, com uma personalidade comunicativa e imprevisível que consegue atrair e conquistar atenção facilmente. Inteligente e atraente, é dona de uma opinião normalmente bem fundamentada sobre muitos assuntos, além de um bom humor na maioria dos casos, não sendo rara as ocasiões em que solta piadinhas inoportunas. Sabe aquela amiga que pode rir de nervoso durante um velório? Prazer, Andrômeda Sallow. Extremamente criativa e ambiciosa, anseia por algo grande a cada dia, detestando a monotonia de cotidianos. Entretanto, engana-se quem pensa que ela só torce por isso. Outra das suas maiores características é a independência, não se importando em contar apenas com ela mesma para chegar onde quer na vida. É autossuficiente e gosta da sua liberdade. Porém se ela disser que vai fazer alguma coisa é melhor parar e se preparar, porque uma vez que percebe estar caindo na rotina, Drome ativa o seu lado criativo, aparecendo do nada com as ideias mais mirabolantes possíveis tiradas Merlin sabe-se lá de onde!

Astuciosa como uma cobra, não tenha dúvida que esse foi seu principal motivo de entrar na casa das tais, e muito menos que ela não percebe ao pé da letra onde amarra seu burro. É um tanto quanto egoísta e orgulhosa não se fala, uma convencida até o último fio de cabelo que adora ser o centro das atenções e que se não for pra ser reconhecida nem levanta da cama; fato que a faz parecer arrogante, especialmente para aqueles que não a conhecem. Parecendo estar ligada numa tomada diariamente, Andy é ardente ao extremo, todavia também não se prende as coisas com facilidade, o que a torna uma pessoa desiludida que, ao mesmo tempo em que um dia se joga de cabeça em algo dedicando sua mente e corpo naquilo, no outro a mágica pode desaparecer num piscar de olhos, levando todo seu interesse também. No fundo é uma criança desobediente, mas com um bom coração, com a cabeça cheia de ideias capazes de transformar o mundo, apesar de seus humores, bem como suas explosões durarem pouco. Em resumo, Andrômeda é uma garota complexa incapaz de ser descoberta em um dia ou uma conversa, é um quebra-cabeça complicado, um oceano profundo onde muitos nadam, mas poucos se arriscam a chegar até o fundo. No entanto, para esses corajosos que estão dispostos a descobrir o final deste complexo poço de emoções que um aviso fique claro, ou você a amará ou você a odiará, porque com ela meio termo não existe.


፧最✩‧✎₊❞ Não podemos falar qualquer coisa que seja antes de citarmos sua obsessão por doces. Sapos de chocolates, varinhas de alcaçuz, bombas de caramelo e qualquer tipo de guloseima que contenha muito açúcar! Não é segredo para ninguém o primeiro lugar que Sallow visita nas viagens à Hogsmead e muito menos o conteúdo que amarrota sua mochila todas as vezes que ela volta da Dedosmel ou da própria casa. Dessa forma, doces são um de seus maiores gostos e se eles acabarem não pense que ela se desespera, afinal a cozinha de Hogwarts é sempre aberta. Em segundo, aproveitando que estamos falando em comidas, não podemos esquecer o Whisky de Fogo! Quem dera se cerveja amanteigada fosse suficiente para molhar o estômago dessa garota. Quando senta em uma mesa Andy não se levanta antes de secar um litro e muito menos frequenta uma festa para ficar somente no suco de abóbora. No entanto, fornecer a bebida não é condição para contar com sua presença, já que a garota sempre anda por aí com seu próprio estoque, suficiente para si e para a própria Hogwarts eu diria, já que em pouco tempo sua fama de portar Whisky rivalizava com as dos Marotos de pregar peças.

Simplesmente ama a sensação do vento bater em seu rosto e esvoaçar seus cabelos, mas nada que se compare ao efeito de sentir a água gelada do lago negro molhar sua pele. Seu espírito aventureiro sempre impulsiona à garota escapadas noturnas e esse é sem dúvida seu mais precioso passatempo, andar pelos terrenos escuros do colégio e é claro, nadar no lago. Sabemos que a entrada no lago é proibida, e talvez esse seja o motivo que deixa tudo mais interessante quando Drome sai à noite para nadar nas águas sinistras da escola, pois o que é uma vida sem riscos? Porém deixemos explicado aqui que embora impulsiva ela não é burra, e de maneira alguma se arrisca na parte mais profunda do lugar, fato esse que lhe proporciona a integridade de todos os membros até hoje. Outro hobbie que ela ama e não poderia ficar de fora da lista é leitura. Não duvide, ela pode muito bem ler um livro e continuar falando com você, mas não é por isso que ela se perderá do rumo da conversa ou muito menos das palavras à sua vista. Contudo, não é necessariamente qualquer livro que lhe chama atenção, mas também, quem leria algo das prateleiras normais se pode ler da sessão reservada. É aqui que a proteção de Slugh lhe vale a pena, já que não são todas as vezes que ele confere o que sua aluna prodígio irá pesquisar, antes de ceder sua assinatura, e é aqui também que o lado sombrio da menina vem a tona, na hora de escolher pesquisar sobre aquilo que não deveria querer saber.

Quanto aos seus desgostos... Vejamos, Sallow detesta insetos, sim ela não os suporta, e desgosta muito também de ratos, chegando a afirmar que se pudesse ordenaria a todas as cobras do mundo para devora-los apenas para não ter a infelicidade de ter que dar de cara com um deles. Odeia quando começam a tagarelar nas aulas em que está concentrada, e para esse tipo de pessoa sempre cresce a cara, pedindo sem modos nenhum que calem a boca. Outra coisa que não tolera é dar de cara com o zelador logo pela manhã, especialmente quando ele aparece apenas para critica-la sobre seu uniforme: a capa em falta, as mangas arregaçadas e a saia sempre um pouquinho mais acima que o normal. Vê-lo em pleno início de dia é algo extremamente desagradável para a garota, por isso não se preocupe caso a pegue se esgueirando pelos corredores antes do primeiro turno. Acredite, assim é melhor para todos.


፧最✩‧✎₊❞ Uma de suas principais habilidades é a comunicação, tanto por não ter vergonha quanto por conseguir deixar qualquer assunto mais claro, como aquela pessoa que consegue resumir 200 páginas em 2 parágrafos e ainda assim transmitir a mesma coisa, o que facilita bastante sua interação com o público. Consegue voar muito bem, isso sem falar na desenvoltura para escalar e na capacidade de entrar em lugares pequenos ou dificultosos. Não sei se pode-se considerar o próximo item como habilidade, mas a ruiva também é extremamente eficaz em palpites, possuindo uma intuição um tanto certeira. E para finalizar não poderíamos deixar de fora seu ritmo para a dança, pois em qualquer música se adapta e coreografa num estilo contagiante, porque assim que a banda toca, se não for pra causar ela nem levanta da cadeira.Tem a mania de sempre ocupar as mãos com alguma coisa, seja girando a varinha entre os dedos, tocando, analisando ou até mesmo batucando qualquer objeto ou superfície, até o péssimo hábito de xeretar nos cabelos de quem estiver ao seu lado ela tem, desde que possa se ocupar; os únicos momentos em que suas mãos realmente tem algum descanso são quando estão apoiadas em seu quadril, mania que tem quando espera a resposta ou reação de alguém para alguma coisa; quando estão em seu queixo, o que geralmente ocorre quando ela fica pensativa; ou quando estão cruzadas, juntamente com os braços, movimento que adota quando se finge de surda e tenta ignorar alguém. Ademais ela também tem a tendência de cerrar os olhos quando está desconfiada ou incomodada, e nunca largou a mania de escorar a cabeça, seja nas mesas durante as aulas ou nos ombros companheiros, quando está entediada.


፧最✩‧✎₊❞ O que Andrômeda tem mais medo é de levar uma vida arrependida por algo que poderia ter feito, mas não fez. Desde a morte de sua mãe a garota compreendeu que o universo é imprevisível, que não devemos deixar para amanhã aquilo que podemos fazer agora, e é por isso que opta em viver cada segundo de sua existência, para não se arrepender depois e ficar fazendo teorias baseadas em “e se”. Sallow ainda é levemente traumatizada pela perde de Arya e por mais que mostre estar perfeitamente bem, costuma ser assombrada por pesadelos algumas noites, não conseguindo dormir até o amanhecer, o que lhe rende olheiras depois. E como fobia, ela possui um leve indício de claustrofobia, algo que poderia ser preocupante para quem convive nas masmorras. No entanto, o fato de sua comunal possuir uma vista para o lago sempre lhe trouxe uma sensação de paz, impedindo qualquer tipo de crise. É por essa fobia também que Andy não consegue ficar muito tempo em ambientes fechados, necessitando de andar e entrar em contato com a natureza constantemente.


፧最✩‧✎₊❞ A maldição de sangue de sua mãe e a questão dela ter lhe ajudado com o envenenamento, ainda que não tenha sido bem assim que tudo aconteceu. Querendo ou não, uma grande culpa ainda está alojada lá no fundo, na parte sombria de seu coração, como uma voz que lhe sussurra dizendo que ela realmente foi responsável pela tragédia e ela sente que se contasse isso para alguém, seria como receber uma confirmação de que realmente teve culpa em tudo que aconteceu. Andy também já possui um bom desempenho nas artes de oclumência e legilimência, mas prefere não compartilhar essa informação com o resto do mundo, tirando sua família.


፧最✩‧✎₊❞ Caracterizados pelo ruivo de seus cabelos, como Sallow, Andrômeda não foi diferente e herdou o tom alaranjado tão conhecido entre sua família, por mais que sua mãe fosse loira. E falando em cabelos, seus fios são compridos e lisos naturalmente, embora tenham o costume de ondularem facilmente em algumas ocasiões. Seus olhos são de um azul muito límpido, exatamente igual aos do pai, o que a faz ser a cópia dele sem esforço algum. Andy não é alta, mas tampouco é baixa, mede por volta de 1.65m possuindo uma altura considerada padrão. É dona de uma pele clara que constantemente exala um aroma de algodão devido aos cremes e loções que usa. Seu físico também não é nada exagerado, é basicamente magra, com curvas nos lugares certos. Até o terceiro ano, Andy costumava usar a franja reta na testa, mas esse foi um hábito que foi se perdendo ao longo do quarto e hoje em dia não existe, a não ser que ela acorde com alguma vontade esquisita de voltar para o lugar. Interpretada pela atriz Molly Quinn, para mais gifs, clique aqui



፧最✩‧✎₊❞ Andrew Sallow, o primogênito da família, começou sua carreira muito jovem. Conseguiu uma vaga no Ministério logo após sua saída de Hogwarts, e foi enquanto trabalhava como Inominável e conseguia com sucesso se desvencilhar dos casamentos arranjados por sua mãe, que conheceu Arya Sayre, uma misteriosa Pocionista que se mudou para Londres assim que terminou seus estudos em Ilvermorny. Envolta por uma aura mística e intrigante, o rapaz jamais conseguira descobrir muito sobre a vida da jovem, mas isso nunca foi algo que lhe atrapalhasse, pelo contrário, apenas solidificou a admiração e atração que passou a sentir por ela com o passar do tempo. Muitos anos demoraram até que Andrew conseguisse firmar um relacionamento com a Sayre e mais ainda para que chegassem ao ponto do casamento, e dentre todos os segredos que Arya parecia lhe esconder, esse era o único que lhe incomodava porque por mais que sentisse que o amor era recíproco, ele também percebia que a mulher parecia querer resistir de todas as formas. Todavia, logo que o matrimônio fora realizado ambos levaram uma vida feliz e não havia nada capaz de romper com tal harmonia. A família do homem também não aprovava em nada essa barreira que Arya impunha sobre eles, mas o fato de ser uma puro sangue já era suficiente para ganhar no mínimo aceitação. Uma vez casados, não demorou muito para Andrômeda nascer e foi então que eles tiveram a certeza de que nada seria capaz de abalar a estrutura daqueles dois, agora três, e essa sensação durou pelos próximos seis anos, quando tudo começou a mudar.

Com o trabalho ficando sério, a presença de Andrew no Ministério era cada vez mais requisitada e consequentemente, menor em casa. Nesse meio tempo, a Sayre continuava fabricando suas poções, o que era visto como desnecessário pelos olhos alheios, já que a fortuna da família era suficiente. Entretanto, esse era um hábito jamais deixado pela mulher, uma rotina que parecia mais se intensificar a cada ano. Cassiopeia, mãe de Andrew e avó de Andrômeda, persistia veemente para que Arya se mudasse com a filha para a mansão dos Sallow onde vivia, porém oferecia porque queria já que a resposta da mulher era sempre a mesma. Até mesmo a própria Andy já começava a notar o quanto a mãe evitava pisar na casa da avó e sempre ficava perdidamente confusa quando, nas raras visitas em família, Cassiopeia insistia em encarar a Sayre durante quase o tempo inteiro, sem trocar mais que poucas palavras. Se a garota achava esse comportamento estranho, confundiu-se ainda mais quando após uma dessas pequenas reuniões, e que seu pai saíra e restavam novamente as duas, sua mãe lhe chamou disposta a lhe ensinar algo. “Quero que feche sua mente”, foram as palavras da progenitora, que em seguida passou a treina-la para tal. Na época Drome não compreendeu o significado daquilo, mesmo que sua mãe lhe repetisse diversas vezes que a oclumência era uma arte primordial, ainda mais no meio em que viviam; e meses após as lições, Arya ficou enferma.

Sem Andrew presente em todos os momentos e a teima em não aceitar as ofertas de Cassiopeia, era de se esperar que ao menos o relacionamento entre Arya e Andy se tornasse mais próximo, uma vez que eram apenas as duas mais uma vez. Contudo, aproximação foi a última coisa que aconteceu e em reação à nova realidade, a mulher optou por isolar-se no quarto se aprofundando cada vez mais nas poções. Certo dia, um pranto arrastado foi ouvido, fazendo com que Andrômeda corresse imediatamente em socorro da mãe. Ao entrar no quarto deparou-se com vidros quebrados, ingredientes espalhados, vapor e odor forte de ingredientes por todos os lados e uma figura que definitivamente não era a mulher com a qual a menina estava acostumada. Um olhar feroz, entre um misto de loucura tomava conta da Sayre, sem contar em sua aparência que parecia modificar-se a cada instante, as pupilas começando a assemelhar-se com fendas o primeiro sinal. Era oficial, Arya estava se transformando em alguma coisa, mas antes que a menina pudesse decifrar o que era, a urgência na voz da mulher exigindo que lhe passasse um frasco que estava longe do seu alcance, misturada à ansiedade de Drome em ajuda-la, fizeram com que a garotinha lhe obedecesse rapidamente sem questionar, parando para respirar e indagar alguma coisa quando a Sayre já ingeria todo o líquido de aparência estranha e caia bruscamente no chão. Ao aproximar-se em desespero, sem saber como ajudar, Andrômeda mal conseguia conter as lágrimas que desciam pelo seu rosto, e apenas deixou escorre-las livremente quando um meio sorriso acompanhado de um “amo vocês” indicaram o último sinal de vida do corpo da mulher.

A Sallow menor passou vários dias em trauma, sem conseguir falar e muito menos responder as perguntas realizadas por seu pai, sua avó e os peritos que investigavam o caso. Foi quando Andrew decidiu tomar medidas mais drásticas que a pequena entendeu o porquê de sua mãe insistir tanto em preparar sua mente. Quando sentiu a sensação de estar revivendo todas suas memórias, de estar mostrando-as, ou melhor, de ter alguém as consultando foi que tudo fez sentido. Seu pai era legilimente. Sua avó também e isso fazia total sentido agora que lembrava de seu comportamento estranho, tudo porque ela sempre almejava descobrir alguma coisa sobre Arya, que certamente a repelia em todas as tentativas. Legilimência. Toda família possui um legado e Andy finalmente era apresentada ao seu. Outros dias passados, o segredo de sua mãe enfim era revelado. Descobriu-se que a Sayre era uma maledictus, alvo de uma maldição sanguínea e que havia chegado a hora de se transformar permanentemente em uma criatura. Novamente as peças se encaixavam, não apenas para a garota, mas para seu pai também, que compreendia que a resistência se baseava apenas em um senso de proteção e preocupação para evitar sofrimento. Infelizmente seguir em frente era necessário. Agora viúvo, Andrew decidiu voltar à casa de sua mãe em honra a tradição dos Sallow que a partir de então também recebia de volta Selina, irmã mais nova do homem que coincidentemente também ficara viúva recentemente, isso sem contar em Cassiopeia, o que o fez pensar se terminar a vida viúvos não era uma maldita maldição para o destino de sua família.

A partir de então Andrômeda passou a viver com a avó e a tia. Notavelmente que a garota não se recuperou do trauma de imediato, carregando consigo uma culpa amargurada que a fazia sentir como se ela mesma tivesse envenenado a mãe no momento em que lhe entregou o frasco. Preocupada com o comportamento da neta, Cassiopeia assumiu a responsabilidade de tirar tais pensamentos de sua mente, afogando-lhe em estudos e qualquer coisa que pudesse distraí-la dessa atitude. Foi nessa época que ela passou a ensinar o legado de legilimência dos Sallow para a ruiva e começou a inseri-la mais ativamente no círculo familiar em sua volta, exigindo a presença da garota em todos os eventos e particularidades que aconteciam. Dois anos mais tarde parecia que os esforços finalmente geravam resultados, pois Andy já não se encontrava abatida por aí, e já voltava a levar a vida normalmente com uma paixão mais ardente do que nunca. A ruiva estava recuperada, Cassiopeia tinha certeza disso, e não apenas porque tinha a habilidade de entrar na sua mente, algo que ocorria com menor frequência vale citar, já que a menina melhorava muito seu desenvolvimento também na arte da oclumência, mas porque Drome não mostrava mais nenhum indício do contrário, o que de fato não era mentira. Mas pobre Sra. Sallow, talvez os anos de experiência lhe tivessem feito esquecer que as verdadeiras feridas não se levam na mente, mas sim no coração.


፧最✩‧✎₊❞ Seu jogo favorito é xadrez bruxo, algo que ela joga desde criança e que lhe entretém bastante, sendo a única atividade que ela seria capaz de enfeitiçar para realizar sozinha. Os contos de Beedle o bardo, são uma coleção presente na sua ponta da língua. Quando está sem uniforme, a maioria de suas roupas possui o tom variante de branco, preto, verde e prata; sim, sua paixão pela casa não é brincadeira. Dentre seus animais preferidos estão os dragões, mas ela também é atraída por testrálios, tendo visto o seu primeiro ainda no primeiro ano em Hogwarts, embora não tenha contado para ninguém, suspeitando que a considerassem como louca já que a grande parte dos outros alunos parecia não os ver. Quase sempre perambula por aí com os cabelos soltos, mas quando resolve prende-los é sempre em um rabo de cavalo alto, ou em um coque mal feito que ela prende com a varinha.


፧最✩‧✎₊❞ Um gato ruivo de olhos azuis, acredite ou não, tão semelhante a Drome que quem não a conhecesse poderia afirmar veementemente que se trata da versão transfigurada da garota. Atende pelo nome de Merlin, em homenagem a um dos bruxos mais notórios da Sonserina, e foi comprado ainda filhote no primeiro ano da sua dona, quando essa havia acabado de receber sua carta de aceitação. Merlin é silencioso e discreto, quase nunca dando a perceber os momentos em que deixa de vagar por aí para vim sentar no colo da mestra, o que ocorre sempre que pega a garota sentada em um dos sofás no salão comunal. Atualmente está próximo de completar 5 anos, e por mais que tenha seu estilo taciturno, se torna agressivo uma vez que qualquer um que não seja da família ou no mínimo muito próximo de Andy o encoste.


፧最✩‧✎₊❞ O mundo está perdendo seus maiores bruxos. Merlin já foi, Salazar também, e eu não estou me sentindo muito bem hoje."
"Tudo bem se não gosta de mim, nem todo mundo tem bom gosto."



፧最✩‧✎₊❞ Certamente você já deve ter ouvido a expressão ninho de cobras, e essa é a frase perfeita para representar Andrômeda e seus amigos porque se mexer com um daqueles que ela considera parte de seu ninho, saiba que estará automaticamente mexendo com ela também. Todavia, não é por qualquer um que ela suja as mãos, pois assim como existe aquele outro ditado que fala de cobra engolindo cobra, ela sabe que muitas das pessoas que afirma ter um vínculo de amizade com ela estão ali na apenas na base da falsidade. Por esse tipo de cobrinha ela fica ao redor apenas para ver o circo pegar fogo, mas por aqueles que considera como verdadeiros, ela vira uma verdadeira naja pronta para defende-los do que quer que seja necessário. Quando firma esse tipo de relacionamento com alguém, Drome tende a ser conhecida por vários estereótipos como por exemplo a protetora, pelo tamanho do cuidado que insiste em ter com eles; a inconsequente, que ao invés de tentar colocar juízo em suas cabeças quando aparecem com ideias malucas, os ajuda a seguir com os planos em frente; a sincera, que realmente fala tudo que tem pra falar, não economizando nos sermões quando esses precisam ouvir; mas acima de tudo como a companheira, aquela que sempre podem contar e sempre estará ao lado deles independente das situações. Para seus inimigos porém, só lhes desejo boa sorte numa tentativa de intriga, porque mesmo que não procure encrenca, se baterem de frente com Andy, ela vai subir num pedestal pra bater de frente de volta com dois centímetros a mais. Sabe a história das cobras? Ela bem que costuma agir como uma peçonhenta no seu canto, que não vai pensar duas vezes em dar o bote no primeiro sinal de ameaça.


፧最✩‧✎₊❞ O que falar da sua relação com os colegas de casa? Bem, as cobras se conhecem então acho que não tem muito o que dizer. Na comunal da Sonserina Drome se sente como se estivesse em sua própria casa e de forma geral o relacionamento entre eles não é de fato algo ruim. Na verdade ela sabe que muitos a odeiam, especialmente pelo fato de ela andar frequentemente com o mestiço da Corvinal e falar com aquele grupinhozinho da Grifinória, mas quem são eles para fazerem com que ela se importe com sua opinião? Se não gosta dela, dane-se, ela liga pra isso tanto quanto acha ridículo o fato de preferirem falar de si pelas suas costas. E enquanto ninguém vem tirar satisfação na sua cara ela apenas fica observando, ao lado da lareira e com Merlin em seu colo, os momentos em que a lula gigante passa pelas águas turvas que ela ama observar. Contudo, também existe um momento em que ela se faz muito ativa como membro da casa. Nos casos que envolvam a reputação e a posição da Sonserina em relação as demais, ela sempre está ao lado de Lucius cobrando o que há de melhor em seus companheiros para que juntos elevem o status da casa verde para o primeiro lugar, o seu lugar de direito. E falando nas demais casas, Andy não vê problemas em se aproximar dos alunos de lá, mas também não vê motivos, por isso não se envolve com nenhum deles há não ser que tenha um bom pretexto, como aconteceu no caso de Stiles e dos marotos. Caso o contrário, ela opta pelo pessoal de sua casa mesmo que ao menos já são conhecidos.


፧最✩‧✎₊❞ Andrômeda ainda alimenta muitas desconfianças em relação a Vênus e sinceramente se incomoda com todos aqueles que aceitaram tão facilmente o fato dela surgir do nada, no meio da noite pela floresta proibida. Quer dizer, é a floresta proibida! Que tipo de intercambista chega no colégio pela floresta? Talvez os alunos do Brasil, já que, até onde sabe Castelobruxo fica no meio de uma bem enorme... Mas voltando ao assunto, para Sallow, Vênus esconde alguma coisa, seja boa ou ruim, e para ela essa aparição repentina da loira ainda é muito suspeita. Tantas dúvidas contribuirão bastante para que uma aproximação entre elas não ocorra de imediato, ao menos em primeiro plano. Após algum tempo, as duas donas de personalidades fortes talvez possam se tornar grandes amigas quem sabe, mas por enquanto Andy se recusa a depositar qualquer voto de confiança na novata antes de certeza de quais são suas verdadeiras intenções.


፧最✩‧✎₊❞ Boa ou má, Drome precisa admitir, ela tira o chapéu para essa mulher, afinal não é sempre que alguém consegue seduzir o Lorde das trevas e em seguida dar um pontapé na bunda dele. Contudo, os ideais que Natasha segue faz com que a admiração da Sallow só chegue até aí, porque fora isso ela não tem mais do que gostar. Outra que deseja se tornar a grande soberana, Andy conhece bem esse tipinho e de longe costuma compará-la a Grindewald, que também já tentou realizar esse feito uma vez. Embora tenha passado praticamente metade da sua vida ouvindo de sua avó que os puro sangues sejam superiores e que mereçam o poder, a outra metade, a primeira vale constar, ouviu de sua mãe que nesse mundo todos somos iguais. É claro que isso não a faz ser uma defensora dos trouxas e seus descendentes, não, ela pouco se importa com eles, mas por outro lado também sabe que, bem como nem de longe são melhores, tampouco são piores, e qualquer um que não entenda esse conceito não é digno de ganhar o seu respeito, inclusive Natasha.


፧最✩‧✎₊❞ Andy conheceu James, assim como Sirius, no expresso de Hogwarts, quando abriu o vagão e deu de cara os dois garotos, que riam demasiados como se fossem amigos há anos. Cumprimentada e bem recebida, simpatizou logo de cara e não demorou dois minutos para se juntar a eles na folia. Cinco minutos depois e era oficial, a menina gostava cada vez mais daqueles dois e o sentimento apenas crescia em cada segundo que passava, isto é, até o momento que entraram no assunto das casas. Bastou Andrômeda falar uma vez da sua admiração pela Sonserina e seu orgulho por ser uma descendente real, deixando claro a seriedade que tratava do assunto, para que eles a olhassem como se ela fosse louca; mas não satisfeita com as reações, a garota deu de ombros como se não se importasse. Para a informação deles, a casa de Salazar era muito mais que um alojamento para bruxos das trevas e se eles fossem tapados o suficiente para não perceberem, a culpa não seria dela. Ao som dessas palavras, ao invés de ofensa, os garotos receberam aquilo com bom humor. Um pouco nariz empinado, sim, mas eles tinham que admitir que garotas como aquela não se encontravam todos os dias, e contagiados pelo seu espírito eles resolveram entrar em um acordo que, se a Sonserina fosse tão boa quanto a Grifinória, que eles defendiam, isso caberia a eles provar ao longo dos anos. Tomada de empolgação, Drome aceitou a proposta e levantou-se para deixar a cabine para os futuros grifanos que os ajudariam nessa corrida, com um sorriso no rosto. Até hoje o sentimento que os rondam é de rivalidade, especialmente com James que assim como ela joga como apanhador. Dessa forma, sempre que se esbarram já é previsível esperar pelas provocações e sorrisos irônicos que lançam um ao outro, popularmente seguido de algum diálogo baseado em “o que sua casa tem feito de bom ultimamente” acompanhado de um deboche no final. Todavia, além rivais, poderíamos também afirmar com certeza a parceria que existe por trás de tudo isso, pois basta prestar bem atenção para perceber o sorriso que sempre vem nos olhos do garoto quando ele lança um “quebrando muitos braços para pegar os pomos por aí, Sallow?” e na face da menina quando ela rebate com “o que posso fazer, ainda não cheguei ao desespero de precisar pega-los com a boca”, em referência aos acontecidos no campo de Quadribol.


፧最✩‧✎₊❞ A relação com Sirius não era muito diferente, pois se com James existia o fato da mesma posição nos times de quadribol para impulsionar na rivalidade, com o Black esse fator poderia ser ignorado, o que tornava a interação deles bem mais agradável. Isso naquela época, nos primeiros anos, porque hoje em dia eles compartilham motivos para afirmarem que o que existe entre os dois agora é uma linha tênue entre amor e ódio; e desde quando isso acontece? Desde o final mal resolvido do romance entre os dois, claro! Brincadeiras à parte, nunca houve de fato um romance, mas quase que poderia ter havido. No último ano, Sirius parecia ter finalmente relevado a Sonserina, ao menos as meninas de lá, já que resolveu estender sua listinha de garotas também por aquelas bandas. Se Andrômeda também foi um alvo? Você é bem sagaz, porque sim, ela foi uma das opções, mas se eu te contar a resposta da garota você não acreditaria, mas acredite se quiser, ela aceitou. Orapor favor, se até hoje eu não conheci nenhuma garota que resistisse ao chame do Black, porque com Drome seria diferente? Pois bem, aconteceu no fim se semana a Hogsmead no qual eles foram juntos. Talvez que por ser uma suposta amiga o rapaz tenha considerado algo um pouco mais especial que uma simples sessão de beijos em um dos cantos do colégio, mas se essa não era a intenção não importa, porque eles realmente se divertiram ao longo de todo o dia. Quando a tarde chegou, todavia, e chegava também o momento mais especial, ele levou uma ótima surpresa, porque de repente a Sallow já não estava mais interessada. Por quê? Porque não seria ela a garota que ficaria com ele apenas para aumentar uma popularidade idiota. Com uma risada de escárnio, Sirius pronunciou que não esperava muita coisa dela mesmo, e por alguma razão a ruiva levou isso como desaforo. A partir daí as intrigas começaram, se tornando no que hoje em dia é um grande ato de bipolaridade. Apesar de tudo, Andy ainda é a fornecedora de Whisky mais leal de Sirius, bem como é com ele que ela sempre pega logros e material para brincadeiras, toda vez que deseja pregar uma peça em alguém para dar uma variada na rotina. Nesses momentos eles são cúmplices, ajudando uns aos outros com aqueles sorrisos marotos que não esperam a hora para verem no que as ações do outro vão causar. E bom, nos outros, eles são, Andrômeda Sallow, a garota que Sirius provoca como “arregona” e Sirius Black, o garoto que Andrômeda sempre rebate como “mal amado”.


፧最✩‧✎₊❞ Andy conheceu Lupin na cerimônia de seleção das casas, na verdade só reparou mesmo, uma vez que era impossível não notar os arranhões e a cara cansada que ele levava consigo. Entretanto, isso foi coisa de momento e durante os dois próximos anos que estudaram no colégio nunca tiveram uma interação muito próxima. Se esbarravam frequentemente e trocavam algumas poucas palavras quando o mesmo acompanhava os marotos e os dois morenos do time paravam para debaterem algo com a ruiva, mas fora isso nada tão marcante, pelo menos até o fim do terceiro ano. Quando o fim do período letivo chegou e o professor Binns marcou uma prova na véspera de um jogo de quadribol da Sonserina x Corvinal, a ruiva se viu obrigada a escolher entre estudo e treino, e como você já deve imaginar, chegou na sala sem a mínima preparação. Mesmo sendo História da Magia, Drome não gosta de colecionar notas ruins em seu boletim e para não sair com um T de trasgo, optou pela alternativa mais sensata, colar! De quem? Do garoto inteligente da Grifinória, é claro! Rapidamente conseguiu um lugar atrás de Remus, e sem a vergonha que não perderam para ela encontrar, não hesitou em pedir respostas na maior cara de pau! Sua surpresa porém, foi que o menino realmente lhe ajudou e ainda por cima desejou boa sorte no jogo, e talvez eles não perceberam, mas aquele simples gesto foi a base para o início de um bom coleguismo. A partir de então, todas as vezes que passavam pelos corredores ou se viam na biblioteca, uma conversa já era iniciada sem problema algum e ano passado qualquer um já percebia a afinidade existente entre ambos. Contudo, essa aproximação possibilitou também um olhar mais atento de Andy em cima do Lupin, o que a fez perceber que sua aparência e seu sumiço sempre na época da lua cheia não é coincidência. A garota já chegou até mesmo a apostar com Stiles que Remus possa ser um lobisomem, mas isso é algo que ela está disposta a descobrir esse ano.


፧最✩‧✎₊❞ Não é bem fã de nenhum dos dois, obrigada. Não que haja motivo ou rixa mais a fundo, Drome apenas não simpatiza muito com eles. No caso de Lílian a acha tediosa, um pouco sem sal, a garota perfeita da grifinória que emana talento mesmo sendo uma nascida trouxa. Pft, ladainha pra trasgo dormir; quando se trata da Evans, a Sallow não esconde sua antipatia e não consegue evitar um revirar de olhos se sua presença aparece pelas redondezas. No caso de Peter, por outro lado, ela apenas acha que ele deveria ser mais independente e sair de baixo das asas dos companheiros. Os outros três possuem cada um a sua fama, e quanto a ele? Pretende viver como um complemento a vida inteira? Porque isso é patético e enquanto ele não tomar uma atitude, jamais deixará de ser um covarde.


፧最✩‧✎₊❞ Sallow não é muito próxima de nenhuma, mas também não tem rixas ou intrigas com qualquer uma das duas, nem mesmo com Bellatrix que é considerada o terror de Hogwarts. O fato é que Bella é uma conhecida distante, o que torna a convivência entre elas algo bem fácil. Não sabia? Cassiopeia era uma grande amiga da família Rosier e por um tempo mexeu diversos pauzinhos no intuito de casar Andrew com Druella, a futura mãe da Black. Mesmo que o matrimônio não tenha tido sucesso, o contato entre as famílias ainda se manteve, resultando portanto em diversas interações entre Andy e Bella ao longo da infância das duas. Não é segredo para ninguém que frequentemente Andrômeda perde a paciência com a morena, especialmente quando essa última se exalta em seus escândalos, mas tirando isso a ruiva não tem muito o que reclamar. Com Sabrina as coisas são quase no mesmo barco, como colegas de casa também não é raro interagirem e mesmo que sua convivência sempre tenha sido das melhores, porque convenhamos que Sabrina é uma fofa, é exatamente esse o motivo que faz com que Andy não engula de forma alguma a pose da loira de boa moça.


፧最✩‧✎₊❞ Como começar falando desses dois? Vejamos, lembra lá do primeiro dia, quando a ruiva deixou a cabine dos futuros marotos? Pois bem, advinha só quem estava no novo vagão em que ela foi parar? Ponto pra quem disse Stiles. Desde o momento em que se conheceram, esses dois combinaram demais e mentiria pra você quem dissesse que a relação deles diminuiu um pouquinho sequer até então. Strômeda ou Andiles é o nome da dupla imbatível de Hogwarts, e não há James e Sirius ou qualquer outro casal de amigos que possa superar o que existe entre eles. Perfeitos cúmplices, são duas metades de um todo, aqueles que estão juntos do nascer ao pôr do sol, na maioria das vezes até mesmo depois dele também. Stiles é a pessoa com quem Andrômeda compartilha todos seus momentos, dos ruins aos agradáveis, incluindo também os amorosos. Falando sério, Andy realmente conta para o Summers quando está a fim de alguém e por incrível que pareça o garoto é aquela exceçãozinha que consegue plantar ideias em sua cabeça e por sorte livra-las de maus partidos. Drome por outro lado, é aquela que nunca deixa o garoto na mão, não importa a situação, chegando ao ponto de romper com os relacionamentos dele uma vez que ele a peça, ou que ela veja que o está fazendo mal. Companheiros pra todas as horas, são aqueles que sairão a noite quando disserem que é proibido, que tocarão onde avisarem para não tocar e que darão uma festa quando disserem para ficarem em seus quartos! Se você ver esses dois agitados em algum momento, tenha medo, mas se encontra-los calmos em conversas ou cochichos comportados, tenha mais medo ainda porque com certeza o que vem por aí é no mínimo uma grande aventura. Loucos e inconsequentes eles riem na cara do perigo, mas o pior é que eles não esperam ele aparecer e geralmente estão em sua cola.


፧最✩‧✎₊❞ Andrômeda conheceu Lucius antes mesmo de ir para Hogwarts. A família Malfoy sempre fora muito bem vista pelos olhos dos Sallow, assim como vice e versa, e uma união entre eles era bastante almejada, tanto para os ruivos quanto para os loiros. A garota tinha apenas 10 anos quando foi apresentada e passou a visitar frequentemente a residência dos Malfoy, numa tentativa de junção de interesses entre ambas as casas. Um ano e alguns meses mais tarde, porém, um boato que suspeitava do envolvimento de Abraxas em favor ao Lord das Trevas fez com que a família de Andy se afastasse já que os mesmos se consideravam uma linhagem muito pura para se misturarem com membros do outro lado da força. O que ninguém previra, no entanto, é que os pequenos peões realmente desenvolveram um verdadeiro laço nesse meio tempo e quando se encontraram no colégio mais tarde, a amizade que havia surgido enfim ganhava espaço para se solidificar, suas famílias querendo ou não. Até hoje o relacionamento deles é bem firme, e Lucius é de longe a pessoa mais próxima de Andy na Sonserina. Com a função de monitor aliada ao posto de amigo, Lucius possibilita com que a garota sempre saia com carta branca de qualquer enrascada que seja, e ainda que o mesmo a repreenda o tempo todo quando isso acontece, em seu interior se diverte pelo jeito temperamental da companheira. Por outro lado, o Malfoy também é uma das poucas pessoas em que Andrômeda realmente confia, e provavelmente aquele que sempre estará ao seu lado na ausência de Stiles, emanando uma grande aura de soberania quando estão lado a lado, pelo fato de virem de descendências privilegiadas na casa das cobras.


፧最✩‧✎₊❞ Com o futuro marido sendo escolhido por sua avó e sua tia, é óbvio que Andy não se envolverá com qualquer garoto que não seja o príncipe encantado que elas tanto procuram, certo? Claro! Que não. Realmente a garota não tem a fama de entrar em um relacionamento com qualquer um, mas sem dúvidas troca mais de paixonite do que o Hagrid troca de meias. Não é tão incomum encontra-la de vez em quando aos amassos com um menino qualquer em algum corredor reservado, o zelador que o diga, no entanto quase nunca ela se deixar apegar por tais eventos, não lembrando nem mesmo de alguns nomes depois. Conquistar o coração de Drome não é tarefa fácil, mas como dizem, dificuldades valem mais. Uma vez em um relacionamento sério Andrômeda ama intensamente e namorar com ela é sempre ter um jogo de conquista no ar. Um tanto sedutora, gosta de surpreender e mimar o parceiro, mas por outro lado gosta de ser amada também. É do tipo de pessoa alegre que não está disposta a deixar a relação cair na rotina, portanto para acompanha-la é necessário ter fogo e estar disposto a trocar o sofá por uma boa aventura. É uma excelente companhia para momentos bons e ruins, sabendo quando falar, calar, e até mesmo contar uma piada no meio de uma briga, capaz de arrancar um sorriso despretensioso.


፧最✩‧✎₊❞ Com certeza qualquer pessoa reconhece quando Andrômeda está brava, e isso porque ela não esconde de ninguém sua cara azeda e seu mau humor, que costuma descontar em qualquer pessoa que se aproxime. Comumente fica insuportável nesses momentos, desferindo ironia e sarcasmo a torto e a direito, chegando ao nível de ser ameaçada com suspensões, mas dar de ombros e sibilar um dane-se para quem quer que seja. E para os pobres coitados chamados amigos que a aturam até nessas circunstâncias, só resta a pergunta quem, porque quando isso acontece eles já têm a total certeza de que a ruiva brigou com alguém, alguém especial diga-se de passagem.


፧最✩‧✎₊❞ Se tem algo capaz de entristecer essa garota, certamente é sua mãe, simples assim. Apesar de toda a casca e de se manter forte o tempo inteiro, o que aconteceu entre elas é algo que ainda não foi cicatrizado dentro de si e que se for trazido à tona, também é capaz de provar que dentro desse coração ainda existem lágrimas. Quando o dia das mães chega e Hogwarts entra em clima de festa, especialmente entre os primeiranistas que amam fazer fogo com assuntos desse tipo, não espere encontra-la andando por aí. Apesar de tudo, Andy detesta ser a vítima, por isso sempre procura se isolar, seja no corujal ou até mesmo na floresta proibida; qualquer lugar serve desde que lhe ofereça privacidade e não a julgue pela quantidade de lágrimas que provavelmente derramará.


፧最✩‧✎₊❞ Como já foi citado, Andrômeda costuma viver a fundo qualquer uma de suas emoções, e mesmo uma pequena alegria já é capaz de ser considerado como um momento feliz para si, algo que vai fazer a garota sair por aí com um sorriso de orelha a orelha, ignorando o lado negativo da vida e quaisquer pessoas mal humoradas que se aproximem se si. Quando Andy está feliz, tudo é visto pelo lado positivo e não tente contraria-la, pois nessas ocasiões só a sua opinião importa. Geralmente muito comum quando sai à Hogsmead conseguindo se entupir de doces, cerveja e Whisky; quando está envolvida em uma boa fase de uma paixão; quando sua casa vence uma partida de Quadribol ou quando algo de interessante acontece nas festinhas promovidas pelo Slughorn.


፧最✩‧✎₊❞ É fato que Andrômeda não se doa por inteiro para receber um amor ou amizade pela metade, muito menos uma traição. Se conquista-la já não é fácil, acredite, reconquistá-la será ainda pior. Como já foi citado, casos como esses promovem um ódio enorme nessa garota, uma onda negativa que simples desculpas ou explicações não são capazes de curar. Mas esse, é claro, é o sentimento que virá após acalmada a tempestade, porque em primeiro momento ela certamente retribuirá a traição à altura, no caso do par, ficando com o primeiro garoto que aparecer e lhe parecer viável, na frente dele, apenas para retribuir a sensação. No amor, Andrômeda é um fogo que não se brinca e que se não for pra levar a sério nem chegue perto, dessa forma não resta dúvidas que a primeira coisa que seu parceiro terá que fazer é se arrepender completamente, e em seguida lutar, mas lutar muito se quiser ter essa ruiva de volta.


፧最✩‧✎₊❞ Na lógica de Drome, se você a pegou fazendo o que não devia, é porque também estava fazendo algo de errado, ou no mínimo pretendia, senão qual a probabilidade de se encontrarem no mesmo lugar fazendo o que não deveriam? Como deve ter percebido, usar de psicologia reversa é algo que ela faz sem o menor esforço. Com um envolvente jogo de cintura ela vai começar a falar tanto que no final ou você a deixará impune, ou vai se sentir culpado por acreditar estar mesmo fazendo algo de errado, ou vai acabar se juntando a ela para errarem juntos, o que é mais comum de acontecer. Situações dessa magnitude costumam acontecer quando a garota frequenta a sessão reservada com uma autorização aleatória do Slug, mas sem dúvida ocorrem com muito mais frequência quando ela perambula a noite pelos gramados ou inventa de nadar no lago.


፧最✩‧✎₊❞ Na mais comum das situações, geralmente ocorridas quando seus amigos lhe contam no outro dia alguma burrada que fez ao exagerar no Whisky a ponto de se esquecer, a garota é conhecida por exagerar em caretas que demonstrem o tamanho de sua incredulidade, o que torna a situação um tanto cômica se considerarmos a cara de tacho que ela provavelmente vai estar devido a ressaca. Porém, outras cenas também podem deixa-la constrangida, algo como ser pega saindo da cozinha com uma pilha de doces nos braços, e nesses casos o humor também não fica atrás diante dos gaguejos e das orelhas que assumem uma coloração extremamente rubra.


፧最✩‧✎₊❞ Para qualquer outra pessoa a reação da garota seria de grande desgosto, já que esconder algo de si é o mesmo que a considerar como não digna de confiança. Porém, se o alguém que lhe escondeu alguma coisa é uma grande amizade sua, isso já torna-se em motivo para considera-lo uma exceção porque o fato de estar no patamar de melhores amigos já prova que ele não é qualquer um. Andy poderá ficar um tanto chateada, mas certamente concederá o benefício da dúvida e não tirará nenhuma conclusão antes de ouvir até o último detalhe do esclarecimento, afinal, não é como se ela também não tivesse seus próprios segredos. Ao fim do relato e dependendo do motivo, a ruiva não vai vacilar antes de envolve-lo num abraço e afirmar que estão juntos nessa droga de mundo, ou crescer a cara e ficar dias sem falar com ele.


፧最✩‧✎₊❞ Andrômeda não se incomoda com isso, ainda que não seja algo fácil de acontecer, mas quando passa a viver esse tipo de sentimento sua primeira reação é manter o garoto em seu campo de observação com maior frequência. Sim, sua primeira atitude é começar a querer vê-lo mais, observa-lo mais, por isso não serão poucas as vezes em que ela vai entortar o pescoço e começar a agir como se tivesse perdido alguma coisa no meio das multidões, tudo numa tentativa de encontra-lo com o olhar. Posteriormente tentará ficar o mais próxima possível, mas embora faça de tudo para chamar sua atenção, quando se trata de relacionamentos ela tende a não tomar a iniciativa, chegando no máximo a dar algumas indiretas. E será basicamente isso, um jogo de sinais até que o garoto perceba sua intenção e tome algum partido.


፧最✩‧✎₊❞ Que fique claro que será preciso bem mais que isso para intimida-la. Andy não faz o tipo de menina que abaixa a cabeça e ouve uma afronta calada, então quando for ameaça-la espere uma resposta a altura porque é bem provável que você a receberá, e com uma bela risada de escárnio para completar o pacote. Por trás das cenas, no entanto, a ruiva vai levar a ameaça bastante a sério e imediatamente tentará elaborar uma forma de sair por cima e dominar a situação. Vamos lá, ela não está na casa de Salazar por acaso e até que bole uma estratégia que a coloque em vantagem de alguma forma, não vai ser raro os momentos em que você a encontrará com o olhar distante, como se tivesse pensado ela mesma numa forma de se tornar a nova lady das trevas.


፧最✩‧✎₊❞ Um prato que se come frio. Por mais que se magoe, se irrite e odeie alguém, Andrômeda ainda é capaz de perdoar, vai ser difícil, mas ela consegue sim a benevolência de conceder uma segunda chance. Contudo, uma vez conseguido despertar sua sede de vingança, a chance de perdão é inexistente e exatamente ninguém é capaz de fazê-la voltar atrás ou tirar essa ideia da sua cabeça. Lembra daquela parte que comentamos sobre seu lado sombrio e sua pequena inclinação para o mal? Pois bem, a vingança é o ponto chave que é capaz de fazê-la ceder a esse lado. Uma vez determinada a se vingar, a Sallow não hesitará um segundo que seja para planejar e esperar o momento certo para aplicar a desgraça à seu alvo, nem que precise esperar até sua velhice para ter essa oportunidade ou recorrer a práticas que ela não deveria nem ao menos conhecer.


፧最✩‧✎₊❞ Uma combinação no mínimo peculiar. Iniciando por madeira de Sabugueiro, considerada a madeira de varinha mais rara de todas, com fama de ter muito azar, sendo a que mais traz surpresas ao seu mestre. Contendo uma magia muito poderosa, varinhas de sabugueiro teimam em não obedecer a qualquer um que não seja seu dono superior. É preciso ser um bruxo memorável para manter-se com uma varinha de sabugueiro por muito tempo. A antiga superstição “varinha de sabugueiro, azar o ano inteiro” tem base somente no medo da própria varinha, mas isso não tem nenhum fundamento, e os fabricantes de varinhas tolos que se recusam a trabalhar com o sabugueiro duvidam que poderão vender esse produto, e não por medo de trabalhar com essa madeira. Mas é verdade que somente pessoas extremamente incomuns vão se dar bem com varinhas de sabugueiro, mas nas raras ocasiões em que isso acontece, sabe-se que o bruxo ou bruxa em questão tem um destino muito especial. Em seguida temos o núcleo de chifre de basilisco. Esse tipo de núcleo é raro tão quanto a existência da criatura, sendo que existe poucas varinhas onde foi usado o chifre do mesmo basilisco da Câmara Secreta, também pelo fato que esses núcleos reduzem a lealdade da varinha para descendentes de Salazar ou Ofidioglotas, no caso de Andy, o ponto bônus vem pelo parentesco com o fundador. Esta varinha é perfeita para encantamento e arte das trevas além que se alguém roubar a varinha, o dono da mesma pode desativar tal, sendo essa a causa da raridade e lealdade forte da mesma. Tal combinação foi reforçada ainda por uma surpreendente inflexibilidade, resultando em algo, como disse Olivaras “no mínimo curioso”.


፧最✩‧✎₊❞ Uma águia. O significado da águia é frequentemente associado a coragem e força. É chamada de “rainha dos céus” ou de “rainha das aves” pela sua soberania, beleza e imponência; simbolizando nobreza, majestade, liberdade, agilidade e outras virtudes. Para a ruiva, nenhum animal se encaixaria melhor, e a memória que utiliza para ativa-lo, apesar das circunstâncias e adversidades que estavam presentes no momento, é a de Arya dizendo “amo vocês” pela última vez. Andrômeda já tentou várias vezes ativar seu patrono com outras lembranças e realmente muitas outras conseguem produzir o feitiço, contudo nenhuma nunca fará a águia ser tão forte e voar tão soberanamente como a de sua mãe.


፧最✩‧✎₊❞ Impossível não jogar, uma vez que ama a sensação de estar entre as alturas sentindo toda a adrenalina e a impressão de liberdade que o jogo lhe traz. Andy alistou-se como apanhadora da sonserina ainda em seu segundo ano, tão logo abriram os testes e não demorou para ser condecorada a arma secreta do time pela sua velocidade, que por ser menina lhe proporcionava uma grande vantagem em relação aos jogadores masculinos, já que o corpo de uma mulher é muito mais leve. Nesse momento Drome ainda não está na ativa pelo time novamente, se afastou no fim do ano passado quando numa finta imprudente se jogou da vassoura para apanhar o pomo. Seu ato inconsequente lhe rendeu nada menos do que um braço quebrado, que até hoje está em processo de recuperação, mas também gerou a vitória para o seu time, algo que não poderia lhe causar mais orgulho e que ela estaria disposta a quebrar o outro braço para fazê-lo caso fosse necessário novamente.


[X]Matar
[X]Mudar de Lado
[X]Trair
[X]Ser Traído
[X]Usar Palavrões
[X]Beijar
[X]Sexo
[X]Namorar
[X]Terminar
[X]Se Machucar Seriamente
[X]Ser torturado

፧最✩‧✎₊❞ Eu @Hitogaya-Hime também declaro ciência que, se aceita, Andrômeda Sallow pertence a autora em todos os aspectos, estando ainda livre para quaisquer alterações que se façam necessárias. Também tenho noção que seu futuro é incerto, mesmo que eu deseje muito amor pra ela rsrs, mas aceito e concordo com os termos. Nas reservas de par a opção marcada foi Sirius Black, meu xodozinho dono do meu coração, aquele que eu queria pedir em casamento rs, mas se não for possível, deixei uns ganchos para o Stiles, o Lucius... Enfim, espero que goste da minha neném e que possa dar amor a ela kkk.



Permalink Comentários (0)

[28/12/2019] Ficha para interativa

[11/11/2019] Mag

[01/11/2019] Effy Black, bruxa ou fada?

[31/10/2019] Andy


Atualizações do Usuário

Usuário: Hitogaya-Hime
Favoritei a história
História: IN ORIGINEM, Interativa
História: IN ORIGINEM, Interativa
Quando um Deus Primordial, adormecido há milhares de anos desde a origem dos tempos, acorda, os deuses do Olimpo entram em completo desespero. As sombras finalmente despertaram, ..
Usuário: Hitogaya-Hime
Favoritei a história
História: Inazuma Eleven: The New Generation (Interativa)
História: Inazuma Eleven: The New Generation (Interativa)
Após uma final catástrofica contra a Rússia, onde o Japão tomou uma surra de 8x0, o futebol japonês decaiu de forma aterradora, o futebol japonês não era mais o mesmo, de um país..
Usuário: Hitogaya-Hime
Favoritei a história
História: Elysium (INTERATIVA)
História: Elysium (INTERATIVA)
–– 𝐏𝐚𝐳. Essa era a palavra que definia o reino de Varsha em seus primórdios existenciais, quando o mundo dividia seu céu, terra e mar com os grandes seres responsáveis por man..
Usuário: Hitogaya-Hime
@Riddlesbaby Minha nossa, uma sobrevivente! Como fazes, quem te ensinou?!
Usuário: Hitogaya-Hime
@Riddlesbaby Quando quiser o insta tá pronto, só dá Senhor dos Anéis naquele feed KKKK RUN, RUNNER, RUN! PARA O ALTO E AVANTE KKKKK