HoneyBaby07

HoneyBaby07
BlueHoney
Nome: Hannah Lee (Honey)
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Salvador, Bahia, Brasil
Aniversário: 6 de Outubro
Cadastro:

HoneyBaby07 - BlueHoney

Let the Skyfall
When it crumbles
We will stand, tall
Face it all together

You may have my number
You can take my name
But you'll never have my heart

The kills - Interativa

Postado

•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸ •*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸

̶P̶e̶s̶s̶o̶a̶s̶ ̶e̶ ̶a̶r̶m̶a̶s̶ ̶s̶a̶o̶ ̶p̶a̶r̶e̶c̶i̶d̶a̶s̶,̶ ̶f̶a̶c̶i̶l̶ ̶d̶e̶ ̶c̶o̶m̶p̶r̶a̶r̶,̶ ̶f̶a̶c̶i̶l̶ ̶d̶e̶ ̶u̶s̶a̶r̶,̶ ̶e̶ ̶d̶e̶f̶i̶n̶i̶t̶i̶v̶a̶m̶e̶n̶t̶e̶ ̶p̶e̶r̶i̶g̶o̶s̶a̶s̶ ̶q̶u̶a̶n̶d̶o̶ ̶a̶p̶o̶n̶t̶a̶d̶a̶s̶ ̶e̶m̶ ̶d̶i̶r̶e̶c̶a̶o̶ ̶d̶e̶ ̶o̶u̶t̶r̶a̶s̶.̶


❆Nome Completo:
Bae Sora-Ye


❆Apelidos:
— Explosion: As meninas que apelidaram ela assim, é o apelido que ela mais gosta, já que umas das coisas que ela mais ama é explode as coisas; Só as meninas podem a chamar assim.
— Boneca: Seu pai que lhe deu, ela nunca se deu muito bem com esse apelido já que não era muito chegada ao seu pai, mas mesmo assim quando ele era carinhoso com ela a chamava assim; Por "Odiar" esse apelido ninguém a chama assim, mas Namjoon acaba descobrindo o apelido e começa a chamar assim, o que faz a mesma ter um certa raiva por chama-lá assim.
— Soso, era como a mãe dela chamava quando mais nova, poucas pessoas sabem desse apelido, ele lembra muito a mãe dela.

❆Idade:
23 anos, 10 de outubro 1993

❆Stage Name:
◦○Shadow (sombra)◦○
Foi um nome dado pela polícia, pois todos têm o conhecimento da existência dela, mas ninguém consegue capturá-la, sendo assim nomeada como "Shadow" que significa sombra, já que por mais que saibamos da existência dela é impossível capturá-la.
Sora não liga em ser chamada desse jeito, afinal desde pequena se considera como sombra pois ninguém a notava e até acabava esquecendo da presença dela.

❆Personalidade:
Sora-Ye é séria possuindo pouca expressão facial. É introvertida, não se abre facilmente e se socializa somente com algumas e poucas pessoas. Também é materialista, obtém a informação através da observação de fatos e detalhes concretos, resumindo é uma pessoa realista e pratica. Para muitos ela é fria e insensível.
A Bae é de poucas palavras, pois normalmente é sincera demais o que pode causar alguma discussão e ela prefere evitar isso, pois odeia perder o seu tempo com isso.
Por ser quieta e seria demais muitos acabam esquecendo de sua presença, é claro que ela não se importa com isso, até gosta do fato de ser a sombra, pois facilita muito para o seu lado.
É o observadora e analítica, observa cada detalhe que passa despercebido pela maioria.
Por mais que seja seria, não significa que ela não sorria, ou até mesmo ria, ou faça alguma brincadeira, com os mais próximos Sora-Ye se abre. É carinhosa e amorosa com as pessoas próximas, é uma ótima ouvinte e conselheira. Por não ter recebido carinho de seus pais, muitas vezes não sabe lidar com algumas situações que tem que confortar alguém.
Mesmo a Sora sendo a sombra e quieta, ela adora colocar fogo nas coisas, isso sempre faz ela sorrir, então sempre que tem uma missão que é de explode as coisas a mesma fica super feliz.
A Bae não é de ficar brava, mas caso isso venha acontecer ela tem duas opções: ignorar a pessoa por completo para não aumentar a intriga, ou confrontar a pessoa dirigindo a dura e a fria realidade

˙·٠•●♥ ♥●•٠·˙

❆História:
Nasceu em Daegu, Coreia do Sul. É filha de cirurgião. Sora só conhece a mãe por foto, pois quando tinha somente 6 anos a mãe veio a falecer, não se sabe o motivo até hoje, porém ela suspeita ser assassinato.
Sora-Ye sempre foi rodeada de livros e instrumentos médicos por causa do pai, Bae KwangDae, o que fez ela criar interesse por medicina.
Pelo pai sempre estar ausente por conta do trabalho, Sora-Ye sempre passou o seu tempo lendo livros de medicina mesmo não compreendendo muito o que estava escrito por conta dos termos difíceis. Logo após criou interesse por truques mágicos aprendendo-o sozinha.
Ela nunca frequentou uma escola, sempre tinha aulas particulares com melhore professores da Coreia; graças a isso ela é inteligente ao nível de frequentar a universidade de Harvard com somente 15 anos.
Aos doze anos, após reler todos os livros de medicina existente em sua enorme casa/mansão, entediada começa a se aventurar pela casa que conhecia na palma da mão, pelo menos era isso que ela pensava até entrar em um quarto cirúrgico que existia atras de uma porta no escritório de seu pai. Ficou tão maravilhada que sempre que possível frequentava o lugar.
Aos seus quatorze anos o interesse em cirurgia aumentou, assim levando animais que encontrava na rua a sala da cirurgia de sua casa se desfrutando em conhecer a anatomia animal, consequentemente levou muitos deles a morte. O que hoje em dia se arrepende, pois com 16 anos descobriu que os animais não mereciam o sofrimento e sim os humanos.
Um dia comum Sora lia livros na sala de cirurgia até ouvir passos vindo do lado de fora no qual deduziu ser seu pai, então se escondeu em atras de uma cortina escarlate que estava ao lado do telão que fica de frente a cama de cirurgia, este adentrou com uma mulher que lembrava muito a sua mãe e a prendeu sobre a cama.
KwangDae começou a balbuciar coisas aleatórias como se estivesse sobre efeito de alguma droga enquanto acariciava o rosto da moça com o bisturi, fazendo-a acordar no mesmo instante. A moça gritou de dor e começou a chorar pedindo por clemência, mas o KwangDae deu sorriso psicopata e sem piedade alguma começou a torturar a moça balbuciando coisas como "você não deveria ter voltado", "vadia repugnante", "se não bastou morrer uma vez, lhe darei o gostinho da morte mais uma vez"; Sora observava tudo escondida perplexa, assustada e com remorso, remorso de ter matado os animais inocentes que protegiam a sua própria espécie, ao contrário de seu pai que estava matando alguém da mesma espécie que si.
Após duas horas ouvindo a moça gritar em agonia, tudo cessou, a pequena Bae ficou traumatizada e passou um mês trancada em seu quarto temendo o próprio pai. Não aguentando o medo de sofrer o mesmo que a moça, já que seu pai dizia se assemelhar muito com a mãe, Sora junta seus pertences e foge de Daegu para Seoul, e para sobreviver começou a roubar utilizando as técnicas de truques mágicos e conhecimento geral que aprendeu com os professores particulares.
Aos 18 anos já estava tudo estável, morava em um pequeno apartamento e continuava roubando para poder pagar as despesas, e materiais escolares necessários para frequentar a universidade de medicina.
Era para Sora continuar a trabalhar sozinha como Shadow, como já era conhecida, entretanto pela primeira vez uma pessoa conseguiu capturar a tal sombra, a líder da RUBY, está queria que a Bae se juntasse a gangue. No início a Bae recusou, então a líder propôs um desafio e quem ganhasse ouviria a outra, Sora aceitou, o desafio era: Hel conseguir descobrir o próximo alvo de Sora em 24 horas e como faria.
Sora estava confiante, entretanto Hel descobriu e impediu-a de roubar da pior maneira quase sendo pega pela polícia. Assim a Hel ganhou e a Bae entrou para a gangue.

❆O que vc é do grupo?
(x) Cobradora

❆Roupa para missões:


☾ Aparência ☽

❆Photoplayer:
Jennie Kim {BLACKPINK}

❆ Descrição facial:
Sora tem madeixas longas tigindas castanho Médio que quando fica no sol se torna uma coloração dourada. Ela tem olhos castanho escuro, mas as vez gosta de usa lente de contato azul, uma pele clara, seus lábios não são fartos mas são bem desenhados, sombrancelhas bem feitas, seu rosto é arredondado, mas tem uma leve forma de V.

❆Descrição corporal:
Por se alta, a mesma não é farta de coxas e bundas, todo o seu corpo foi feito por medidas, suas gordurinhas são bem destribuidas pelo seu físico; Sora tem 54kg e 1,70 m de altura

❆Imagens:

❆Gifs:

❆Selcas:

☾ Par ☽

❆Nome:
Kim Namjoon

❆Stage Name:
Monster

❆Aparência:

❆Altura:
1,81 m

❆É detetive a quantos anos?
5 anos

☾Como age com/quando☽:

❆Park Myung Hee:
Sora tem uma ótima relação com a Park, no começo elas não conversavam muito, por fato de que Bae era fechada, mais com o tempo elas foram pegando intimidade e ser tornando amigas próximas, mais tem seu respeito a ela, mais quando ela não concorda com algo a mesma fala com ela.

❆Par:
Ela no começo não da muita bola pra ele, mas ela acha ele muito gato, a mesma só fala o necessário ou solta umas piadinhas, mais com o tempo ela foi interagindo um pouco mais, até ela percebe o que sentir por ele e ser fechar de novo para não ser machucar, mas ela acaba ser abrindo de novo com ele.

❆Policiais:
A Bae fica neutra, sem muita expressão, o que o policial pergunta a ela a mesma ira responde como uma cidadã "dentro da lei", ela tem um talento maravilhoso para mentir, então engana policiais é facil.

❆Quando fala com a população em público:
Sora é de poucos palavras, mas pra disfarça o que é, ela faz um pequeno esforço pra ser socializar, então ela rir falsamente, conversa e tenta interagir, caso contrário ela só observa as pessoas.

❆Quando se encontra com algum devedor:
Bae sabe todas as pessoas que estão devendo, ela ánalisa a vida de todos, para usa algo contra ele para pagar, a mesma agir com um sorriso ironico no rosto e uma cara de psicopata, sempre curta e grossa com eles, as vezes gosta de brincar com eles e as vezes não, depende muito do humor dela.

❆O que sua personagem pode fazer?
》 Beber
》 Ter relação sexuais
》 Matar
》 Tortura
》 Fumar
》 Se machucar
》 Usa qualquer tipo de arma
》 Ir presa

❆O que ela não pode fazer?
》 Trair
》Se morta


̶U̶m̶a̶ ̶d̶a̶s̶ ̶v̶a̶n̶t̶a̶g̶e̶n̶s̶ ̶d̶e̶ ̶s̶e̶r̶ ̶t̶a̶c̶h̶a̶d̶o̶ ̶d̶e̶ ̶l̶o̶u̶c̶a̶,̶ ̶é̶ ̶q̶u̶e̶ ̶v̶o̶c̶ê̶ ̶p̶o̶d̶e̶ ̶f̶i̶c̶a̶r̶ ̶d̶e̶ ̶c̶a̶m̶a̶r̶o̶t̶e̶ ̶a̶s̶s̶i̶s̶t̶i̶n̶d̶o̶ ̶o̶s̶ ̶i̶m̶b̶e̶c̶i̶s̶ ̶s̶e̶ ̶i̶l̶u̶d̶i̶r̶e̶m̶


*´¯`*.¸¸.*´¯`* τнє єท∂ *´¯`*.¸¸.*´¯`*

Permalink Comentários (0)

[17/01/2018] Regras e Ficha Casino Lotus

[23/12/2017] No Limite da morte

[11/11/2017] Gangster - {Ficha}

[24/07/2017] The Vírus - Interativa [Ficha]


Atualizações do Usuário

Usuário: HoneyBaby07
Adicionei um novo capítulo
História: INFERNAL - Interativa
História: INFERNAL - Interativa
A coreia do sul, é benço para uma das maiores gangues do mundo, GODDESSES OF HELL, uma gangue só de mulheres, mais não são qualqueis mulheres, elas são insanas, loucas, psicopata..
Usuário: HoneyBaby07
Adicionei um novo capítulo
História: INFERNAL - Interativa
História: INFERNAL - Interativa
A coreia do sul, é benço para uma das maiores gangues do mundo, GODDESSES OF HELL, uma gangue só de mulheres, mais não são qualqueis mulheres, elas são insanas, loucas, psicopata..
Usuário: HoneyBaby07
Adicionei um novo capítulo
História: INFERNAL - Interativa
História: INFERNAL - Interativa
A coreia do sul, é benço para uma das maiores gangues do mundo, GODDESSES OF HELL, uma gangue só de mulheres, mais não são qualqueis mulheres, elas são insanas, loucas, psicopata..
Usuário: HoneyBaby07
Adicionei um novo capítulo
História: INFERNAL - Interativa
História: INFERNAL - Interativa
A coreia do sul, é benço para uma das maiores gangues do mundo, GODDESSES OF HELL, uma gangue só de mulheres, mais não são qualqueis mulheres, elas são insanas, loucas, psicopata..
Usuário: HoneyBaby07
Adicionei um novo capítulo
História: INFERNAL - Interativa
História: INFERNAL - Interativa
A coreia do sul, é benço para uma das maiores gangues do mundo, GODDESSES OF HELL, uma gangue só de mulheres, mais não são qualqueis mulheres, elas são insanas, loucas, psicopata..