TacilaHime - Jornais

2 jornais

Noites de Sangue impresso

Postado

Noites de Sangue impresso

Tudo começou quando minha amiga perguntou se eu já tinha terminado de escrever um dos meus livros. Seguido a minha resposta afirmativa, um pedido: se poderia imprimir e fazer uma capa para minha história, como seu projeto final de faculdade.
Foi uma experiência inigualável. Pensávamos juntas em como ele seria, ela sempre me mostrava imagens do processo de criação, fiz alguns desenhos para serem aplicados dentro do livro, conversamos sobre as melhores fontes, detalhes, e cara da história. O resultado final não poderia ter sido mais lindo, ou me deixado menos feliz. Via ali, nas minhas mãos, impressas num lindo livro, as palavras que tinha escrito, os desenhos que havia feito, mais até do que eu imaginava ou sonhara. Pela primeira vez, de alguma forma, era real. E mesmo que fosse apenas um trabalho de faculdade, ver o livro na minha mão, daquele jeito, foi motivador de tal forma, que me senti mais impelida do que nunca a publicar essa história. Minhas mãos chegaram a tremer quando peguei aquele exemplar. Novamente, recebi uma mensagem de que essa história tem futuro. As pessoas que viram a apresentação do projeto disseram que eu deveria publicar aquela história, os professores falaram o mesmo. Meus amigos que já se aventuraram a ler me dão essa recomendação. Quem me acompanha por aqui, também  (além de me motivarem a sempre continuar escrevendo). Mais do que nunca, cheguei a seguinte resolução: no ano de 2016, nos prazos determinados, mandarei minha história para tantas editoras quanto eu consiga! E tenho dito uu Obrigada por quem leu isso aqui até o final, e obrigada por todo apoio que recebo dos meus leitores. Espero retribuir esse carinho a altura ♡














Permalink Comentários (2)

De um Park, para um Jung

Postado

De um Park, para um Jung

Alguém (:v) me disse uma vez que sabemos o quanto uma pessoa é  especial, quando sorrimos ao falar dela. Quero que saiba que comecei o texto com um sorriso,  e provavelmente ele estará estampado no meu rosto enquanto eu estiver escrevendo essa mensagem para você.



Pelas minhas contas, assim como o Kook, você é a maknae do grupo. Mas acho que meu cuidado não é por você  ser a mais nova, talvez apenas por ser mais nova que eu, mas normalmente te olho como uma espécie de irmã caçula, alguém a quem eu quero ajudar, proteger, cuidar de todas as feridas, e me certificar que não se machuque mais. Eu não  sabia até que ponto eu poderia ficar amiga de alguém tão novinho, mesmo que não tenha problemas em conversar com pessoas mais novas, mas você foi algo bem surpreendente, antes que eu percebesse, já me importava muito com você, e me chateava quando achava que tava agindo estranho comigo, ou estava distante. Até ciúmes eu senti rs E foi naquela hora que eu me dei conta do quanto você é especial para mim. Sabe, não  tenho dificuldade de tratar bem, ou ajudar, a quem quer que seja.  Mas demoro a me apegar. Fico insegura, não gosto de me sentir trocada, e por uma série de fatores a mais, é muito difícil eu me apegar e afeiçoar a alguém muito rápido. Mas existem excessões, e você é uma delas. Mesmo que não  esteja na minha vida há muito tempo, já  é indispensável e insubstituível.



Então, assim como o Jimin vê todo aquele potencial no Jung, e insiste tanto no que sente, permanece ao lado dele, e encherga tanto potencial no mesmo; eu vejo você como uma menina muito querida, a qual quero estar próxima, apesar das rabugisses, e de me dizer que é chata, arrogante, ou o que seja, e quero acompanhar de perto a mulher que você pode se tornar, as coisas fantásticas  que está por fazer, e a pessoa maravilhosa que você já é. Mesmo que o meu perto seja tão longe, mas por hora, é o melhor que posso fazer. Ainda tenho esperanças  de encontrar vocês todas no próximo show do BTS. Fiquei triste quando você  disse que não ia mais, queria te ver :/ O que  Quero dizer, no final das contas, é  que, assim como nosso Jikook é  insubstituível, nossa amizade também o é. E continuará sendo, quer o shipp, ou o RPG acabem. Não que eu queira que isso aconteça... Espero que ambas perpetuemos essa amizade tão especial, que surgiu de forma tão inesperada, mesmo que de cara a gente tenha se dado bem e conversado horrores. Quero que lembre que sempre pode me procurar quando se sentir mal a respeito de algo e quiser conversar, ou se achar que estamos distantes, ou qualquer coisa assim. Mas sempre vou te receber de braços abertos, você conquistou um espaço no meu coração difícil e, sinceramente, amo você.



Que todos os seus sonhos se realizem, que você tenha forças para buscar e lutar por eles; que haja muita luz na sua vida, e sabedoria em você, para enfrentar os obstáculos que nos são impostos em nossos caminhos; que sua perseverança seja em si mesma, mas que se lembre que há pessoas que te amam e querem te ajudar, ao lado das quais você pode fraquejar, e ser cuidada e protegida; mas, acima de tudo, que Deus abençoe sua vida, te conceda muitos mais aniversários daqui pra frente, e que eu possa, tradicionalmente, te parabenizar por muitos e muitos anos! Hoje é um dia muito especial, pois celebra a existência de alguém muito muito muito importante: você! Por isso, realmente escrevo sorrindo, pois sou feliz por você fazer parte do mundo, e agora, do meu mundo.



Felicidades minha Jung, minha Lya, minha Laura, minha amiga!



Escutando: Embarressed - BTS

Permalink Comentários (0)