História ;; teen idle - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Diário
Visualizações 17
Palavras 832
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, LGBT, Literatura Feminina, Mistério
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 13 - I can't handle change


Fanfic / Fanfiction ;; teen idle - Capítulo 13 - I can't handle change

"i'm saying

people gonna

love everything you do"

 

Vim totalmente decidida escrever aqui agora. Bom, sobre ontem, foi um dia normal, não consegui falar com o Uchiha, então sei lá, parece que é um dia perdido toda vez que ele vai embora. 

Aliás, ontem eu fui esbanjar minha felicidade pra Giulia, e ela começou a insinuar que ele me zoava, dizia que eu tinha voz de homem e que se pá, eu tinha mais pau que todos ali. Eu fiquei desabada, mas não conseguia acreditar nela, o Bruno não é desse tipo de pessoa e ela também anda com um tipo de gente que eu não confio, de qualquer jeito, eu não ia deixar ela passar por cima dos meus objetivos tão fácil assim. Então eu questionei ela várias vezes e ela de cu doce não queria me contar, porém, no final ela revelou tudo e disse que não era ele, era um tal de Luan que eu nem sabia da existência. Isso me abalou? Não, na verdade, eu já acostumei com isso faz um tempo e eu levo como elogio. Moral: não fique esbanjando sua felicidade pras pessoas erradas, não deixem eles te fuderem, querido/a.

E hoje, bom, o Bruno não foi hoje. Ele faz falta, eu nem deveria reparar nesse tipo de coisa, mas eu gosto dele, a presença dele me faz feliz, então qualquer hora eu iria notar. Sem idai por ontem e por hoje, amanhã nunca se sabe, né?

Ah é, hoje eu dei um chute na bunda de um filho da puta que me perseguia, ele tinha uma "paixão" obssessiva por mim, ele tentava descobrir coisas minhas através dos amigos dele, ele ficava me encarando o recreio INTEIRO, aliás, essa "paixão" vinha com más intenções, intenções sexuais. Eu já tinha mandado ele ir se fuder antes cara a cara, e ele começou a zombar de mim pros amigos dele, falando que eu agia igual a um homem, coisa que ele não chega nem perto, esse moleque. Felizmente, um dos amigos dele era sensato o suficiente e percebeu a merda que ele fez, ele virou meu amigo e hoje ele me contou sobre coisas que eu não sabia sobre o stalker vagabundo. Eu fiquei puta, e enquanto ele tava andando de boa, eu comecei a seguir ele, cada passo mais forte, eu tava fervendo de raiva e não consegui me controlar, eu só fui lá e dei um chutão na bunda desse merda, espero que o cu dele esteja sangrando, e se ele mexer comigo denovo, eu tô pronta pra arrancar o pau desse filho da puta no chute. Vocês devem ter me achado masculina agora, né? Não, na verdade, eu só tô me defendendo de um babaca que tinha más intenções comigo, e se algum dia acontecer contigo, se defende, não cede.

A Maria chorou por muito tempo hoje, todas as aulas, exceto as duas últimas. O porquê? Luana gosta do Vinicios, o cara que a Maria gosta. E o foda é que ela sabia esse tempo todo e tentava ajudar a Maria, quando na verdade, ela tava mesmo é jogando do lado dela. E o Augusto tá do lado da Luana, enquanto ela fingia chorar, o Augusto botava lenha na fogueira, então acho que vou perder contato com duas pessoas, por enquanto. Enfim, a Maria só foi parar de chorar quando ela se acalmou, e eu decido ajudar só quando a pessoa se acalma, é uma questão de auto controle em primeiro lugar, sabe? Quando ela se acalmou, eu decidi jogar a minha suspeita sobre a Luana, foi aí que ela e a Camila abriram os olhos. A gente começou a juntar os fatos e descobrimos que na verdade, a Luana tava armando pra ela sair ganhando ESSE TEMPO TODO. E foi o que ela conseguiu, já que o Vinícios gosta dela agora. ERA ISSO QUE VOCÊ QUERIA, LUANA? Pois bem, Maria já se recuperou e agora ela vai gostar de outro carinha, e eu tô aqui pra apoiar.

Mas enfim, toda essa bagunça me fez perceber que não tinha mais Augusto, Luana, Vinicios, não tem mais Cellbit, não tem mais no ano, tudo voltou a ser como era antes, bem lá atrás, quando era só eu e o Uchiha. Não é mais idaibit, é só idai, mas eu tô disposta a continuar mesmo assim, sem a "ajuda" da Luana, porque eu tenho o apoio da Star, da Lana, da Maria, da Camila e da Grazieli, além das meninas (Sthephany, Thayna e Giulia) e das professoras confiáveis, isso já é o suficiente de apoio moral, porque os pilares de verdade somos eu e o Uchiha. E não, eu não esqueci vocês, Rafael, Camilla e Miguel, só não sei como colocar vocês ali no meio.

Enfim, agora é só tentar aproximação com o Uchiha e ajudar a Maria a se aproximar mais do novo pretendente dela, eu não sei lidar com mudanças, porém, idaipso me deixa mais confortável do que idaibit, só que Cellbit vai deixar saudades.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...