História 5th Sense - Capítulo 16


Escrita por: e LeeJewelfish

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Tags Nct Fanfics Sobrenatual
Visualizações 22
Palavras 1.447
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIIIE AMORES!Como estão?
Como eu disse o nosso casal está precisando de mais interações não é? Então resolvi fazer esse capítulo focado um pouco mais neles,um pouco mais romântico...ou não kkkkkk veremos quando vocês comentarem.
BOA LEITURA!

Capítulo 16 - Ciúmes?


Fanfic / Fanfiction 5th Sense - Capítulo 16 - Ciúmes?

                   Capítulo 16

    O dia seguinte estava mais do que entediante,a maioria dos meninos haviam saído para procurar pistas e saber se o tal JoGong estava vivo.Então Winwin e eu resolvemos sair para caminhar e aproveitar o dia já que não nevava.

    Apesar do sol, o dia estava gelado por isso nos agasalhamos bem e saímos na parte de trás da casa que era incrível,com um enorme gramado em um jardim super bem cuidado,haviam mesas e uma piscina que em partes estava congelada naquele momento.Sorri e Olhei para o céu respirando o ar fresco e gelado que batia em meu rosto.Segurei no braço de Winwin e caminhamos em volta do jardim e das árvores que haviam ali.

  -Sicheng...quem era a garota de quem você me contou?-Eu pergunto receosa.

    -Você ficou realmente curiosa não é?-Ele diz dando risada-Como eu disse essa é uma história que só Doyoung pode te contar.O que eu posso te dizer é que foi alguém importante para ele.

     -Ahh...! Tudo bem.

     -Deveria perguntar a ele se quer saber.Essa é uma ótima forma de se conhecerem melhor! Não acha?-Winwin sorri.Aceno com a cabeça e continuamos a caminhada em silêncio,aproveitando a vista.

      Quando voltamos para a casa o sol estava se pondo e os meninos já estavam jogados pela sala conversando e quando viram que já havíamos chegado começaram a perguntar onde estávamos esse tempo todo,o que nos fez dar altas risadas.Minha barriga roncava de fome,porém,eu não queria incomodar Winwin que estava todo fofo abraçado a Yuta enquanto assistiam a algum filme na Tv.

   Procurei Doyoung com os olhos e o encontrei quieto em um canto lendo o livro que continham os desenhos de JoGong.Então levantei e caminhei em silêncio até o mesmo  me agachando ao seu lado e tampando o livro com as minhas mãos.Sorri quando ele levantou o olhar indignado procurando quem tinha cometido tal ato.

   -Pode me ajudar a fazer algo para comer? Estou realmente com fome!-Eu digo baixinho fazendo um biquinho.

   -Humm...claro! Vamos lá-Ele se levanta e me puxa em direção a cozinha.

    Amarrei o cabelo em um rabo de cavalo assim que parei em frente à pia e lavei bem as mãos.Encarei Doyoung que estava com um olhar de admiração o que me fez corar e fazer cara de brava,ele sorriu e veio para o meu lado começando a procurar pelos ingredientes.

    Assim que terminamos o nosso Ramén,um Haechan junto de Mark,Yuta e Winwin chegaram na cozinha.

   -Esse cheiro está tão bom que me deu vontade de comer!-Haechan diz passando a mão pela barriga-Sinto inveja de vocês por terem fome.

   -Você pode comer mesmo sem fome...eu faço isso quase sempre-Eu digo dando uma piscada para o mesmo e tirando gargalhadas dos outros.

    -Ok ok! Vamos comer então-Winwin diz se sentando ao meu lado.

    Após o jantar,Taeil e Renjun ficaram para lavar a louça a pedido dos mesmos.Então eu subi para tomar um banho e enquanto esperava a banheira encher,os meus pensamentos voaram para o que Winwin havia me dito sobre a tal garota,talvez eu estivesse com ciúmes ao pensar que pudesse ter existido outra pessoa muito importante para Doyoung...e para o resto dos meninos.

    Quando acordei do transe a banheira já estava cheia o suficiente então joguei os sais e algumas pétalas e fiquei na água quente por algum minutos, decidindo se iria ou não falar com Doyoung.

   No final das contas quando eu me sequei e coloquei um pijama me vi saindo do quarto e caminhando em direção a sala.Acabei encontrando Lucas que fazia tempo que não via e Jungwoo,os dois riam de algo no celular e pareciam felizes pela companhia um do outro.

   -Olha só quem está por aqui! Onde você estava senhor Yukhei?-Eu pergunto cruzando os braços.

   -Olá pequenina!-Ele diz me apertando em um abraço-Jungwoo e eu saímos para ver se encontrávamos algo sobre os ataques.

     -E encontraram?-Eu pergunto curiosa.

     -Por enquanto o que sabemos é que o tal líder deles não aparece para os mesmos,ou seja,eles recebem as ordens apenas por vídeos ou ligações-explica Jungwoo simpático.

     -Entendi...quem sabe se não escutássemos algum áudio desse tal líder eu e Ten poderíamos reconhecê-lo para saber se é JoGong ou não?-Eu digo mordendo a ponta do dedão enquanto pensava-Na visão, Ten e eu conseguíamos escutar perfeitamente a voz de JoGong.

   -Ótima ideia!!-Lucas diz-Como não pensamos nisso antes? 

   -Vamos Lucas! Temos que dar um jeito de conseguir isso-Jungwoo diz puxando braço de Lucas para a saída-S/n pode avisar Doyoung sobre isso? O quarto dele é o Penúltimo do lado esquerdo!-Ele diz alto enquanto abre a porta.

     Fiz uma cara de surpresa quando escutei Lucas resmungar que eu provavelmente já sabia onde era o quarto de Doyoung.O que ele não imaginava era que eu estava ali exatamente para isso,perguntar onde era o quarto do líder.Balancei a cabeça e dei uma risada nasalada enquanto subia as escadas novamente,caminhei até o penúltimo quarto do lado esquerdo que era realmente perto do meu e respirei fundo batendo levemente na porta.

    Pensei que o mesmo não estava no quarto e quando ia dar um passo para trás a porta se abriu e um Doyoung recém saído do banho apareceu.Ele vestia uma regata preta que realçava a sua pele pálida e uma calça de moletom cinza.Estava descalço e uma toalha branca estava em seu pescoço,naquele momento o tempo parou,”ele é realmente MUITO lindo” isso era só o que se passava na minha mente.Fiquei observando o seu cabelo molhado e as gostas que escorriam até a toalha,por algum tempo e meu olhar vagou para o seu rosto que estava vermelho,devia ser por conta da água quente ou talvez ele estivesse com vergonha por eu ser tão descarada ao flagrar o mesmo tão confortável e claro,diferente de como ele sempre é.

    Abaixei a cabeça e apertei os lábios em uma linha fina e respirei fundo erguendo novamente o olhar.Estava decidida a fazer uma pergunta que havia me deixado apreensiva e não podia falhar nessa missão.

   -Eu posso conversar com você?-A minha voz sai rouca.

   -Sim,entre-Ele abre espaço e eu com vergonha entro no quarto olhando em volta.

     O quarto dele não parecia tão diferente do meu,a não ser pelas cores escuras que predominavam a decoração,como preto e cinza.Me virei em sua direção e fui direta.

   -Você pode me contar se existiu outra garota? Quero dizer...Eu sei que existiu mas eu preciso que VOCÊ me conte-Eu dou ênfase apontando para o mesmo.

    -Como? Quem te disse isso-Ele pergunta cruzando os braços e sorrindo com as sobrancelhas arqueadas.

    -Não vou dizer quem foi...-Eu respondo seria e colocando as mãos na cintura-Houve ou não?

     -Tudo bem! Sim teve uma garota! Mas não do jeito que você está pensando S/n-Ele diz rindo.

     -E que jeito eu estou pensando em? Você não consegue ler meus pensamentos se lembra?-Eu digo sorrindo debochada.

     -Outch!! Essa doeu em...-Ele diz fazendo cara de dor e colocando a mão no peito.

     -Porque está tão engraçadinho hoje em?-Eu digo brava-Se não quiser que eu saiba tudo bem não precisa enrolar-Eu digo indo em direção a porta.

     Mas quando eu coloco a mão no trinco Doyoung segura meu braço me impedindo e solta uma risada alta.

    -Você está com ciúmes?-Ele arqueia as sobrancelhas.

      Eu o encaro com os olhos semicerrados e tento me soltar mas ele é forte o que torna tudo mais difícil.Fico séria esperando ele me soltar mas isso não acontece então ele começa a contar a história.

  -A tal garota era a minha irmã S/n! E ela era humana também,mas uma vez um grupo de vampiros que queriam se vingar entraram na casa dela e a mataram.

    Quando ele terminou de contar e soltou de leve o meu braço,eu quis chorar de vergonha e tristeza.Burra! Burra! Burra! Não deveria tê-lo forçado a falar,se arrependimento matasse eu estaria mortinha nesse momento.Eu devo ter feito uma careta horrível porque Doyoung sorriu e me abraçou forte.

     -Me desculpe...e-eu...-Eu queria dizer algo mas nada saía da minha boca.  

     -S/n....eles a transformaram em vampira-Ele diz levantando meu rosto-Eu não queria que isso acontecesse mas aconteceu,então...

     Assim que eu escutei essas palavras um alívio tomou conta do meu corpo e eu o Olhei confusa.

   -Então cadê ela?

    -Se tornou uma pessoa diferente,não gosta de ficar no mesmo lugar por muito tempo então vive viajando! Eu iria contar sobre ela! Só estava esperando ficarmos sozinhos.

   Com vergonha eu balanço a cabeça concordando e abraço Doyoung pela cintura.Pedindo desculpas varias vezes o que o fez rir e me beijar.

    -Que bom que veio aqui!-Ele diz me puxando para a cama-Eu estava mesmo querendo te chamar pra dormir aqui.

     -Co-como assim? Só...dormir né?-Eu pergunto receosa.

      -Claro S/n! Está pensando o que?-Ele finge indignação colocando a mão no peito e eu dou risada o abraçando e deitando na cama.

     

 

 

   


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Me desculpem se houveram erros ou se algo está confuso!
Lembrando que eu posso demorar um pouco pra postar e que eu AMO quando vocês comentam! BEIJOS❤️❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...