1. Spirit Fanfics >
  2. Almost impossible love - camren, noany, jensoo, chaelisa. >
  3. 37

História Almost impossible love - camren, noany, jensoo, chaelisa. - Capítulo 43


Escrita por:


Notas do Autor


7/12

Capítulo 43 - 37


*Grupo vermelho*

—Já estamos chegando?—Ariana pergunta pela vigésima vez.

—Não Ariana! Nem no meio estamos!—Zoe fala olhando para o mapa.

—Ai gente eu odeio trilha!—Ligia resmunga e todos daquele grupo a encara.

—O que foi? Sou professora não de ferro!—Todos gargalham com o bom humor da mulher.

Shawn e Ally andavam lado a lado sem trocar nenhuma palavra! Eles estavam mas no fundo.

—Shawn?—Ally pergunta confusa ao ver o garoto parar bruscamente na sua frente.

—Eu não aguento mais guardar esse sentimento para mim!—Shawn coloca a mão na cintura da loira.

—Shawn todos já estão lá na frente! Vão nos deixar aqui!—Ally fala desesperada.

—Eu sei essa trilha de olhos fechados!—Shawn a aproxima a garota colando seus corpos.

—Mas voltando ao assunto! Eu não vou me declarar e falar todas aquelas baboseiras! Só espero quê um eu te amo mostre tudo o quê eu não consigo demonstrar!—Ally sorrir e dar um selinho no garoto.

—Você me ama!—

—Com todas às forças!—Shawn sorrir.

—Eu nunca tive nada com a Any!—

—Eu sei disso! Ela me mandou um vídeo você meio quê se declarando para mim!—Ally passa os braços pelo pescoço do garoto.

—Eu te amo! Muito!—

—Então estamos namorando?—Shawn pergunta esperançoso.

—Se você não fazer a gente se perder! Pode considerar que sim!—No momento quê Shawn escuta a garota ele a puxa indo direto ao local onde os outros membros da equipe se encontrava.

***

*Grupo Azul*

O grupo azul se resumia em Lauren e Jade falando sobre Rivedale! Camz e Any rindo de Noah tentando chamar atenção da morena! Bruna.C e Léo falando sobre relacionamentos! Josh, Bailey e Kris discutindo quem era mas amigo de Perrie.

—GENTEEE?—Any grita do nada fazendo todos a olhassem assustados.

—Eu não aguento mas! Esses mosquitos e para piorar minhas pernas estão doendo!—

—Então você está querendo insinuar quê temos quê para por causa de você?—Kris fala indignado.

—Não!—

—Então é o quê?—Bailey fala encarando mas se arrepende quando a morena vai em sua direção e pula em suas costas.

—A não Any!—

—A sim! E vamos logo quê eu quero ganhar!—Any fala autoritária e todos riem da cara de incredulidade de Bailey.

—Meu querido irmão acho melhor você agradecer!—Camz fala rindo

—Agradecer o quê? Eu sendo feito de empregado!—Bailey continua incrédulo.

—Sim você tem quê agradecer por ela não ter feito você fazer as coisas quê fazia antes!—Camz fala e todos quê sabiam do passado e as maldades da pequena Any sorriram inclusive Bailey.

—Mudando de assunto! Quando o professor vai nos apresentar sua namorada?—Any fala sorrindo e O Noah a encara chocado.

—Namorada? Mas..?—Noah pergunta confuso.

—Sim! Minha namorada é brasileira assim como a Any e eu!—Leo fala simples e Noah sorrir mas ao mesmo tempo sente raiva ao perceber quê Megan o enganou e prometeu tirar essa história a limpo e por fim se desculpar com Sofya porque depois daquele beijo a loira vem o tratando como se fossem namorados.

Passou bastante tempo desde do início da trilha e só dóis grupos ti H chegado à cachoeira empatados por conhecidencia quê era o time amarelo e o time azul mas o time amarelo levou vantagem é acabou sendo único vencedor.

Depois de uns vinte minutos todos chegam a cachoeira e percebem quê já perderam e só se jogaram no chão alegando estarem mortos.

Para a infelicidade de Bailey Any dormiu na suas costa e o garoto como bom amigo resolveu não a acordar e a carregou o caminho todo.

***

O dia tinha sido cheio de diversão, todos inclusive Os professores se divertiram!

Agora já se passava das 7:30 e todos estavam ao redor de uma fogueira.

Megan percebeu quê Noah estava a encarando com raiva da mesma forma como Lauren a encarava também pelo motivo de Pepe não ter gostado do tapa quê a namorada levou e contou para a mais velha sem dizer o motivo da agressão.

—Lauren, Noah, Any e Camz preciso falar com vocês!—Megan avisa e sai em direção à um lugar mas afastado.

Todos olharam desconfiados! Any e Camila ficaram sabendo o quê Megan fez Noah acreditar.

As duas garotas estavam muito decepcionada com a morena pois elas confiaram nela como amiga e ela as apunhalou pelas costas, mesmo ela só tendo aprontando com Any e Noah Camila sentia a dor de Any e isso não ficaria assim, o lema delas é aquele bem criança mas bem real: Machuca minha amiga e eu faço você esquecer seu nome!

Os quatro vão em direção ao local ao encontro de Megan e a escuta fungar baixinho mas se recomponhe ao sentir a presença dos quatros.

—O quê você quer Megan? Mentir novamente?—Noah fala irritado.

—Ou vai bater na gente?—Lauren fala irônica.

—Ou até mesmo fingir ser nossa amiga e colocar uma contra a outra!—Camz finge está pensando.

—Gente deixa ela falar! Errar é humano, e nós devemos a escutar pelo menos.—Any fala compreensiva

—Any como você pode defender ela? Quem sofreu mas entre nós foi você! E quando o Noah beijou a Sofya quem passou a noite chorando foi você!—Camz fala impaciente e Noah encara Any como se pedisse desculpa só quê com olhar.

—Você tá errada! Quem sofreu mas entre isso tudo foi ela!—Any fala encarando Megan quê a olha surpresa.

—Any a Camila tá certa eu fui uma péssima amiga!—Megan fala cabisbaixa.

—Você não foi uma péssima amiga! Você só não sabe ser uma! A Camz não pode te jugar pois ela sempre teve alguém do lado dela alguém para dizer quando ela está exagerando e errrada, ela tinha alguém para puxar seu saco, ela tinha alguém para ela desabafar ela tinha a mim! E você Megan tinha a quem?—Any fala se aproximando da morena.

—Ninguem!—Megan sussurra mas todos escutam e a encara com pena.

—Não me olhem assim!—

—Megan não fique com medo ou vergonha! Fale porque agiu assim?—Noah se aproxima se acalmando.

—Eu-eu sempre fui uma criança feliz ou eu achava quê era até meus sete anos!—Megan da uma pausa.

—Eu não tinha idéia de como o mundo é mal!—Lauren quê continuava indestrutível se aproxima para escutar melhor.

—As Freiras sempre se importou com nossa educação e procurava nos colocar nos melhores colégio mas como nem tudo é rosa nesse colégio tinha meninas ricas quê tinham tudo! Nesse mesmo ano eu completava oito anos eu sempre sonhei em ter uma festa e nesse ano as freiras resolveram me dar uma. Eu estava super feliz convidei todas as garotas da minha classe como no convento só tinha eu de criança eu tive quê chamar pessoas de fora!—Megan se encontrava fungando lembrando daquele dia.

—Uma das garotas ricas do colégio disse quê seria o melhor aniversário da minha vida! Minha festa estava marcada para as três da tarde mas já se passava das oitos da noite e ninguém tinha chegado as freiras tentaram me consolar mas não conseguiram e tudo piorou quando eu descobrir quê a garota rica tinha feito uma festa no mesmo dia para "Comemorar minha derrota" vocês não sabe como eu me sentir humilhada e sentir falta de ter meus pais para me dizerem quê ficaria tudo bem mesmo eu soluçando quê eu nunca mas voltaria a escola!—Camz quê se mantinha mas distante fungou alto.

—Desculpa! Pode continuar!—Camz fala suando o nariz com a blusa de Noah.

—Ew Camila! Essa blusa foi cara!—Noah faz cara de nojo e todos riem.

—Continuando... Eu infelizmente tive quê ir para o colégio todos agiam como se nada tivesse acontecido! Por um lado eu estava feliz e por outro eu estava me sentindo muito mal! Depois disso eu pedir uma boneca da Barbie para a irmã Carmelita mas ela disse quê não podia! Eu vendi limonada em frente ao convento e comprei minha boneca!—Megan sorrir orgulhosa.

—Quando eu tinha quatorze anos todas as garotas do meu colégio tinha seus próprios celulares e para eu conseguir um eu tinha quê vender biscoito e foi isso quê eu fiz eu tinha quase uma quantia boa só mas uma fornada e meu celular estaria em minhas mãos!—Megan para de falar.

—Se não quiser não precisa!—Lauren fala compreensiva.

—Quando eu fui vender esses biscoito um moço quê parecia ter uns quarenta anos disse para eu ir com ele na sua casa buscar o dinheiro pós ele estava sem nada ali! Eu acreditei fácil e fui com ele mas chegando lá ele começou a me tocar de uma forma nojenta ele me fez fazer coisas quê eu sinto nojo de pronúnciar!—Megan desaba e Any a abraça.

—E-Ele te estrupou?—Noah pergunta fechado os punhos.

—Filho da puta! Se eu encontrasse esse miserável! Me desculpa por não está lá para te defender!—

—Você seria uma criança Noah!—Any zoa

—Na verdade eu só teria 13 anos então eu séria um pré-adolescente.—Noah da língua para a morena.

—Gente eu não quero quê tenham pena de mim! Não tou pedindo quê esqueçam o que eu fiz, só não quero ser a garota quê gosta de ver o sofrimento das pessoas para se sentir melhor!—Megan fala triste

—Não temos pena de você!—Lauren fala séria e todos a reeprende com o olhar.

—Você é nossa família! Vamos te apoiar a sentir melhor sem precisar machucar ninguém!—Lauren a abraça e todos os outros três fazem o mesmo.

—O momento família e amigos está ótimo aí! Mas acho melhor vocês irem dormir!—Verônica e se retira.

—É acho melhor irmos dormir!—Camz avisa limpando as lágrimas.

—Any precisamos conversar!—Noah fala chamando atenção da morena.

—Amanhã nós conversamos! Estou morta de cansada a tilha me matou!—Any fala e todos riem.

—Do quê estão rindo?—

—Você praticamente não andou nada!—Camz fala olhando indignada.

—O Bailey quê deve está cansado!—Noah fala rindo junto a Lauren.

—Vamos gente! Amanhã teremos mas atividades!—Lauren avisa e sai andando na frente, os outros fazem o mesmo.

***

—Vamos gente! Vocês já acordaram se animem!—Vero fala ao ver a lerdeza quê os alunos corria para a atividade de velocidade.

—Acordamos QUATRO HORAS da manhã! E você quer quê estejamos feliz?—Lauren pergunta irônica.

—É óbvio! Seu time está com menor ponto e caso não ganhem essa atividade vocês terão quê limpar o chiqueiro e o poleiro!—Vero fala divertida.

—Isso é um desafio?—Lauren desafia a mas velha.

—Isso mesmo! Caso você ganhe eu limparei tudo, mas se perder você é seu grupo limparam!—Vero sorrir desafiadora.

—Combinado!—

—Lauren eu não vou limpar chiqueiro! Aliás você é jogadora mas não atleta de olimpíadas!—Camz fala a encarando.

—Vamos ganhar e a verô irá limpar o chiqueiro!—Lauren fala convicta.

*Horas depois*

—Vamos ganhar e a verô irá limpar o chiqueiro!—Camz imita Lauren.

—Agora a nossa querida diretora está descansando enquanto limpamos estercos de porcos!—

—Eu lá ia saber quê o time amarelo é ótimos corredores!—Lauren fala tentando limpar a parede do chiqueiro.

—E precisava trazer a gente junto?—Jade reclama enquanto jogava água nas paredes.

—Eramos um time e se um cai...—Laurem é interrompida.

—Os outros saem correndo!—Bruna.C fala irritada.

—SOCORRO! ME AJUDEM!—Any grita do lado de fora.

Quando todos saem se deparam com Any encima de um enorme porco quê corria de um lado para o outro.

Primeiro Lauren,Bailey e Noah tentam parar o animal mas o porco desvia e faz os três cairem literalmente na merda.

Depois o porco na na direção de Kris, Camz e Jade e os derruba dentro da lavagem do próprio Perrie tenta correr mas é atingida pós quando as três caem dentro do pequeno tanque de comida para porco à lavagem gosmenta e fedorenta sobe e por consequência acaba caindo para tudo quer lado inclusive em Perrie.

Para seu grande final o porco derruba Any em um pequeno lago de lama.

—Ai quê ódio!—Perrie faz cara de nojo.

—Meu santo das Gucci por favor diz quê é só um sonho ruim!—Kris fala levantando e choramingando.

—Ai Lauren eu não sei de qual forma eu te mato primeiro!—Jade fala indo em direção a morena quê tira a cara dos estercos.

—Bem né? Olhando por esse lado é melhor você ficar viva e bem fedorenta!—

Todos riem e zoam Lauren, Bailey e Noah por entre os três eles eram os piores.

—Vocês literalmente deram de cara na merda!—Bruna.C faz todos menos os três rirem.

—A é? Então vem cá me dar um abraço!—Noah começa indo em direção de Any, bruna e Camila quê tentaram correr mas não conseguiram.

Os outros fizeram o mesmo e em poucos minutos estavam todos mergulhado na merda literalmente.

*

—Foi uma tarde nojenta! Mas eu me divertir muito!—Any fala enquanto Camila enxugava o cabelo da cacheada.

—Você não gostou?—

—Gostei! Mesmo quê depois tivesse quê tomar três banhos mas eu gostei!—Camz fala enrolando os cachos de Any.

—Só assim para você deixar eu ser a cabeleireira dessa vez!—Camz fala lembrando quando pequena Any não a deixava ser a cabeleireira e sim só a cliente naquela época Any dizia quê era por Camz ter cabelo de Rapunzel.

—Falando das nossa brincadeiras você se lembra quando cortou meu cabelo de verdade?—

—A Any cortou seu cabelo?—Heyoon pergunta sem acreditar.

—Sim! E fiquei uma semana de castigo quando a bocuda da Raíssa falou alto demais a a mamã ouviu!—Any explica para as garotas quê se encontravam no seu quarto.

—Mas você me fez de empregada essa semana inteira!—Raissa fala indignada.

—E você contou para a nossa mãe!—Jade fala lembrando quê nunca contava seus segredos a Raíssa ao saber sobre sua boca grande.

—E eu fiquei mas uma semana de castigo!—Any fala e todas riem.

—Para mim a Any era aquela típica filha perfeita quê nunca ficou de castigo!—Jisoo fala paralisada.

—A perfeição se vem de berço não atitudes!—Any dar beijo nos ombros.

—Tão perfeita quê ficou seis meses fazendo o pobre do Lamar de motorista! A pé!—Shiv comenta e Any dá língua.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...