1. Spirit Fanfics >
  2. Can you be mine? ;; kuroken >
  3. Capítulo 12: Treinos agitados

História Can you be mine? ;; kuroken - Capítulo 12


Escrita por: Taurine

Notas do Autor


Espero que gostem!
Se leu até o capítulo doze, comente e favorite para me motivar a continuar

A fanfic também está presente no Wattpad na minha conta @bonnibel_xx

Boa leitura amores❤

Capítulo 12 - Capítulo 12: Treinos agitados


Fanfic / Fanfiction Can you be mine? ;; kuroken - Capítulo 12 - Capítulo 12: Treinos agitados

Assim que Kenma e Akaashi se apresentam novamente próximos ao bebedouro onde o loiro encheu sua garrafa, ambos voltaram para dentro da quadra agitada com as vozes animadas dos jogadores ali presentes, cheios de endorfina e adrenalina correndo em seus corpos que se aqueceram com o calor corporal, que batalhava contra o vento frio que entrava da porta aberta do ginásio.


-Iremos treinar um pouco agora, sem partidas -Kuroo afirmou se aproximando de Akaashi e Kenma.


-Obrigado por avisar -Keiji respondeu educadamente, enquanto Kozume apenas concordou com a cabeça.


-Akaashi, levante para mim! -Bokuto se aproximou correndo com o passo saltitante.


-Por que não tenta treinar com Kozume? -Akaashi questiona, mirando o loiro que arregala os olhos. Kuroo fez o mesmo, ele sabe que o menor não gosta de treinar mais do que o necessário.


-Acho que Kenma precisa descansar um pouco agora -Tetsuro se intrometeu, se aproximando do loiro.


-Oh, tudo bem -Keiji compreendeu -Quer se juntar ao treino, Tetsuro?


-Pode me chamar de Kuroo, e claro! -Ele concorda, mas logo mirou Kenma -Tem problema?


-Pode ir... Vou me sentar um pouco -Kenma afirma meio cansado


-Ok, não foge -Tetsuro gargalhou sarcástico, deixando Kenma e se juntando com Bokuto e Akaashi que já estavam no meio da quadra próximos a rede.


Kozume se senta no banco comprido próximo da porta do ginásio, colocando seu casaco mesmo estando com muito calor, mas o vento frio não lhe daria uma regalia em não deixá-lo doente. 


-Você foi muito bem, Kenma! -Lev se aproximou, sentando o lado do mesmo


-Valeu -Ele responde meio seco, não conseguia entender esse sorriso e animação alheia


-Se anime! -Haiba protestou, notando a insatisfação de Kozume que cria uma expressão emburrada, assustando Lev -Não me olhe com essa cara feia!


-A sua cara que é feia! -Kenma protestou sem muita paciência.


-Lev, para de incomodar! -Yaku se aproximou, notando que o platinado estava irritando o loiro.


-Não estou, Yaku-san! -Lev protestou tristemente, derrotado.


-Kuroo, tente bloquear minhas cravadas! -Deu para ouvir Bokuto falando alto do outro lado da quadra enquanto alguns jogadores saiam para tomar um ar fresco ou ir para os outros ginásios que estavam vazios. 


Kenma ficou os assistindo enquanto treinavam, algumas vezes acabava deixando uma risada nasal escapar ao ver a frustração de Bokuto quando Kuroo o provocava e defendia suas bolas rápidas.


O sol dançou no céu rapidamente, assim como o relógio que girou freneticamente por trás das grades que impediam de alguma bola quebrar. O som dos tênis e conversas começaram a diminuir assim com o sol que estava próximo de se apagar naquele frio final de tarde.


-Como você está, Kenma? -Kuroo se aproximou ofegante enquanto tomava água em sua garrafa.


-Bem... acho melhor você colocar o casaco... -Kenma se levantou, segurando o casaco do maior nas mãos, esperando que o mesmo pegasse sua roupa.


-Ei, Kuroo! -Bokuto o chamou antes que o moreno pudesse reagir -Hoje é só o primeiro dia, não pense em entrar naquele ônibus e voltar pra casa


-Acho que eu quem vou te mandar pra casa! -Kuroo riu


-Ei, já estou em casa! 


Akaashi se aproximou de Bokuto que deu um sorriso de lado para Tetsuro.


-Kuroo... o casaco... -Kenma murmurou baixinho, tentando chamar a atenção do maior que nem mesmo ouviu, continuou conversando com Koutarou de forma distraída.


-Bokuto-san, precisamos arrumar a quadra -Akaashi falou, interrompendo um pouco o assunto que já havia acabado entre os dois melhores amigos.


-Ah, sim -O platinado olha em volta e nota que só estavam os quatro ali na quadra principal.


Estava tudo tão calmo, a brisa do vento de final de tarde trazia uma tranquilidade inexplicável, junto com aquele tom acinzentado que preencheu o céu por completo, o cobrindo com um manto estrelado que se acomodava gentilmente no céu cada vez mais escuro, se aconchegando na luz do luar que já estava presente no topo, observando a Terra de forma acolhedora. 


Eles começam a se mover, Akaashi e Kenma tiraram uma das estacas de ferro preta ao chão que sustentava a rede, a levando para dentro da salinha dos utensílios, Kuroo e Bokuto fizeram o mesmo com a outra estaca que se localizada do lado contrário, e junto disso, trouxeram a rede já dobrada.


Após derem uma rápida faxina sobre o piso da quadra que nem estava tão sujo, se juntam em frente a porta conectada ao lado de fora que trazia o vento confortante, o fazendo dominar a quadra.


-Nos vemos amanhã -Kuroo afirmou para os outros dois garotos de camiseta azul marinho.


-Com certeza! -Bokuto abriu um grande sorriso desafiador e determinado.


-Até amanhã -Akaashi se despediu dos dois avermelhados.


-Até... -Kenma murmurou, despedindo-se de Keiji.


-Ei Kenma, posso falar com você? -Ele o chamou


-Oh, claro... -O loiro estranhou, mas logo aceitou.


-Até amanhã -Tetsuro repetiu assim que os dois terminaram de conversar, deixando os outros dois para trás enquanto andava em direção aos portões de Fukurodani. 


Kenma apressou seu passo para acompanhar o moreno.


-Kuroo... -Ele murmurou já quando estavam sozinhos, indo em direção aos outros jogadores de Nekoma que se localizam mais à frente, ao lado do portão e do ônibus.


-Sim? -Ele mirou o baixinho.


-Coloque o casaco... pode você pegar um resfriado... -Kozume fala timidamente, entregando o casaco para o maior que ficou surpreso por alguns instantes e logo pegou a peça de roupa das mãos do menor.


-Obrigado, nem lembrei disso -Ele riu baixo, vestindo seu casaco vermelho com o letreiro "Nekoma" estampado em suas costas.


Kenma iria dizer que tentou avisá-lo antes, mas desistiu, já que falar isso não iria levar a lugar nenhum.


-Eles chegaram -Taketora afirmou alto assim que mirou a dupla chegando próxima ao grupo do Nekoma.


-Entrem no ônibus, vamos ir para o hotel -Nekomata afirmou ao lado da porta do automóvel, e com essa afirmação, todos os presentes ali entram sem questionar, refugiados daquele vento frio da rua


Kenma e Kuroo se sentaram nos mesmos assentos de antes, Kozume parecia aliviado de ter sentado em algum lugar confortável novamente, ele confessa que estava bem cansado e sonolento, a única coisa que queria fazer nesse momento era dormir, mesmo que ainda esteja cedo para isso, e já Tetsudo parecia ainda disposto a mais alguns sets, estava animado e energético por conta da adrenalina que com certeza demoraria um pouco para parar de fazer efeito.


-O dia foi agitado -O mesmo murmurou, atirando a cabeça para o encosto do assento, que recebeu sua nuca de forma confortante, o permitindo relaxar.


-É mesmo, estou exausto -O loiro murmurou olhando para a janela assim que o ônibus ligou seu motor e começou a curta viagem até o hotel que não era muito longe.


Kuroo estranhou Kozume estar tão cansado assim, já que ele só treinou uma vez em um jogo de 3 sets, mas não decidiu discutir, ele entendia o loiro muito bem.


-Você pegou seu celular e sua garrafa de água? -O moreno perguntou, olhando de lado para o garoto sentado ao seu lado.


-Sim -Ele respondeu conferindo o bolso para checar se seu celular estava mesmo ali.


Eles trocam mais umas conversas mas logo se calaram por uns instantes antes de chegarem em frente ao hotel.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
Obrigada a você que leu até aqui

Comente e favorite para me motivar a continuar! Sua opinião é muito importante pra mim também

Beijos❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...