História Como me apaixonei pela minha amiga - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Aria Montgomery, Emily Fields, Hanna Marin, Spencer Hastings
Visualizações 51
Palavras 781
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 17 - O sonho


O quarto estava iluminado por velas aromáticas. Que cheiro maravilhoso. Uma musica lenta tocando. E no centro do quarto estou dançando com ela. Ela parece uma bailarina tão suave, tão leve, tão entregue. Ela ainda parece aquela menina inteligente que comecei a namorar há alguns anos atrás, mais agora ela é uma mulher linda e forte. Estamos nos movendo ao som da melodia sem nos importarmos com nada. De repente sinto algo molhar meu pescoço e ouço um soluço. Olho para o rosto dela e vejo lagrimas escorrendo por seu rosto. Aquilo corta meu coração.

–Amor o que está acontecendo- digo me afastando apenas o suficiente para levantar seu rosto e olhar em seus olhos.

–Não quero que você viaje, vou sentir muito a sua falta- ela diz fechando os olhos para impedir suas lagrimas de rolarem.

–Eu tenho que ir é meu trabalho. Mais serão somente duas semanas. Você nem vai sentir- digo tentando consolá-la.

–Eu já estou sentindo. Desde que casamos nunca ficamos tanto tempo separadas. Não sei se vou conseguir aguentar- diz ela fazendo um biquinho que partiu meu coração.

–Eu prometo que vou te ligar 3 vezes por dia, mandar mensagem a cada meia hora e ficar na internet com você até fazer você dormir- tentei animá-la- e vou trazer o troféu pra você e na entrevista vou dedicá-lo a você.

–Eu prefiro que você fique. Não quero me distanciar de você- ela diz se afastando de mim.

–Amor cadê àquela atleta competidora que eu namorava? Eu só vou porque é trabalho. Eu prometo não vou me divertir- digo puxando ela pelo braço- volta aqui ainda não terminamos de dançar. - ela vem contra a vontade mais assim que a envolvo em meus braços ela não resiste e voltamos a dançar.

Eu perco a noção de tempo que ficamos assim dançando juntinhas.

–Eu preciso descansar meu amor- digo isso puxando à para a cama- mais antes preciso amar você. Deixar você com aquela sensação gostosa de saudade.

Eu sinto seu corpo ao lado do meu aquele fogo que queima minha pele. Eu a beijo no rosto onde estavam as marcas das lagrimas. Depois beijo seus lábios até ficar sem ar. - Eu te amo muito Spencer Hastigns, você é a mulher da minha vida e não tem nada nem ninguém que pode me afastar de você.

Depois que digo isto iniciando um beijo ainda mais profundo e faminto. É o  inicio uma bela e ardente noite de amor com a minha Spencer.

Emily acorda com o barulho do despertador. Seu corpo esta suado e sua respiração esta pesada. - Foi só um sonho mais pareceu tão real. Eu acabei de fazer amor com Spencer

Sinto algo bater em mim. Olho e vejo que Hanna me jogou um travesseiro.

–Vamos bela adormecida. Temos aula daqui a pouco- diz Hanna com um sorriso sonolento.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Spencer acorda e olha para o lado sentindo que não está só. Ela olha e vê sua mãe dormindo ao seu lado. Só ai ela se lembra dos acontecimentos da madrugada seu corpo estremece e inconscientemente ela abraça sua mãe. Neste momento Verônica acorda.

–Filha você esta melhor?- pergunta Verônica preocupada- que horas são preciso ir trabalhar?

–Eu estou melhor obrigado por passar a noite comigo mais não era necessário- diz Spencer tentando se fazer de forte.

–Sei que não precisava mais eu quis- diz Verônica sem deixar transparecer sua preocupação com a filha- então mocinha já para o banho antes que você se atrase.

–Estou indo só mais um minuto- diz Spencer.

Verônica levanta da cama e quando já esta na porta se vira e fala. - Filha quando voltar do trabalho precisamos conversar

Ela precisa saber o que esta acontecendo com a filha mais este não é o momento, pois sua agenda de trabalho esta muito cheia.

– Sim senhora- diz Spencer também se levantando.

Spencer se levanta e pega o seu celular e olha mais uma vez para mensagem de –A. Ela então decide que depois de seu pesadelo ela precisa proteger Emily e o único modo é obedecendo àquela vadia da –A. Então seu cérebro bola um plano que ela precisa colocar em pratica agora. Ela então manda uma mensagem.

“Preciso de carona. Você pode me ajudar? Spencer.”

Rapidamente a mensagem é respondida.

“Claro em 15 minutos estarei na frente de sua casa”

Ela lê a mensagem e sorri. Não é o que eu queria  mais infelizmente este é o único jeito. Eu amo a Emily e quem ama cuida então neste momento vou guardar meus sentimento o mais fundo que puder para protegê-la. Mais não vou me afastar dela. Então meu plano começa agora. Só espero que ela me perdoe.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...