1. Spirit Fanfics >
  2. Don't Forget Me >
  3. Uma Aula Interessante

História Don't Forget Me - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Uma Aula Interessante


Fanfic / Fanfiction Don't Forget Me - Capítulo 2 - Uma Aula Interessante

- Mamãe, você não vai acreditar! – Exclamou Manon, com um enorme sorriso no rosto.

Nádia pôs a mochila da filha no banco de trás, ao lado da mesma, entrando no carro logo depois.

- O quê foi, Manon? – Perguntou, sem prestar muita atenção. Se concentrou em ligar o carro, checar os espelhos, conferir o celular, etc.

- A Marinette salvou um menininho no parque! – Disse, entusiasmada.

- É mesmo? – Falou em um tom que indicava que não estava processando o que a garota falava, mas Manon não se importou.

- É, sim. Todo mundo ficou olhando e bateu palmas. – Riu, alegre. – Ele ia se machucar muito, mas a Marinette subiu lá junto com ele.

As últimas duas frases prenderam a atenção da jornalista.

- Quem? Quando? Por que “todo mundo bateu palmas”?

Manon soltou o ar com força. Ela teria mesmo de repetir tudo aquilo?

- Um menininho ficou preso em uma árvore, Marinette salvou ele, todo mundo ficou feliz e fim. – Resumiu.

- Como ele subiu? – Nádia perguntou. Manon baixou o olhar. Ela não havia visto. – Tudo bem se não souber. Vou falar com Marinette. – A jornalista se animou. – Pode ser um furo e tanto.

A garotinha animou-se também por conseguir ajudar a mãe de alguma forma.

 

- Amiga, que horas são? – Perguntou Alya, já vestida e arrumada para ir à escola.

Marinette se esforçou para olhar o visor de seu despertador, sonolenta.

- São 8h e 35min.

- Eu sei. – Alya assentiu, sorrindo. Achou graça da demora da amiga em entender o que aquilo significava.

Passaram alguns minutos se encarando, até que Marinette arregalou os olhos e pulou da cama.

- Não acredito! Por que não me acordou? – A garota começou a correr pelo quarto, procurando suas roupas e sua mochila.

Alya riu.

- Bom, eu literalmente acabei de te acordar.

Marinette a fuzilou com o olhar, logo em seguida começou a rir também.

 

Adrien entrou na sala de aula bem cedo para encontrar Nino.

- E aí, cara? – Nino cumprimentou.

- Oi. – Respondeu Adrien, sentando-se ao lado dele.

O louro estava aéreo, pensando no que acontecera no dia anterior. Nem percebeu quando Nino o chamou duas vezes.

- Conheço essa cara. – Riu.

Isso ele ouviu.

- Hã? – Perguntou, voltando à realidade.

- É, vai me dizer quem é a garota? – Piscou discretamente.

- Não sei do que você tá falando. – Não conseguiu conter um sorriso.

- Você mente muito mal, sabia?

A conversa dos dois fora interrompida pela chegada de Juleka e Rose.

- Vai ter que ficar pra outra hora. – Sussurrou Adrien.

- Claro que vai. – Nino sussurrou em resposta. – Aposto que essa hora nunca vai chegar.

 

Alya estava praticamente arrastando Marinette pelos corredores.

- Corre! – Gritou Alya, fazendo a garota rir.

- Por que essa pressa toda? – Perguntou, tentando acompanhar os passos da amiga.

- Eu quero que dê tempo de falar com o Nino. – Ela soltou. – Eu adorei dormir na sua casa, mas me lembre de fazê-lo só nas sextas e sábados.

Assim que chegaram frente à porta da sala, Alya soltou o pulso de Marinette.

- Lembre-se de que tudo isso foi culpa sua. – Rebateu Marinette.

- Claro que foi. – Alya sussurrou ao entrarem.

 

Quando Marinette passou pela porta, com certa distância de Alya, Adrien não pôde deixar de acompanha-la com os olhos. A garota notou seu olhar imediatamente e não podia ter ficado mais vermelha.

- Oi, Nino. – Cumprimentou Alya, sentando-se no lugar de sempre.

Os dois começaram a conversar, enquanto Adrien só pensava em como Marinette ficava linda ao corar. Quando a garota passou por ele para se sentar, interrompeu o contato visual, afinal, seria estranho se ficasse assim pelo resto da aula. Depois de um tempo a aula começou, mas Adrien continuava sentindo uma sensação de estar sendo observado. Sorriu, lembrando que era uma sensação muito comum naquela sala. Pelo menos, agora ele sabia por que a tinha. Marinette também gostava dele, então? Infelizmente, não teria como ter certeza ainda.

 

Marinette suspirou. A aula finalmente havia acabado.

- Cansativo, não? – Perguntou Alya.

Marinette preferiu não responder. Na verdade, ela não sabia o que dizer. Não tinha escutado nada do que a professora falou, pois estava perdida em seus próprios pensamentos. Ela ainda estava tentando entender o que havia acontecido com Adrien no início da aula. Será que ele tinha visto algo no rosto dela? Se sim, ainda estava lá? Pegou o celular de Alya, analisando seu reflexo. Não havia nada de errado. Mas, então, o que prendera tanto a atenção de Adrien? Será que ele finalmente havia percebido como eram perfeitos um para o outro? Marinette riu consigo mesma. “Até parece.” Pensou. Era impressionante até onde sua imaginação poderia levá-la.


Notas Finais


Obrigada por lerem e desculpem-me pelos erros.
Vou postar sempre que puder então não me culpem se demorar um pouco.
Até a próxima! S2!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...