História Fica comigo?;Yoonkook - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Min Yoongi (Suga)
Tags Jungkook, Sugakook, Sukook, Three-shot, Yoongi, Yoonkook
Visualizações 139
Palavras 673
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hii, nenéis!! Tudo bem? espero que sim!!
eu falei para mim mesma que só atualizaria na próxima semana, mas eu não consegui e estou aqui.
Agora estou mais triste ainda, porque a fic vai acabar mais rápido, mas eu posso conviver com isso.
Muito obrigada pelos favoritos e pelos comentários, vocês são incríveis 💖
boa leitura 💙

Capítulo 2 - Two- 20


_10 Anos Depois_

Aqui estamos nós novamente, na minha festa de aniversário de 20 anos.

Não sei por que ainda insistem em fazer festa de aniversário para mim, todo mundo sabe que eu não gosto.

E o pior, essa foi surpresa.

Lá me vem aquelas tias novamente apertarem minhas bochechas e me perguntar "e as namoradinhas? bonitão assim deve ter várias". Sim, tia, eu tenho três, inclusive de chama cama, celular e wi-fi.

O bom é que finalmente dispensaram o painel de carro e só colocaram um bolo e muito doce. A parte boa dos aniversários.

Estava pegando umas surpresas de uva antes do parabéns e alguém me chama. Conheço essa voz.

— Yoongi? – me viro e dou de cara com ele, faz 10 anos que não o vejo. Está mais bonito e crescido. Quase não reconheci.

— Jungkook? – digo espantado e ambos sorrimos nos abraçando.

— Quando tempo, não? – assim que nós nos separamos ele diz.

— Sim, dez anos – relembro nostálgico — onde você estava esse tempo todo? – pergunto comendo uma surpresa de uva.

— Eu tinha viajado com a minha mãe, naquele dia. E tive sorte de voltar justamente hoje. – sorriu — Aliás, feliz aniversário, nunca esqueci de todos os seus aniversários. – Por um mísero momento eu me senti importante e corei. Sim, meus amigos, Min Yoongi está envergonhado. — Continua fofo como antes. – diz sorrindo e fico mais corado ainda. O que está acontecendo comigo?

— Cala a boca. – desvio o olhar e coloco minha última surpresa de uva na boca. — Me sinto injustiçado já que não sei sua data de aniversário.

— Um dia a gente passa meu aniversário junto, huh? Topa? – concordo e minha mãe chama todos para bater os parabéns.

Depois de toda aquela cerimônia, houveram fotos e Min Yoongi cego novamente. Mas finalmente iremos poder comer.

Tratei de ficar com o Jungkook a festa inteira, não queria o perder tão rápido como da última vez. Tratamos de nos conhecer melhor, mas ele não me contou sua data de aniversário. O que me deixou bastante intrigado, mas okay.

— Sua mãe veio? – perguntei lembrando da mesma, na minha última festa ela havia vindo.

— Não, ela me mandou vir no lugar dela, pois não estava se sentindo muito bem. – pareceu pensativo.

— Ela está doente? – perguntei preocupado.

— Está, mas eu acredito que ela ficará bem. – sorriu motivador, mas algo me dizia bem dentro do seu olhar que ela não ficaria bem. — Vamos nos divertir, huh? é o seu aniversário. – sorri tentando entrar na animação dele, mas por partes estava preocupado.

— Por incrível que pareça, ou não, você é a única pessoa que fez meus aniversários legais e divertidos. Mesmo só participando de dois. – rimos e ele passou seu braço pelos meus ombros me abraçando de lado.

— Fico honrado. – sorriu. Estou começando a adorar o seu sorriso.

Eu iria puxar assunto, se não fosse o seu telefone tocando. Ele olhou o ecrã e vi a sua expressão ir de um descontraído para um preocupado. Gelei totalmente.

— Eu preciso atender, desculpe. – ele fez uma reverência curta e saiu atendendo.

Espero realmente que nada tenha acontecido.

Não demorou muito e ele chegou, sua face estava mais suave, fiquei até mais calmo. Conversamos mais um pouco e a festa foi se acabando por si só, os que já estavam com o estômago cheio e satisfeitos foram indo embora e ficou só jungkook, minha mãe e eu.

Conversamos até ele ter de ir embora também e eu ficar desolado.

— Espero que dê para nos encontrarmos novamente. – ele diz já na porta de saída.

— Espero mesmo, tomara que esse dia não seja daqui a dez anos novamente. – rimos.

— É, tomara mesmo. – ficamos nos olhando por um tempo. — Acho que já vou indo. – coçou sua nuca. — Foi bom te ver novamente.

— Digo o mesmo. – nos abraçamos mais uma vez no dia e ele beijou minha bochecha. — Até qualquer dia? – deixei o tom de pergunta no ar, vai que, né. nunca se sabe.

— Até qualquer dia. – acenou virando e indo embora.

E lá vai ele novamente, espero mesmo que não demore uma década para nos reencontramos.


Notas Finais


e u n a o s e i o q u e d e u e m m i m , m a s t u d o q u e e u e s c r e v o , n u n c a é o s u f i c i e n t e
s o r r y

é isto, até o último capítulo, que eu vou postar só na próxima semana, agora é sério, mas se vocês pedirem com jeitinho eu posto hihi MENTIRA so semana que vem

espero que tenham gostado
desculpe qualquer errinho
obrigada por dar uma passadinha aqui
até o próximo capítulo
bjin 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...