1. Spirit Fanfics >
  2. Games >
  3. Capítulo 60

História Games - Capítulo 60


Escrita por:


Capítulo 60 - Capítulo 60


Narradora

Konoha, 2022

 

— A equipa feminina de Konoha ganhou o jogo.

 

Aquela noite, a equipa estava eufórica. Todos os gritos e aplausos da plateia, uniram-se com os gritos de emoção da equipa feminina que saltava e se abraçava.

 

— Hoje fica por minha conta. – Meg gritou e todas as garotas aplaudiram satisfeitas.

 

— Nossa, que jogo complicado. – Rosa resmungou, retirando agora a sua toalha que cobria o seu corpo nú. – Não esperava que elas fossem tão boas.

 

— É mesmo. – Haruno comentou, calçando as suas meias lavadas. – E vocês viram a número 21?

 

— É mesmo! A garota era super ágil. – Tenten juntou-se à discussão.

 

— Vamos meninas? – A capitã apareceu perto da porta e as garotas já estavam todas lavadas e vestidas com roupas limpas.

 

As garotas saíram unidas e foram abordadas por vários apoiantes que as receberam com palavras amigáveis e cheias de positividade. Ao finalmente chegarem ao autocarro da equipa, todas sentaram-se dispersas pelo mesmo.

 

— Vamos deixar as coisas no hostel e podemos ir a uma discoteca aqui perto.

 

Todas as garotas pareceram estar de acordo e em menos de dois minutos já estavam todas a dormir nos bancos, sendo acordadas bruscamente pela paragem do veículo.

 

Assim que chegaram aos seus quartos, elas despacharam-se em arrumar a sua mala desportiva e saíram dos mesmos, indo até à capitã de equipa. A caminhada foi curta, durando apenas seis minutos. O ambiente entre a equipa estava ótimo: elas falavam sobre a sua vitória e faziam promessas sobre treinarem ainda mais, o que agradou a capitã.

 

Ao entrarem na discoteca, algumas das integrantes não hesitaram em ir para a pista de dança e Haruno decidiu juntar-se às restantes e caminharam até ao bar.

 

— Uma rodada de shots de absinto. – Tenten pediu ao barman. – A discoteca está lotada.

 

— É, está mesmo. – Haruno gargalhou, pegando na sua bebida.

 

— Ok meninas, aos 3. 1… 2… 3.

 

Depois daquela contagem, foi mandado vir mais uma rodada, e mais outra e sem darem por nada, estavam na quinta rodada.

 

— Nossa, amiga vamos dançar. – Sakura gargalhava, pegando Tenten pela mão.

 

As duas sorriram e dirigiram-se à pista, encontrando-se com as colegas de equipa. As garotas dançavam alegres e sem grandes preocupações com a vida. Por grande surpresa da rosada, ao longe ela pôde ver Yahiko que agora sorria em sua direção.

 

Naquele momento, Sakura pegou em si pensando na beleza do garoto e como o seu amigo era realmente gostoso com todo o seu estilo à base das cores escuras e com os seus piercings que de alguma forma o deixavam sexy. Com certeza era o álcool mas ela estava nem aí.

 

— Grande jogo.

 

Sem esperar, o ruivo agora estava atrás da rosada, afastando-a um pouco da equipa que os olhava de forma sacana. Haruno virou-se para o seu amigo e sorriu.

 

 

— Obrigada bebé. – Haruno sorriu.

 

— Você está bêbada? – Yahiko elevou a sobrancelha e gargalhou das rosetas da amiga.

 

— É, talvez esteja. – Haruno voltou a sorrir, aproximando-se mais do garoto com um sorriso divertido no rosto.

 

— Sakura? – Yahiko murmurou.

 

— Sim, Yahiko? – Haruno deu uma risada baixa.

 

— Você está demasiado próxima.

 

— Acha? – A rosada deu um sorriso sacana e fez questão de aproximar mais o seu rosto do rosto do amigo.

 

— Sakura eu não vou beijar você bêbada. Para além disso, você gosta do Sasuke. – Yahiko afastou a amiga.

 

— Nossa, eu sou assim realmente tão feia para todos os caras me negarem? – Haruno suspirou, rolando os olhos.

 

— Ei, ei. – Yahiko abraçou a amiga que agora chorava descontroladamente. Enquanto a rosada chorava por motivos ridículos, sendo um deles a sua paixoneta.

 

— Saky não chore, droga. – O ruivo murmurou, afastando a garota de si. Ao afastá-la, voltou a agarrar no mesmo instante. A garota naquele momento mal se aguentava em pé. Ele não sabia como ela era tão frágil com a bebida.

 

— Sabe, eu só queria que ele me amasse. – Haruno fungava.

 

— Porque é que você apenas não se atira para cima dele? – Yahiko sugeriu e Haruno gargalhou bastante alto. Ela estava bêbada mas não era louca. – É sério! Porque é que você não lhe faz uma surpresa chocante? – Yahiko ficou com um rosto pensativo. – Tipo beijá-lo.

 

— Ah vá se foder. Eu mal consigo falar direito perto dele quanto mais fazer isso.

 

— É por isso mesmo! – Yahiko sorriu empolgado com a sua ideia que aos olhos da rosada era ridícula. – Se você não consegue falar, aja apenas. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...