1. Spirit Fanfics >
  2. Give Me Love >
  3. Vou Cuidar de Você

História Give Me Love - Capítulo 7


Escrita por: Jaskine

Notas do Autor


Se tiver erros é só avisar ae
Boa leitura!

Capítulo 7 - Vou Cuidar de Você


Fanfic / Fanfiction Give Me Love - Capítulo 7 - Vou Cuidar de Você

- Não, não...cancela! Celular burro! 

- Alô, Chanyeol?

- Aaan, olá! Desculpa te incomodar, meu celular entendeu errado quando pedi para fazer uma ligação, eu queria falar com o Bae Dehyun. – citou um nome com uma pronuncia semelhante para não mencionar que estava falando dele. – Acho que esse celular está com algum problema.

- Vou desligar então.

- Espera! Já que você atendeu.... como você está se sentindo?

- Melhorei um pouco, estou tomando muita água, mas ainda estou me sentindo um pouco indisposto.

- Humm. Não esquece de comer e continua se hidratando. Tchau – desligou sem ao menos esperar por resposta.

 Apesar da aproximação durante as duas semanas que haviam passado, Chanyeol não queria deixar transparecer que estava preocupado com o menor. A boa amizade entre os dois prevalecia, na ida para a faculdade conversavam sobre diversos assuntos e descobriram que tinham mais coisas em comum do que imaginavam, além de compartilharem suas playlists de músicas.

O estudante de engenharia passou o resto do dia pensando se seu amigo tinha melhorado e se já tinha se alimentado, mas não daria o braço a torcer para ligar propositalmente e perguntar. Esperando para quando chegasse em casa ir checar.

- Boa noite! – Sujung disse, ao ver seu namorado entrar na sala depois de chegar do estágio. – Você não gostaria de me acompanhar? – aproximou e sussurrou ao perguntar, apontando em direção ao seu quarto.

- Seria um prazer!

Depois do encontro fracassado na lavanderia tinham se reencontrado e consequentemente concluindo a união com sucesso na inauguração do quarto que foi reformado.

- Você anda chegando muito tarde.

- Estou trabalhando muito.

- O Baekhyun também, hoje ele sumiu e não o vi uma vez se quer – a garota partiu em cima para abraça-lo ao entrarem no quarto. – Agora podemos fazer de tudo sem impedimentos.

- Calma aí... – afastou do beijo. – Você não o viu?

- Quem? – a moça perguntou, se esquecendo do assunto de antes. – Baekhyun? O que importa? Nós temos rotinas diferentes, acho que ele está no quarto e não desceu para jantar.

- Preciso vê-lo!

- Pra que? Depois você faz isso! – despejou diversos beijos no pescoço de seu amado e iniciou o desabotoar da camisa.

- Hoje de manhã ele não estava bem e por isso faltou, quem sabe esteja pior. – a pegou pelos ombros para afasta-la. – Sinto muito, mas ele pode tá precisando de ajuda.

- Não...

- Boa noite! – deu dois selinhos e se retirou do quarto.

- É sério isso? Eu acabei de ser trocada!? – Sujung pegou seu travesseiro e o jogou na porta, xingando por ter sido abandonada.

 ♡♡♡♡♡♡ . ♡♡♡♡♡♡

Baekhyun passou quase que o dia todo deitado, a indisposição o deixou muito fraco e nada estava o ajudando a melhorar. Uma febre havia se instaurado, deixando seu corpo mais fragilizado e sem forças para levantar.

- Chanyeol! – o estudante de direito reconheceu seu amigo mesmo com a visão turva. Tremia de frio e o edredom não o aquecia adequadamente. – Você pode me dar um remédio para melhorar? Não estou me sentindo bem.

- Está com febre, vou cuidar de você. – o fez sentar para tomar um comprimido e lhe deu água.

 Chanyeol estava preocupado com a condição do outro que havia piorado desde que saiu. Pôs uma toalha húmida na testa do menor e passou outra nos braços e nuca para esfriar, na intuição de reestabelecer a temperatura corporal. Não tinha muita certeza do que estava fazendo ou se era o jeito certo, nunca havia cuidado de alguém doente sem o auxílio de uma pessoa que entendesse melhor. Quando a febre amenizou levantou para preparar seu colchonete ao lado, mas Baekhyun puxou seu braço, o fazendo sentar novamente na cama.

- Dorme aqui hoje! Você precisa descansar bem.

- Não precisa.

- Eu não vou te atacar. – Baekhyun riu, ainda de olhos fechados e segurando o pulso para impedi-lo de sair.

- Tudo bem – suspirou, vendo o relógio que marcava três da manhã. Realmente precisava de descanso.

O enfermo estava cem por cento recuperado da febre que teve, acordou vigoroso, preparado para correr uma maratona se pudesse, mas optou por ficar em casa de repouso naquele lindo dia de um sábado ensolarado. O grandalhão permanecia em sono profundo e rocava do outro lado da barreira que foi feita por ele, o atleta ainda não confiava totalmente para dividirem a cama. Para Baekhyun considerava isso uma grande besteira, querer manter essa distância e sempre dormir no colchonete, mesmo com as várias explicações de que não ia o tocar durante à noite. Tornou-se uma pauta frequente no caminho para faculdade, dessa vez ao menos ele havia aceitado deitar na cama com a barreira, o que era um grande avanço. 

O vibrar do celular alertou uma notificação de uma mensagem, o aparelho estava sobre a barreira e Baekhyun involuntariamente o pegou confundindo com seu aparelho, vendo uma mensagem: “Mei: Vamos nos encontrar? Estou ansiosa para te ver. Te amo muito <3” 

Não conseguiu ver muito bem a foto, mas logo veio em sua mente que Chanyeol poderia estar se encontrando com essa garota as escondidas, traindo sua namorada Sujung.  Não deu tempo de investigar ou ver se chegaria mais uma mensagem, o celular começou a tocar o despertador e acordou seu dono.

- Baek! – Chanyeol sentou-se na cama e olhou para o garoto ao lado, suspirando aliviado por observar que o adoentado não tremia mais. Conferiu a temperatura passando a mão na testa e bochechas, averiguando estar normal. – Ufa, a febre cessou. Até parece um anjo quando dorme, agora você não pode brigar comigo.

Apreciou mais um pouco a calmaria de seu amigo dormindo, contente por ter conseguido trata-lo de forma correta para que ele melhorasse, e depois se retirou para fazer sua higiene.

- Quase.

Baekhyun abriu um olho para espiar e depois levantou quando escutou o barulho da porta do banheiro ser fechada. Visualizou o celular no móvel ao lado da cama, se esticou para alcança-lo e bisbilhotar mais uma vez. Infelizmente o celular havia uma senha o impedindo, não tinha noção de quais números poderia ser e arriscou uns aleatórios sem êxito. Buscou lembrar de alguma data especial, número da sorte, número de seu uniforme de beisebol, mas não o conhecia o suficiente e nem sabia o dia de seu aniversário para fazer alguma tentativa. O som da fechadura da porta denunciou a volta para deitar novamente, fingindo mais uma vez que estava dormindo.

- Acorda! – Chanyeol o balançou para que despertasse. – Vamos comer, você precisa se recuperar.

- Bom dia! – se espreguiçou fingindo ter acabado de acordado e se levantou devagar. – Obrigado por ontem.

- Não foi nada.

 Se juntaram com as mulheres da casa para tomarem café da manhã, um ritual que havia se tornado muito comum entre eles. Reuniam-se na parte da manhã e as vezes quando os horários batiam, jantavam juntos também. Chanyeol obrigou seu amigo a se sentar para ser servido, ainda preocupado com sua melhora.

- Aaah, que fofo! – Minah disse.  

- Um fofo mesmo. – Baekhyun pegou a mão de seu falso namorado e a beijou, entrando no papel na frente delas. – Ele cuidou de mim a noite toda porque eu fiquei doente.

- Tsc... – Sujung soltou, achando a atuação exagerada e com raiva por ter sido trocada.

- Muito cuidadoso da parte de seu namorado – a senhora desceu o jornal que lia, o colocando de lado. – Sabe, eu me atualizei sobre minha empresa e percebi nos arquivos que Chanyeol é um dos estagiários.

O mesmo que foi citado engasgou com água que estava tomando e começou a tossir desesperadamente, não imaginou que a senhora ia notar um mero estagiário em uma empresa tão grande que era a construtora da família de Sujung.

- Eu posso explicar, mãe. Fui eu que indiquei ele por...

- Não posso perdoar – a senhora deu um gole em seu café. – Se você fez essa indicação, por que não recomendou para o Byun também?

- Aaah, sim.

- Ele vem me ajudando esses dias com alguns documentos.

- Não é nada demais, senhora Eunjin. – Baekhyun respirou aliviado por não ser outro problema ao perceber a agitação dos outros dois farsantes. – Na época, eu tinha planos diferentes e dei preferência para ele entrar na empresa.

- Na segunda pode o acompanhar, você será contratado para dar suporte no setor jurídica. Pode ser?

- Será uma honra trabalhar em sua empresa.

 ♡♡♡♡♡♡ . ♡♡♡♡♡♡

- Golpe lateral duplo eee...venci! – Minah levantou os braços após a vitória no jogo de luta.

- Não é justo! Chanyeol, sua vez de jogar e vê se vinga minha morte. – Baekhyun apontou o controle do vídeo game para seu parceiro que recusou.

- Hoje não dá pra gente jogar, vou sair.

- Ok. Até mais tarde – acenou de volta para se despedir.

- Nossa, é assim que vocês se despendem?

- Claro que não! É que eu estava com pressa, mas nunca deixaria de dar um beijo para me despedir. – Chanyeol foi até o menor, deu um beijo em sua bochecha e virou seu rosto para receber outro em troca.

- Tenho um namorado tão gentil – retribuiu, tentando disfarçar o quanto ficou envergonhado por receber um beijo repentino.

- Éee, já vou indo então. – bagunçou o cabelo da adolescente e saiu.

A garota voltou sua atenção para o jogo, escolhendo seu personagem e esperando pelo player 2, mas Baekhyun não conseguia pensar em outra coisa que não fosse a mensagem que leu pela manhã. Chanyeol estaria ou não traindo a moça? Provavelmente ele ia encontrar sua amante naquele instante, era suspeito. Não era de sua conta saber se seu namorado falso estava traindo a locatária e a personalidade do mais velho também não parecia ser de uma pessoa infiel, mas sua curiosidade o guiava para uma investigação nesse caso.

- Minah! Acho que é agora, e você pode me ajudar com isso.  

- O que? – a garota virou confusa. – Não vamos jogar outra partida?

- Não. Vamos partir para uma missão!

 ♡♡♡♡♡♡ . ♡♡♡♡♡♡

- Eu disse: “Vista uma roupa discreta, um disfarce pra gente investigar”. Você me vem com uma peruca loira, um óculos de grau e um vestido cheio de babadinhos chamativo.

- E você que colocou uma roupa preta e um par de óculos escuro. – olhou de cima para baixo a roupa escura.

- É discreto! – colocou o capuz do moletom.

- O que a gente vai investigar? Não entendi nada do que você disse.

- Eu acho que o Chanyeol está traindo a... – calou ao perceber que quase entregou o segredo. – A minha confiança. Enfim, não queria acreditar nisso, mas tem uma chance de ele estar me traindo com uma mulher.

- Com uma mulher? Haan, não acredito nisso! – ficou boquiaberta com a informação. – Se ele estiver te traindo, vou ficar muito triste. Vocês formam um casal tão bonito.

- Vamos, vamos!

Entraram em um táxi, seguindo o sinal de rastreamento disponível do carro alugado e pode notar que o automóvel estava parado próximo a uma lanchonete. Os dois entraram no estabelecimento procurando pelo maior e logo avistaram Chanyeol acompanhado de uma moça em uma das mesas do local.

- Certo, fica de olho e tenta tirar uma foto. – cochichou para a garota e colocou o cardápio na frente do seu rosto para virar, podendo ver o par na mesa do outro lado.

- Baek, eles estão longe o suficiente pra gente conversar.

- Shiii, não podemos chamar atenção.

- Vamos lá! Você joga água nele e acaba com isso, eu dou cobertura. – fez menção de levantar da cadeira para entrar em ação.

-  Não, não. Senta! E se não for o que estamos pensando? – fechou o cardápio e entregou o celular para Minah. – Tira as fotos e vamos observar.

- Vou fingir que estou tirando uma self – fez uma pose e tirou várias fotos do suposto flagra. – Quando ela virar eu vou, tchaa, tiro mais uma para revelar o rosto dela.

- Eles estão fazendo algo suspeito?

- Não, mas....Haan! – a adolescente puxou o celular para tirar mais algumas fotos do casal que estava saindo.

- O que está acontecendo? Me fala!

- Estão saindo.

- Você fez esse espanto todo porque eles levantaram!? – voltou a erguer o menu para se esconder quando passaram pela porta. – Deixa eu ver.

-  Aqui – teve o celular tomado de sua mão. – Qual será o próximo passo para a investigação?

- Meu Deus!

- O que foi?

- Eu não acredito... – Baekhyun passava e repassava as fotos, dando zoom para ver melhor.

- Fala logo!


Notas Finais


Obrigada <3
Beijos de luzes
Inte o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...