História I Hate Loving You - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Violetta
Personagens Andrés Calixto, Broduey, Camila "Cami" Torres, Diego, Federico, Francesca Cauviglia, Germán Castillo, León Vargas, Ludmila Ferro, Maxi Pontes, Personagens Originais, Tomás Heredia, Violetta Castillo
Tags Leon, Leonetta, Romance Clichê, Violetta
Visualizações 35
Palavras 1.868
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


¡Hola Muchachas!
¿Como están?

Espero que gostem
Até lá embaixo
Boa Leitura 🌼

Capítulo 2 - Esse Garoto quer morrer?


Pov's Violetta.

- Vilu, acorda você vai se atrasar - Meu pai me chacoalhou e eu resmunguei - Anda Violetta - Abri os olhos e ele me encarava sério - Se arruma, vou te esperar lá embaixo pro café - Assenti e ele saiu do meu quarto, me sentei na cama e respirei fundo.

- Mais um dia - Digo e me levanto indo pro banheiro tomo um banho e coloco o meu uniforme, deixo meu cabelo solto e desço as escadas indo pra cozinha, encontro meu pai sentado na mesa e ele me olha sorrindo.

- Bom Dia - Sorri me sentando colocando café em minha xícara - Como foi ontem? Nem deu tempo de perguntar.

- Sobrevivi - Digo e ele riu.

- Fez amizade já? - Neguei.

- Colegas, não posso considerar amigas ainda - Digo séria e ele assente.

- Falou com seus amigos? - Neguei.

- Não deu tempo, eu cheguei tarde ontem e eles já estavam em aula - Falo desanimada - Vai ser difícil manter contato assim.

- Só se você deixar - Disse e se levantou - Termina, eu vou te levar hoje de novo - Assenti e ele subiu, recebi uma notificação e peguei meu celular sorrindo logo em seguida.

Mensagem On.

- Já tá me abandonando? :/

                     - Lógico que não!

- Como foi ontem?

                    - Normal, não tenho nada de interessante pra dizer.

- Tá de brincadeira? Você vai pra uma escola nova e não tem nada pra dizer?

                         - Exatamente ^-^

- Violetta Castillo, Você não presta.
- E os Boys?
             
                        - Normais? Tem dois olhos, dois ouvidos, boca, nariz...

- Violetta ^_^
- Você não achou nenhum interessante?

                           - Tenho que ir, a gente se fala depois <3

- Safada, achou um interessante né?
- Boa Aula <3

Mensagem Off.

- Idiota - Falo rindo e meu pai desce as escadas.

- Tá rindo do que? - Ele pergunta sorrindo.

- Nada, só o Brian que me mandou mensagem.

- Hum, vamos? - Assenti pegando minha bolsa e entrei no carro, fomos o caminho inteiro em silêncio, eu estava me preparando mentalmente pro meu segundo dia e meu pai concentrado no caminho, ele parou em frente a escola e me olhou - Boa aula, e não se esqueça, você consegue - Sorri e sai do carro, ele logo partiu me deixando mais uma vez sozinha, olhei novamente pra escola e entrei me sentando na arquibancada, comecei a observar as pessoas entrando e uma delas era o garoto de olhos verdes, ele entrou e foi direto pra um grupo de meninas, beijando a bochecha de cada uma, saindo com um sorriso ladino logo em seguida.

- Galinha - Digo revirando os olhos, o sinal bate e eu subo sendo mais uma vez a primeira da sala.

- Bom Dia Vilu - Francesca me cumprimenta e eu sorri.

- Bom Dia Fran, Bom Dia Vilu - Camila entra nos cumprimentando.

- Bom Dia Meninas - Um garoto para em nossa frente e me olha confuso.

- Bom Dia Maxi - Fran diz sorrindo - Ah, essa é a Violetta ela entrou ontem - Ele assentiu e eu sorri.

- Prazer - Beijou minha bochecha - Pode me chamar de Maxi, seja bem vinda - Sorri.

- Maxi é o nosso melhor amigo, você vai gostar dele - Camila me fala sorrindo e ele sorriu - Aliás, faltou ontem porque?

- Acordei e já era 9:00 horas - Ele explica coçando a cabeça e nós rimos.

- Bom Dia Povo - Ludmila entra e nos cumprimenta indo pro fundo logo em seguida.

- Bom Dia - O Garoto de olhos verdes entrou e veio em minha direção - Oi Gatinha - Beijou minha bochecha e eu lhe olhei sem reação, ele riu e saiu cumprimentando o resto da sala.

- Leon não perde tempo né? - Maxi diz rindo e as meninas negaram com a cabeça.

Pov's Leon

- Já tá dando em cima da garota? - Ludimila diz assim que eu coloco minha bolsa na mesa.

- Sabe como é né? - Respondo e ela revira os olhos.

- Ele é mó gata - Diego comenta e eu bato em sua cabeça.

- Tira o olho - Digo e ele riu.

- Ela nem tá te dando bola Leon.

- Ela deve ser tímida - Digo a olhando, ela estava sentada de cabeça baixa, enquanto a Fran e a Camila conversavam com o Maxi.

- Ou ela não quer nada contigo mesmo - Naty diz e eles riram.

- Vou ter que usar outros métodos então - Sorri e eles reviraram os olhos - É sempre a mesma coisa, a garota se faz de difícil, mas no final - Deixo no ar.

- Você acaba se ferrando - Ludimila comenta rindo e eu reviro os olhos - As meninas se apaixonam por você ou você por elas.

- Só foi uma vez - Digo e eles riram.

- E quem garante que não possa acontecer de novo? - Diego fala rindo.

- Eu garanto - Sorri - Leon Vargas não se apaixona - Pisquei e olhei pra garota novamente, ela é linda demais.

Pov's Violetta.

- Há um ano atrás - A Professora começou a ler um texto e eu me perdi completamente em meus pensamentos, só o Brian me manda Mensagem, ninguém mais me mandou desde o meu último dia de aula com eles, Nem o Tomás me manda mensagem, tudo bem que ele quase nunca manda, mas eu pensei que agora ele me procuraria pois sentiria minha falta, ou talvez eu esteja me iludindo? Ele demostrou que gosta de mim também, não é possível que eu esteja me iludindo, não pode ser possível.

- Violetta? - Olho pro lado e a Francesca me encarava preocupada junto com a Camila e com o Maxi - Tá tudo bem? - Assenti e só aí eu percebi que a professora já tinha terminado de ler o texto - A professora pediu pra gente fazer um grupo pra atividade, quer vim com a gente? - Assenti e eles sorriram, juntamos nossas mesas e começamos a fazer a atividade ou pelo menos tentar.

- Esse povo não cala a boca - Maxi comentou irritado - Fran, da uma forcinha aí - Ela se levantou.

- OUUU - Gritou e eles se calaram - Será que da pra vocês ficarem quietos? Tem gente fazendo a atividade, se vocês não querem aprender, a porta tá ali - Se sentou novamente e eu fiquei surpresa do jeito que eles calaram a boca rápido.

- Eles sempre ficam assim? Quietos quando você grita? - Pergunto e ela riu.

- Sempre - Responde dando de ombros.

- Eles tem medo dela - Maxi explicou e eu ri.

- Digamos que essa Italiana aqui é muito perigosa quando está irritada - Camila responde e ela riu.

- Bem, eles já calaram a boca, então vamos continuar, só falta metade da folha - Voltamos a fazer a atividade e depois de alguns minutos terminamos entregando pra Professora.

- A aula já vai acabar, qual é a próxima - Maxi pergunta.

- Matemática - Camila disse e logo arregalou os olhos assim como a Francesca e o Maxi, fiquei sem entender nada.

- ARRUMEM AS MESAS, A PRÓXIMA AULA É DE MATEMÁTICA - No mesmo instante a sala inteira se levantou arrumando as mesas em fileiras retas, olhei confusa pra Francesca que riu - Você já vai entender - O sinal bateu e eles se sentaram ficando retos, fiz o mesmo ainda não entendendo nada.

- Bom Dia - A professora entrou e eles responderam ainda retos, ela pegou uma agenda na bolsa e saiu andando pela sala - As fileiras estão bem alinhadas parabéns - Anotou algo na agenda - Vocês estão com postura, um ponto positivo - Anotou mais alguma coisa e voltou pra sua mesa - Vamos começar? Eu passei alguns exercícios pra vocês semana passada, vou dar visto e quem não tiver feito vai ficar com negativo.

- Avisa ela que você é nova - Fran me alertou e eu assenti, ela começou a passar de mesa em mesa dando visto no caderno quando chegou em mim eu lhe expliquei que era nova e ela assentiu dizendo pra mim pegar a matéria com alguém.

- Bem, como tem uma menina nova - Todo mundo olhou pra mim e eu me encolhi na cadeira - Vou revisar a matéria antes da atividade - Assentimos e ela passou um resumo que por sorte eu entendi - Agora juntem as fileiras, a atividade será em dupla - De novo não! Juntei minha mesa com a da fileira ao lado e cai com o garoto moreno de ontem que estava zoando o Andrés, ele sorriu pra mim fazendo um joinha, sorri pra não deixar no Gelo.

- Prazer Violetta eu sou o Broduey.

- Prazer - Digo e sinto alguém passar por mim, olho e vejo que era o Leon, ele se sentou na minha frente.

- Maxi vou fazer dupla contigo - Disse e o Maxi assentiu rindo.

- Podem começar - Ao contrário do Andrés o Broduey não me deixou fazer sozinha, ele sempre me ajudava em algo que eu tinha dúvida, devo confessar que ele é um cara legal, começamos a conversar depois de entregar a atividade pra professora e o garoto de olhos verdes virou pra trás sorrindo.

- Preciso de um conselho - Disse e o Maxi se virou também me olhando - Pra conquistar uma garota, eu digo pra ela você é uma Vaca ou você é o amor da minha vida? - Broduey bateu em sua testa e riu.

- Se você não quer apanhar dela, fala você é o amor da minha vida - Digo e ele sorriu de novo daquele jeito maroto de ontem.

- Então - Pegou em minha mão - Você é o amor da minha vida - Eu não acredito que cai nessa, tirei minha mão rápido das suas e ele riu.

- Leon, deixa a menina - Maxi disse e ele sorriu

- Estou apaixonado - Me olhou e eu foquei no meu caderno, é muito constrangimento pra uma pessoa só.

- Você deixou a menina constrangida - Broduey disse rindo.

- Tinha que ser o Vargas - Maxi falou e me olhou - Não liga Vilu, ele é assim mesmo.

- Só com quem eu quero - Completou e piscou pra mim saindo logo em seguida.

Esse garoto tá doido pra morrer.

- Cara, ela é fera em matemática - Broduey mudou de assunto - Em que momento eu terminaria uma lição tão rápido assim? - Maxi riu.

- Parabéns Violetta, você acabou de realizar um milagre - Ri e eles começaram a conversar, olhei pra trás e vi que ele estava me olhando fixamente, ele me mandou um beijo e eu revirei os olhos fazendo ele rir, voltei a olhar pra frente e o Maxi estava me olhando - Ele logo para, é só você não dar bola - Assenti e deitei minha cabeça na mesa.

- Porque eu sinto que o Vargas vai se ferrar com ela? - Broduey comenta e eles riram me fazendo rir também.


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Não deixem de Comentar
Um beijo
Adíoss ♥️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...